quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

PREVIC salve-se quem puder!

Caros Colegas

Agora é irreversível. A criação da PREVIC é fato consumado e sua Direção já foi escolhida beneficiando apaniguados contumazes - sem conter em seu bojo nenhum aposentado sério, destituído de benesses.

Os nomes contemplados pertencem ao PT e seus aliados como era de esperar, afinal, como apregoa o enunciado do Órgão, sua função é monitorar o bilionário patrimônio dos Fundos de Pensões – leia-se Previ.

O inusitado nisso tudo é que os próprios fundos arcarão com a manutenção, aí incluídos todos os ônus inerentes e sem nenhuma ingerência. Ao contrário do que seria lógico, pagam para se aborrecer. Eles pagarão para que o Governo interfira no uso do patrimônio que pertence aos seus milhares de aposentados e pensionistas filiados - que amealharam suados tostões para dar brilho à jóia da cobiça.

A ordem é que os Fundos se mantenham passivos sob o tacão fiscalizador e ditador de normas quanto à destinação e uso do seu patrimônio, que corre o risco de ser assaltado, consumido e dizimado. Deixando, deste modo, aposentadorias e pensões desamparadas pela destituição do montante construído.

Muito antes de este Órgão vir à luz, o Banco do Brasil vem fazendo uso dessa prerrogativa que ele mesmo fabricou, sem amparo legal e sem contestação com ressonância jurídica. Imaginem agora, sob o manto da Previc, do que será capaz. Até aqui apropriou em seu balanço mais de cinco bilhões de reais da PREVI. Há como calcular como será doravante?

Se essa aberração chamada PREVIC for examinada sob a ótica da Lei encntrará amparo para declaração de sua inconstitucionalidade. Encontraria, melhor dizendo, pois no País do PT a Constituição Federal muitas vezes é vilipendiada impunemente. Muita coisa é feita à socapa, sem interferência da Justiça que faz jus à máxima que a identifica: ela é cega.

Deus salve a PREVI!

Marcos Cordeiro de Andrade – Curitiba (PR) – 27/01/2010.

17 comentários:

Anônimo disse...

Marcos,

como hj é meu aniversários achei que podia tudo, e ahi segue comentario postado no blog da Cecilia a respeito deste absurdo acontecido em nossas vidas chamado PREVIC;

Cecilia,

para quem fez como eu na NCR o Balancete diário da Agencia e o DECON (agora não lembro ) mais acho que era a cada 6 meses, e os mesmos eram feito pelas contas de resultado do Banco, acredito que para manipular um resultado geral de um Banco o cara tem que ser alem de discipulo do tal Magico Mr. M , frequentar algum bom terreiro, pq no osso do peito , fraudar um balanço geral de uma Instituição em que cada agencia apresenta o seu resultado, to pagando pra ver.
Mais vamos ao que eu ia falar.

CEBOLÃO

quem não lembra, assim era chamado e acho que hj ainda é, o jornal de um sindicato ,e a nossa propria folha de pagamento. Agora são os blogs, que mais parecem um muro de lamentações, mais tambem pudera, com essa corja que tomou conta do pais, dos sindicatos e nossas associações, fica dificil, e para coroar tudo o mais, ainda nos aplicam esta tal PREVIC, onde só estarão os apadrinhados e os sem escrupulos, afim de juntar dinheiro para futuras eleições de governador e presidente, logicamente não esquecendo de permitir q se aumente de qdo em vez os emprestimos simples, afinal não querem matar quem os sustenta, apenas nos deixar combalidos a ponto de não podermos nos unir e fazer algo de concreto contra esse bando de marginais que nos assaltam todos os dias.

sergioinocencio

Anônimo disse...

Infelizmente nao existe no nosso pais um juiz de carater, que nao se venda para a corja que ai esta.
Todos tem rabo preso por isso.....
Como disse o colega, a justiça e cega mas Deus enxerga tudo,tudo mesmo.Nao percamos a esperança.
Vamo derrubar toda podridao,aguardem.
Favor publicar.

Anônimo disse...

Aposentados do Banco do Brasil da Paraiba ganham açao da cesta-alimentaçao.Leiam no site da Contraf.
Publique por favor.

Juarez Barbosa disse...

Mas do que nunca, agora, se faz necessário erguer nossa Associação, e colocar em sua direção pessoas extremamente competentes, "velozes" e furiosas" quanto a defesa de nosso patrimônio e de nossos interesses. Vale destacar também que será necessária a participação ativa de todos, na criação de mecanismos inibidores de qualquer iniciativa nociva a nossos interesses, seja em "panelaços" na frente do órgão recem criado, etc...
Vamos lá gente!!!! Vamos mostrar para esses pelegos a força de nossa união e de nossas manifestações.

Anônimo disse...

Prezado Sérgio,

Concordo com quase tudo, exceto com o fato de existir a possibilidade de manipulação dos resultados depois da implantação do sistema DEB.
Agora, mais do que nunca precisamos, COM URGÊNCIA, de uma entidade comprometida com a defesa de nossos interesses.

Jorge Teixeira disse...

Colega Marcos Cordeiro,
Peço licença para fugir um pouco do foco e fazer uma colocação que entendo como pertinente neste momento. A Contraf-Cut, em seu site, disponibilizou em 27.01.2010 matéria cujo título é “Contraf-CUT inicia nesta quinta negociação das mesas temáticas com BB”. Dentre essas citadas mesas temáticas uma, em particular, desperta maior interesse entre os aposentados e as pensionistas do “PB-1”. Trata-se da mesa temática sobre previdência e terceirização, na qual será discutida uma possível distribuição da reserva especial para revisão do plano de benefícios. Ela será objeto de reunião com o patrocinador em 24.02.2010. Nessa mesma notícia da Contraf-Cut há um parágrafo que diz: “O estabelecimento da agenda de negociações é um passo importante, mas ele por si só não garante conquista de direitos. É preciso que haja mobilização do funcionalismo em todo o país para pressionar o banco, afirma Marcel Barros, secretário-geral da Contraf-CUT e coordenador da Comissão de Empresa dos Funcionários do BB”. Penso que o terreno já foi devidamente pavimentado pelo órgão sindical para o caso de não haver êxito em algumas das tratativas. Senão vejamos: foi mencionado que há necessidade de mobilização do funcionalismo em todo o país para pressionar o banco. Todos sabemos que o nível de mobilização dos aposentados e das pensionistas, numa previsão bastante otimista, é muito pequeno em relação ao contingente expressivo de colegas que estão hoje nessas condições, contribuindo para isso as mais variadas razões possíveis que não me cabe aqui discutí-las e nem mencioná-las. Assim, fica uma interrogação no ar: O que esperar de uma tratativa na qual o nosso único interlocutor admite claramente que a possibilidade de êxito dependerá da mobilização da categoria em todo o país?

Marcos Cordeiro (André) disse...

Caros Colegas.

Não serão publicados comentários anônimos contendo indicação de candidaturas. Isto evitará que candidatos se promovam à custa deste espaço, o que invalidaria o espírito democrático do Blog. Também, o CANAEL deve ser respeitado mesmo nas indicações de participantes identificados.

LUIZ FERNANDO disse...

e'isso aí,Marco,na dora de votar vamps para o nosso google chamado CANAEL, nossa principal ferramenta.

Paulo Beno disse...

Preocupante a formação desta PREVIC.
Concordo que há grandes indícios de inconstitucionalidades, seja na formação dos diretores, seja na ausencia de ilibados aposentados, seja na contribuição obrigatória da fiscalizada e, do que virá (uso do dinheiro dos participantes para causas escusas e políticas que favoreçam o PT e suas campanhas).
Vem corrupção forte aí !
Há algo de podre ?
Não está cheirando bem ?
Com a palavra a OAB, guardiã civil da nossa Constituição. Só a OAB poderá provocar nossos tribunais superiores (STF), com medidas que protegerão nossa PREVI à luz da nossa Constituição Federal, nos salvando da perda de nosso dinheiro e do favorecimento explicito ao partido político PT e de seus simpatizantes.
Vamos por a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil)nesta defesa patriótica da Constituição Federal.
Nada há a temer ?
"Eu tenho medo" (parafraseando aquela atriz global).

Anônimo disse...

"Estamos inaugurando um novo tempo",palavras do Ricardinho sem pena no site da Anapar.Para nos,aposentados e pensionistas,nada de novo,so a roubalheira sera maior ainda.
Favor publicar.

Anônimo disse...

Eu tambem tenho medo.Como exemplo,a PreviBanerj, o Aerus,a Capemi(como citou o colega) e outros mais.
Maos a obra colegas,nao podemos e ficar parados.Panelaço na Previ,encontro com o Jose Serra,OAB,TUDO E VALIDO!
Vamos la gente!
Favor publicar.

Leomax - João Pessoa/Pb disse...

Meu caro Marcos Cordeiro

Devido a problemas de saúde, andei afastado do salutar convívio proporcionado pelo previplano1. Aos poucos vou me informando das novidades/questões de interesse do grupo.
Apesar das limitações de espaço, ante tantos assuntos a discutir, quero expor a minha opinião sincera sobre a criação da AAPPREVI.
Num exame preliminar, entendo a proposta da nova entidade como resultado de legítimos anseios do grupo por novas formas de aglutinação e defesa de nossos direitos, considerando que as entidades que se dizem nossas representantes, ou jogam do lado contrário ou, no entendimento de alguns, estariam fazendo "corpo mole" para lutar com garra por nossos interesses.
Tenho perfeita noção de que é unânime ou quase a opinião de que a AAPPREVI vem preencher essa lacuna e que a partir de sua consolidação formal/legal as coisas fluiriam naturalmente de acordo com suas louváveis pretensões.
Ouso discordar do consenso, pois entendo que enquanto estivermos criando novas entidades com nobres propósitos (recentemente surgiram "Veteranos-BB" e "Unidade-BB") nossos oponentes certamente fazem pouco caso disso, exatamente porque não há UNIÃO em nossas hostes.
Na minha opinião, a luta deveria ser direcionada no sentido de aglutinar mais colegas a uma associação veterana como a AAFBB que vem ao longo dos anos apresentado a melhor folha de serviços entre tantas outras . Quer uma prova? Basta olhar o portfoglio (link JURÍDICO no site) das ações impetradas pela AAFBB/FAABB contra o Banco, Previ, Cassi,etc.
A experiência mostra que não basta cobrar. É necessário que instituições como o Judiciário, o Congresso Nacional, a CVM, a OAB façam a sua parte, o que infelizmente até agora não aconteceu, quem sabe, por acomodação dos nossos dirigentes.
Provavelmente, naquela veneranda Associação há deficiências, incorreções de gestão, política social inadequada, nada que um grupo ativo e determinado como o que frequenta o previplano1, sob a sua competente batuta, não pudesse corrigir.
Para não ocupar mais espaço, desejo levar-lhe a minha solidadariedade e o reconhecimento pela luta que vc abraçou (incluídas as eventuais incompreensões). Finalizo dizendo que não obstante discordar da criação da AAPPREVI, estou disposto a entrar para os seus quadros, como forma de cooperar com os ideais a que se propõe.
Meu fraternal abraço.

Eduardo Köhler disse...

Colegas,

Como já declarei aqui, estou ainda na ativa, prestes a aposentar-me. Na segunda-feira, estávamos os colegas da divisão onde trabalhamos, conversando justamente sobre isto: a preocupação com os rumos da PREVI. Alguns chegaram a adiantar que, quando chegar a vez de se desligarem do Banco, pretendem sair do plano, retirando as reservas a que têm direito. Isto mostra a insegurança que vivenciamos em relação à PREVI. A criação da PREVIC, é, com certeza, um fato preocupante, e os constantes superávites da entidade, têm aguçado a ganância generalizada. Não seria supresa, se algum dia, até mesmo os acionistas do Banco, acharem no direito de abocanhar um pedaço do bolo. Alguém poderia retrucar: "Mas isto é impossivel". Há pouco tempos atrás, eu mesmo achava impossível acontecer certas coisas, que hoje são dura realiade. Diante disso, acho oportuna a formação da AAPPREVI, como mais uma trincheira valiosa, donde partirão petardos certeiros naqueles que querem tirar o que é nosso. Vamos em frente !

Anônimo disse...

Colegas,
Como a criação dessa PREVIC, trará despesas da ordem de R$ 9 milhões de reais/ano para o nosso Fundo, dinheiro suficiente para pagar 1.500 aposentadorias médias de R$ 6.000,00, vamos procurar motivo para impedir esse repasse.
Gostaria que alguem pudesse analisar se essa TAFIC não está em desacordo com o parágrafo único, do artigo 72 da Lei 5172 de 25/10/1966 - Código Tributário Nacional.
A meu ver a cobrança está em desacordo.

Anônimo disse...

PREVIC - "TRANSFERENCIA" DE RECURSOS DA PREVI PARA O GOVERNO DE FORMA "LEGALIZADA" NADA MAIS QUE ISSO. QUE DEUS NOS AJUDE, POIS EM MUITO POUCO TEMPO VÃO "TRANSFERIR" TODOS OS SEUS RECURSOS E NÓS.........

Anônimo disse...

Com relação a distribuição do SUPERAVIT se não mobilizar-mos com urgência nada conseguiremos. Ainda mais, com a criação dessa tal PREVIC. Afinal ELLES bolaram essa PREVIC justamente para impedir nosso acesso ao SUPERAVIT e para desviar parte do grande patrimônio do nosso fundo para outras finalidades. Tem olho gordo ai. Com a palavra nossas associações e lideranças, Ministério Público, congressistas, etc. Temos que achar uma forma de preotestar-mos. Nem que seja indo acampar em Brasília, com jornais, televisão focalizando nosso ato. Mãos a obra. Do contrário nada conseguiremos.

Anônimo disse...

Sugestão 1: De cada cidade do Brasil, fretar ônibus, lotar de aposentados do Plano 1 e rumar com destino a BRASÍLIA e acampar em frente ao BB-DG. Aí elles irão sentir nossa força.