segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Pasmem! A arte do elogio.

Caros Colegas,

Esta magnífica carta foi copiada do site da AFABB-PR. Sua reprodução neste espaço tem por finalidade mostrar o que o ser humano é capaz de fazer para agradar a um, ou desagradar a muitos - tanto faz.

Marcos Cordeiro de Andrade
Moderador do Blog Previ Plano 1
www.previplano1.com.br

-----------------------------


AFABB-PR propõe ao Diretor de Seguridade da PREVI, José Ricardo Sasseron, antecipação TOTAL das parcelas do SUPERÁVIT. (Leia a carta na integra)


Curitiba (PR), 06 setembro 2011.

Ilmo. Sr.
José Ricardo Sasseron
MD. Diretor de Seguridade da PREVI
Rio de Janeiro (RJ)

Senhor Diretor.

EMPRÉSTIMO SIMPLES e ANTECIPAÇÃO DO SUPERÁVIT

A extensa e brilhante folha de serviços que V.Sa. construiu ao longo dos anos, em benefício dos aposentados e pensionistas do Banco do Brasil, demonstra inequivocamente o seu pendor para encontrar soluções adequadas para os problemas que surgem.

Recentemente levantou-se a possibilidade de a PREVI elevar o teto máximo do ES (Empréstimo Simples), como forma de aliviar generalizada situação financeira deficitária por que passam os colegas participantes da nossa Caixa de Previdência. Neste aspecto, vimos que V.Sa. tomou posição contrária, entendendo que uma elevação do teto faria com que aposentados e pensionistas aumentassem o grau de endividamento de cada um, cujos resultados seriam nocivos à classe.

Se de início ficamos frustrados com a posição tomada por V.Sa., porquanto é palpável a dificuldade financeira dos colegas já endividados, num segundo momento rendemo-nos à posição defendida por V.Sa. e igualmente nos convencemos de que aumentar o endividamento pessoal é solução paliativa, ainda que, convém ressaltar, o ato de tomar ou não um novo empréstimo seria, em última análise, decisão de foro íntimo de cada colega.

Por outro lado, há menos de um ano a PREVI procedeu à distribuição do superávit, concedendo-nos 20% de aumento a título de benefício temporário, (BET) pagável em 60 prestações mensais. Queremos crer, no entanto, que se os recursos para essa despesa já estão devidamente escriturados e disponibilizados, o prezado Colega, utilizando o seu prestígio e livre trânsito junto aos demais diretores da PREVI, poderia propor-lhes a antecipação total das parcelas vincendas, devidas aos participantes do Plano 1.

Essa simples providência viria suprir as dificuldades financeiras que afligem os colegas, eliminando a alternativa de buscarem novos recursos do Empréstimo Simples, caminho não recomendado por V.Sa.

O pagamento antecipado das parcelas vincendas do BET não seria novidade, uma vez que o benefício do RENDA CERTA fluiu pelos mesmos canais, pois implantado para ser pago em cento e dez meses, foi totalmente resgatado após decorrido um ano e meio, aproximadamente, sem que isso gerasse qualquer dificuldade operacional ou de outra ordem.

Finalmente, colega Sasseron, com lastro na confiança, no respeito e na admiração que nutrimos por V.Sa., ousamos antecipadamente agradecer-lhe pelas providências que, sabemos, serão postas em prática em benefício de tantos colegas, os quais passam agora a depender da sábia e oportuna atuação de Vossa Senhoria.
Cordiais saudações,

Nereu João Lagos
Presidente

116 comentários:

Anônimo disse...

Eh puxa saco.Quem te deu autoridade para falar em nome dos aposentados?Quanta incompetência, meu Deus...Além de não ajudar, atrapalha. Emprestar o nosso dinheiro não dá e você entende...Eu não entendo e a maioria muito menos.Sai puxa saco...

Anônimo disse...

Já sabíamos que o sr. Nereu é duro no trato com os desafetos. Agora vemos como ele é macio para com os amigos. Uma moça, tamanha a gentileza.

Anônimo disse...

Esse anonimo deve ser Da PREVI, Marcos!Adorei o texto, muito bem explicado! PARABÉNS ao colega.

Anônimo disse...

A meu ver, a antecipação do BET seria um tiro no pé. Se é correto que isso aliviaria um pouco a situação dos participantes, por outro lado teríamos a redução imediata de 20% sobre os nossos proventos. É a estória do "cobertor curto".

Francisco

Anônimo disse...

MEU DEUS! E IMPRESSIONANTE!!!
Ta na cara que o bb pagou bem a ele para fazer tal proposta.O pobre bb deve estar precisando receber tudo de uma vez e quem fez divida(nos,aposentados e pensionistas) sobre o Bet, que se f---.
Duda

Anônimo disse...

Quem assistiu ontem a entrevista feita a Presidente Dilma pela Patricia Poeta viu a resposta dada a pergunta sobre o TOMA LA, DA CA entre os politicos?
Pois e, eis o NOSSO problemao!!!!!
A Dilma nao gostou e rebateu com - se voce me disser o que e o DA CA,eu explico o TOMA LA, brincadeirinha.......E nos OOOOOOO.
Acorda nereu

Anônimo disse...

Colegas, eu vejo pelos dois lados.
Primeiro, é de uma babação vergonhosa, homem adulto se babando por outro homem adulto é dose.
Segundo, é mais uma forma de pressão (se bem que essa é uma pressão bem macia).
Jorge Castro,

Anônimo disse...

Este cidadão que escreveu esta bobagem, não pode ter sido bancário. Foi, provavelmente, lider sindical ou cedido às AABBs ao invés de aprender um mínimo de finanças e de economia.
Posso até discordar de certas abordagens do Sr Marcos mas este cidadão, o tal do Sr Nereu... Benza Deus...
Protegei-nos, Senhor, deste tipo de inteligência!

renato campos baptista disse...

É...vivendo e aprendendo... além
de puxa saco e babaovo, esse apren-
diz de coisa alguma continua a nos
aborrecer com suas ideias estapa -
fúrdias, senão vejamos: tomar o em-
préstimo é decisão de foro íntimo de cada um dos associados. Não pre-
cisa se alinhar ao Sasseron nesta
questão.É como apostar no jogo de
bicho ou depositar suas fichas em
máquinas de caça níqueis. Da mesma
forma não precisa sugerir a anteci-
pação do BET. Há os que não querem,
eu, inclusive. UM LEMBRETE AO SR.
NEREU: o inimigo a combater são a
Previ. o BB, a Anabb, a Previc...e
tantos outros. Não mire sua arma e
não faça disparos contra o Marcos e
associados. Afinal, que culpa tem
ele de ser autêntico e legítimo de-
fensor das nossas causas? Faça um
"mea culpa" junto à FAABB e retro-
ceda da infeliz ideia de punir a
AAPPREVI com sua desfiliação. Ela é
descabida de qualquer propósito e
você corre o risco de cair em ridí-
culo.
Abraços, Renato

Anônimo disse...

Só devemos considerar que não há nenhuma garantia de que o BET possa ser incorporado de forma definitiva, como alguns andam dizendo.
Vai depender muito do cenário financeiro, interno e externo, daqui para diante.
Como restam cerca de 40 parcelas, temos aí mais de tres anos até o fim do BET.
E muita coisa pode acontecer. Tanto de bom como de ruim.
E creio que também não esteja garantido "ad eternum" a suspensão das contribuições.
No primeiro resultado negativo, elas voltam.
Claudio

Anônimo disse...

Nereuzinho, Nereuzinho!!!! Vc disse ao Sasseron que ele prestou "extensa folha de serviços" e " admiração que nutrimos por V.Sa."? Essa é demais!!! Como pode tamanho puxa-saquismo? Ai, ai, oi, oi!

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Caros Colegas,

Não podemos nos iludir.

Antecipação do BET significa abrir mão, também antecipadamente, de até 50% do que temos a receber em parcelas mensais. Senão, vejamos:

27,5% do IR;

3% da CASSI e;

20% de Pensão Alimentícia para quem paga essa verba. (Até para resguardar a capacidade de recebimento mensal, não é bom que a pensão seja destinada de uma só vez, pois, igualmente, esse “aumento” acaba com a antecipação).

Total da redução: 50,7%.

Valerá a pena?

E, também, temos esperança de que ele, o BET, seja incorporado como verba definitiva mais à frente. Há precedentes nesse sentido.

Anônimo disse...

Que imaginação! uma dama nos elogios fantasiosos.UMA VERGONHA, ISSO SIM!

Anônimo disse...

Nereu,( Maria vai com as outras)- qual o universo de aposentados que você representa para entregar o realiamento do ES, em troca do que já é do nosso direito? Enquanto milhares de aposentados não vêem qualiedades no Sasseron,a não ser um pau mandado do BB, você, Nereu, está enxergando uma vasta folha de bons serviços (poderia delineá-las).
Você , Nereu, realmente representa os aposentados de sua região?

aparecido disse...

Olha ta na cara que se o Sasseron não aumentar o valor e o prazo do emprestimo simples para 150 X 150 (o que para mim ainda é pouco) não é por causa do nosso endividamento coisíssima nenhuma. É porque sabem eles (todos os conselheiros) que ao ser liberado o montante que precisaremos sairemos quitando nossas dívidas junto ao BB e o conglomerado. E aí eu pergunto: para quem interessa o aumento do emprestimos simples?

Então, este diretor de seguridade está nos dando aumento a conta gotas para não resolver nossos prolema de vez.

Isto é uma injustiça visto que o nosso Fundo de pensão já distribuiu mesmo que arbitrariamente para o BAnco do Brasil mais de 14 Bilhões (dados), enquanto que para nós participantes foram... se foram (6 bilhoes) em empréstimos (não olhei balanço) isto é uma desigualdade sem precedentes.

Ainda quanto ao endividamente é justamente por esta questão que estamos querendo os emprestimos simples não melhorado mas sim dilatadissimo.

Onde já se viu termos que pegar mais dinheiro a juros mais caros além de ser ai fora.

A minha situação já não é uma bola de neve mas uma AVALANCHE.

O meu BET é de fato um BETINHO.

Sou aposentado por invalidez não tive correção pela revisão dos tetos de 98 e 2003 das emendas complementares 20 e 41 e ainda por cima o Governo está achatando nosso Salário.

Tive que vender uma Casa de duas que possuo além de hipotecar a minha.

Esta situação não pode perdurar mais.

Aumento para ES 300/300.

Se for por causa de idade apesar de estar com LER ainda tenho 44 anos.

Se possível para amanhã apos a reunão do CD.

Anônimo disse...

Independente desta carta, acho que não virão mesmo as mudanças no ES na forma que a maioria quer.
Mas também não concordo com a atecipação total do BET. Não seria estratégico abrir mão dele.
Mas uma antecipação de 12 meses eu vejo com bons olhos.
Aliviaria um pouco o sufoco e ainda manteriamos o beneficio aguardando o desenrolar da economia nos proximos anos.
Claudio

Elias disse...

Esse "confeteiro" é o mesmo Nereu que fez a infundada denúcia? Dá para duvidar que seja a mesma pessoa, mas se for... então é possível que não estivesse em pleno uso das faculdades mentais, ou então, recentemente, "bateu a cabeça". Comparem os textos e concluam.

aparecido disse...

Seu Marcos;

Todas as ações de que dispomos para melhoria de benefícios, a PREVI tem recorrido, a exemplo disso nossa CESTA-ALIMENTAÇÃO, talvez o anúncio de que /BET se tornaria definitivo, ou seja incorporaria a verba 300 aumentando a margem consignável.

Mas para quando?
Isto ja poderia ter sido anunciado.

Já estamos enforcados desde 2008 quando ventiláva-se a ideia de um aumento linear de R$ 1000, para todo mundo. Pois com o BET a coisa ficou Díspare.

Não aguentamos mais.

Só está faltando o banco querer fazer conosco também um acordo em que o dinheiro dos emprestimos simples liberados terão que primeiramente ser para pagamento de emprestimos JUnto a ELE o BB.Não é mesmo.

Profº Ari Zanella disse...

Existem grandes chances de o STF declarar inconstitucional a Resolução 26. Neste caso o que prevalece é a Lei Complementar 109/2001 artigo 20, que prescreve a melhoria dos benefícios. Assim é quase certeza a incorporação dos 20% aos salários.
A antecipação do BET é maléfica porque subtrai-nos mais de 30% de imediato (IR + Cassi), o que não deixa de ser uma espécie de juros antecipados.
No ES todos sabem que pagamos em vida aquilo que for possível, mas quem de fato vai pagar o restante é o seguro. Bom para nós e bom para o Fundo que aplica com segurança e garantia. Ou preferem aplicar na gangorra das ações?

Anônimo disse...

Sr Nereu,

O BUFÃO RISONHO deve estar mais risonho ainda. Quanto confete!
Depois disso, só lhe resta pedir
carinhosamente, desculpas ao Marcos, que inequívocamente luta buscando solução para os problemas que nos abatem e deveria ter no sr um aliado e não um alienado.

Anônimo disse...

Aqui estão as promessas que ainda não foram cumpridas. E ai Chapa 3?
Veja, a seguir, o programa da Chapa 3.

QUEM JÁ FEZ PODE FAZER MAIS

Mais benefícios no Plano 1
Nas novas negociações de superávit com o banco, temos como prioridade a conquista de novos benefícios que atendam a todos os associados. Os compromissos da Chapa 3 com você são:

• Discutir amplamente com os associados as formas de utilização do superávit e decidir as medidas por votação nacional do Corpo Social.
• Aumentar o benefício mínimo.
• Manter a suspensão das contribuições.
• Novo benefício por meio de reajuste extraordinário para todos os aposentados e pensionistas com patamar mínimo e incorporação para os associados da ativa, para uso do benefício no momento da aposentaria.
• Aumento do patamar das pensões.
• Cobrar o cumprimento do acordo do banco para a implantação da aposentadoria antecipada para as mulheres aos 45 anos de idade.
• Aumento do teto de contribuição e benefícios para 100%.
• Atualização permanente dos limites de empréstimo simples.
• Concluir a implantação do financiamento imobiliário, de maneira a atender a todos os associados interessados.

aparecido disse...

Esta Carta me faz lembrar o tratamento dispensado pela dona Isa Musa de Noronha aos nossos superiores?pares?

Doutor daqui doutor dali... E estamos envelhecendo, adoecendo mais e mais , vendo o nosso fundo de pensão ser o 24º. do mundo olhando nossos Espelhos...

Será que teremos que esperar algum Ex funcionário do Banco do Brasil como o Ministro Paulo Bernardo ou a Gleise Hoffman ou outros serem presidente para se ter a igualdade entre BB PREVI/ Participantes.

Sim porque se (TODOS) formos esperar jutar dinheiro entre alguns para investir até o limite para participar do conselho de administração do Banco do Brasil até quando isso vai.

E quem dispõe de quantias vultosas para aplicar no CIN por exemplo para poder pertencer ao Conselho de Administração do Banco do Brasil sabe-se lá quando e só depois então defender o interesse do (TODOS) UNAMIBB, FAABB, AFABB

Fundo de Pensão Rico...
Banco do Brasil expandido...
Funcionários Pobres Politicamente, Financeiramente, Economicamente...
Enfraquecidos Juridicamente.

O Kaos foi inventado no mundo...

A Ordem aqui no Brasil é crescer. Menos os salários dos aposentados.


Não dá mais para esperar.

Muitos poucos fizeram muitos.

Anônimo disse...

Para a Previ entregar BILHÕES ao Banco não há impecilhos nem problemas, muito menos corre o risco de ficar sem condições futuras para pagar os aposentados e pensionistas.
Agora, quando é para dar um aumento linear de apenas R$ 1.000,00 para cada aposentado e pensionista, aí, sim, há grandes riscos futuros.

Só idiota pode acreditar nisso, Sasseron.

Cadê a Chapa 3? Sumiu, não fala, desapareceu, evaporou-se? Ou estão na Costa do Sauipe fazendo uma festinha?

Nunca antes havia visto um chapa eleita para nos defender, ficar totalmente escondida e calada.

Isso é uma Vergonha!!!!! Concorda Bóris?

Anônimo disse...

Sai daí Nereu, coisa ruim. Não tens poderes para falares pelos aposentados e pensionistas, do nosso país. Nós da AAPPREVI, queremos tu longe da gente. Nós vamos conseguir o aumento do ES para 150/150, contando com pessoas como: Marcos, Rossi, Medeiros, Juarez, Paulo Mota, Edson do Bem, Dalton, Leopoldina, os quais não precisam puxar o saco do Sasseron.

Anônimo disse...

E, colega marcos e demais, começar a semana lendo esta declaraçao elogiando o Sasseron é de embrular o meu estomago.
Ate confesso que tinha a minima esperança de conseguirmos os 150 X 150 de ES, mas se o Sasseron vai sentir-se o "dirigente do ano" que seus pensamentos estao certissimos, entao minha gente, adeus melhora no ES.
Somente isto tenho a dizer.

Alcantara

Anônimo disse...

CHACAL
Colegas. ES em quaisquer circuns-
tâncias o VALOR/PRAZO´só tem a bene
ficiar a PREVI. Como já disse ante-
riormente, independente do seguro
que garante a liquidação do Empres-
timo, a PREVI com o falecimento de
qualquer um de nós, mesmo que tenha
algum beneficiário(a), tem muito a
ganhar, pois só pagará 60% do nosso
salário e caso não haja nenhum be-
neficiário,a vantagem é de 100%. Se
estiver enganado me perdoe.
Murilo CHACAL Hallak
São joão del Rei-MG

Cláudio - Rib. Preto disse...

Parece-me que este Nereu é apenas mais um daqueles lacaios que acham que ainda são sustentados pelo BB.
Por que a maioria dos nossos representantes (nas diversas associações e instituições) se borram de medo do BB?
Por que têm a necessidade de bajular e babar os poderosos?
Precisamos, urgentemente, eleger pessoas que sejam honestas e comprometidas e não que pareçam honestas e comprometidas.
Viva o CANAEL!!!!

elvira disse...

Colega Nereu,

A extensa e brilhante folha de serviços, em benefício dos aposentados e pensionistas, deveria ser publicada.
Lembre-se, por favor, de creditá-la ao colega Marcos Cordeiro de Andrade.
Abraços,

Paulo disse...

Caros colegas! Caros Amigos do Blog do Plano 1!
tentei por umas 3 vezes comentar sobre esse idiota do "nereu",mas sinceramente a única palavra que combina com ele ofenderia a mãe que o pariu. Mas ele deve ser um frustrado que quando na ativa foi mal avaliado
pelos seus chefes e tido como um tremendo baba ovo.
"nereu" voce não deve ter mulher, mãe, filhos, deve ser um homossexual frustrado.
Falei e desabafei!
Não se atreva a falar em meu nome. Se não ai eu vou te xingar mas é pessoalmente!

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Caros Colegas,

O CANAEL está sob processo de manutenção. Ainda hoje retornará ao ar.

www.canael.com.br

Anônimo disse...

Não apareceu, Marcos, a marquinha do baton no final da cartinha do nereu. Muito melosa! Sei não colegas... Aí tem coisa... Sai do armário seu nereu! Assume logo, vai...
Que bobagem!

"EXTENÇA FOLHA DE SERVIÇO"? SUA ANTA! AONDE? ACHOU POUCO A MENTIROSA E INFUNDADA CARTA DENÚNCIA? E AGORA, VEM COM MAIS ESSA? VE SE ERRA A GENTE!


Sai na urina Marcos!!

Lena.

Anônimo disse...

Sr. Nereu Joao Lagos, francamente estou decepcionado com suas atitudes mais recentes.
Ao invés de combater aqueles que estão a nos prejudicar, mostra que não passa de um grande puxa saco.
Quem te disse que eu quero antecipar o recebimento do meu BET?
O que nós, digo, a maioria deseja é a incorporação do mesmo em nossos proventos mensais.
Caso contrário nossa renda mensal irá sofrer uma queda abrupta indesejável e prejudicial a todos nós.
O sr. não tem minha autorização para requerer do Sasseron ou da Previ a antecipação desses 20%, que já é pouco em vista do que foi levado pelo banco.
Portanto, faça me o favor de não opinar sobre aquilo que não tem competência.

wilson luiz disse...

Caro Marcos,
Sobre a demagógica proposta do sr. Nereu(adiantamento total das parcelas vincendas do BET), ele não informa que isto é impossível.
A Resolução 26(ainda não derrubada), determina que a distribuição de superávit deve ser feita em 36 parcelas, no mínimo; até agora foram pagas apenas 9.
O que talvez fosse possível seria parcelar o saldo ainda existente para recebermos em um número menor de parcelas, talvez 27. O problema é que nós, os assistidos, estamos "no mato sem cachorro", pois até isto teria que ser negociado com a PREVIC.

Anônimo disse...

Sr Nereu,

Não precisamos de quem nos atrapalhe. Não é o caso do colega em questão que é um trapalhão.
É um bufão trapalhão!

Anônimo disse...

ao anonimo das 11:39

O renda certa tambem proveio de superavit, portanto esta distribuição antecipada já foi feita antes.
Eu gostaria de receber tudo de uma vez.
Respeito a opinião de todos, assim como gostaria que respeitassem a minha.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Prezada Colega Cleide,

As seguidas mensagens que nos tem endereçado por cópia, mesmo com outros destinatários evidentes, nos entristecem sobremaneira. As insistentes colocações nos inserindo no rol das Associações que não gozam da sua simpatia, a colocam na posição de sócia insatisfeita com a atuação da AAPPREVI, onde seu nome foi inscrito no dia 10/01/11 por livre e espontânea vontade.

Considerando-a como a todos que nos procuram para filiação, tendo-os como imprescindíveis ao crescimento da associação, vimos pedir-lhe encarecidamente informar o que podemos fazer para contemplar sua expectativa, pois tememos o pior, caso não possamos alcançar seus objetivos através dos créditos com que nos honrou, e que venhamos a perdê-la muito em breve como nossa associada, por sua iniciativa, haja vista seu posicionamento. Somente para lembrar o descontentamento demonstrado, tomamos a liberdade de registrar alguns tópicos das mensagens que nos tem dirigido:

10/09 – 15:19:

“Nossas associações, aquelas que falam em nosso nome emudeceram.
Será que elas ainda têm interesse por seus associados? Ainda valemos alguma coisa para elas ou só nos dão atenção em época de eleição?”

Mais adiante, na mesma mensagem:

“E aí? Vão fazer alguma coisa, vão se manter neste silêncio ensurdecedor ou estão esperando que a atitude parta, como sempre, de nós, que nem cacife temos e se der certo, nos apoiarão quando verem que não precisamos delas para fazer alguma coisa, como foi o abaixo assinado da Res.26?
Abrs.
Cleide”

Em 12/09 – 14:06:

“...com as atitudes de nossas associações não estou feliz com nada. Mais parece que seus dirigentes querem ser Presidentes, Vices, Senadores, Dep.Federal, Dep. Estadual e o escambau. Tudo ao mesmo tempo, como numa ditadura. Entrou, não sai mais.”

Em 12/09/11 – 15:10:

“Quando digo que os dirigentes de nossas associações não estão nem aí para nós e que também não precisamos dela para nos defender, acham que estou sonhando.”

Essas e outras mensagens têm como origem seu endereço de e-mail, registrado no nosso cadastro de sócios.

Por oportuno, lembramos que por ocasião da fundação da AAPPREVI, vaticinamos o que esperávamos do futuro ao emitir o conceito que fazíamos de nós mesmos, ao qual permanecemos fiéis, e em nome do que pedimos sua ajuda para correção do rumo tão veementemente condenado em suas mensagens, se for o caso:

“A AAPPREVI não tem a petulância de se julgar melhor que ninguém. Nem pretende se espelhar em corporações ou situações existentes”.

Este apelo é tão público quanto as mensagens citadas, distribuídas largamente aos seus grupos de relacionamento através da internet. Talvez não como crítica mordaz, mas, quem sabe, por má informação a respeito da nossa querida associação que se quer respeitada.

Atenciosamente,

Marcos Cordeiro de Andrade
Presidente Administrativo da AAPPREVI
www.aapprevi.com.br

José Roboerto Eiras Henriques disse...

Marcos,

Esse fulano não tem procuração para falar em meu nome.

Como já comentado, se houver antecipação total do BET haverá um onus muito grande para todos, IR, CASSI, etc. Se por um lado resolve paliativamente a situação de alguns que se encontram em situações constrangedoras em virtude do alto grau de endividamento, por outro comprometerá os demais que já estruturaram seus orçamentos contando com o recebimento mensal das parcelas, administrando-o parcimoniosamente a fim de evitar futuros dissabores.

Terminantemente, não concordo com essa idéia de Jerico desse cidadão.

Anônimo disse...

Sr. Sasseron, então é de puxa-sacos como o Sr.Nereu que o Sr.gosta? Será que não é melhor ouvir a verdade mesmo que não elogiosa do que mentiras pesonhentas só para agradar?
Sr.Sasseron estamos aflitos esperando o ES melhorado com prazo dilatado para socorro da nossa situação financeira, tão caótica pelo descaso dos dirigentes da Previ que doam nosso superávit para o BB e a nossa parte são só os 20% do Betinho, que se vier de uma vez só o IR e Cassi levam tudo.
Precisamos mesmo do ES 150/150, não podemos mais esperar, faça pelo menos uma vez no seu mandato alguma coisa que atenda os aposentados e pensionistas da Previ, não saia sem fazer nada para ser lembrado o BEM nunca é esquecido.

Anônimo disse...

Sr. Marcos,

Permita-me perguntar aqui no seu blog o seguinte: Para quem precisa urgentemente pagar dívidas, o que é mais interessante: a antecipação agora de um benefício (BET) que não se sabe se vão retirar nos próximos dias, ou esperar algumas dezenas de anos para realinharem o ES?

Para quem não deve nada e tem esperança de viver ainda mais dez anos, é lógico que a segunda opção vence.

Da forma que tiraram 50 bilhões da Previ, mais fácil ainda vai ser em suspender o benefício do BET.

Fato semelhante está acontecendo hoje. Se não me falha a memóira, consta que o Sr. Valmir abandonou irresponsavelmente a reunião, porque discordava da forma em que se discutia a Distribuição do Superávit. Resultado, 99 por cento dos aposentados foram prejudicados e tiveram de esperar uns vinte anos para retomarem a discussão.

Anônimo disse...

Corrigindo, 12/09/12:09h

" È o caso do colega em questão"

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

“EXIGIMOS RESPEITO A NOSSA INTELIGÊNCIA”
12/09/2011

Carta de Edison de Bem
À

DIRETORIA DE SEGURIDADE - PREVI

Senhores,

Alguns colegas receberam o mesmo clichê abaixo, em resposta a suas perquirições com respeito ao EMPRÉSTIMO SIMPLES.
Ainda bem que o SASSERON resolveu não responder minhas cartas a ele dirigidas sobre o mesmo assunto, nem mesmo com surrados clichês como este abaixo registrado.

Em resposta ao primeiro item, confesso que não entendi, se a "reclamação foi registrada e encaminhada à área responsável," como alí registrado, não caberia ao Sr. Luiz Alexandre respondê-la, por não se tratar de assunto sob sua condução.

Qual a novidade em dizer que o ES é o produto mais barato do mercado? Trabalham com dinheiro nosso, risco mínimo e, ainda, sob proteção de seguro aos capitais emprestados. Poderiam simplesmente embutir correção e 3% a.a. e ainda a PREVI estaria ganhando um bom dinheiro. E afirmar que "visam a atender os interesses do conjunto de participantes" é uma deslavada mentira. Cada vez que necessitamos aumento de limite e prazos é um "parto" e, ainda, os créditos aprovados quase sempre são insatisfatórios. Poderiam criar formas de ter limites permanentes bem maiores e sujeitos a determinadas exigências, como limites de créditos de operações bancárias normais, de acordo com a capacidade de pagamento e solvência de cada um.

Ali vocês afirmam que ....
"Para alongar prazos ou aumentar o valor dos empréstimos, é comum no mercado a prática da compensação do custo ou do risco, por meio da elevação de tarifas, da taxas de juros e de descontos sobre o valor do crédito. Para não onerar os seus participantes, a PREVI não segue tais práticas."

Vejam bem é comum no mercado, que mercado? Mercado bancário, lógico! Mas a PREVI não é BANCO, SR SASSERON e Sr. Luiz Alexandre. O negócio da PREVI não é emprestar dinheiro, portanto não compare as condições de um EMPRÉSTIMO SIMPLES como um CDC de mercado. E a PREVI nem poderia seguir tais práticas, sob pena de estar cometendo mais um ato ilícito, dentre todos já exaustivamente apontados por nós e de conhecimento público.

Assim, espero, com toda a sinceridade, que criem VERGONHA NA CARA, parem de se esconder atrás dos cargos e
de seus luxuosos gabinetes e dêem a CARA PARA BATER, digam com honestidade o que está acontecendo e por que não podem alterar os atuais parâmetros do ES. É tão difícil falar a verdade? E não me venham com essa história de preocupação com endividamento de colegas. Não cabe nem ao SASSERON, nem ao FLORES, zelar pela saúde econômica de colegas, EX ( bancários, administradores, gerentes, auditores, dIretores, superintendentes,advogados
e até presidentes). É muita petulância do 'RISONHO' Diretor de Seguridade e seu "CHEFE MUDO" Presidente Flores.

Se não vai sair nada, façam uma comunicação geral, digam os motivos e está resolvido o problema. Existe a penúria que ronda as economias fragilizadas de cada um de nós, em contraponto à "montanha" de dinheiro que jorra pelas generosas"torneiras de ouro" que regam o poder. Mas não esqueçam, nós estamos de olho em vocês..

Continua na parte II

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Parte II – Final

RESPOSTA CLICHÊ DA PREVI

Sua reclamação foi registrada e encaminhada à área responsável.

Cabe esclarecer que a PREVI realiza revisões permanentes nos parâmetros do Empréstimo Simples, visando a atender os interesses do conjunto dos participantes e mantê-lo como produto mais barato do mercado.

Para alongar prazos ou aumentar o valor dos empréstimos, é comum no mercado a prática da compensação do custo ou do risco, por meio da elevação de tarifas, da taxas de juros e de descontos sobre o valor do crédito. Para não onerar os seus participantes, a PREVI não segue tais práticas.

No Empréstimo Simples, são aplicadas as menores taxas permitidas aos fundos de pensão, conforme a legislação vigente, que é a Taxa Mínima Atuarial atualmente, o INPC mais juro atuarial de 5% a.a.(para o Plano 1) e 5,50% a.a.(para o Previ Futuro).

Para manter essa vantagem para os participantes, constantemente são monitoradas as variáveis que compõem o Empréstimo Simples de modo que assim que algum fator propiciar o redimensionamento das condições do empréstimo, a PREVI envidará esforços para a implementação da melhoria.

Permanecemos à disposição.

LUIZ ALEXANDRE SANTOS GOMES
Gerência de Atendimento
PREVI

Anônimo disse...

Francamente, a maioria esperando noticias sobre um ES melhorado que alivie nossa situaçao de imediato e a Previ continua soltando estes destaques (sempre de fim de tarde)

Saúde Financeira
Especialistas debatem o consumo e o consumismo.

Realmente é lamentavel, é preferivel nao publicar nada, pois considero isto verdadeiramente sarcasmo conosco.

Daniel Pereira

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Marcos respostas abaixo:
Abrs.
Cleide

________________________________________
Em 12/09/2011 16:52, Presidência - AAPPREVI < presidencia@aapprevi.com.br > escreveu:
Prezada Colega Cleide,

As seguidas mensagens que nos tem endereçado por cópia, mesmo com outros destinatários evidentes, nos entristecem sobremaneira. As insistentes colocações nos inserindo no rol das Associações que não gozam da sua simpatia, a colocam na posição de sócia insatisfeita com a atuação da AAPPREVI, onde seu nome foi inscrito no dia 10/01/11 por livre e espontânea vontade.

jamais inseri a AAPREVI no rol das associações que não têm a minha simpatia e jamais o farei.
Considerando-a como a todos que nos procuram para filiação, tendo-os como imprescindíveis ao crescimento da associação, vimos pedir-lhe encarecidamente informar o que podemos fazer para contemplar sua expectativa, pois tememos o pior, caso não possamos alcançar seus objetivos através dos créditos com que nos honrou, e que venhamos a perdê-la muito em breve como nossa associada, por sua iniciativa, haja vista seu posicionamento. Somente para lembrar o descontentamento demonstrado, tomamos a liberdade de registrar alguns tópicos das mensagens que nos tem dirigido:

10/09 – 15:19:

“Nossas associações, aquelas que falam em nosso nome emudeceram.
Será que elas ainda têm interesse por seus associados? Ainda valemos alguma coisa para elas ou só nos dão atenção em época de eleição?”

Estava me referindo à AAFBB, ANABB, AFAS e outras.

Mais adiante, na mesma mensagem:

“E aí? Vão fazer alguma coisa, vão se manter neste silêncio ensurdecedor ou estão esperando que a atitude parta, como sempre, de nós, que nem cacife temos e se der certo, nos apoiarão quando verem que não precisamos delas para fazer alguma coisa, como foi o abaixo assinado da Res.26?

Aqui estava me referindo à FAABB que é a "rainha" toda poderosa das associações que, para nossa infelicidade nos representam, juntamente com a ANABB e Contraf/Cut nas mesas de negociações junto ao BB.

Em 12/09 – 14:06:

“...com as atitudes de nossas associações não estou feliz com nada. Mais parece que seus dirigentes querem ser Presidentes, Vices, Senadores, Dep.Federal, Dep. Estadual e o escambau. Tudo ao mesmo tempo, como numa ditadura. Entrou, não sai mais.”

Continua na Parte II

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Parte II - Final

A propósito, Marcos, só fiquei sabendo da AAPPREVI através do grupo UNAP-BB e como eu disse anteriormente, acredito que a Entidade tenha no máximo um ano e já fez bem mais que todas as outras juntas.
Em 12/09/11 – 15:10:

“Quando digo que os dirigentes de nossas associações não estão nem aí para nós e que também não precisamos dela para nos defender, acham que estou sonhando.”

Me desculpe se a AAPPREVI se colocou neste rol, não era minha intensão, pelo contrário, divulgo muitas mensagens da UNAPP-BB nos grupos de discução, Orkut e para minha relação de contato sempre que vejo que posso divulgar o trabalho de vocês e conseguir-lhes mais associados.
Essas e outras mensagens têm como origem seu endereço de e-mail, registrado no nosso cadastro de sócios.

Não nego que as mensagens são minhas. Quando eu e Daisy criamos o Acorda-BB foi para que seus associados cobrassem atitudes de suas associações, pois elas estavam estáticas e há uns 3 anos atrás, eu ainda não tinha ouvido falar da AAPPREVI e sim destas associações que estão aí desde 198....

Por oportuno, lembramos que por ocasião da fundação da AAPPREVI, vaticinamos o que esperávamos do futuro ao emitir o conceito que fazíamos de nós mesmos, ao qual permanecemos fiéis, e em nome do que pedimos sua ajuda para correção do rumo tão veementemente condenado em suas mensagens, se for o caso:

“A AAPPREVI não tem a petulância de se julgar melhor que ninguém. Nem pretende se espelhar em corporações ou situações existentes”.

Acredito. Tanto não tem que está sofrendo um processo de expulsão da FAABB, até agora inexplicado.
Este apelo é tão público quanto as mensagens citadas, distribuídas largamente aos seus grupos de relacionamento através da internet. Talvez não como crítica mordaz, mas, quem sabe, por má informação a respeito da nossa querida associação que se quer respeitada.

As mensagens a que se refere, só foram postadas no REDE e tenha certeza que vou colar aquela sua mensagem que não encontrei na minha pasta de entrada, pois ontem não entrei na internet e tenho mais de 750 mensagens para ver.

Atenciosamente,

Marcos Cordeiro de Andrade
Presidente Administrativo da AAPPREVI
www.aapprevi.com.br

Anônimo disse...

creidi (Cleide) tu é loira? (nada contra)

Fica na ANABB 25,90 reais mensais + 300 reais para os "ADVOGADOS" entrarem com uma ação. Aí, a senhora espera,espera,espera E espera. Quando vai ganhar? Nunquinha! E fique boazinha, porq aqui o túnel é mais embaixo.
Tu tens muito pouco tempo de casa e o Marcos foi muito gentil contigo.

Paulo disse...

Caros Colegas! Caros Amigos da AAPPREVI, será que essa consultoria sobre cultura financeira,endividamento e outras baboseiras, custa muito à PREVI. Acho que esses sujeitos estão é lavando dinheiro com esses picaretas travestidos de consultores. Nos os aposentados estamos momentaneamente complicados por outros fatores, entre eles: achatamento salarial, educação de nossos amados filhos,taxas escorchantes de ch ouro e cdc do nosso BB. Graças à gestão temerária desses bandidos travestidos de adm.
Em vez de gastar dinheiro com essas baboseiras sobre cultura financeira
sugiro uma revisão no nosso plano de benefícios PREVI 1, a saber: aposentadoria concedida pelo estatuto vigente à época de nossa posse no Banco, conforme consagrado pela Justiça Trabalhista, cesta alimentação, fim da parcela previ entre outros a serem refletidos, sem nos esquecermos das pensionistas.
Se eu morrer e a minha esposa ficar recebendo só 40 por cento do meu beneficio vou ser um fantasma muito vingativo!!! ah! ah! ah! ah!

Por último vocês não acham que a cecilia está muito gordona!

Anônimo disse...

Senhor das 14:51

O creide e o loura significam o que?
Esta moça pelo que me parece faz um trabalho belissimo no ACORDA-BB
O senhor me parece que anda dormindo muito.
Pegue o seu preconceito e tente pagar com ele as suas dívidas.
Vamos ver o que consegue.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Mensagem do Colega Solonel Jr.



Pois é. Gostaria de conhecer este cidadão a quem é dirigida esta missiva. Gostaria de conhecer a extensa e brilhante folha de serviços por ele construída ao longo dos anos. Até por que não existe carreira para Diretor da PREVI, seja eleito ou nomeado. A carreira foi feita (se foi) anteriormente.



E gostaria também de conhecer o que este cidadão construiu ao longo dos anos, em benefício dos aposentados e pensionistas do Banco do Brasil. Até onde eu sei nada de novo foi criado por ninguém eleito na PREVI, e de novo mesmo, somente a doação de 50% do nosso superávit para o BB.



Acho que conheci este rapaz (nem tão rapaz assim) em um Congresso de Trabalhadores do BB em São Paulo, patrocinado pela famigerada e traíra CUT. Lá, seu comportamento foi de absoluta subserviência aos mandados de Marcel Barros.



Seus posicionamentos sempre foram de ultra direito do momento. “O Banco jamais poderia aumentar qualquer proposta nem concordar com reinvidicações sociais, pois isso derrubaria todo um planejamento já feito. Em minhas palavras, este era sue pensamento. Ora, ele dependia disso para continuar a desfilar seu sorriso moribundo pelos salões do Brasil afora.



Por outro lado, como escreve bem o colega Nereu João Lagos, de quem pouco conheço ou me lembro. Mas a julgar pela destreza no teclado e presteza em combinar verbos com favores, o colega deve ter passado a vida redigindo normativos para a CIC. E depois para o LIC.



Pois é colega. Seus pedidos nem deveriam ser feitos. Um, pelo absurdo que representa calar a boca do endividado e já de há muito roubado (parcela PREVI, expectativa de vida, fator previdenciário e outros tantos) com mais dívidas. E esta saída de que o ato de aderir ao empréstimo é um ato de foro íntimo é balela. O cidadão está endividado, com o Banco tirando sua aposentadoria pra cobrar juros - e ele faz isso mesmo, ele nem pensa em como vai ficar sua dívida. Contenta-se com uma sobrevida de mais uns três ou quatro meses, à espera ou que morra ou que caia do céu a solução.



O outro pedido, colega Nereu, é o óbvio, é o natural, e não será nenhum favor deste seu tão digno representante (a mim não representa). É apenas obrigação de qualquer cidadão sério, honesto e bem intencionado, consertar, ou pelo menos, tentar consertar o que de errado fizeram com seu consentimento.



A doação foi feita. Inês é morta. Mas ainda não foi enterrada não. O que peço aos nobres missivistas é que usem suas belas palavras não mais para encher o ego de irresponsáveis, mas para convencer colegas a votarem melhor e correto nas próximas eleições da PREVI, da CASSI e da ANABB.



Um abraço e seja o que Deus quiser. Peço a ELE para que todos estejamos mortos, até nossas beneficiárias, quando o Plano I acabar, pois todo o saldo (e será imenso, apesar de tudo) irá para o BB (governo), se a coisa não mudar. O problema é que o BB quer desde agora. Já de agora.



SolonelJr

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

---------- Mensagem encaminhada ----------
De: Mauro Passavais Data: 12 de setembro de 2011 15:41
Assunto: Ação IR Quilometragem da ANABB: 14.164 associados ainda não resgataram os valores
Para:


Quinta-feira, 08/09/2011
Ação IR Quilometragem da ANABB: 14.164 associados ainda não resgataram os valores

A ANABB continua comemorando a vitória na ação coletiva IR Quilometragem, impetrada pela entidade em 1999. A ação trata da suspensão da incidência de Imposto de Renda (IR) sobre o valor ressarcido pelo Banco do Brasil (BB), quando da utilização de carro próprio em serviço.

Nunca mais os colegas do Banco do Brasil, da ativa, sejam eles pré ou pós 1998, pagarão IR sobre os valores recebidos por uso de carro próprio. Todos estão definitivamente isentos do pagamento deste imposto. Daqui para frente, toda vez que os associados da ANABB receberem valores por uso de carro próprio, já não poderão ser tributados na fonte. Um direito que se renova todo dia.

Diariamente, são muitos os e-mails que chegam elogiando a entidade pela firmeza na condução da ação que durou mais de dez anos para ser concluída. Muitos associados, inclusive afirmam que nem ao menos sabiam da possibilidade de reaver o Imposto de Renda já pago. No entanto, a alegria da Diretoria Executiva se torna, ainda maior, por ter contribuído para que um direito se perpetuasse.

Até o momento, 17.668 colegas já resgataram junto à Caixa Econômica Federal (CEF) os valores a que tinham direito, somando R$ 82 milhões. No entanto, 14.164 ainda não procuraram a Caixa Econômica para buscar mais este benefício, que soma a importância de R$ 14 milhões. Se você é um deles, faça valer o seu direito.

Se tiver alguma dificuldade, entre em contato com a ANABB pelo telefone (61) 3442 -9696. A Diretoria Executiva da ANABB mais uma vez agradece pela sua confiança.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Mensagem da Colega Cleide:
12/09

Caros colegas,

Publico mensagem a mim dirigida (e infelizmente não encontrada na minha caixa de entrada, por isto não tenho o anexo) pela a AAPPREVI a respeito das minhas críticas às Associações de um modo geral.
É muito gratificante saber que existe, pelo menos uma Entidade cujo único propósito é nos defender junto à Previ, Cassi e BB. Parabéns à AAPPREVI que saiu na frente, aliás, este é um gesto daqueles que realmente estão interessados focados nos nossos interesses.
Parabéns, Marcos, Continue assim, pois é de gente como você que estamos precisando, por isso convido a todos os colegas que se associem a quem nos defendem, em vez de ficar rodiziando de cadeiras.
A propósito das minhas críticas, esclareço que não estava me referindo à AAPPREVI e nem à AMEST, que são as que podemos confiar de olhos fechados.

Abrs.
Cleide
==========================================
Prezada Colega Cleide,

A propósito do seu comentário abaixo, que gentilmente me encaminhou, lamento informar que não basta remeter carta para a PREVI. Há que se rezar para que seja lida e atendida.
Publicada no Blog Previ Plano 1 (www.previplano1.com.br) no dia 20 de agosto último, essa que segue como anexo foi remetida na mesma data pelo Correio, com AR, cuja recepção ocorreu no dia 24/08 assinada pelo funcionário matrícula "8.310.257-4 - OTT - III".
Ela foi remetida por dois caminhos: por e-mail que assinei como associado, Marcos Cordeiro de Andrade (matr. 6.808.340-8) e via SEDEX do Correio, com o AR acima, em nome do Presidente da AAPPREVI.
Até hoje aguardo a resposta que não se dignam honrar.

Atenciosamente,
Marcos Cordeiro de Andrade
Presidente Administrativo da AAPPREVI

==================================

Continua na Parte II

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Parte II - Final

Prá vc ver, Edinho,

Quem sabe ele e o Sasseron que estão preocupados com o nível do nosso
endividamento, poderiam depositar uns R$ 2 mil/mês nas nossas contas
todo o dia 20. Eu não iria ficar brava não. Ia é gostar.
Quando digo que os dirigentes de nossas associações não estão nem aí
para nós e que também não precisamos dela para nos defender, acham
que estou sonhando.
Quem tem, como eu já disse, 3/4/5 fontes de renda não precisa de R$
50 mil, mas nós que ganhamos uma merreca, qualquer R$ 10,00 faz falta.
Para pagar um "prêmio" de mega sena no Renda Certa para ajudarem os
compadres, tiveram de onde tirar, como iriam ter, também para pagarem
salários de R$ 81 mil, mas para nós que demos o sangue para o BB chegar
a ser a potência que é hoje, não têm.
Não nos esqueçamos que este ano e no que vem tem eleições. Eles podem
enganar alguns por muito tempo, muitos por algum tempo, mas não enganam
a todos nós o tempo todo.
Abrs.
Cleide

___________________________________
Em 12/09/2011 14:34, Edison de Bem escreveu:
CLEIDE.

VEJA SÓ, A GENTE SE MATANDO PARA CONSEGUIR NOVOS LIMITES E PRAZOS PARA O ES, E VEM UM "CARA" DESSES CONCORDAR COM O SASSERON, DESMENTINDO A TODOS OS NOSSOS ARGUMENTOS.
ALÉM DISSO, AINDA COLOCA UMA PROPOSTA IMPOSSÍVEL DE SER CONCRETIZADA "CASH", ATÉ PELOS VALORES ENVOLVIDOS. E AINDA SE DIZ NOSSO REPRESENTANTE. PEDIMOS AOS COLEGAS DO PARANÁ PARA DAR UMA "DURA" NESTE "SONHADOR".
EDISON

Anônimo disse...

Ele esta a mando do bando do brasil.

Anônimo disse...

APOSENTADORIA INTEGRAL OU PROPORCIONAL?

Existe uma grande injustiça na questão do superávit e que deve ser reavaliada.

Por que os da ativa do Plano de Benefícios 1 não precisam mais contribuir para a Previ? Como podem futuramente receber aposentadoria integral sem terem contribuído? Se eu continuei contribuindo após a aposentadoria, então tenho, no mínimo, direito a aposentadoria integral também.
Me desculpem os colegas da ativa. Mas tenho razão. A Previ tem que repensar urgente essa situação.

Essa decisão errada foi aprovada pelos dirigentes da Previ na época, pois todos eles ainda estavam ou estão na ativa e foram beneficiados.

O problema é que todas as injustiças cairão no esquecimento num futuro próximo. É nisso que eles apostam.

Conclamo a todos os assistidos que recebem aposentadoria proporcional pela Previ, para iniciarmos um movimento forte contra essa injustiça.

Aposentadoria intergral já e agora, para todos!!!!!

Chico Alves disse...

Quem diria, o Nereu acocorou-se. Literalmente.

Anônimo disse...

Vejam só...." DE ONDE A GENTE NÃO ESPERA...É DAÍ QUE A GENTE NÃO ESPERA NADA MESMO "...ainda mais de um " PUXA-SACO de CARTEIRINHA " ( pelo visto já está em campanha )...como êsse sujeitinho é " NOJENTO ".... e ainda assina sua " BABAÇÃO ".

Anônimo disse...

Senhor,
Não é réu,
Até no nome já tem a sua posição definida.
Reu somos nós, da sua falta de companheirismo, sensibilidade e dignidade.
Eqto ainda possui, coloque a mão em sua consciência e assuma o papel que lhe compete lutando contra argumentos infelizes e impiedosos de "homens" que se dizem humanos e racionais.
Tudo se consegue através da união e do coração.
Sr. Nereu, a humildade é o dom maior que DEUS nos deu, e não a subserviência.

wilson luiz disse...

Caro anônimo 12 setembro, 12:38 hs.
Quando o renda certa foi distribuido, ainda não havia a Resolução 26.

marques7689520 disse...

Vamos esquecer esse infeliz do Nereu e nos concentrar numa possível manifestação na porta da PREVI. Colegas do Rio de Janeiro e imediações, dispostos a radicalizar. Um grupo de 100 ou mais participantes, sentados à porta do Mourisco pedindo esmolas ao nosso poderoso plano com toda certeza chamará a atenção da imprensa. Quem estiver disposto, que encaminhe ao Marcos Cordeiro (caso ele autorize), nome, endereço e telefone, assegurando com firmeza a presença na manifestação para, quando atingido o número suficiente, seja marcada a data e hora para nos reunirmos e traçar nosso plano de ação. Quem sabe não chamamos a atenção do CQC?????

Anônimo disse...

Caros colegas sócios da AFABB-PR, que presidente vocês têm? Na próxima eleição vejam em quem votar. Agora seu nereu não mexe com a nossa AAPPREVI, não, pois esta e séria e honesta.

Anônimo disse...

Bom dia,
Uma Pergunta: Será que é possível fazer um abaixo assinado para que o "colega" (nunca gostei deste termo) Nereu seja desautorizadp a falar em nome de todos do aposentados e pensionistas.
Eu sei que faço parte da minoria que não , graças a Deus, no momento não preciso do ES, mas DISCORDO TOTALMENTE do que foi escrito por ele, como a MAIORIA dos aposentados e pensionistas.
Parabéns pelo trabalho, Marcos, e tenho certeza que podemos
considerá-lo como Amigo.

Mariano Branquinho disse...

Valeu anônimo das 03:32, somos da mesma opinião.
Alô Marcos, acho que já está na hora( salvo melhor juízo) da AAPPREVI, colher sugestões e montar a nossa chapa para as eleições da Previ em 2012.
Vamos continuar nossa luta pelo aumento do ES 150/150, com muita fé em DEUS,chegaremos lá.
Abraços Mariano Branquinho

Elias disse...

SE APOSENTAR SEM CONTRIBUIR???

Kkkkkkk!!! Kkkkk!!! KKKKKKK!!!! Parece piada, motivo para rir até a barriga doer, hilariante mesmo. Mas o impensável está em andamento. E com um incrível bônus em dinheiro, equivalente aproximadamente 1.200% (mil e duzentos por cento) do valor do Benefício a que o(a) "sortudo(a)" tem direito hoje - para não ficar dúvida, faça uma simulação no sítio da PREVI; Pegue 20% (BET) do valor do Benefício (B) obtido e multiplique por 60 (B x 20% x 60). Assim se obtém 1.200% ou 12 vezes, ou 1 ano de “benefício”, por acréscimo.
É isso mesmo, não estou sonhando e também não estória de Papai Noel. Esse fato, por incrível que pareça, está sendo levado a efeito pelo Banco do Brasil a seus Funcionários (aqui chamado da ATIVA). A “bondade” do Banco fundamenta-se numa NEGOCIAÇÃO do SUPERÁVIT da PREVI, onde o Banco foi contemplado com a metade desse superávit, destinando para seus cofres a fortuna de R$ 7.500.000.000,00 (sete bilhões e quinhentos mil reais). R$ 7,5 bilhões limpinhos, pois o “presente” destinado aos da ATIVA sai dos 50% que cabem aos Aposentados e Pensionistas da PREVI. Estes então, na realidade, ficaram com aproximadamente 35% do Superávit, dos quais ainda desconta-se o IR e a CASSI.
Acha isso um absurdo? Que está absolutamente em desacordo com os princípios econômicos, éticos e morais? E que se configura numa gritante INJUSTIÇA? Então está na hora de buscar uma solução efetiva para mudar essa realidade.
Penso que é muito simples: basta cessar o carreamento para os da ATIVA e, com esse valor, MELHORAR OS BENEFÍCIOS E AS PENSÕES. Ué, mas os da Ativa não tem direito ao Superávit? Suas contribuições não ajudaram nessa “sobra”?. Tem, SIM, e deverão ficar satisfeitos e felizes ao se aposentarem com um Benefício MAIOR, como todos seus Ex-Colegas.

Anônimo disse...

Por ter AUTORIZADO o Governo/BB através de uma resolução a RETIRADA de 50 BILHÕES da Previ, DINHEIRO DOS APOSENTADOS, e por ter feito outras MALDADES, sabe-se lá quais, O COLEGA APOSENTADO, SENADOR JOSE PIMENTEL, DO CEARA, FOI AGRACIADO COM O CARGO DE LIDER DO GOVERNO NO CONGRESSO NACIONAL.

QUE PAÍS É ESSE?!!!

Anônimo disse...

Colegas temos lutas mais importantes a travar, acho que estão usando o empréstimo simples como a salvação da lavoura e não é.

Vejo colegas querendo assumir uma dívida de 12,5 anos com a PREVI. Não será a pá de terra que está faltando para nos enterrar?

Vamos dar mais enfase as promessas feitas pelo BB/PREVI que não foram cumpridas, tais como a revisão dos benefícios.

Anônimo disse...

Quem topa fazer o que o colega Marques sugeriu?
Eu topo! É só o Marcos autorizar.

E a divulgação do dia, e hora, só por e-mail e telefone.

Já bolei até a fantasia para mim e mais uma amiga. Ana vai de chapelzinho vermelho, eu de de vovó da chapelzinho.

VAMOS? QUEM DO RIO E PROXIMIDADES TOPAM? E DE OUTROS ESTADOS?

Vamos levar uma cestinha de doce para o lobo mau.

Anônimo disse...

Nem o telefone do Pas atende! Silencio total!
Socorroooooooooooooooooo!!!

Anônimo disse...

Eu sou de Minas e também topo.Daqui deve sair uma excursão rumo à Previ.

Anônimo disse...

Queremos aposentaria INTEGRAL, já!!! Assim como os da ativa terão, e SEM CONTRIBUIR para tal. Afinal, eu continuei contribuindo mesmo após aposentado, por mais de 30 anos, e recebo proporcional. Por que?

Vamos corrigir essa injustiça Dona Previ!!!!

Anônimo disse...

Eu irei para a frente da Previ, como sugerido pelo colega Marques das 11:33 e outros. Basta o Sr. Marcos disponibilizar um meio de efetuarmos uma lista através desse blog e me inscreverei.

Vamos lá, pessoal!

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Mais uma promissora iniciativa da Colega Leopoldina Corrêa.

"GARRAFAS AO MAR"

http://www.youtube.com/watch?v=l-gNtu1RNxo

Elias disse...

CORREÇÃO:
No comentário SE APOSENTAR SEM CONTRIBUIR (às 04:54 de 11) nosegundo parágrafo leia: 7.500.000.000,00 (sete blhões e quinhentos milLHÕES DE REAIS).

Anônimo disse...

Colegas,

O PLANO DE BENEFÍCIOS 1 (PB1) e o PREVI FUTURO são tão distintos e caminham em direções tão diferentes, que existe uma só solução: criar DUAS chapas nas próximas eleições da Previ. Uma para administrar exclusivamente o PB1 e outra para administrar exclusivamente o Previ Futuro. Não dá mais pra misturar as coisas. O atuais dirigentes estão totalmente alienados e querendo entregar o dinheiro do fundo que tem tempo limitado de duração. É o que tá acontecendo como o PB1. Vamos reagir enquanto há tempo. Vamos pressionar e mudar os estatutos para compor duas diretorias na próxima eleiçõe.

Anônimo disse...

Colega Marcos,
Está aí uma questão procedente. O colega anonimo das 17;31 - 12/09 abordou um assunto que mereece profunda reflexão.
Os funcionários da ativa estão tendo os valores do BET creditados para retirada pós-aposentadoria, e com AS CONTRIBUIÇÕES SUSPENSAS, e custeadas pela Reserva Especial, terão seus beneficios calculados sem contribuir, às suas expensas, para a Reserva individual.
E os funcionários que se aposentaram sem completar os 360 meses de contribuição, mas continuaram contribuindo, atraves de desconto ou utilização da Reserva Especial não devem ter seus beneficios recalculados?
O § 1º do artigo 96 do Regulamento da Previ esclarece que:

§1° - Considera-se como tempo de filiação à PREVI, para os efeitos deste Regulamento, aquele relativamente ao qual o participante para ela contribuiu, até a véspera de início de percepção de benefício previsto neste Plano ou do óbito, se este se verificar antes da jubilação, acrescido, quando for o caso, daquele em que, anteriormente a 15/4/1967, manteve vínculo empregatício com o Banco do Brasil S.A. ou com a própria PREVI.

O Regulamento, neste caso, não considera que as contribuições suspensas sejam consideradas como TEMPO DE FILIAÇÃO Á PREVI.
Tô certo ou tô errado?

Anônimo disse...

Não vamos sair do foco que é o ES colegas que estejam precisando como eu.

Sasserom manda o nosso e tão esperado dinheiro. VOU ME MATAR! E ANTES DEIXO CARTA ACUSATÓRIA PARA A PREVI E Cia.

A ONDE ESTÁ A LEI DOS IDOSOS?

Saulo.

Anônimo disse...

Colegas, para quem está endividado, um adiantamento do Bet de 12 meses, ajudaria muito, o pagamento integral fica fora da alçada da Previ precisaria de aprovação da Previc e nós não podemos esperar mais por ajuda.O Es é caso de vida ou morte, não pode demorar tanto para sair, está matando as pensionistas e aposentados de tanto nervoso e indignação.Concordo que temos que ir para porta da Previ, que os colegas o Rio espalhem a idéia para os colegas daí, que não precisam gastar com passagem e pousada, vamos fortalecer o movimento.

elvira disse...

Colegas,

Ir para a porta da PREVI com a mídia dando cobertura e que tal irmos fantasiados de palhaços?

jvasconcellos disse...

A T E N Ç Ã
-----------

o colega d0 dia 13/09/20011 as 06,46
ABORDA UMA SITUAÇÃO GRAVE.....
A PREVI TEM QUE RESPONDER ???????
MAIS UMA GRANDE MERDA QUE OS DIRETORES DA PREVI TERÃO QUE EXPLICAR >>>>ATE MAIS UM PROCESSO JUDICIAL>>>>>>> EU SEREI O PRIMEIRO
A COBRAR DA PREVI>>>>>COMO ISSO VAI FICAR>>>>>>>>>>>

JVASCONCELLO

Pensionista disse...

Sou pensionista e se for preciso saio daqui do interior de São Paulo para o Rio manifestar junto com voces na porta da PREVI.Vamos combinar pessoal.

Anônimo disse...

QUE VENHA TUDO.
ADIANTAMENTO DE 12 DO BET, ES 150 X 150, REALINHAMENTO DO PLANO DE BENEFÍCIL, DEVOLUÇAO DO ER SOBRE O BET E OUTRAS PROMESSAS NÃO CUMPRIDAS PELA CHAPA 3.

RESPONDEM SE VAMOS ORGANIZAR A IDA NA PREVI. SEU MARCOS NÃO EH ADVINHO!!

ABRAÇOS.

GERMANO. BELÉM.

raul avellar disse...

O segundo "peladaço" está mais do
que maduro! Basta marcarem a data.`
É necessária a união dos blogs do
Marcos e do Medeiros para que essa
demonstração na porta d Previ seja
inesquecível para o governo.
Da forma como a indignação geral já
tomou corpo acredto que, desta vez,
até os papagaios das pensionistas
comparecerão. Contem comigo de novo
Raul Avellar

Anônimo disse...

Infelizmente os aposentados e pensionistas vao ter que ir SIM para a porta da Previ, pois cartas, mensagens e nem o dialogo adiantou, nos roubaram A LUZ DO DIA, quebraram as promessas, reunioes nao deram em nada, nao comentam mais NADA, e ainda atiram na nossa CARA que estamos todos endividados e se nao bastasse tudo isto, ficam em silencio ate na questao do ES, entao chegou a hora de agirmos, antes que seja muito tarde.
Rumo ao Mourisco, queremos respostas, chega de enganaçao e conto da CINDERELA.
Desta vez Previ, serao centenas, quem sabe milhares!

Valdomiro Gonçalves

Anônimo disse...

Um dos quatro funcionários do Complexo Hoteleiro da Costa de Sauípe internados com meningite continua em estado grave, mas estável, de acordo com boletim da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) divulgado nesta terça-feira. O paciente está na UTI do Hospital Couto Maia
Cuidado senhores juizes!!!

Anônimo disse...

Colegas a questão 360/360 é importante, mas o FOCO agora é o ES 150/150 e o adiantamento de 12 parcelas do BET para sairmos do sufoco as demais barbáries que a Previ faz conosco ficam para depois do ES.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Sensatas e oportunas colocações de um Colega ainda "na ativa":

Caro Marcos Cordeiro

Não nos conhecemos pessoalmente, no entanto acompanho diariamente seu blog.
Tenho 23 anos de BB, portanto ainda na ativa. Percebo que a grande maioria dos comentários em seu blog e em outros são oriundos de pensionistas e aposentados da Previ, o que é justo, pela proposta do mesmo, o que não impede que todos, ativa e aposentados, participem com suas importantes opiniões.
Muitas vezes também, comentários postados por esse nossos nobre ex-colegas de BB desnecessariamente criticam negativamente àqueles que estão ainda na ativa, como se os mesmos fosse culpados pela atual situação do banco e da Previ, que está anos-luz de distância hoje da relação quase familiar que existia não há muito tempo atrás entre os associados/funcionários e a PREVI/BB, nessa ordem, lamentavelmente.

Ao menos nas últimas eleições para a Diretoria da Previ e seu Conselho Fiscal, salvo engano, a participação dos aposentados nas referidas eleições foi muito abaixo do desejado, o que, de certa forma, contribuiu para que estejamos hoje, tanto aposentados quanto ativos, sendo literalmente humilhados pela PREVI, não obstante sermos a sua real essência de existir enquanto Caixa de Previdência. Somos todos desrespeitados pela mesma, ao menos nos últimos anos. Tratados com frieza e uma comunicação inexistente e, quando ocorre, com uma padronização típica de um mundo regido pela burocracia e pela insensibilidade com o outro.

Veja o que vem acontecendo com o ES-Previ. Todos, sem exceção, que o corpo de associado espera anualmente que a PREVI faça o já tradicional realinhamento do Empréstimo Simples, que de simples não tem nada, já que segue regras do Mercado e, consequentemente suga as parcas finanças do Associado, a cada folha rodada e gerando um saldo devedor praticamente impagável. Assim, força a todos, essa renegociação da dívida, tornando-a quase que permanente, atingindo aposentados e os da ativa do PB1. Mas a PREVI, e seu corpo diretivo, inexplicavelmente, mesmo sabedor de todas as necessidades de seus associados (legítimos donos da mesma), opta por uma estratégia maquiavélica, beirando o sadismo, ao silenciar propositadamente sobre o assunto debatido calorosamente nos blogs e sites, a exemplo da AAPPREVI (Previ Plano 1) e do Blog do Medeiros, causando profundo mal estar e desequilíbrio emocional no corpo de associados.

Ora, se o Sr. Sasseron e outros da PREVI estão verdadeiramente preocupados com o endividamento dos Associados da mesma no ES, já passou da hora de se buscar uma forma inteligente e discutida com o Corpo Social, de encontrar solução viável e eficiente para a questão. Penso eu que realinhar anualmente, neste formato selvagem e injusto existente no Mercado capitalista, só gerará este tipo de conflito que ocorre hoje entre os Associados e a PREVI, sendo seu desgaste emocional e financeiro inevitável.

Continua na Parte II

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Parte II - Final

Por que não a implantação de uma ferramenta de crédito sólida e duradoura, que traga resultados positivos e uma satisfação mais próxima das necessidades de todos? Certamente poderia ser benéfica para ambas as partes. Se lançaria, não sei se este ano seria mais possível, talvez em 2012, um ES com prazo bem maior do que o limite de crédito disponiblizado, que atendesse a todas as necessidades imediatas de socorro financeiro aos seus associados, porém com possibilidade de Renovação mais tardiamente, por exemplo:

ES Simples 150 mil / 200 meses - Renovação a cada 12 ou 24 meses, com carência de 3 ou 6 meses para a primeira parcela, e realinhamento, se o caso, da linha de crédito, a cada 3 anos.

Creio que uma opção como esta, com regras claras e neste formato ou em outro similar, atenderia aos anseios dos Associados, dispensando todo este conflito emocional vivido por todos nós, ativos, pensionistas e aposentados, a cada ano, nesta época, causando-nos transtornos financeiros/psicológicos e levando alegria sádica a alguns que nos representam oficialmente na PREVI, por nossa única e exclusiva responsabilidade, pois fomos nós que os elegemos e os colocamos lá, diretamente com o voto dado ou indiretamente com a omissão no pleito e nas reinvindicações necessárias.

Não podemos e, acredito, queremos, tornar o ES Previ numa moeda de troca anual, num combate sem vencedor entre os Associados e a PREVI rotineiramente. É preciso mais competência gerencial dos nossos representantes na mesma e mais participação efetiva e inteligente dos Associados, e para isto, é preciso mudar valores e objetivos pessoais e institucionais, além, é claro, de termos uma estratégia mais clara e duradoura na gestão do ES Simples e do Emprestimo Imobiliário, sendo este último, uma outra conversa.

Espero ter colaborado com a questão, até porque sou um sofredor e cliente cativo do ES Simples como a maioria dos Associados da Previ PB1 e não suporto mais este desgaste repetido anualmente. Precisamos mudar esta postura, precisamos ser mais respeitados pela PREVI.

Se quiser publicar este e-mail em seu Blog, já está autorizado. Se até lá já tivermos uma mudança no ES Simples definido para este ano, fica mantida a sugestão dada nesta mensagem em sua essência e a opção em destaque (negrito) sugerida.

Grande abraço, e siga em frente em sua luta, que é de todos.

Fred Santos
Bahia

Anônimo disse...

Alô colegas aposentados, pensionistas e da Ativa. Dos 94 candidatos ao cargo de Conselheiro Deliberativo da Anabb, 46 estão no Canael.
Muito cuidado nos candidatos de numeros: 115 - 121 - 122 - 134 - 140 - 150 ( cento e cinquenta) repito 150, 157 - 161 - 184 190 193.
Vamos votar no Dr. MEDEIROS pessoal.

Pensionista disse...

Fred, voce soube se expressar! Gostaria de parabeniza lo. Não escrevo tão bem como voce me desculpe, mas tentarei escrever o que penso: Por que na campanha que vcs todos os anos precisam fazer para melhores salarios não aproveitam e lutem por uma pensão melhor para as pensionistas? Voce não acha pouco 60% do que nossos maridos ganhavam e o que pagavam para a PREVI uma das Caixas de Previdencia mais rica da America Latina? Pensem também nos aposentados porque daqui alguns anos vcs estarão como nós !Um grande abraço dessa Pensionista muito sofrida!!!

Anônimo disse...

Pensionistas podem votar, sendo associada da ANABB?

Anônimo disse...

FALOU E DISSE FRED.
Mais ninguém tem bola de cristal para saber se essa chapa ou aquela, vai prestar. (NO CASO PREVI)

É a mesma coisa para presidente do País: o cara é bomzinho, não tem nada contra ele, mais quando entra, o poder, ele muda.

Acho que TACREDO NEVES ia dar certo. Tanto ia dar certo, que mataram ele.

O único que andou na linha, o trem matou.

VIVA O BRASÍL! VIVA A PREVI!
Bando de pilantras e picaretas.

Precisamos do ES calcada e transbordantes.

Anônimo disse...

O Colega Fred foi extremamente feliz nas suas colocações e merece um parabéns pelo seu pensamento.
Principalmente porque não ficou apenas na critica pura e simples, mas apresentou sugestões interessantes para mudar o quadro de desespero atual.
Também acho que o realinhamento do ES no formato pretendido pela maioria apenas adia o problema para o proximo ano, quando todos estarão aqui de novo com a corda no pescoço pedindo pelo amor divino mais um "realihamentozinho"
O comentário do nosso colega precisa ser visto com extremo carinho e reflexão.
Um grande abraço, Fred.
Claudio

Anônimo disse...

AMEI FRED!! PARECE ATÉ MEU FILHO.
VAMOS JUNTOS DAR-MOS AS MÃOS!!
PENSE NA SUA ESPOSA, NÃO QUEREMOS ELA COMO NÓS(claro sem desejar-lhe algo)
ESTAMOS MUITO MAL MEU FILHO!! EU VIVO CHORANDO, EU JÁ PEDI A DEUS PARA ME LEVAR SEU FRED...

NÃO SUPORTO MAIS ISSO!!!!!!!
SOU PENSIONISTA.
MEU SALÁRIO 2.000. BRUTOS!

ANGELA.

Anônimo disse...

ATENÇÃO!

Nas eleições da Anabb e Previ não esquecem de verificar a lista dos maus representantes no CANAEL. Se seus nomens constarem ali, não votem neles.

Assina anônimo cansado de ser enganado.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Ação RENDA CERTA da AAPPREVI – 2° lote – MAIS UMA VITÓRIA

“13/09 - POR UNANIMIDADE, NEGOU-SE PROVIMENTO AO RECURSO NOS TERMOS DO VOTO DO DES. RELATOR.”

Processo n° 0365250-50.2010.8.19.0001 (www.aapprevi.com.br – Assessoria Jurídica).

Logo mais à noite a Assessoria dará os detalhes – no Blog e no Site.

wilson luiz disse...

Caro Fred, da bela Bahia de Todos os Santos, 13 setembro 09:12 hs.
Concordo com você que é necessário dar-se um basta a esta situação insuportável e angustiante, que se repete todo ano, quando é pedido o "realinhamento" do Empréstimo Simples. Veja você, R$ 150.000,00 representaria um incremento de 50% sobre o valor atual, vigente desde outubro/2010. A seguir esta progressão, em 2014 estaríamos pedindo R$ 506.000,00!!! Isto seria o suicídio financeiro de muitos associados.
Em complemento à suas sugestões, proponho que seja concedido, agora, R$ 150.000,00, com prazo de 150 meses. Este seria o ponto de corte do nível de endividamento; mudar-se-ia o regulamento do E.S., estipulando que este valor, a cada 12 meses, seria corrigido pelo INPC, permanecendo inalterado o prazo; carência e renovações poderiam ser negociadas. Isto colocaria fim à novela do ES, repetida todos os anos e que, francamente, já "encheu o saco".

Anônimo disse...

Ao anônimo das 09:57

Amigo(a), mas como tem candidato ruim na lista. Estou perplexo. Será que acham que somos idiotas? Ou se fazem de bobos(as) para ver se passam? Vamos impugnar. Tenho um canditado certo: Dr. Medeiros.
TÔ CHEIO DE VER TANTOS INCOMPETENTES QUE TEM NESTE PAÍS!!!

Anônimo disse...

Sr. Marcos,

Parabenizo ao colega da ativa que tão bem e oportnamente se posicionou sobre os problemas dos aposentados.

Se pelo menos um quarto dos funcionarios da ativa estivessem sabendo dessas maldades que o BB/Previ estão fazendo contra nós, talvez a nossa realidade seria bem diferente.

Um abraço.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Ademir e amigos,



Independentemente dos deslizes do Sr. Nereu ou de ser "puxa-saco" ou não. Ou ainda do equilíbrio estar no meio como diz o colega Rozza.


Eu entendo que ninguém pode dizer o que fazer com o dinheiro de cada um de nós. Nem as associações poderiam ter assinado um acordo provisório em nosso nome "doando" 50% ao BB, nem o Sr. Sasseron pode dizer se queremos ou não ficar endividados, nem o Sr. Nereu poderia dizer se preferimos receber o BET antecipadamente ou não.


Enfim, eu digo que estamos de novo com colegas enfiando os pés pelas mãos e se "auto proclamando" representante de todos nós dizendo o que devemos ou não fazer com o nosso dinheiro, sentindo-se no direito de falar em nosso nome.


O dinheiro da PREVI é nosso, se temos uma margem consignável, ela é que determina nosso poder aquisitivo e/ou nosso poder de endividamento. No meu entendimento o empréstimo da PREVI deveria ser de valor indefinido e só o prazo é que deveria ser determinado. Se a prestação couber em nossa margem consignável é porque temos capacidade de pagamento e ponto final. Não cabe a ninguém dizer se vamos ficar endividados e "tomar conta" da nossa situação financeira. Tb não cabe a ninguém vir negociar nada com a PREVI em nosso nome, sem nos consultar.



Afinal estamos bem grandinhos para saber o que devemos fazer com a nossa grana, é ou não é?

Abçs
Daisy

Anônimo disse...

Boa FRED , da Bahia, apoio o seu argumento e também os dos anônimos de 13/09, das 6;07 e 6;46.
Eu também sou aposentado proporcionalmente, recebo 27/30 , tomei pósse em 1962 e aposentei em 1990 e nunca deixei de ontribuir para a PREVI.
Também estou de acordo com a "panelaço" na porta da Previ, mas o Marcos deverá informar a data(dia e hora)por e-mail a cada associado da AAPPREVI, para que os "ladinos" n/tomem conhecimento e fujam do mourisco.

Anônimo disse...

PARABÉNS DAISY
É ISSO AÍ

Anônimo disse...

Tudo indica o ES não terá nenhuma mundança. Nem a bola de cristal do guru Medeiros está funcionando.

Anônimo disse...

Parabens Daisy, é isso aí. Parabens também ao colega Rossi, vejam que e-mail ele enviou ao Sasseron, sempre em nossa defesa.No momento encontra-se no Blog do Juarez, e a AAPPREVI também está divulgando na coluna Minha Lista de Blogs.Esperamos que dessa vez o Diretor se senbilize e promova logo o aumento.Também contamos com a ajuda do nosso grande Marcos Cordeiro, vamos ter fé em DEUS que tudo irá dar certo.

Anônimo disse...

vamos marcar a data para a ocupação da previ. é só marcar a data que tô lá e não vou sozinho não.mas tem que ser urgente!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Em breve Sr. Medeiros vai estar na lista do CANAEL.

Anônimo disse...

ANONIMA 10:54.

PODE SIM, MAS ANTES DE UMA OLHADA NA CANAEL. AQUI,DO LADO DIREITO DO SEU MONITOR. NÃO VOTE NESSES CARAS PELO AMOR DE DEUS!!

JÁ ESTÁ ATUALIZADA A CANAEL SEU MARCOS?

Anônimo disse...

Gostei do PLANO DE BENEFÍCIL
do anônimo das 8:44
Qua, qua, qua........
Veio bem a calhar,
Tá DEFÍCIL
Pobre de nós....

Anônimo disse...

Colegas, que a Previ libere 12 meses do Bet antecipadamente, sem nada é que não podemos ficar.

Luis-BH disse...

Aos associados da Anabb,

Chegou a hora de darmos o troco nessa corja de aproveitadores. Acho que podemos em votar em qualquer um, menos nas figurinhas carimbadas que abundam na relação de inscritos.

Vai ser um bom começo. O troco para as migalhas que as figurinhas manjadas nos fizeram o "favor" de nos dar.

Anônimo disse...

Amém!! Colega 15: 54.
Já devia estár. Ele engana é os trouxas
lá do blog dele.
E como tem traíra desse blog para o dele.

Dessa vez anônimo(a)?

Me enganam que eu gosto...

Anônimo disse...

Na lista de candidatos para as eleições da Anabb constam nomes que já são RAPOSAS VELHAS. Por favor, não votem nesses nomes que já concorrem "desde o tempo do império" e sempre são reeleitos. Essas raposas velhas nada fazem de bom para nós aposentados.
Desta vez vamos cuidar do nosso galinheiro e protegê-lo do ataque dessas raposas que são muito experientes e visam acabar com nossas esperanças.
Eles só pensam no cargo que oferece bons salários e muitas mordomias (são viagens, translados, hospedagem em hotel 5 estrelas, jantares e bebedeiras).

Cacete neles! Vamos excluí-los dessa vêz. É a nossa oportunidade de demonstrar nosso descontentamento.

Anônimo disse...

Colegas,

Sobre as eleições da ANABB, tenho uma visão diferente: não adianta votar em ninguém, pois quem manda e desmanda é o VALMIR CAMILO.

A solução é uma só a DESFILIAÇÃO EM MASSA.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

MAIS UMA VITÓRIA DA AAPPREVI – Ação Renda Certa – lote 2

Hoje (13.09.2011), a 18ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro NEGOU PROVIMENTO ao recurso de Agravo de Instrumento da PREVI (processo 0035653-78.2011.8.19.0000) que visava a revogação do despacho da Dra. Rosa Maria C. Maneschy, da 49ª Vara Cível do Rio de Janeiro. Esse despacho rejeitou as preliminares da PREVI. Agora o processo originário voltará ao seu trâmite normal. Acreditamos que a sentença de mérito deve sair até o final de novembro de 2011.




Att.

Dr. Tadeu

Anônimo disse...

Colegas,

Nem do CANAEL, nem do Paraná, nem os que assinaram a moção de repúdio.
Marcos se possível coloca outra vez a lista dos que dão assessoria as empresas da PREVI. Lembro de um colega que aparece em 17 empresas.
Vamso varrer esta turma das tetas.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Vejam quais são os Conselheiros em Empresas participadas da PREVI.

Copie e cole sem medo de vírus:

http://www.aapprevi.com.br/documentos/pdf/lista_canael_previ.pdf

Anônimo disse...

Pelos comentarios sobre as eleiçoes para a anabb,vejo que muitos colegas ainda sao filiados?????Ainda nao aprenderam que uma vez la dentro,vao fazer o que o banco quer,seja quem for.
E por isso que nao vejo soluçao para acabar com os roubos ao nosso patrimonio que esta na Previ.
A soluçao e a desfiliaçao em massa.
E lamentavel.
Duda

Anônimo disse...

Viajei e somente hoje pude ler a cartinha do Senhor Nereu. Deve ter colocado perfume e carimbado um selinho ao destinatário. Blá, blá e mais blá. Cheio de rapapés e salamaleques, bem ao tipo dos baba-ovos e capachos que orbitam o Banco e a Previ. E depois, se as solicitações forem atendidas, ainda vamos ter que aturar um bobalhão destes reivindicando a paternidade das "coisas". Infelizmente temos outros que dizem ter bola de cristal cacarejam ovos de avestruz e quando o produto é expelido é do tamanho de feijão fradinho. O que me revolta é que idiotas deste calibre nos tratam como idiotas, apresentando "novidades" como se tivessem feito uma grande descoberta. Como se o cara dos 42 mil/mês não soubesse o que tem que fazer para aliviar a vida de algumas centenas de assistidos e pensionsitas.