terça-feira, 8 de maio de 2012

Eleitor incrédulo



Caros Colegas.

1962. Há exatos 50 anos entrei na vida da PREVI. No dia 15 de maio daquele ano, ao tomar posse no Banco do Brasil como concursado tive um dia cheio de tarefas protocolares a cumprir. Entre a apresentação ao contador, subgerente à época, e o final do expediente, fui submetido ao juramento à CIC, saudável e saudoso trote, e assinatura de vários papéis, dois dos quais considero os mais importantes contratos da minha vida: as propostas de adesão à CASSI e à PREVI. E mais um terceiro, que até agora somente me serviu para mostrar o caminho do endividamento – a CAPEC, fonte do Empréstimo Simples.

Desde então encarei eleições sucessivas para escolha de Dirigentes da PREVI por toda essa metade de século. No início, e até certo ponto, acompanhando o voto dos veteranos sem muita convicção do que fazia, por inexperiência e desconhecimento de causa. Depois, mordendo o cabresto, adquiri vontade própria e passei a votar conscientemente e, posso dizer, sem desperdiçar nenhuma escolha.

Mas veio o tempo de mudanças em que votar deixou de ser sinônimo de vontade para se transformar em necessidade. E ai o bicho pegou. Foi a partir de quando a ganância se apossou das duas partes envolvidas nessas eleições. E até hoje tanto votado como votantes engalfinham-se na luta pelo poder. De um lado, o objeto foi dominado pela voraz fome de divisas do Patrocinador. Do outro, a gana com que os eletivos se digladiam na busca do voto – e de empregos - torna a disputa num ato nojento.

Muito se diz que os Eleitos da PREVI não têm poder de mando, nada decidem e, consequentemente, nada fazem. A desculpa é que foi abolida a figura do corpo social, alijado da necessidade de ser consultado para aprovação – ou negação – de mudanças vitais. Somado a isso nos empurram o voto de qualidade como justificativa para a subserviência condenável.

Validado ou não, esse nhém, nhém, nhém constante soa como choro de criança birrenta que não quer fazer o dever de casa. Mesmo impedidos de peitar os seus patrões os eleitos não são forçados a permanecer no cargo. Nem têm mordaças impostas à força. Todavia, com essas desculpas se apegam aos cargos como rêmoras comensais trocando convenientes gentilezas, e como vacas de presépio permanecem a concordar com tudo. Nisso justificando assertivas: eu te limpo o dorso e me dás comida; mantenho-me calado e garanto meu gordo salário extra. E assim nada fazem. E não gritam. Nem sussurram sequer. Nem ao menos movem uma palha, pois se para o amo está bom assim, para eles melhor ainda com a garantia de um fim de velhice tranquila, de burra cheia, à custa dos “seus eleitores”.

No momento estamos no olho do furacão de mais uma eleição, pródiga de chapas concorrentes a nos atormentar o sossego. No saudoso ano de 1962 comecei a jornada com chapas únicas, apresentadas pelo bom senso, depois duplas, para contemplar escolhas. E foram aumentando em número pela necessidade de satisfazer políticas e politicagens. Hoje já são seis na disputa. Também para nada fazer, será?

Provavelmente sim, respondo, pois as pífias plataformas apresentadas seguem sempre a mesma linha. Só se vê promessas. Promessas e mais promessas antecedidas da condicional SE. Se eu for eleito farei isso e aquilo. Se nossa chapa vencer, faremos mudanças. Se continuarmos mandando a coisa vai melhorar. Se entrarmos, limparemos a casa. E tudo será maravilhoso.

Assim sendo, votem todos com a certeza de que estarão lhes dando o bem bom. E que continuarão sendo ludibriados pelos que elegerem. Pois a experiência nos diz que eles seguirão a mesma postura de serviçais que entram magricelas na casa do patrão e saem pançudos, bem nutridos da mesa farta depois de cumprir as tarefas corriqueiras e simples – manter a mansão em ordem e polir a prataria e os cristais com o uso diário das mordomias alimentadas. Mas sem tirar nada do lugar porque o patrão é cioso conservador e não permite mudanças. Mas entrem, cumpram direitinho o seu mandato que, ao sair, terão estendido à porta o tapete vermelho das sinecuras ofertadas pelo bom comportamento – por não terem bulido nos mimos do patrão. Deixando a casa pronta para receber os magricelas da hora que virão ser cevados no chiqueiro de luxo.

Mas desta feita o meu voto não terão. A não ser que alguém mude o discurso. Para fazer jus à minha escolha será preciso algo mais que simples promessas - quero certezas. E não exijo muito. Basta que uma meia dúzia de seis se una e mostre coragem de gritar. De cobrar. De exigir. De ser capaz de me convencer que, de fato, podem e querem fazer. E que farão.

É suficiente que se perfilem em manifesto contundente exigindo, já agora, postura comportamental independente dos que saem. Digam-lhes o que querem que façam ainda nos cargos ocupados porque há tempo.  Disponham o rosário de necessidades prementes a ser amparadas e que são muitas. Mas podem começar com as mais elementares: a resolução do endividamento opressivo dos aposentados e pensionistas; o realinhamento do Plano Um; a reforma do estatuto; a troca do índice de reajuste para um mais condizente com a realidade inflacionária; a reposição das perdas dos benefícios; o enquadramento da CARIM com tratamento humano aos seus mutuários; a uniformidade de tratamento aos assistidos; a elevação do percentual do benefício das pensionistas; atendimento justo aos Pedevistas e outros aviltados; a reparação isonômica da destinação do “renda certa”; o atendimento aos pleitos judiciais, etc. etc. e etc.

Se essa declaração conjunta vier de qualquer das chapas oposicionistas terá o meu voto. E, com absoluta certeza, dos milhares de insatisfeitos com o que hoje existe o que, obviamente, lhe dará a vitória. Mas há uma condição. Que no rodapé do manifesto conste o compromisso de que, se até a metade do mandato as promessas de campanha não forem cumpridas todos renunciarão aos cargos, juntamente com seus suplentes para proporcionar novas eleições que lhes dê substitutos honrados, como não conseguiram ser.

Assim, darei nome à chapa a merecer o meu envelhecido e exigente voto. Caso contrário, esqueçam, pois, como se diz na minha terra, quem quiser ser grande sem trabalhar que nasça em paul.

Marcos Cordeiro de Andrade – Curitiba (PR), 08 de maio de 2012.

132 comentários:

Chico Silva disse...

"BREVIS ESTO ET PLACEBIS"

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Traduzindo: “Sê breve e agradarás”.

Isso é a mais pura demonstração de cabotinismo. Exposição da cultura originária do “Almanaque Capivarol”.

Escreve quem pode, lê quem sabe fazê-lo. A crítica, para ser boa, há que ser inteligente.

O pau que dá em Francisco, também dá em Chico.


Vade retro Satana.

Marcos Cordeiro de Andrade.

Anônimo disse...

Amigo e colega Marcos
Concordo com muita coisa que você diz aí. Há um mês, mais ou menos, escrevi dois textos sobre esse assunto: Princípios de Gestão de EFPC e Nova Fórmula de Eleição para Diretores da PREVI e CASSI. Acho que ambas se tornaram infelizmente substancioso alvo da ambição de quem não teria o menor interesse por elas, se não significassem substanciosa, excepcional fonte de renda. Por isso, voto nos colegas da chapa 5, a SEMENTE DA UNIÃO. Acho que são competentes, leais e não estão movidos pela ambição da renda.
Edgardo Amorim Rego

Chico Silva disse...

Nao sei o que quer dizer com Almanaque Capivarol, mas essa frase em latim, que está em alguns dicionarios, expressa bem como as mensagens devem ser transmitidas. Ainda mais quando a gente tem que ler um texto, meio biografico, que poderia ser sintetizado sem maiores prejuizos, indo direto ao assunto. E, sinceramente, so leio, ou me faço de ouvinte, pois existem os anonimos, por biografias de pessoas que agregam, de bem ou mal, algo aos meus pensamentos. Depois esvazio a lixeira e contabilizo o que restar. Ao comentar seu texto com essa frase, julgo que nao fui agressivo, dei apenas um conselho, embora a uma pessoa mais velha, o que nao tem nada de extraordinario. A reciproca nao foi da mesma forma. Como estou na sua lista negra, ja estava preparado pra isso. Nao me importarei se publicar este comentario, que é a expressao de meu direito de livre pensar. Aliás, essas duas frases escritas, ou copiadas/coladas, pelo sr. - " Escreve quem pode, lê quem sabe fazê-lo. A crítica, para ser boa, há que ser inteligente", tambem nao é nenhuma "exposiçao de culura" original. Eu tambem leio muito, mas evito repetir os jargoes alheios.

Anônimo disse...

Colegas,

Com todo o respeito esse Sr. Chico Silva é de amargar!

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Caro Chico Silva.

Mostre-me um único jargão alheio, ou qualquer citação de outrem sem menção da origem, copiados ou publicados por mim e paro de escrever, jogando na lixeira os 495artigos publicados aqui no Blog Previ Plano 1, todos contendo minha assinatura - e não pseudônimos medrosos.

E Almanaque Capivarol, meu caro, era um livreto distribuido anualmente nas farmácias todo início de ano, contendo curiosidades, pensamentos de ilustres, horóscopos e o pouco de cultura a que tinha acesso o brasileiro médio, que não podia comprar livros ou tinha medo de frequentar bibliotecas.

Ele foi meu trampolim para os livros mas, graças ao Bom Deus não fiquei por ali, como muitos.

Pela pobre réplica e pelo visto ainda terei que conservá-lo na minha lista negra, como lembrou.

Paulo disse...

ESSE CHICO SILVA, ainda não aprendeu que enquanto os cães ladram a caravana passa.
E olha ai "chico silva" repetir o que lhe serve como uma luva, nunca é demais!
Lembrando um outro jargão do tempo do Capivarol: "vá amolar o bode"

Anônimo disse...

Marcos Cordeiro,

Que belo texto!!!

É de uma riqueza enorme...
Ainda bem que eu, mesmo não tendo a capacidade quanto a elaboração do mesmo, tenho certeza de minha capacidade quanto à leitura/interpretação do mesmo...

Abs.

João

Anônimo disse...

Marcos Cordeiro, bom dia, caro amigo, conselheiro, encorajador, muito digno.

Poderia expressar os melhores e amáveis elogios, referente ao seu texto.

Prefiro, mais do que isso, que saiba que ele motiva à reflexão, ao profundo e instransferível aproveitamento do voto; noutras palavras: seu texto consegue, a meu ver, algo fundamental que é questionar a consciência.
Seu texto desacomoda!

Grato por tudo, vida(mais)longa e PAZ E BEM!

Fernando Lamas (Aposentado BB)
Valinhos(SP)

Votar Bem, disse...

Queremos votar em PESSOAS COM NOME:
honradas e que bem nos represente:
P.Ex.: Luiz Dalton, Isa Musa, Luiz Alarcão. Estes sim conhecem aquilo que queremos, para melhorar o nosso Plano 1:
Elevação gradativa das pensões;
redução gradativa da Parcela Previ;
Manter suspensas as contribuições;
Antecipar reajustes para janeiro;
Criar Teto 1 NFREspecial p/benef.
Melhorar beneficios e emprestimos;
etc.etc

PORÉM: TIRA-SE UM BOM NOME SÓ, DE CADA 3 CHAPAS? Como fazer ?

Anônimo disse...

Calma gente! O Chico esta na TPM.

Lena disse...

Parabéns grande Marcos! Você é perfeito. E se melhorar, estraga.

Nós pensionistas
te amamos um TANTÃO ASSIM !!!!
Eu? Nem se fala...
"Quem meu filho beija a minha boca adoça".

Muito obrigada!

Lena, Sérgio e Caio.

Anônimo disse...

Marcos,
Você é uma pessoa culta e escreve muito bem e isso desperta inveja
A inveja e o ciúme tomaram conta do Chico.

luiz fernando b.godoy disse...

Colega Marcos.

Seu texto me faz relembrar toda minha trajetória no BB. desde a posse até final saida.E ver que estamos assistindo, estarrecidos, aos desmandos a que estamos sendo submetidos, bem nas nossas barbas, e pior ainda, naquelas dos nossos prepostos em nossas associacoes, que deveriam estar defendendo nossos interesses.
Interesses legais, legitimos e que vem sendo usurpados, um a um, até nao sei onde.
Diferentemente dos demais, você, democraticamente, permite abertamente, e mais ainda, publica aqui, as consideracoes efetuadas pelo Sr. Chico Silva, que tem sim, o direito de expressá-las.
A diferenca sutil entre um e outro está numa palavra. Você expoe, com argumentos lógicos, o outro tenta impor seu ponto de vista. Quanta diferenca entre uma coisa e outra: expôr e impor . . .
Nao vou nem mencionar aqui a tal revista Capivarol e sim relembrar palavras sábias de meu querido avô, que sabiamente dizia: papagaio velho nao dá o pé !
E acrescento aquilo que todos nós sabemos: o tempo é o senhor da razao. É aguardar para ver, e conferir.
Abraco do: Luiz Fernando B.Godoy
Sorocaba/SP

Anônimo disse...

Ei Chico Silva

Com certeza vc deve ser eleitor da Chapa do Marcel.
Minha sugestão é que você busque na Folhinha Mariana uma motivação que ultrapasse o léxico vocabular que do arcaísmo rebusca um lauto banquete para a quadrilha empoderada.

Simplício Vulgarino

Anônimo disse...

Marcos, do seu texto que retrata sua luta, só não gostei da mençao da data que você ingressou no Banco do Brasil, que é a mesma minha!. . . De repente , veio à minha mente a mensagem: Divany, você tá ficando bem velho! Veja que só de BB você tem meio século; e ele não foi o primeiro na sua vida. Afora isto, Marcos, seu post é o retrato de uma geração que sonhou, labutou, sofreu, conviveu com muita gente da melhor qualidade e outras nem tanto e até hoje é capaz de se indignar quando vê a justiça distante, às vezes com acidez; assim, peço licença para transcrever o texto de meu conterrâneo e parente Darcy Ribeiro da Silveira:

Fracassei em tudo que tentei na vida.
Tentei alfabetizar as crianças brasileiras, não consegui.
Tentei salvar os indios, não consegui.
Tentei fazer uma universidade séria e fracassi.
Tentei fazer o Brasil desenvolver-se autonomamente e fracassei.
Mas os fracassos
são minhas vitórias, pois eu detestaria estar no lugar de quem me venceu!
Marcos, aceite meu abraço e minha admiraçao, cordialmente;: Divany Silveira - Sete Lagoas-Mg.

Anônimo disse...

Gente, eu só sei que Marcos é Fantástico! Quanto a tal revistinha, é a primeira vez que ouço falar. Não é do meu tempo não. rsrs.

Mas seu Chico, use ob ou tampax mas antes passe ky em gel, é uma beleza!!

Lembra da mensagem que lhe enviei( Fé)

Abraços querido.

Anônimo disse...

Desopilei o figado agora,ahahahaha!
Otimo colega de 16:29.
MERECIDO<

Anônimo disse...

Prezado Marcos,
Mesmo expondo minha anônima face ao tapa, permito-me dizer-lhe que seu texto é bom, porém intempestivo,eis que estamos às vésperas das eleições para a PREVI e eu pensei e já até multipliquei entre colegas, que a chapa 5 Semente da Uniao é a chapa quente. Entretanto,para minha surpresa, vejo, agora, que esse blog, que albergou tantas opinioes favoraveis à referida chapa 5, nada diz a respeito da Semente da União. Pensei ter lido alguma coisa, de sua lavra, favoravel à chapa de que se trata...
Infelizmente, ao cabedal de dificuldades que enfrentamos (representantes que nada representam, res. 026, voto de minerva, apatia de boa parte dos aposentados) juntou-se mais uma: a confusao...
Pobres de nós...usando uma linguagem biblica, estamos "como ovelhas sem pastor"...

Anônimo disse...

Caro Marcos

Recebi um email da CUT de São Paulo, onde eles estão bravos com a CHAPA 3 e não falam nada da nossa Chapa.
Não estou entendendo mais nada desse jogo. Tá esquisito.

SEMENTE NELES

Anônimo disse...

Quem é esse chico Silva?

Anônimo disse...

Alguem que tem emprestimo no Banco Alfa ou Poupex, saberia me informar se a prestaçao onera a margem consignavel?
Obrigado

Anônimo disse...

Não é à toa que CHICO é o nome vulgar de MENSTRUAÇÃO.
Aparece de vez em quando só pra encher o saco.....

Anônimo disse...

Senhor Marcos,

Parabéns pelos seus textos. São ótimos, bem escritos e, muitas vezes, é aquilo que a maioria de nós gostaria de falar... (ou escrever).
Muita paz para sua vida e de sua família.

(Ah! se alguém os achar prolixos demais não é obrigado a lê-los, não é?)

Aroldo Maia disse...

Marcos, parabéns por saber mostrar de forma tão digna o que a grande maioria de nós pensamos.
Sobre a CASSI, a PREVI, a CAPEC e sobre aqueles que deveriam nos representar, mas que na realidade se preocupam mais com os próprios bolsos.
Assino em baixo tudo que falastes.

PARABÉNS!!!

Anônimo disse...

ALFA NON IMPACTA EST MARGIS CONSIGNABILIS.Quantu POUPEX non SABEMUS.(!!!!)(Segundo Chico)

Anônimo disse...

O problema que a Poupex me informou, que tenho que ter MC no contracheque da Previ, e ai eu pergunto, se eu tivesse margem no meu contracheque, eu tiraria um valor maior de ES. Quanto a Alfa, me informaram que com restritivo, dificilmente sairá, nem mandei a proposta. Outra situação, se estamos usando o valor da CAPEC p/aumentar a MC, porque a PREVI não computou na MC o aumento na parcela da CAPEC. Não dá para entender mais nada, vamos aguardar o contra-cheque de maio, se não aguardar o aumento pífio de junho. SOCORRO PREVI, no meu caso não adianta artigo de presentes do dia das mães, não sobra nada. SEMENTE CHAPA 5 P/PREVI.

Anônimo disse...

A poupex não impacta a margem mas a utiliza para liberar o emprestimo.A Alfa Cash e a Crediscoop não usam e nem impactam a margem consignável.Usam o valor do salário(duas vezes seu salário é o limite, normalmente). Desculpem por responder em português...rsrsrs

Anônimo disse...

INPC Abril-0,64% acumulado 5,10

Anônimo disse...

Por favor - algum colega que saiba
informe-me o telefone da ALFA CASH.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Telefones Alfa Cash:

0800-728-0120 – Central de atendimento

0800-722-0140 - Ouvidoria

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Ainda sobre a Alfa Cash:

Informo aos mutuários com vários contratos de empréstimos que a Financeira unifica os débitos em prazo de até 36 meses. Em certos casos a prestação mensal reduz-se consideravelmente, e ainda abre margem para novas contratações.

Anônimo disse...

Pessoal, mais uma das respostas carimbadas da nossa tão estimada Previ.

Senhor Josue,

Os contratos de Empréstimo Simples já são remunerados pelas menores taxas permitidas pela legislação ÿs Entidades de Previdência Complementar (EFPC¿s), atualmente compostas pelo INPC (ÿndice atuarial), mais juros (5% a.a.), que são as taxas atuariais mÿnimas.

Os encargos financeiros cobrados nas operações de Empréstimo Simples não poderão ser inferiores a taxa mÿnima atuarial do respectivo Plano de Benefÿcios, acrescido do valor correspondente ao custo administrativo e operacional da Carteira, conforme a legislação vigente.


O Benefÿcio Especial Temporário (P350) é um benefÿcio especial proveniente da destinação do superávit acumulado do Plano 1 e não possui prazo determinado para pagamento. Esse benefÿcio será pago enquanto houver saldo suficiente no Fundo de Destinação da Reserva Especial de Participantes criado com essa finalidade especÿfica.
As margens consignáveis demonstram a capacidade de pagamento dos participantes e pensionistas e são calculadas mensalmente, com base nas verbas de proventos e consignações que transitam na folha de pagamento.

Assim, a PREVI utiliza esse critério de capacidade de pagamento para definição dos limites individuais para contratação de empréstimo simples e financiamento imobiliário. Por se tratar de operações de longo prazo com participantes a PREVI não considera o Benefÿcio Especial Temporário (P350) no cálculo das margens consignáveis para evitar eventual comprometimento da capacidade de pagamento dos aposentados e pensionistas quando cessar o crédito dessa verba transitória.


Por falta de amparo regulamentar, não é possÿvel realizar o crédito de proventos em outro banco.

Para sua compreensão, transcrevemos o artigo do Regulamento do Plano de Benefÿcios 1, que trata do assunto:

;Art. 61. Os benefÿcios e rendas de que trata este Regulamento - ressalvados os casos de resgate de reserva em parcela única - serão pagos em prestações mensais e consecutivas, pelo prazo de duração do benefÿcio, no mesmo dia em que o patrocinador Banco do Brasil S.A. fizer o pagamento dos salários de seus empregados.

§ 1º - Os pagamentos devidos pela PREVI em decorrência deste Plano de Benefÿcios serão efetuados por meio das agências do Banco do Brasil S.A, na forma definida em norma interna da PREVI.;

Permanecemos ÿ disposição.

LEANDRO DE SOUZA DIAS
Gerência de Atendimento
PREVI

O retorno desta mensagem não é monitorado. Caso necessite respondê-la, encaminhe sua mensagem por meio da seção Fale Conosco, opção Participante.

----------------------------------------------------------------------------------------------



Data: 07/05/2012 13:32:57
Assunto: Empréstimo Simples
Tipo: Sugestão

Mensagem:
Senhores,
Com a recente baixa nos juros por determinação presidencial, o BB e a CEF acenaram, para atrair mais clientes com empréstimos favoráveis e aos correntistas, facilidades para emprestar e renegociar dÿvidas.
Pois bem, infelizmente não são todos que podem beneficiar-se com essas ofertas para, principalmente renegociar dÿvidas, por ter o ;nome sujo; no CCF, Cerasa etc.
Pergunta 1: Voces irão seguir determinação presidencial para baixar juros?
Pergunta 2: Porque voces não permitem que aqueles que utilizam do ES possam ter no BET um aumento de margem consignável?
Pergunta 3: Quando voces permitirão que os assistidos possam ter liberdade de escolher o banco para receberem seus proventos?

Matrÿcula: 5958400
Nome: JOSUE JORGE JUNIOR
E-mail: josue-jorge@hotmail.com

Obs: Não sei porque fui perder tempo de escrever a eles.

Anônimo disse...

No Emprestimo simples é cobrado a correção pelo INPC mais 5,0% a.a.(taxa atuarial). Até aí, prá mim, tudo bem! Nao dá para ser inferior a isso. Agora, o tal de FQM é de lascar. Vejam no extrato do emprestimo os valores que pagamos mensalmente.Precisam nos explicar a formula de calculo da correção(juros mais Inpc mais Fqm) porque paga-se, paga-se e "não sai do lugar" o saldo devedor. No meu caso -maior de 65 anos- o FQM é de 1,20% a.a. mas, me parece 1,20% AO MÊS!

Pensionista disse...

VAI PARA A CREDISCOOP AMIGO. SEMPRE QUE PRECISO ME ARRUMAM
VAMOS QUE VAMOS COM A CHAPA 5

Igreja Assembléia de Deus, disse...

Caros colegas,

Entro nesse maravilhoso blog, para pedir em nome de Jesus que parem de criticar os nossos irmãos de luta.
Creio que houve um mal entendido da parte do Sr. acima citado. Não é justo nem com ele ou com qualquer outro
companheiro(a) Estamos num mesmo barco e sem nenhuma direção. O vento não esta a nosso favor e a onde esse
barco vai parar ninguém sabe. Então, peço que estejamos unidos mesmo que virtualmente em oração para que
Deus nos guie na direção certa, mas para que o Senhor nosso Deus, todo poderoso, ajê sobre as nossas vidas
é preciso "VIGIAR" no sentido de não pecarmos através de uma palavra mal entendida.

Eu gostaria de pedir ao senhor Marcos que se acalme e não publique mas nenhum ataque que postarem a respeito.
O amigo, além de muito inteligente, conhece também a palavra de Deus.

Desejo muita paz.


Assembléia de Deus.

Pr. Virgílio.

Anônimo disse...

Prezados colegas,
As eleiçoes na Previ estão se aproximando e debate e informaçoes uteis para servir de orientação...neca...
Isso é que é uma turma politizada.../

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Debate com os candidatos da Previ será no dia 10 de maio


Dando continuidade ao Projeto ANABB nas Eleições da Previ 2012, no dia 10 de maio acontecerá um debate com os seis candidatos inscritos para o cargo de Diretor de Seguridade. O debate acontecerá na sede da ANABB, em Brasília, das 18h às 20h, e terá transmissão ao vivo pela internet para todo o país.

Eleitores de todos os lugares do país e até do exterior poderão acompanhar o debate online. Os funcionários da ativa que estiverem dentro do Banco do Brasil também poderão assistir, uma vez que a Associação se preocupou em iniciar o debate em horário mais próximo do encerramento das atividades de trabalho.

Para acompanhar o debate online, basta acessar o site da ANABB www.anabb.org.br, a partir das 17h30, do dia 10 de maio. Na página principal, haverá um link que vai direcionar para a transmissão online


Fonte: Agência ANABB

José Roberto Eiras Henriques disse...

Na vida devemos conviver com as divergencias, aceitar opiniões contrarias às nossas, caso contrario transformaremos nosso viver num inferno sem precedentes, cheios de rancores e mágoas que não nos levam a nada, tornando-se um calvario permanente.

Sinceramente, em minha singela opinião, não observei nenhuma agressividade no comentário inicial do Sr. Chico da Silva referente ao post. Apenas emitiu sua opinião sobre a prolixidade do mesmo, não cabendo entende-la como injúria.

Anônimo disse...

Pastor Vigílio, o irmão é o mesmo da Radio Bandeirantes?
Se for, e acredito, pelo modo de se expressar, eu lhe digo: Seja muito bem vindo!!

A paz do Senhor para o irmão da minha igreja (PR. Virgílio) e a todos.

Responde por favor.

Irmã Joelma.

Anônimo disse...

Sr.Marcos,

Afinal, se o BB sair do Plano 1, conforme comentam, vai ser bom ou não para os aposentados e seus demais integrantes?

Se isso vier a acontecer, e de fato for possitivo para todos os seus assistidos, fará alguma diferença quem vencer as eleições na Previ?

Um abraço.

Anônimo disse...

Acho que farei igual ao Marcos, anularei meu voto.

Nem o melhor dos piores escolherei.

A PREVI já foi para o buraco mesmo!!!

Será que é o certo? ? ? ? ? ? ? ?

Acho que não! ! ! ! !

Já decidi, votarei CHAPA 5 - SEMENTE DA UNIÃO.

Alan rj/rj

Anônimo disse...

INPC de abril - 0,64% - acumulado para efeito de reajuste do benefício - junho/abril: 4,27%

Anônimo disse...

PREVI - Balanço Ítem 14.b

Passivos contigentes - aumento do passível - a Previ disse: " o incremento deveu-se principalmente à reclassificação das chances de perda, de provável para possível, das ações que pleiteiam a incorporação do chamado "auxilio-cesta alimentação".

Anônimo disse...

Ainda bem que o Marcos não tem a mesma preguiça mental que tenho para escrever. Com somente duas linhas já acho que escrevi muito. Gostaria de ter o mesmo defeito, se podemos chamar de defeito, pois quem escreve bem e sabe o que diz tem muito para contar e bem contado.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Estatísticas do Blog até 20h16m:

Visualizações de página de hoje 1.250
Visualizações de página de ontem 1.414
Visualizações de página do mês passado 31.281
Histórico de todas as visualizações de página 848.599

Anônimo disse...

Alguem sabe calcular a margem consignavel?

Anônimo disse...

Anônimo 09/05- 19:20,

Você é único que acompanha bem a performance do INPC. Realmente, o acumulado de junho/11 a abril/12 foi de 4,28%.
Essa guinada foi surpreendente, já que em março o INPC foi de apenas 0,18%. Coincidência ou não, o IPCA também foi de 0,64%, chegando empatados os dois índices em abril.(INPC: 0,64%). O delta agora fica por conta de maio. Quem sabe teremos 5%de reajuste em junho/12!

Virgílio disse...

Joelma, querida irmã em Cristo. Não sou a pessoa citada. Sou da igreja Assembléia de Deus, Vila Mariana em São Paulo. E humilde servo do Senhor Jesus.

Obrigado, por essa oportunidade.

WILSON LUIZ disse...

Os salafrários que engendraram a famigerada renda certa fizeram escola...
Está sendo investigada, no Tribunal de Justiça de São Paulo, denúncia de pagamentos indevidos a magistrados e servidores, em valores que vão de 100 mil a 1 milhão e meio de reais.
É a "lei de Gerson" se infiltrando na sociedade, de alto a baixo.

Anônimo disse...

INPC acumulado junho/11 a abril/12 4,96%-fonte ari zanella. Mas o outro anônimo está certo: não passa de 5,10%...

Anônimo disse...

Pelo amor de Deus, Alan. Não entregues. Esperneia até o fim.
Um abraço do colega, também inconformado, mas NUNCA ENTREGUE.
Edgardo Amorim Rego

Anônimo disse...

E para dar um indice justo de reajuste para nos, NAO PODE, TEM O ESTATUTO,VAI QUEBRAR A PREVI, O bb NAO DEIXA e por ai vai......

Anônimo disse...

E ainda tem a cara de pau de nos pedir votos, mandar revistinhas para nossa casa.
Maio chegou e nada fizeram pelo ES e como se ve o reajuste sera pifio.

CHAPA 5 SEMENTES DA UNIAO!!!!!!!!

Anônimo disse...

gente, eu não quero nem quatro nem cinco %.Eu quero o meu salário de volta...rsrsrs

Anônimo disse...

Pensionista de 15:19, o emprestimo da Crediscoop altera a margem consignavel da Previ?

Anônimo disse...

Eu ainda acho que se o BB tirar as patas do plano 1, restituir o que foi roubado, não surrupiar mais nada, for eleita a chapa de dirigentes competentes (Semente da União, por exemplo), vai ser tudo de bom, para nossa alegria.
Aí sim poderemos administrar de fato o que é nosso por direito;
Josué Jorge Jr
Castro PR

Anônimo disse...

A Crediscoop não altera e nem usa a margem consignável.

Anônimo disse...

É tanto blablablá e ninguém resolve nada

Estou por aqui Ó!!!!

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

10/05/2012-09h48

Dilma afasta vice do BB e põe ex-senador do PR em seu lugar

FONTE: FOLHA.COM
ANDREZA MATAIS
NATUZA NERY
DE BRASÍLIA

A presidente Dilma Rousseff decidiu indicar um político do PR para a cúpula do Banco do Brasil: o ex-senador Cesar Borges substituirá Ricardo Oliveira na vice-presidência de Governo do BB.
Ao convidar César Borges (BA), Dilma Rousseff contempla o PR, um partido insatisfeito com a perda de espaço no governo, sobretudo após as denúncias de irregularidades no Ministério dos Transportes, no ano passado, que derrubou o senador Alfredo Nascimento (PR-AM).
A troca inicia a dança de cadeiras deflagrada pelo Planalto em uma tentativa de também pôr fim à disputa de poder entre o comando do Banco do Brasil e a presidência da Previ, maior fundo de pensão da América Latina.
Ricardo Oliveira é apontado no governo como um dos responsáveis por alimentar a guerra entre o presidente do BB, Aldemir Bendine, e o chefe da Previ, Ricardo Flores. Bendine e Flores não se falam há mais de um ano. Para o governo, foi Oliveira quem vazou informações à mídia sobre Allan Toledo, ex-vice-presidente do banco investigado por movimentação financeira atípica.
Toledo é ligado a Flores, e a notícia foi interpretada no Planalto como um ataque ao presidente da Previ.
Próximo ao ministro Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral da Presidência), foi Oliveira quem indicou Bendine para o cargo. Ele não foi encontrado pela Folha ontem para falar sobre o assunto.
Como a Folha antecipou em abril, o Ministério da Fazenda também já decidiu substituir Flores no comando da Previ e começou a buscar um sucessor.
No páreo estão dois vice-presidentes do banco: Ivan de Souza Monteiro (Gestão Financeira, Mercado de Capitais e Relação com Investidores) e Robson Rocha (Gestão de Pessoas e Desenvolvimento Sustentável).
A Folha apurou que Monteiro resistiu a uma sondagem informal feita recentemente, mas a resposta ainda não é considerada definitiva.
Ricardo Flores foi avisado que não há mais condições de permanecer na presidência do fundo de pensão dos funcionários do BB.
Ele é investigado pela Previ pela compra de uma casa em parte com dinheiro em espécie. O fato foi revelado pela Folha. Seu destino deve ser uma das subsidiárias do banco ou uma diretoria na Vale.

Anônimo disse...

O Maguito Vilela já foi diretor do BB.È politico. Agora César Borges, outro politico.Alfredo Nascimento é politico.Orlando Silva político.Será que não existem técnicos, pessoas capazes em outros segmentos ou no próprio serviço público que possam contribuir com o governo? Julgando pelos últimos escândalos e pelas noticias de corrupção, o governo pelo jeito, gosta de fortes emoções.Mas o povo não.A propósito, Cachoeira é a pessoa mais em evidência no país.

Anônimo disse...

Alguem já conseguiu captar (abrir) em seu computador a transmissão do debate que está (ou deveria estar) ocorrendo na Anabb neste momento ? Estou há quase meia hora tentando e....nada. Só "buffering...buffering......". Já cansei.

Anônimo disse...

Ao anônimo das 18:03:

Aqui também tá 90% do tempo bufferindo. Quando não buffere, o som é baixíssimo, mesmo usando todos os recursos de melhorá-lo.
É uma pena, pois continuamos "por fora" das promessas.

Chico Alves disse...

Tentei entrar em contato com a ANABB e o meu computador também "bufou". Mau presságio.

Anônimo disse...

Acompanhei todo o debate na ANABB, sem problemas, apesar do elevado grau de minha surdez. Claro que coloquei o altofalante de meu computador no maior grau de intensidade. Gostei do debate. Deu para saber quem é quem nesse negócio de candidatura para a PREVI. Claro que não deu para saber quem é quem na VIDA REAL! Duas coisas me pareceram patentes: o marketing político, ilusório e sem conhecimento, usual nas campanhas pelo PODER POLÍTICO DO ESTADO, já contaminou a campanha pelo PODER ADMINISTRATIVO DA PREVI e da CASSI; esse tipo de sistema eletivo é DESAGREGADOR, é ANTI-SOCIAL e CONSCIENTEMENTE HIPÓCRITA, DESLEAL. Não existirá outro CARACTERISTICAMENTE SOLIDÁRIO E LEAL?
Edgardo Amorim Rego

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Bem lembrado pelo Solonel Jr:

“Mateus 6:24 - Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar um e amar o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro.”

Somente a totalidade dos candidatos da Chapa 5 – Semente da União – segue esse preceito bíblico.

Comparem os nomes das demais chapas com o CANAEL e se certifiquem.

Marcos Cordeiro de Andrade

www.previplano1.com.br

www.canael.com.br

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Inf.12/810 - Dilma decide mudar o comando da Previ
Sex, 11 de Maio de 2012 10:04 – Site Contec

A presidente Dilma Rousseff decidiu dar um basta à disputa de poder entre a cúpula do Banco do Brasil (BB) e a da Previ, o fundo de pensão dos funcionários da instituição. A saída encontrada foi determinar a demissão do presidente do fundo, Ricardo Flores, e do vice-presidente da área de governo do BB, Ricardo Oliveira. Segundo avaliação do Palácio do Planalto e da equipe econômica, os dois continuaram conspirando nos bastidores do poder, mesmo após determinação de Dilma para encerrar a disputa. O comando da Previ deve ir para um dos vice-presidentes do BB e o cargo de Oliveira deve ser ocupado pelo ex-governador e ex-senador baiano César Borges, do PR, para acalmar a base aliada.
Já o presidente da instituição, Aldemir Bendine, permanecerá no cargo, porque, na avaliação do Palácio do Planalto, seguiu à risca a recomendação da presidente de não colocar mais combustível na disputa com a Previ e está fazendo o dever de casa na batalha do governo para reduzir os juros. Depois de uma enxurrada de notícias negativas que chegaram a ameaçar sua permanência no cargo, Dilma mandou Bendine não dar entrevistas, mesmo as relacionadas à queda dos juros, para preservá-lo.
O mais cotado para assumir a Previ é o vice-presidente de Finanças do BB, Ivan Monteiro. Entretanto, há outros dois nomes na mesa da presidente: Alexandre Abreu, vice-presidente de Varejo, cresceu bastante no conceito de Dilma porque formulou o programa "Bom pra todos", que reduziu os juros. O outro candidato é Danilo Angst, vice-presidente que cuida da área de crédito e risco.
Presidente quer blindar o banco e evitar desgastes
O poderoso vice-presidente de Atacado, Rogério Caffarelli, apesar de bem articulado no governo, foi descartado por causa das denúncias de favorecimento à filha do ministro da Fazenda, Marina Mantega, no ano passado. Dilma quer blindar o banco em relação a outros escândalos e evitar o desgaste da instituição.
A cadeira de Ricardo Oliveira foi oferecida ao PR, que indicou o ex-governador e ex-senador baiano César Borges. Em fevereiro, o cargo já havia sido oferecido ao partido pela ministra de Relações Institucionais, Ideli Salvatti, quando negociava a participação do PR no governo, após a mudança no Ministério dos Transportes. Na época, o partido recusou a oferta.
Os aliados do PR e o PT da Bahia já foram avisados da intenção da presidente Dilma Rousseff de indicar o ex-senador César Borges para assumir o cargo de Ricardo Oliveira no BB. Da Itália, o governador da Bahia, Jaques Wagner, fez questão de ligar para alguns parlamentares e avisar que não tinha restrições ao nome de César Borges. Da última vez que o nome do ex-senador foi incluído na lista para assumir um ministério, atribuiu-se a Wagner a reação à indicação.

Continua na Parte II

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Parte II - Final

Com as alterações no BB e na Previ, a presidente Dilma quer pôr um ponto final na disputa que resultou na demissão do então vice-presidente de Atacado, Negócios Internacionais e Privite Banking, Allan Toledo, em dezembro passado e continuava nos bastidores. Segundo fontes de governo, o presidente do conselho da instituição e secretário-executivo do ministério da Fazenda, Nelson Barbosa, recebeu uma mensagem que narrava detalhes do que estaria acontecendo dentro da instituição. As informações eram de que havia uma guerra de dossiês e espionagem entre os executivos do banco. Para resolver o problema, Dilma decidiu demitir os personagens identificados como protagonistas dos dois lados da disputa.
- Não há nenhum santo nessa história - afirmou um interlocutor da presidente.
No mês passado, o conselho do BB aprovou uma auditoria que sepultou o processo de quebra de sigilo bancário de Allan Toledo. E concluiu que não há provas de qualquer acesso indevido à conta do ex-funcionário. A Polícia Federal investiga o caso. Toledo concluiu que seu sigilo fora quebrado depois da divulgação de dados de sua movimentação bancária. Ele recebeu depósitos que somavam quase R$ 1 milhão da sua mãe adotiva. Segundo a explicação do ex-dirigente, ela teria vendido uma casa ao empresário Wanderley Mantovani, sócio do frigorífico Mafrig, cliente do Banco do Brasil. A operação gerou suspeitas de tráfico de influências.
A investigação para apurar a suposta quebra de sigilo de Toledo foi comandada pelo diretor de Segurança do BB, Marcos Ricardo Lot, ligado ao vice-presidente Ricardo Oliveira. Nos corredores do BB e nos bastidores do Palácio do Planalto, essa proximidade levantou suspeitas sobre o vazamento de informações sigilosas do grupo liderado pelo presidente da Previ, Ricardo Flores, desafeto de Oliveira.
A guerra entre a cúpula do BB e da Previ começou há alguns anos com um acordo entre Bendine e seu então vice-presidente Ricardo Flores. O pacto era para uma troca futura de cargos: Bendine assumiria a presidência da Previ e faria Flores seu sucessor no BB. O vice ganhou projeção em 2009, quando idealizou várias medidas para combater a crise financeira. Como prêmio, Flores ganhou a presidência da Previ e a inimizade de Bendine e de Oliveira.
Fonte: O Globo

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Apelo aos Colegas de Santos (SP):

----- Original Message -----
From: Mauro Passavais
Sent: Friday, May 11, 2012 10:47 AM
Subject: URGENTE: Doação de Sangue para a colega Daniela Penhabe Pires Barbosa

Amigos,

A Dani Penhabe vai fazer uma cirurgia amanhã, dia 12/05 e está precisando de doadores de sangue, ver informações abaixo.

Você poderia ajudar?

Abraços,
Mauro Passavais - Santos (SP)
=============

---------- Mensagem encaminhada ---De: Dani Penhabe
Data: 10 de maio de 2012 12:23
Assunto: URGENTE: DOAÇÃO DE SANGUE
URGENTE !!! Preciso da ajuda de vocês, meus amigos:
Vou fazer uma cirurgia no dia 12/05 e preciso de doadores de sangue (qualquer tipo)
Quem puder ajudar, anote os dados:
Banco de Sangue do Hospital Ana Costa.
de segundas às sextas-feira das 08 às 16 hs
Endereço: Centro de Diagnóstico - Rua Amazonas, 143 - 8º Andar - Campo Grande - Santos/SP.
Telefone para informações: (13) 3226-9252
Informar o nome da paciente: Daniela Penhabe Pires Barbosa (eu mesma...rs)

Conto com vcs... obrigada!!


Informações ao doador:
- tome café da manhã, não vá em jejum.
- após almoço, aguardar 2 horas para doar
- idade entre 18 e 65 anos (a partir de 16 com o responsável)
- levar carteira de identidade

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

---------- Mensagem encaminhada ---

De: Raul Avellar <> Data: 10 de maio de 2012 20:19
Assunto: Plantão Judiciário - PLANOS DE SAÚDE


Repassando !!

-------Mensagem original-------

No Fórum do Rio de Janeiro existe um Plantão Judiciário, 24 horas
(inclusive finais de semana e feriados), somente para resolver
problemas relativos a atendimento de PLANOS DE SAÚDE.


Exemplo: Na necessidade de uma cirurgia de emergência ou colocação de
prótese, e seu plano de saúde não quer liberar a cirurgia.

Podem recorrer a esse Plantão Judiciário, eles darão todas as
orientações de como proceder e, se for necessário, eles mesmos farão
contato com o hospital e o plano de saúde para solucionar o problema.

Anote os telefones, e coloquem na memória dos celulares:

(21) 3133-4144 e 2588-4144

Podemos precisar a qualquer momento, ou alguém de nossa
família. Repasse para seus amigos do Rio de Janeiro e de outras
localidades para seguirem o exemplo.

Anônimo disse...

O ex-senador César Borges, politico forte na Bahia, estava DESEMPREGADO ???

Anônimo disse...

Marcos,

No texto "Eleitor Incrédulo", traz a frase: "criança birrenta que não quer fazer o dever de casa"(sic).

Veja que tarefas, principalmente escolares, "são deveres" de casa, sempre no plural, e não simplesmente "dever".

Anônimo disse...

Oi Chico! Gostei de vc ter postado, isso é sinal de que não ficou magoado com os colegas.

Marisa.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Caro anônimo bem servido pela cultura do Almanaque Capivarol: o plural, no seu exemplo, cai bem para quem tem minhoca na cabeça. Ou seriam minhocas?

Veja o que diz Juremir Machado da Silva – Sociólogo, Escritor, Professor Universitário, Tradutor, Cronista do Correio do Povo, cujo e-mail é juremir@correiodopovo.com.br:

“Eu sou contra o dever de casa para alunos de escola fundamental. Sou contra também o dever de casa para professores de escolas fundamental, média e superior.”

Anônimo disse...

Algum colega conseguiu alguma coisa com o BOMPRATODOS?
Hoje liguei para meu gerente sobre um valor de CDC que aparece no meu extrato mas nao consigo nada no terminal.Nem Credito Novo, nem Renovaçao e ele mandou que eu fosse a agencia para aderir ao novo plano, sera BOMPRAMIM?
Ele disse que se nao abrir nada, posso cancelar??????
NAO TENHO PENDENCIA.

Debate não ao vivo, disse...

O Debate na ANABB com os canditados à Seguridade será editado e reapresentado na terça-feira, dia 15, à tarde.

Diz a Vice-Presidência de Comunicação da ANABB que, desta vez o "buffering" não participará, nem atrapalhará as respostas...

Anônimo disse...

PROTUGUÊS COMPLICADO:

Colegas,

Redigir o português é realmente complicado. Avaliar o que se escreve é mais complicado ainda.

Há muitos anos, em uma faculdade da Capital das Missões, no RS, tentei por 3 vezes ingressar no curso de Direito nos anos 70 e 80 e não consegui, devido a baixa nota que sempre me era atribuída na redação. Esse professor, que era meu colega de trabalho, corrigia as redações do vestibular com mais alguém. No entanto, o meu sonho de ser advogado ficou frustrado devido ao que considero perseguição do "mestre". Optei, então, por cursar Administração em outra instituição de ensino, onde obtive nota 9,2 na redação. Posteriormente prestei um concurso público, e na redação consegui a nota de 8,7. No mesmo ano participei de outro vestibular em uma universidade pública onde obtive nota 9,2.

Pergunto: era eu que não sabia redigir ou será que o professor-colega era burro e não conhecia nadinha de português?

Então, quero dizer ao Marcos que não se preocupe com as críticas de um só, quando a grande massa de leitores dos seus artigos o elogiam.

Anônimo disse...

Perdi meu tempo ontem assistindo o Debate da ANABB o candidato da chapa Semente é ruim de doer. O resto até se saiu bem, mas quem se saiu melhor foi a Cecilia

Anônimo disse...

O tal do Chico Alves tem MUUUUUUITA inveja do Marcos e pensa que sabe Portugues.
Ta na cara que e ele.
Duda

Profº Ari Zanella disse...

Amigo Marcos,

Por falar em português complicado, outro dia ensinava em sala de aula aos meus diletos (e principalmente diletas) adolescentes do segundo grau, o plural de substantivos. Eis que de repente surge o termo PAUL. Pensei cá com meus botões ser mais um estrangeirismo da língua, uma palavra de origem inglesa. Eu desconhecia o vocábulo, confesso. Não sei, também, se no caso expresso por você (um dito popular da Paraíba) tem o mesmo valor denotativo do dicionário (terra alagadiça, encharcada; pântano). Aqui em Santa Catarina nós diríamos: "quem quiser ser grande sem trabalhar que nasça em berço de ouro."
Forte abraço, e continue escrevendo com toda essa sua maestria, esnobando categoria.

Chico Alves disse...

Meu Caro Marcos,
Eu acho que tem colega confundindo babado com bico. Ou seja, estão confundindo Chico Alves com o "anônimo" Chico Silva, o homem do Capivarol. Eu compreendo perfeitamente esses pequenos lapsos, afinal o inverno está chegando e com êle a necessideda de se proteger da friagem consumindo uma dose generosa de conhaque, de preferência o Macieira. O diabo é que após a segunda dose têm-se a percepção que todo mundo é "japonês".

HELENO PINTO NOBRE disse...

AGORA QUE VI ALGUÉM FALAR A RESPEITO DO TAL DO "BUFFERING". E PENSEI QUE SOMENTE A MINHA IMAGEM ESTAVA ACONTECENDO ESTE PROBLEMA;.

ACABEI DEIXANDO DE ACOMPANHAR O TAL DO DEBATE. MAS ERA SOMENTE DE CURIOSIDADE. NÃO MUDAREI O MEU VOTO É CHAPA 5; SEMENTE DA UNIÃO E NÃO ABRO MÃO.

JAMAIS ANÔNIMO; HPN; MATRIC. 3984740-3. TENHO PAVOR DE ANÔNIMOS.

ENTÃO DIA 15 PASSARÁ NOVAMENTE.? NEM SEI SE TEREI PACIÊNCIA .

VALEU

Anônimo disse...

Todo chico é igual. O ruim é quando aparece no dia vinte.

Anônimo disse...

Heleno e demais colegas, vocês não perderam nada. Depois do que ouvi mudei o meu voto.

Anônimo disse...

Colegas
Há notícias muito QUENTES no blog do Medeiros e no blog do Juarez Barbosa.
Edgardo Amorim Rego

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Anônimo deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Fez-se a Luz":

Tudo uma farsa. Procurei a minha agência 2 dias após a implantação e não consegui nenhum tipo de renegociação. A única opção dada a mim foi o reescalonamento da dívida online. Após reescalonado, minha parcela de empréstimos que eu tinha em até 96 meses, no valor mensal de aproximadamente R4 1.000, foram transformadas em 32 parcelas de R$ 2.150. Meu líquido atualmente gira em torno de R$ 3.000. Como conseguirei pagar esta dívida? O gerente me informou que o sistema calcula esta parcela pela minha capacidade de pagamento. De onde foi tirado este valor, se antes, com R$ 1.000 mensaçl eu não podia fazer nenhuma renovação ou operação nova, pois o meu limite estava "comprometido". A única solução que encontrei foi transferir meu benefício INSS para outro banco (CEF, onde já tenho conta) e ficar devendo ao BB para ver se depois de 6 ou 8 meses de inadimplência e constrangimento moral (SPC/SERASA e cobranças) possa conseguir uma negociação em melhores termos.
Ontem estive em minha agência fazendo a adesão ao tão fala BOM PRA TODOS, e disse a minha gerente que é bom pra todos menos pra mim.
Ela disse que não entendeu minha agressividade ao tentar argumentar os fatos de que o Banco não soluciona meus problemas e que quem manda é o tal de sistema. Criou-se um mal-estar, fui obrigado a sair da agência xingando a gerente e não quero mais saber do BB. Tenho saudades dos tempos em que ainda trabalhava (nem faz tanto tempo assim, tenho 45 anos, aposentado por invalidez) e nós éramos unidos, dedicados e vestíamos a camisa do BB.


Postado por Anônimo no blog Previ Plano 1 em 12 de maio de 2012 07:19

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Prezado Colega anônimo das 07:19 e os demais que se encontrem em situação similar. Seria conveniente, e até mesmo elucidativo, que situações deste tipo fossem levadas diretamente ás Diretorias competentes para solucionar o assunto, conforme abaixo:


Banco do Brasil
Diretoria de Relações com Funcionários e Entidades Patrocinadas
Diretor: Carlos Eduardo Leal Neri
Telefone: (61) 3102-5515
E-mail: diref@bb.combr
====================================
Diretoria de Empréstimos e Financiamentos
Diretor: Marcelo Augusto Dutra Labuto
Telefone (61) 3102-6401
E-mail diemp@bb.com.br
====================================

Atenciosamente,

Marcos Cordeiro de Andrade
www.aapprevi.com.br
www.previplano1.com.br

Elias disse...

Maestro Marcos, que escreve com maestria.
Mestre Marcos que escreve com mestria.
Datíssima venha, peço, para reforçar sugestões e pedidos aqui já formulados: não perca tempo com picuinhas que, inteligentes demais ou servidores de interesses adversos, plantam escrevem ou comentam para desviar sua atenção.
Por gentileza, Marcos, mantenha o foco. Continue correto, sereno, respeitoso e eficaz, mas decidido e firme. Todos sabemos que o nobre Colega está e sempre estará lutando com e por Nós (Aposentados, Pensionistas, ...).
Um ótimo fim de semana a quem ler este fraco comentário.
PAZ E BEM TODOS.

E VAMOS DE CHAPA 5!
CONTINUEMOS SEMEANDO!

Anônimo disse...

A Previ faz homenagem as maes.Gostaria de poder comprar meus remedios TODOS os meses,fazer mercado com o que necessito,sem cortes, pagar minhas contas em dia e a noite, botar minha cabeça no travesseiro e dormir um sono tranquilo depois de trabalhar 30 anos no bb.
Ah! Como seria bom!

onival c.Araujo disse...

Colegas,

Tenho recebido sistematicamente pedidos de votos e vou dizer o seguinte: NAO. NAO.

Nao voto na chapa 2. É AAFBB?? Há rejeiçao.

A AAFBB também participou da insidiosa orquestração que induziu os aposentados a votarem no terrivel plebiscito em 2010 e que o governo/bb utiliza na convalidação da res.26.

Não voto na chapa 1 também. Nem perco tempo explicando os motivos.


Também nao voto na chapa 3, nem na chapa 4 e nem na chapa 6 que é BB/Governo/Cut. e toda essa trama de contumazes sindicalistas politiqueiros, sempre na posiçao, alardeando bravatas, visando altos cargos e polpudos salários, tão somente.

Nada, nadica de nada fazem. Nem trazem à tona problemas que muito mais tarde ficamos sabendo por e-mails de colegas batalhadores.


Não me mandem mais pedidos enaltecendo os seus candidatos. Não estou interessado em saber.


O MEU VOTO É CHAPA 5. E PONTO FINAL. E mais, estou fazendo campanha para esta chapa.


Onival C.de Araujo.
Campo Grande (ms).

Anônimo disse...

Se na campanha eleitoreira, o tal William Bento jogou a possibilidade de indice de reajuste acima do INPC sem uso do superavit, e porque e viavel.
Pena que e somente jogada politica.

Anônimo disse...

A Cecília Garcez é além de muito bonita uma grande visionária. Segundo o Sasseron a bela candidata percebe um benefício bastante acima do teto na Previ. Se sua chapa elegê-la diretora seu rendimento mensal deverá passar dos 100 mil reais.
O que eu peguei de ES e dou um duro pra pagar ela vai ganhar por mês. Rendimento bem superior a quase todos os comerciantes de minha cidade.

Anônimo disse...

Cecilia: "não sei, não é do meu departamento, vou investigar". me desculpem, mas quem votar na chapa desta Sra. está assinando atestado de idiota. Que eu saiba, ela nada fez pelo pessoal do plano 1. Se tiver enganado, alguem me explique onde.
CHAPA 5 SEMENTE NELES.

Anônimo disse...

Elias,

Será que o colega, porventura, estaria se referindo a: "Datíssima vênia", que nada mais é que, com a devida licença, pedido cortes de permissão para discordar de uma ideia, etc.

Anônimo disse...

Maarcos, o colega Elias,as 9,35, mandou um recado muito importtante paraa você. reflita sobre o mesom. Há muita gente querendo distrair seu ojetivo.Estou chegando de viagem . voltarei ao assunto.
Divany Silveira -Sete Lagoas-

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

EMPRÉSTIMO SIMPLES

Corre na rede a falsa notícia de que a PREVI limitou a concessão para determinada faixa etária. Ocorre que o site se tornou “inteligente” e a cada consulta feita são disponibilizados os parâmetros para a faixa específica do consulente.

Exemplo: quem tem setenta anos ou mais, ao consultar a tabela de valores lerá:

ES Plano 1 Série 12 – a partir de 70 anos
Tabela de Valores de Concessão do ES PLANO 1
- A partir de 70 anos

Veja também ES Série 10 – a partir de 70 anos.

Anônimo disse...

Do que adianta? Não tenho margem.

Anônimo disse...

GENTE!!
Eu não aguento mas ler/ouvir falarem nessas hienas Sasseron, Isa, e Cecilia.

Marcos, amanhã só fala de amor, as nossas mães.

Anônimo disse...

Caro Marcos, saudações cordiais.

PROGRAMA DE REESTRUTURAÇÃO DE DÍVIDAS PARA INATIVOS DO BB, DE 02 DE MAIO DE 2012

Exceto se há mau interpretação nas Agências, de fato, é incompreensível como o BB oferece um Programa de Reescalonamento como esse de 02 de maio. Um Programa QUASE IMPRATICÁVEL!

Técnicos gabaritados envolvidos; uma Instituição poderosa como o BB; um público-alvo que MERECE A MAIOR CONSIDERAÇÃO e que está em sérias, vexatórias, mortais dificuldades financeiras; muitos desses, INDEFESOS, sem poder retornar ao mercado de trabalho(Idade, invalidez, doenças crônicas, etc)e por terem esgotado o crédito na Praça e entre os parentes.

É com esse Programa que o BB espera tirar os seus "antigos colaboradores", ainda que sejamos meia dúzia, da asfixia, do estrangulamento financeiro?
Não nos basta já o tratamento "pão e água", recebido da PREVI?

Quero lembrar: eu, publicamente, SEMPRE ASSUMI que a responsabilidade maior do meu endividamento É MINHA; eu errei!
Porém, pelo que leio nos blogs, o mesmo erro atingiu vários colegas o que leva-nos a esperar dos nossos poderosos, BB e PREVI, ATITUDES SÉRIAS DE AJUDA, de socorro, a fim de nos recuperarmos da desonra financeira, na Praça e, até, diante da família.

Caro Marcos e demais colegas, sempre assino e, hoje, não será diferente, porque ainda sou do tempo do "BB FAMÍLIA", do "BB COMPANHEIRISMO, SOLIDARIEDADE", com responsabilidade; assim, sinto-me bem aqui.

Minha solidariedade ao colega das 7:19 h.

Grato por tudo, um ótimo e abençoado fim de semana, na PAZ E NO BEM!

Fernando Lamas(Aposentado BB)
Valinhos(SP)

Anônimo disse...

Amigo Margos,

Pediria ao amigo para nao colocar nome de candidato nenhum que seja contra a chapa Semente da União, afinal, somos autênticos defensores dos aposentados do plano 1. E vamo vencer. O nome daquela mulher não deve ser mencionado no seu blog. Muito obrigado.

Anônimo disse...

Prezados colegas,
Eu sempre tive a mania de ser muiuto pratico e de ir direto ao ponto: nós poderiamos ter como moderador e blogueiro o nobre Rui Barbosa e de nada isso nos adiantaria se não apresentarmos propostas eficazes e praticas sobre como resolver nossos problemas com a PREVI.Discutir apenas emprestimos e gramatica, pocos dias antes de eleiçoes importantes na PREVI é INACREDITAVEL. Alguns colegas que têm problemas com a Internet espera que eu lhes conte as novidades e a única coisa que pude transmitir-lhes é que estão discutindo como fazer boa redação...A oposição deve estar morrendo de rir...
pre

Anônimo disse...

Anônimo das 14:55 hs, que não tem MC para efeito do ES da PREVI. Na última concessão o valor da CAPEC foi liberado p/efeito da MC, se o coléga utilizou-se deste artifício, com o aumento da contribuição para o pecúlio da CAPEC, automaticamente lhe sobrará um valor para MC, que, somado com o aumento de 5% (merreca) para junho, mais um pouco de MC o coléga terá. Aguarde junho, a esperança é aúltima que morre. SEMENTE DA UNIãO CHAPA 5, vamos que vamos.

Anônimo disse...

Estava lendo o post FELIZ ANO NOVO do mês de dezembro 2009 e fiquei com um nó na garganta de tão emocionada.
Todos com muita fé e cheios de esperança.

Estamos juntos (graças a Deus) novamente quase três anos depois, e constato que nada mudou. Só um DILÚVIO nessa Previ e BB.

Abraços.

Lena.

Anônimo disse...

Muiuto = muito.

Emprestimo = empréstimo.

Pocos = poucos.

Eleicoes = eleições.

Inacreditavel = inacreditável.


Pre?! O que?

E ainda quer ensinar? Citar Rui Barbosa?

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Feliz dia das Mães, das Avós, das Bisas...

Hoje homenageamos todas elas – vivas e mortas - com presentes em forma de mimos e em orações como mostra de saudade. Sem esquecer que Deus deu uma mãe a cada criatura para representá-Lo aqui na terra.

Lena disse...

Parabéns para todas as mamães desse blog. Que papai do céu abençoe cada filho, e que cada filho ame, respeite, cuide de seus pais e avós.

Feliz dias das mães!!

Anônimo disse...

A todas as Maes,Avos e Bisas desejo um dia de muitas Alegrias com seu Filhos, Netos e Bisnetos.
E aquelas(eles) que como eu nao as tem mais, que se unam em oraçao e pensamento desejando muita LUZ e pedindo Bençaos.
Duda

Anônimo disse...

Colega Fernando Lamas,
Assino em baixo em tudo que voce escreveu, 12/5/2012 às 15:46.
Exatamente o que eu penso, pode ter certeza, que igual a nossa situação existem milhares, só que não se manifestam porque não tem dinheiro para ter computador/internet, ou por vergonha de se expor.
Um abraço, fique com Deus,
Josué Jorge Junior
Castro PR

Anônimo disse...

A onde esta o colega citado por Fernando Lamas? Nesse poste não está, e nem no anterior. 7:19h de que dia Fernando?

Paz e bem.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Eis o comentário a que se referiu o Colega Fernando Lamas:

Anônimo deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Fez-se a Luz":

Tudo uma farsa. Procurei a minha agência 2 dias após a implantação e não consegui nenhum tipo de renegociação. A única opção dada a mim foi o reescalonamento da dívida online. Após reescalonado, minha parcela de empréstimos que eu tinha em até 96 meses, no valor mensal de aproximadamente R4 1.000, foram transformadas em 32 parcelas de R$ 2.150. Meu líquido atualmente gira em torno de R$ 3.000. Como conseguirei pagar esta dívida? O gerente me informou que o sistema calcula esta parcela pela minha capacidade de pagamento. De onde foi tirado este valor, se antes, com R$ 1.000 mensaçl eu não podia fazer nenhuma renovação ou operação nova, pois o meu limite estava "comprometido". A única solução que encontrei foi transferir meu benefício INSS para outro banco (CEF, onde já tenho conta) e ficar devendo ao BB para ver se depois de 6 ou 8 meses de inadimplência e constrangimento moral (SPC/SERASA e cobranças) possa conseguir uma negociação em melhores termos.
Ontem estive em minha agência fazendo a adesão ao tão fala BOM PRA TODOS, e disse a minha gerente que é bom pra todos menos pra mim.
Ela disse que não entendeu minha agressividade ao tentar argumentar os fatos de que o Banco não soluciona meus problemas e que quem manda é o tal de sistema. Criou-se um mal-estar, fui obrigado a sair da agência xingando a gerente e não quero mais saber do BB. Tenho saudades dos tempos em que ainda trabalhava (nem faz tanto tempo assim, tenho 45 anos, aposentado por invalidez) e nós éramos unidos, dedicados e vestíamos a camisa do BB.


Postado por Anônimo no blog Previ Plano 1 em 12 de maio de 2012 07:19

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Caros Colegas,

Determinados nomes não têm livre trânsito aqui no Blog Previ Plano 1. Portanto, peço aos que indicam matérias dessas pessoas para publicação que não entranhem a não divulgação e se abstenham de fazer essas proposições. Até porque esses pedidos sempre chegam postados por anônimos, se afigurando, por isso mesmo, como encomendas eleitoreiras.

Todos hão de convir que pessoas que me envolveram gratuitamente em processo desmoralizante não merecem minha consideração e respeito. E outras, que taxativamente “proibiram” a vinculação dos seus nomes aqui neste espaço merecem ser atendidas.

Todavia, se me mandarem matérias assinadas, contendo nome completo e matricula, publicarei de bom grado.

Respeito o anonimato, desde que não me prejudique – nem me use para intentos inconfessos.

Atenciosamente,

Marcos Cordeiro de Andrade
Matrícula 6.808.340-8

Anônimo disse...

Obrigado Dr. Marcos.

Sou o anonimo das 18:14. Desculpe o trastorno.

3675478-3. Arnaldo Gouveia.

Não sou associado, por enquanto.


Abraço.

JVasconcellos disse...

GRANDE MARCOS

NÃO PODERIA SER T Ã O

P E R F E F E I T A


SUA POSTAGEM de 13/Maio :
20:51

MEUS RESPEITOS

JVasconcellos

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Mensagem de Edison de Bem:

Caros Colegas e Amigos

Repasso-lhes por entender importantíssimas as colocações abaixo, as preocupações manifestadas e todos os aspectos que emergem da análise/comentários que compõem o texto.

Convém ressaltar os vínculos perigosos de algumas das chapas concorrentes e os riscos que apresentam e continuarão apresentar, dada sua aproximação com o patrocinador e o governo de plantão (seja qual for), entes estes, sempre, de olho no patrimônio da Caixa que, por direito, é NOSSA.

Colegas, Amigos, a CHAPA 5 - SEMENTE DA UNIÃO tem como foco DEVOLVER a PREVI a seus legítimos donos: NÓS.

A luta, certamente, não será fácil. Mas, acreditemos, será travada. Ao contrário do que eventual continuidade na gestão desse pessoal que, há muito, tem dito "amém" à vontade e às determinações do patrocinador e do governo federal, colocando em risco nosso futuro e de nossas famílias.

VOTE CERTO E CONSCIENTE: PREVI - CHAPA 5, SEMENTE DA UNIÃO.

É preciso mudar o foco que tem sido dado por esse pessoal que, há muito, vem entregando e colocando em risco nosso patrimônio.

PREVI - Caixa de Previdência DOS FUNCIONÁRIOSdo Banco do Brasil. Não é do BB, tampouco do governo federal. Não é de eventuais políticos de plantão. É NOSSA !

Repasse essa ideia. Repasse este e-mail. Precisamos cada vez mais de colegas conscientes e conscientizados.

@braços.

N A S S E R - 12 05 2012.

Anônimo disse...

Colegas,

"Experiência" esse é o requisito que todas as chapas, exceto a Semente da União, alegam ter. E é justamente por causa dessa qualidade que não terão meu voto.

Não votarei em candidatos experientes em NÃO CUMPRIREM ACORDO.

Não votarei em candidatos Experientes em ENTREGAR 50% do superavit da Previ.

Não votarei em candidatos experientes em distribuir centenas de milhares de reais a uma minoria e para a maioria um centavo sequer.

Não votarei em candidatos experintes, vinculados à Res. 26.

Não terão meu voto candidatos experientes que não concederam o ES 180 x 180.

Por fim, não votarei em candidatos experientes em humilhar aposentados e pensionistas.

VOTAREI SEMENTE DA UNIAO

Anônimo disse...

Acabo de entregar em minha agencia, varios folhetos com propaganda da Chapa 5 - Semente da Uniao e dos blogs do Marcos(AAPPREVI), do Ari Zanela e do Medeiros.
Fui bem recebida pelo gerente e colegas da ativa.Aproveitei entreguei para aposentados na fila dos terminais.
UNIDOS VENCEREMOS!!!!!!

Anônimo disse...

Caro Marcos,


Pelos mesmos motivos do anônimo das 10:31, não votarei em candidatos experientes.
Também votarei em SEMENTE DA UNIÃO, mas me vem uma dúvida bem preocupante.... será que esta votação da Previ é segura na contagem dos votos?
Não existirá nenhuma falcatrua?
Como vocês irão fazer para ficarem atentos a contagem de pontos?
Pois já sabemos que honestidade eles não tem, porque depois daquele acôrdo no qual todos ficaram esperando e não foi cumprido, espero tudo da Previ.


Abraço,

Renato.

Anônimo disse...

Não entendi. Para que distribuir folhetos do blog do Ari e Medeiros? Eles não fazem nada por nós!

A Aapprevi sim, essa trabalha por nós; mas os dois ai, só tem blog.

Anônimo disse...

Recebi outro email da CUT estão bravos com uma determinada chapa´, que não é a nossa. Só não entendo porque eles não brigam com a gente da SEMENTE DA UNIÃO se somos nós os que mais criticam esta corja de vagabundos que estão mandando na PREVI. Será respeito, será medo ou será porque eles não estão acreditando em nós.

Romulo

Anônimo disse...

Tomara que o bb fique de saldo na conta, o mesmo que eu....NADA!

Anônimo disse...

Estou tentando entrar no site da Previ e nao consigo.Alguem ja tentou e deu informaçao de site sem conexao?

Anônimo disse...

No blog da cecilia, alguem diz que sonhou com numero impar......
Deve ser o 5 da Chapa 5, ne????
Tem uma que diz que a cecilia e Maizona,hehehehehe......
SO DEUS!

Anônimo disse...

Prezado anônimo das l5,41 hs, de hoje,respeito seu direito de ter opinião, mas dificilmente você fará outro comentário tão infeliz neste resto de mês, mesmo que se esforce para tanto. Os dois colegas que você mencionou são, na minha modesta opinião, dois soldados dedicados à causa dos aposentados e pensionistas sem nenhum interesse monetário. Convivo mais com o Mestre Ari, mas não podemos negar que o Medeiros tem qualidades e é um dos nossos. Presentemente, ambos estão divulgando a nossa chapa com afinco, restando dizer que a opinião de dois abalizados colegas a favor da Semente tem peso considerável e é tempestiva. Quizera Deus nós tivessemos nas nossas fileiras uns l00 coirmãos do naipe desta dupla que você esnoba. Mas não se desespere, todos nós temos nas nossas vidas um dia a ser apagado; e tem mais: só não erra quem já morreu. Mas é bom que se emende. Saude e juizo
para você. Cordialmente, Divany Silveira- Sete Lagoas-MG

Anônimo disse...

Ô nêgo chato das 15:41,
Não fale abobrinhas
É hora de nos unirmos,
E eles estão do nosso lado,
E foi lendo todos estes blogs que me inteirei de tudo que acontece na Previ, BB,Anabb, conheci quem é quem,etc.etc. e tal,
portanto pense antes de falar, não crie tumulto e mal estar entre os blogs,porque é aí que começa as encrencas e as dispersões.
Respeite a opinião dos outros, tá.

Anônimo disse...

Caro Marcos Cordeiros,
Li sua sugestão para que se escreva às Diretorias do BB, no caso das condições impraticáveis do reescalonamento de dívidas. Pois em, eu me encontro na mesma situação do colega que antes pagava 1.000 e no reescalonamento paga 2.150. No meu caso ainda é pior pois a prestação calculada pelo sistema é maior que o meu salário líquido.
Escrevi a todas as diretorias e não obtive nehuma resposta.
Me dirigi à Ouvidoria e quem me respondeu foi a agencia dizendo que o sistema não permite nenhum tipo de dilação de prazo e diminuição da prestação.
Estou sem salário desde janeiro, pois tudo que entra na conta o cdc reescalonamento "come".
Como consequencia estou deixando de cumprir com outros compromissos e o meu nome já foi negativado impedindo que eu contrate empréstimo em outra instituição.
A quem recorrer?

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

A conexão com o site da PREVI já foi normalizada. E o contracheque de maio já está disponível.

Anônimo disse...

Marcos Lobo (99%) Cordeiro (1%).

O professor Sacconi leciona este tema da seguinte forma:“dever" ou “deveres” de casa,na pág. 328, da Novíssima Gramática Ilustrada Sacconi, quadro 12, com excelente didática, ilustrando a sua explicação, com o exíguo exemplo: “Devo fazer meu DEVER sozinho ou acompanhado? Procure fazer sempre SEUS DEVERES sozinho. Tarefas escolares são DEVERES, sempre no plural, e não simplesmente DEVER”.A sua biografia dispensa comentários e não é possível que uma mente iluminada, de raro talento, elevado saber e borbulhante cultura tenha minhoca ou minhocas na cabeça, ainda que seja no sentido figurado, derramando ironias e deboches inconsequentes.Ninguém sabe tudo e nem é obrigado a saber tudo. Contudo, o homem só alcança a sabedoria quando admite a ignorância, especialmente os autodidatas. Os neurastênicos, com os nervos sempre a flor da pele, ao invés de minhocas, podem ter nos seus cérebros, algo pior, como a Taenia Solium ou a Taenia Saginata, que são capazes de causar desequilíbrios mentais e atos destemperados em pessoas que, por motivos banais, irrelevantes, saem atirando pedras e dando tiros para todos os lados, por conta de um comentário inofensivo acerca de um texto. Bravatas e murros na mesa, sem razão convincente, é coisa que beira às raias da demência ou, no mínimo, da senilidade.
Nunca esquecer que os escritores têm licença poética para, nos seus livros e obras, não serem compelidos a seguirem à risca as regras gramaticais, daí nos depararmos com frases erigidas sob a égide dessa prerrogativa, estando plenamente livres para exercerem as suas criatividades, dando vazão aos versos e prosas.

Biografia:

Luiz Antonio Sacconi é professor de Língua Portuguesa pela Universidade de São Paulo (USP), gramático e lexicógrafo brasileiro, um dos mais conceituados do país, autor de mais de setenta obras, entre as quais Nossa Gramática Completa (32.ª edição), Novíssima Gramática Ilustrada (24.ª edição), Não erre mais! (31.ª edição), Míni Sacconi (12.ª edição), Grande Dicionário Sacconi da Língua Portuguesa, o primeiro dicionário comentado e crítico da língua portuguesa; Corrija-se! de A a Z (2.ª edição), Gramática para todos os cursos e concursos (4.ª edição), Português mais fácil - minigramática Sacconi (2.ª edição), "Gramática básica" (2.ª edição) e Guia Ortográfico e Ortofônico. O "Grande Dicionário", depois de um mês do seu lançamento, já era sucesso em todo o país.

Anônimo disse...

A quem recorrer? pergunta o anonimo das 21,38, de 14 05 2012. Meu caro , se você está ficando com menos de 50% do seu salário e isto está trazendo ameaça à sua sobrevivência, contrate um advogado experiente e entre com ação pleiteando que os descontos não superem o mínimo para o seu sustento. O seu pleito estará de acordo com o estatuto do idoso, que defende a dignidade da pessoa humana, mormente o idoso, e os juizes têm atendido. Preliminarmente, você deverá negociar com seu advogado um pagamente parcelado, já que sua situaçao não é das melhores. Se persistir dúvida, você pode me chamar usando o código a" semente é forte em maio", narrando o problema.VIVA A SEMENTE E AAPREVI.Fim

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Caro anônimo das 22:25.

Agradeço pela aula gratuita que o fez dedicar três dias de sua utilíssima vida em pesquisas para escrever o esclarecedor texto. Isto porque o meu comentário que suscitou sua presente verborreia foi feito no dia 11/05/12 às 12:51, registrado acima.

Em reconhecimento à laboriosa e extenuante tarefa e ao bem intencionado propósito de trazer luz à conhecida ignorância gramatical que me acomete, recomendo aprofundar-se no estudo da Teníase lendo “Parasitologia Humana” do Professor David Pereira Neves. Depois disso, ficará inteirado do tamanho do elogio que fez ao meu cérebro ao condená-lo a abrigar um parasita que pode alcançar dez metros de comprimento.

Somente lamento não dispor de tempo ocioso igual ao seu para dar resposta à altura dos seus elevados conhecimentos. Mas não foi preciso ir longe, me bastando uma rápida consulta ao Almanaque Capivarol, minha enciclopédia de cabeceira, para saber o que é Taenia.

Outra lástima é não dispormos da sua identidade para grafar seu nome em trabalhadas letras. Mas, fazer o que se teimo em dar vez a anônimos renitentes?

Mas não há de ser nada e sempre que quiser alguns minutos de fama, mesmo como anônimo, pode voltar que a casa também o acolhe, pois precisamos da sua cultura para abrilhantar os comentários que andam meio carentes de sabedoria.

Atenciosamente,

Marcos Cordeiro de Andrade

Anônimo disse...

Nao respondi ao colega de 15:41 porque achei que nao valeria a pena mas,agradeço aos colegas que o fizeram entender com muita elegancia.
Obrigado

Anônimo disse...

GENTE, sem polemizar. Acho que não devemos idolatar, endeusar demais as pessoas. Se se dedicam a causas nobres é porque querem, porque é próprio delas.Agora, colocá-las no trono e seguí-las cegamente na maioria das ocasiões só traz decepções. Menos, menos...!

CHAPA C/ Nº "ímpar e Primo" disse...

BINGO! anônimo 19:45, de 14 de maio:

O nº da chapa sonhada era ÍMPAR e era PRIMO.....= 5
CHAPA 5 - SEMENTE DA UNIÃO.