sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Feliz Natal!

Caros Colegas.

Durante todo este ano de 2010 recebemos a visita diária de inúmeros colaboradores sob o permanente olhar dos seguidores, trazendo suas mensagens de solidariedade e companheirismo. Hoje invertemos a via de comunicação e o Blog Previ Plano 1 pede licença para penetrar no mundo particular de vocês.

Na impossibilidade de dar um respeitoso abraço em cada um, pela distância que nos separa, elevamos nosso pensamento ao Criador pedindo abençoar uma viagem virtual para transportar na bagagem os mais sinceros votos de paz, harmonia e prosperidade, fazendo com que este seja um

Feliz Natal para todos:

Ademar, Ademir Peruzzolo, Airton Portilho, Alcides Maurício, Alencar de Castro, Alexandre Ostramari, Amadeu Tamandaré, Ana Lúcia, Ana Maria, Ana, Anderson, Ângela, Anônimos, Antonia, Antonio Eustachio, Antonio J. Carvalho, Ari Zanella, Aristophanes, Ary Taunay, Áurea, Beatriz, Bruno Baumgartem , Carlão, Carlos Félix, Carlos Norberto Kasper, Carlos Quintela, Carlos Roberto Magna, Carlos Valentim, Carmen, Célia, Célida, Charles Donald, Chico Silva, Cidimar Alves, Claudemir Dalmenico, Cláudio Pavan, Cláudio, Corila, Daisy, Dantas, Darcy Ferreira, Denise, Dilson, Ed (blog), Edgardo, Edinalva, Eduardo Köhler, Elaine, Elenita, Eliana Maria, Eliana, Elias, Eliete, Elis, Elisângela, Elizabete, Elizabeth, Elvira, Ênio, Ernesto, Euclides, Eusébio Mesquita, Evandro Vilela, Faraco, Fernando Toscano, Flávia, Francisco Rodrigues, Gasampa, Geny, Geralda, Geraldo Guedes, Gilvan Rebouças, Giongo, Guilherme, Gustavo Patu, Hamilton, Helenice, Heleno Pinto, Hélio Teixeira, Henrique Soares, Heráclito, Heraldo Nóbrega, Holbein, Ina, Inês de Lima, Irailva, Isa Musa, Iuri, Ivan Rezende, Jader, James Paiva, Jander, Jane Torres, Janussa, JBMonteiro, Jeanne, Joana, João Batista, João Carlos, João José Junqueira, João Rossi, João Santana, Joaquim Luiz, Jonas, Jorge Teixeira, José Adrião, José Álvares, José Aristophanes, José Carlos Ferrari, José Domingos, José F. Rovere, José Heitor, José Luiz da Silva, José Luiz, José Roberto Eiras, José Roberto, José Tadeu, Juarez Barbosa, Julita, JVasconcellos, Langoni, Laninha, Laura, Lázara, Leda Goellner, Leomax, Leonardo Gondim, Lízia, Lorena, Lourdes, Lourdinha, Lourival de Souza, Luis Eustáquio de Castro, Luiz Augusto, Luiz Carlos dos Santos, Luiz Edmundo Baptista, Luiz Herculano, Luiz Parussolo, Luiz Portilho, Maciel, Manoel Sales, Marcelo, Marco Antonio, Marco Aurélio Damiano, Marco Júlio, Marcos Francisco, Margarete, Margareth, Maria Antonia, Maria Claudete, Maria de Lourdes, Maria do Carmo, Maria do Socorro, Maria Eleonora, Maria Elizabeth, Maria Francisca, Maria Helena, Maria Inês, Maria Joana, Maria José, Maria Lúcia, Maria Regina, Maria Rosa, Maria Sílvia, Mariano Branquinho, Mariete, Marivalda, Mary, Maurício Furtado, Maurício, Mauro, Mesquita Santana, Mesquita, Milton, Mirian, MLUGarcia, Moacir Júnior, MSA Sousa, Nelson Campos, Nelson, Neuza, Nilda, Odair Pedro, Odilardo Carneiro, Onival Celestino, Othon Freitas, Paraguassú, Passavais, Paula Regina, Paulão, Paulo Assunção, Paulo Beno, Paulo Borges, Paulo Cezar de Tarso, Paulo Motta, Paulo Segundo, Pedro Paim, Pedro Paulo, Plínio, PRCirne, Raul Avellar, Ravacci, Roberto Abdian, Ricardo Annoni, Rita de Cássia, Roberto Tiné, Roberto Varella, Rogério Carvalho, Rosa Maria, Rosalina, Rubem Tiné, Russel Furtado, Sandra Rebeca, Sandra, Sérgio Cidade, Sérgio Figueiredo, Sérgio Inocêncio, Sílvia, Socorro Aragão, Solonel, Sônia, Tereza Cristina, Terezinha, Tollendal, Uita, Vânia Alencar, Vânia, Vera Lúcia, Viana, Wagner Cardoso, Wanderley, Wânia, Washington Lopes, Welington Mesquita, Wilson Luiz, Zaidan.

Marcos Cordeiro de Andrade – Curitiba (PR) – 24/12/2010.

47 comentários:

rosalina_de_souza disse...

Prezado Colega Marcos Cordeiro e todos os outros colegas do Blog.

Quanta coisa linda "esse cantinho virtual" Blog: Previplano1 fez acontecer para nós!! Foi aqui que fizemos o primeiro de muitos outros contatos fomos construindo lindas amizades virtuais e reais em diferentes pontos do País!!

Ah, quem seríamos nós, sem a net??!! Quanta alegria e, às vezes, até euforia, naquele enviar e receber recados de Esperança, conforto,e fé... Recados com graciosidade e arte Como os do Colega João Rossi Neto....

Neste espaço virtual partilhamos amor, conhecimento, talento, vida!!! Aqui também embalamos nossos "sonhos e ilusões." Venho hoje agradecer ao Deus da Vida e a cada um de vocês e guardar na memória o precioso tempo desta nossa convivência de alegria, expectativas, surpresas, decepções, trabalho, estudo, lazer, oração e partilha...

Talvez tenham sido poemas, elogios, músicas, flores, palavras de ânimo, bênçãos... Talvez tenha sido um "tapinha nas costas", uma dica, uma atenção especial, um ombro amigo, um abraço virtual um tempo descontraído na luta por nossos Direitos. Talvez... por algum motivo, eu ou você não tenhamos respondido a tantas perguntas, utilizando deste meio de comunicação que faz contatos tão rápidos e econômicos...

Não importa! Agradeço de coração por qualquer que tenha sido sua manifestação de amizade, acolhimento, pelo conforto afetivo espiritual e material nesse TEMPO em que estivemos ONLINE. E peço perdão, por algum julgamento precipitado, pelas vezes que nosso sentido de comunicação falhou, nesta nossa comunidade virtual, presente de Deus! Como foi bom ter conhecido vocês aposentados e pensionistas do PB-1 da Nossa Previ!! Tenham um Natal abençoado, maravilhoso e um Ano Novo cheio de realizações!!!

Para terminar gostaria de agradecer a cada sócio da AAPPREVI que faz dela uma LUZ NO FIM DO TÚNEL, acredite é com os 10,00 ( Dez Reais de cada um de nós que contribuímos que teremos a chance de dias melhores,para nós e para nossos familiares).

Que a PAZ reine em vossos lares, abençoe a toda a sua família, Esposas, Filhos e Netos.

Respeitosamente

Rosalina de Souza

Pensionista

Eliana Maria disse...

Marcos,
Paz e Bem!
Obrigado por tudo, a viagem virtual já chegou até aqui com a bagagem especial que vocês no enviou.
Deus o abençoe e toda sua família.
Fraternal abraço em Cristo, nosso criador e salvador,
Paz e Bem!
Eliana Maria

prcirne disse...

Marcos,

lhe desejo tudo de bom neste natal,boas festas e muita saúde para continuar firme neste Blog.Agradeço,de coração,o seu empenho em favor dos participantes do PB1.Muito Obrigado por tudo.

Anônimo disse...

Os três operários.

Três operários preparavam pedras para a construção de um grande prédio.
Aproximei-me do primeiro fintando-o com simpatia:
- Que estais fazendo meu amigo?
- Preparo pedras! - respondeu-me secamente.
Encaminhei-me para o segundo, e interroguei-o do mesmo modo.
- Trabalho pelo meu salário - foi a resposta.
Dirigi-me então ao terceiro e fiz-lhe a mesma pergunta.
- Que estais fazendo meu amigo?.
O operário fitando-me cheio de alegria, respondeu-me com entusiasmo:
- Pois não vês? Estou construindo uma catedral!
Reparem colegas, no modo tão diverso como cada operário cumpria seu dever. O primeiro desobrigava-se de uma tarefa para ele, material e grosseira; o segundo não visava senão o dinheiro a receber pelo trabalho; e o terceiro contemplava o ideal.
Limitados seremos, se, a semelhança do primeiro operário, limitamos nossa vida a luta diária.
Entre os ambiciosos nos incluiremos, se contemplarmos somente o lucro imediato de nossos esforços.
Felizes serão, e aí incluo o Marcos, aqueles que vivem, lutam e sofrem por um ideal.
Um Feliz Natal a todos e um Ano Novo repleto de realizações.
Jose F. Rovere

Anônimo disse...

Marcos e demais colegas,

Um Feliz Natal e que 2011 seja repleto de alegrias e muita saúde.

Um grande abraço a todos frequentadores deste Blog e em especial ao colega Marcos Cordeiro.

Ravacci disse...

Caros amigos da AAPPREVI, esta não é uma associação... é uma comunidade solidária. Muito obrigado a todos, um feliz Natal e um 2011 que nos traga a satisfação de nossos anseios. Deus está ao nosso lado.

Henrique Soares disse...

ha muito não me sentia tão feliz, acredite. Esse é um prazer de poucos infelizmente. A você, sua família e todos que lhe cercam, desejo saúde, muita saúde mesmo e muita harmonia. Do seu colega: Henrique

Paulo disse...

Marcos,

Não tivemos o que queríamos, mas só de saber que, enfim, temos um grande líder, em nossa batalha, já é uma grande conquista. Siga em frente. Jamais desanime, porque vamos crescer e, junto conosco, a AAPREVI, a única entidade em que podemos acreditar atualmente.

Um grande abraço

Paulo Motta.

Anônimo disse...

Ao Marcos e a todos os colegas da AAPPREVI envio votos de Feliz Natal e que 2011 seja melhor que 2010
Alcides Maurício

Rubem Tiné disse...

Agradeço e retribuo a gentileza pelos votos de Feliz Natal, desejando que o Menino Jesus, abençoe a nós todos e que independentemente de opiniões divergentes, possamos, unidos, continuar em 2011 nossa luta neste blog, por justiça, solidariedade, honestidade, seriedade e democracia, aonde seja respeitada a vontade da maioria.

Anônimo disse...

Caro Marcos(família) e colegas do blog.
de: msasousa(socorro aragão)
Junto com os votos de feliz natal, meus agradecimentos pela existencia da AAPPREVI e BLOG PREVI PLANO 1,onde podemos nos encontrar e ficar sabendo tudo o que ocorre de FATO, na PREVI/CASSI. Como já citei anteriormente, existe o ANTES e DEPOIS da AAPPREVI. Vamos continuar lutando (mesmo) para a divulgação de nossa associação, pois só assim teremos mais força para continuar buscando nossos direitos.
Fiquei super feliz com a volta do nosso Guerreiro, Sr. João Rossi. Nos precisamos de pessoas brilhantes e com os conhecimentos e disposição para luta , como o senhor.
A todos, votos para que 2011 seja de muitas vitórias e realizações positivas.
Que Deus nos abençoe.
msasousa.

Blog do Ed disse...

Acabei de afirmar que o blog Previ Plano I era um espaço da democracia. Ele também é um canal do direito de contestação. Philip Pettit afirmou que um Estado não é autoritário e uma lei não é arbitrária, quando ele e ela admitem o direito de contestação. Estamos de fato num Estado democrático e legítimo. Mas, ele acrescenta que o direito de contestação só existe efetivamente, quando existem canais por onde fluem tanto as contestações como as repostas às contestações. Infelizmente no nosso caso, a resposta à contestação não existiu. Nem a vitória do sim pode ser arguída como resposta efetiva, já que como sabemos muitos dos partidários do sim o foram porque acham o processo judicial ineficiente para casos desse tipo, já que é excessivamente moroso.Espero que a nossa comunidade BB se aperfeiçoe e aprendamos a decidir como cidadãos, conscientes de nossos direitos e de nossos deveres, a massa que vota e as lideranças que nos conduzem, sempre guiadas por lei incontestável. Esses são meus votos de Natal.

Juarez Barbosa disse...

Prezado Marcos e seguidores do Blog

Retribuo os votos de um feliz Natal para você e a todos que o acompanham nesta jornada árdua de defesa de nossa PREVI.

Que Deus continue sempre te iluminando e te dando forças para prosseguir nesta luta.

Um grande e fraterno abraço a todos.

Anônimo disse...

Caro colega Marcos,
Depois que me aposentei em 1995 perdi o contato como os colegas aposentados e raramente vejo um deles. Este blog me aproximou de todos os colegas aposentados do nosso imenso Brasil e, finalmente, temos um "ponto de encontro", ainda que virtual, que nos relembra o Banco do Brasil no qual demos nossa contribuição para a sua grandeza. Este mesmo Banco que hoje nos volta as costas e nos surrupia nossas conquistas na PREVI. Perdemos uma batalha, mas não a guerra. Que em 2011 possamos nos unir e defender nossos direitos fazendo resnascer em nós aquele espiríto de luta que sempre tivemos quando na ativa.
UM FELIZ NATAL E PRÓSPERO ANO NOVO PARA TODOS.
José Manoel de Sorocaba(SP)

João Rossi Neto disse...

Caros Colegas,

Partindo da premissa, de que essa negociação recentemente encerrada foi muito dificil, para a concessão dos minguados 20% de reajuste temporário, vislumbrem, então, a pedreira que será a nova batalha que iremos travar, a partir de jan/2011, para implantar os benefícios que foram adiados ( implantação dos 360/360 avos, 14º benefício, elevação do teto para 100% e cesta alimentação). Nem cogitei a queda do Voto de Minerva.
Acho que, para termos o respeito dos adversários e fazer valer o nosso direito, indubitavelmente, precisamos começar a assinar as mensagens com críticas e reivindicações, abolindo a prática do anonimato.
Mensagens apócrifas não causam o impacto esperado e nem alcançam os objetivos colimados. Temos assegurado na Constituição Federal, artigo 5º, inciso IV, a prerrogativa de que é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato.
Por que o anonimato é probido? Justamente porque é assegurado, no inciso V, do mesmo artigo, o direito de resposta, proporcional ao agravo, além de indenização por dano material, moral ou à imagem.
Mas se a crítica for verdadeira, procedente, na defesa dos nossos direitos, ninguém deve ter nada a temer.
Na verdade, o anonimato é relativo, porque existem meios para identificação do autor, inclusive pelo detentor do blob.
Portanto, vamos mostrar no face a face o que somos,o que queremos, e assim agindo, só temos a ganhar com o procedimento do "cara limpa" e "ficha limpa", uma vez que a carreira que fizemos no BB, sem nódoas, dentro do elevado moral de honradez, nos credencia para tal.Tudo isso, salvo melhor juízo.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

João Rossi Neto escreveu “A VERDADE SOBRE A RESOLUÇÃO 26/2008, NA MINHA ÓTICA.”

Devido à extensão do texto (sete páginas) a matéria está disponível em “Notícias Relevantes” com data de hoje, 25/12.

Anônimo disse...

Presidente Marcos

Após um eclipse temporário retorno
ao convívio dos bons com votos de
um Feliz 2011 para todos.
Como não podia deixar de ser começo
parabenizando o colega João Rossi Neto pelo brilhantismo de seu enfo-
que nas Notícias Relevantes de hoje
Mais uma vez ele esgotou o assunto!
Atrever-me-ia, apenas, a acrescen-
tar dentre as matérias a serem debatidas a partir de jan/2011 a
proposta chamada de 30/30 que nada
mais é do que a extensão aos pré-97
das vantagens que se contem no Benefício de Proporcionalidade, ou
seja, atribuir os 30/30 ávos para
àqueles que não completaram 30 anos
na ativa, mas continuaram contribu-
indo para a Previ depois de aposen-
tados - que dizem são cerca de 20
mil colegas.
Saudações fraternas
Raul Avellar

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

O DESCALABRO NA PREVI
Eusébio Mesquita

Houve um momento e não muito longínquo, em que os funcionários do Banco do Brasil e suas lideranças se reverenciavam. Lembro-me ainda que o quadro funcional, carinhosamente se distinguia como o seu maior patrimônio. Por certo, naquele tempo, havia nas relações um “quê” de cumplicidade que em nada lembrava um trabalho de caráter servil. E as comunidades as quais atendíamos? Quanta confiança e respeito. Do mais simples mutuário ao maior investidor, todos comemoravam e compartilhavam o sucesso nos diversos eventos, aos quais era quase obrigatória a nossa presença. Essa bem preparada equipe agia com zelo e dedicação em todas as obrigações pertinentes. À Instituição cabia o cumprimento das leis emanadas das autoridades competentes, promovendo o devido suporte às atividades a serem desenvolvidas, não existiam óbices, O justo também era o sagrado. O Banco crescia em todo o país em quantidade e qualidade, sem perder aquele “charme” que o distinguia dos demais. Não era necessário nenhum tipo de intermediação, todos e quaisquer embaraços entre a clientela e as Agências eram resolvidos sem a necessidade de intervenções tais como, PROCONS, OUVIDORIAS, etc.. Internamente qualquer diligência que extrapolasse a rotina era negociada com os demais colegas e o bom senso prevalecia a qualquer dificuldade. Com fundamentos no princípio “Segurança” muito apropriado a uma empresa do ramo financeiro, e uma consagradora avaliação de seu corpo funcional, a Instituição Centenária angariava todos os prêmios, tais como: “Maior Banco”, “Mais Segurança”, “Melhor Atendimento”, “Mais Rapidez”. Todos esses prêmios representavam um valor muito peculiar a todos nós, pois era a voz das comunidades a quais servíamos. Agora os tempos são outros, - o Banco cresceu em tecnologia e em grande parte substituiu o ser humano pelas máquinas - as lideranças se distanciaram do seu maior patrimônio. “Tradição que se Moderniza” o slogan. O que era uma cultura e legitimamente considerada uma “Escola”, desapareceu para em seu lugar surgir uma instituição ávida por “lucros”. Por certo, o lucro é um componente importante na atividade bancária, entretanto ao descuidar da sua principal característica - um Banco público – desnuda uma instituição estigmatizada, daí as constantes intervenções dos órgãos fiscalizadores e as conseqüências tão desagradáveis aos clientes que antes nos fidelizavam e atualmente buscam amparo nessas instancias protocolares. A par de todos estes acontecimentos ditos inovadores, maiores e mais graves distorções foram executadas na sua área de Recursos Humanos, caminhos tortuosos foram perseguidos até se chegar aos dias atuais e daquela outrora “Escola”, sobrou um ranço de desmotivação.
Continua...

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Parte II - Final

As lideranças não mais denotam apreço aos comandados e o corpo funcional foi estrategicamente desmantelado e subdivido, dando lugar a grupos de indivíduos bem preparados, mas sem expectativas, cumprem ordens, ouvem máquinas e desconhecem os anseios das comunidades às quais servem, exercem suas rotinas de trabalho de forma estanque. Já faz muito tempo que essa fonte inesgotável em criatividade e quando ainda não existia uma Previdência Oficial, criou o embrião da PREVI, que seria hoje um dos maiores Fundos de previdência complementar do mundo. Uma entidade com 100 anos de funcionamento é óbvio viveu todos os tipos de percalços, mormente no Brasil, uma nação jovem. Passou por momentos difíceis entre a fundação, e a maturidade que hoje desfruta. Alheias aos problemas que afligem toda esta briosa comunidade, as atuais lideranças e os governantes de plantão, ao que parece, agem egoisticamente a tal ponto que a inobservância das leis ou a criação delas gera inescrupulosamente transferência para o “Capital” através de dividendos, da maior parte dos valores que não lhe pertence, ou melhor, que pertence aos trabalhadores, como se a PREVI fosse uma subsidiária de seu enorme conglomerado. É lastimável que tenhamos chegado a tão baixo nível no desrespeito à distribuição de uma riqueza que foi amealhada por todo esse grupo, durante anos de contribuições. Ao ver se dissipar tão importante patrimônio de forma tão negligente e com a chancela das autoridades incumbidas de sua proteção, ocorre-nos citar Rui Barbosa: “De tanto ver crescer a INJUSTIÇA, de tanto ver agigantar-se o poder nas mãos dos MAUS, o homem chega a RIR-SE da honra, DESANIMAR_SE de justiça e TER VERGONHA de ser honesto”. Ao comemorarmos a mais importante data da Cristandade neste ano de 2010, enviamos ao alto uma prece, em prol de todos os brasileiros e humildemente suplicamos ao Criador um futuro com decência e decoro

Eusébio Mesquita de Sant Ana
Vila Velha – Espírito Santo

Anônimo disse...

Caro Marcos,

FELIX NATAL.

Ano Novo. Vida Nova.

Sintam-se abraçados todos os colegas colaboradores deste blog.

James Paiva Costa

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Marcos, conforme prometido, segue o texto abaixo para publicação, desta feita com a conclusão.

A VERDADE SOBRE A RESOLUÇÃO 26/2008, NA MINHA ÓTICA.

João Rossi Neto.

Observações do Blog Previ Plano 1:

A matéria está publicada em “Notícias Relevantes” em virtude da extensão do texto (sete páginas), e pode ser reproduzida mediante citação da fonte.

PAULO ROBERTO disse...

Marcos Cordeiro e demais seguidores do blog Previ Plano 1

F E L I Z N A T A L

E


U M 2 0 1 1 D E M U I T A S


C O N Q U I S T A S E V I T O R I

A S D A N O S S A

A...A...P...P...R...E...V...I


QUE O MENINO JESUS ILUMINE OS

NOSSOS CAMINHOS COM TODA PROTEÇAO

DIVINA E NOS CUBRAM COM A SUA

BENÇAO.


PAULO ROBERTO









M U

AIRTON disse...

Marcos, obrigado pelos votos de felicitações, pelos abraços. Eu e minha familia ficamos muito agradecido e retribuimos pelos memos motivos um FELIZ NATAAL E PRÓSPERO ANO NOVO.
Hoje 25 de dezembro estamos festejando os 43 anos de nosso primogênito.
Abraços do Airton e familia

Anônimo disse...

O Previ Futuro não sofrerá com o Patrocinador. Embora este contribua em paridade para o Plano, todos os recursos serão dos assistidos.

O valor da renda mensal de aposentadoria depende:

a) do fluxo das contribuições e da capacidade do participante poupar;
b) do tempo de contribuição;
c) e da rentabilidade dos investimentos.

Será que, se houver comparação entre os Planos, a justiça defenderá que os rendimentos excedentes deverão ser partilhados com o Patrocinadores ?
Nada será impossivel. No nosso caso as regras foram mudadas, e incluiram o Patrocinador como beneficiario, justamente o Estado que deveria defender nossos direitos, conforme a Lei Complementar,e obedecer a principios constitucionais. Não cumpriu nem um, nem outro. E aqui estamos nos assistindo aos seguidos saques, à espera de Justiça.

Anônimo disse...

Infelizmente aqui sempre existirá os que falam sem saber das coisas.No Previ Futuro jamais existirá superávit, pois os recursos garantidores, os ativos, dependem exatamente da opção de investimentos e retornam, em igual parcela, a patrocinador e participantes e assistidos, na exata medida de suas contribuições paritárias. Aqui, meus amigos, nem precisa de resolução 26, pois a regra já define que os ativos sejam imediatamente destinados, na proporção 1 por 1. Por isso, jamais há sobras.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Caros Colegas.

A essência da utilidade de um Blog reside na distribuição de conhecimentos que se manifesta através dos comentários bem intencionados.
Seja pela afirmação do saber acadêmico, seja pela tentativa de declarar supostas certezas, o importante é que essas manifestações se processem com nobres propósitos.
Por isso, por vezes o participante se vale da figura da analogia para emitir conceitos errôneos, supostamente corretos. Mas comprovadamente emitidos pelo temor de que fatos nocivos ocorridos no passado tomem novas formas ameaçando o presente. Afortunadamente, nestes casos vêm em socorro dos menos versados aqueles que de fato detêm o entendimento dos pormenores abordados e, assim, prestam a necessária intervenção esclarecedora para enriquecimento intelectual de todos sem, no entanto, demonstrar excessos pautando-se na modéstia que não fere suscetibilidades.
Este nosso Previ Plano 1 funciona assim – daí o entendimento fraterno predominante no relacionamento entre os freqüentadores.
Fazemos votos sinceros de que em 2011 o quadro permaneça igual e que, se houver mudanças a registrar que sejam realçando a união hoje existente.

Feliz Ano Novo!

João Rossi Neto disse...

Caros Colegas,

Previ futuro x PB 1

A diferença entre o plano Previ Futuro ou Previ 2 e o Previ 1, é que o primeiro é regido pelo sistema de "Contribuição Definida", enquanto que o segundo é pelo "Benefício Definido".São como água e óleo, não se misturam.
Em termos práticos, no Previ Futuro os recursos são aplicados para custear as aposentadorias e se mal gerenciados e os Ativos forem insuficientes para cobertura dos benefícios, o patrocinador não é chamado para sanear o défit, ou seja, não tem responsabilidade superveniente com o plano.Em consequência,também é proibido de fazer avaliações dos ativos e passivos atuariais do Previ Futuro.
Já no nosso PB1, repito, de "Benefício Definido", o BB responde pelo saneamento de eventual déficit,inclusive esse é o principal motivo,segundo alega, para justificar aquela guinada louca, de 360 graus, denominada Resolução CGPC 26/2008, que investiu sobre os superávits da Previ e concedeu a reversão de valores ao patrocinador, no percentual de 50% das sobras técnicas.
Neste caso, o patrocinador, de acordo com a Deliberação CVM 600/2009 e Lei 6.404/76, tem a prerrogativa de fazer avaliações dos Ativos e Passivos atuariais do nosso plano e contabilizar ganhos ou perdas nos seus balanços.
Como o viés é sempre de superávit, o banco faz festas com o nosso dinheiro, visto que é remota a possibilidade de ser convocado para equacionar eventual déficit.
Em suma, o Previ Futuro não corre o menor risco de ser atacado, nos seus cofres, pelo patrocinador, mesmo porque não há, neste plano, o pretexto de uma Lei 109/2001 para ser normatizada.

Anônimo disse...

Realmente, tem pessoas que falam sem saber das coisas:
Até o site da Previ, no caso, faz informação errada, pois foi tudo extraido do site da Previ:

"Vantagens
O participante do Plano PREVI Futuro não poupa sozinho: o Banco do Brasil também faz contribuição de igual valor e sobre esses valores é aplicada a rentabilidade alcançada nos investimentos do Plano PREVI Futuro.

O valor da renda mensal de aposentadoria depende:

do fluxo das contribuições e da capacidade do participante poupar;
do tempo de contribuição;
e da rentabilidade dos investimentos.

Quanto maior o saldo de conta, maior será o valor do benefício. Portanto, quanto mais cedo adquirir o hábito de planejar seu futuro, mais chance terá de garantir uma aposentadoria tranquila."

Provavelmente o Patrocinador tambem irá se aposentar no Previ Futuro...e por essa razão também está contribuindo!?!?!?!?!?!?!?

Para isso existem duas partes:
parte 1 - que é constituida de 0,945% de contribuição ( de ambos ) para pagamento de Beneficios de Risco ( aposentadorias por invalidez e pensão por morte de partcipantes );
parte 2 - para pagamento de Renda Mensal de aposentadoria

O saldo de conta do participante que é o somatório das reservas individual e patronal de poupança, serve de base para o cálculo dos benefícios programados.

O Patrocinador não leva nada.
Apenas questionei que o que ocorreu conosco, poderá ocorrer com o Previ Futuro, se o crescimento do rendimento do Plano superar, em muito, os indices de correção salarial.
Nosso Plano é de Beneficio Definido e está em extinção. O Previ Futuro é de Contribuição Definida: o participante tem opções de melhorar a sua Renda Mensal de aposentadoria.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

----- Original Message -----
From: Giongo
To: Roberto
Cc: Tollendal ; marcos
Sent: Saturday, December 25, 2010 12:16 PM
Subject: Fale conosco - Petição Ação Cautelar Amest


Prezado Roberto,
Dei uma espiada na peticao anexa, de alto padrao juridico, e a unica copia que achei, no blog Previ Plano 1 ( http://previpb1emfoco.blogspot.com/ ), estah danificada (1), entao soh mestre Tollendal poderah confirmar minha impressao (2) de que o sentido da frase estah preservado, o que aponta para possivel erro (apenas) formal nas paginas em branco 10 ateh 15.
Sou "associado" da Amest e vou me "associar" a Aapprevi porque, atualmente, sao as unicas associacoes (3) que ganharam minha confianca pelas continuas demonstracoes, que me parecem claramente perceptiveis, daquele antigo modelo de comportamento comum no BB de outrora: honestidade de atitudes e propositos, decencia moral e autentica dedicacao e aderencia aos interesses de nossa comunidade depenada, jah que despida de traicoeiras ambicoes de beatitudes politicas ou amorais usuras pecuniarias.
Ao ensejo, envio tres abracos natalinos, com votos de um 2011 cheio de surpresas (e superavites) agradaveis.
g. do Unap-BB.

(1) Estou enviando copia deste mail ao prezado blogueiro titular, colega Marcos Cordeiro
(2) Idem ao colega Tollendal, na esperanca de que ele possa esclarecer sua duvida
(3) Fui socio da Unamibb e da Afabb SP. Sou socio da Anabb (em que nunca confiei) e da Aafbb (em que jah nao confio). Acredito que, se Amest e Aapprevi (4) derem assistencia no subestabelecimento de acoes em andamento naquelas associacoes, centenas de colegas lhes darao imediata preferencia, criando novo e solido polo para nossa defesa, saneado dos vicios, ratazanas e traicoes que vemos hoje em nosso meio corporativo.
(4) Apoiarei todas as iniciativas que visem criar interface regional amigavel, inclusive suporte tecnico e operacional, entre as duas nobres agremiacoes. O site da Amest, p.e. e com nossa ajuda, precisa ser melhorado, enquanto o site da Aapprevi dah um banho de design. Talvez um dia, uma possa ser representante regional da outra?
Giongo.

Anônimo disse...

Aposentados que dependem de Previ não deveriam se associar nem a unamibb nem essa amest. Afinal, essas são associações de acionistas minoritários e assim a obrigação delas é defender o Patrocinador, BB. se não fazem isso é de se estranhar. Como podem trabalhar contra o patrimônio do BB se defendem acionistas? É preciso ter cuidado. Nunca vi associação de acionistas defender direitos de aposentados e pensionistas de fundo de pensão. Essas duas unamibb e amest existem para defender é o Capital, garantir mais dividendos para acionistas.

Mariano Branquinho disse...

Marcos e todos os blogueiros que frequetam a nossa querida AAPPREVI(extensivos aos familiares), que o Ano Novo, traga dias melhores para todos, juntamente com as vitorias que iremos conseguir, na nossa incansável batalha por nossos direiots na Previ.
Abraços a todos Mariano Branquinho

Odilardo Carneiro disse...

Caro colega Marcos.

Obrigado por tudo. Retribuo votos de Feliz Natal. Que 2.011 seja mais venturoso. Que a AAPPREVI e o blog PREVI PLANO 1 possam andar "Pari passus" com os poderosos, para que qualquer ataque deferido contra nossos direitos seja rechaçado com a eminente defesa.

Um abraço fraterno

Odilardo Carneiro
(Fortaleza(CE).

Anônimo disse...

Colegas,
Os nossos indices de reajuste dos beneficios estão muito aquem da rentabiloidade do Plano. Esta é razão principal dos constantes superavits que "engordam os olhos" do Patrocinador. Pesquise resultados do Plano e reajustes dos Beneficios. Vejam no que deu:
Rentabilidade do Plano 1:(Fonte - Relatórios anuais )
28,25% em 2009
-11,49 em 2008
37,27% em 2007
35,01% em 2006
22,63% em 2005
25,67% em 2004
35,46% em 2003
22,50% em 2002
Reajustes concedidos:
2009 - 5,44% (INPC-IBGE)
2008 - 6,64%
2007 - 3,57%
2006 - 2,75%
2005 - 6,92%
2004 - 7,97% (alteração)
2003 - 30,05% ( IGP-DI)
2002 - 9,39%
É bom ressaltar que o rendimento negativo de 2008 não abalou o Plano, pois o ano de 2007 foi excelente.
Assim, poderia incluir nas negociações que, provavelmente, serão iniciadas em janeiro de 2011, alterações nos indices de reajustes incluindo, além dos indices do IBGE, mais XX por cento do rendimento positivo do Plano.

Anônimo disse...

La no blog do Medeiros ele costuma (tenta) antecipar noticias sobre o tal superavit, pois bem...
Entäo, eu, um mero anonimo, sem informantes dentro da Previ, mas com um "unico" pombo correio perdido em algum "pombal" neste vasto Brasil, direi para apreciaçäo dos ingenuos e também para os sábios deste blog, que se a Previ näo creditar esta parcela inicial ate o dia 31/12/2010, corre serio risco de ver seu acordo de superavit ir por "agua abaixo".(e tenho dito...)

Um abraço a todos.

G.R.M - Florianopolis SC

Anônimo disse...

VIDE REPORTAGEM DA FOLHA DE SÃO PAULO.


Sindicalistas detêm 43% da elite dos cargos de confiança


Ao receber a faixa das mãos do presidente Lula, no próximo dia 1º, Dilma Rousseff herdará a máquina federal com quase a metade da cúpula dos cargos de confiança, sem concurso público, tomada por sindicalistas, informa reportagem de Silvio Navarro, publicada na edição desta segunda-feira da Folha (íntegra disponível para assinante do jornal e do UOL)

Sem vínculo umbilical com o sindicalismo, ao contrário do antecessor, Dilma terá de administrar a pressão das centrais sindicais para manter e ampliar a cota desses cargos, os chamados DAS 5 a 6 (Direção e Assessoramento Superiores) e NES (Natureza Especial).

De acordo com dados do Ministério do Planejamento, há hoje 1.305 cargos dessa natureza. A remuneração chega a R$ 22 mil mensais.

Segundo estudo da cientista política Maria Celina D'Araújo, da PUC-RJ, autora de "A Elite Dirigente do Governo Lula", quase metade (42,8%) dos ocupantes desses cargos atualmente são filiados a sindicatos. Desse total, 84,3% são petistas.

Os principais ramos que conseguiram cargos são os bancários, a área dos professores e os petroleiros. Ao todo, o governo federal tem cerca de 22 mil cargos de confiança, mas esses 1.305 são a elite do batalhão de comissionados.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

De: atend@previ.com.br
Assunto: Sua mensagem foi recebida com sucesso.
Para:
Data: Sexta-feira, 24 de Dezembro de 2010, 17:44


Senhor(a) ZENILSON CADE DE ARAUJO

A PREVI confirma o recebimento da mensagem abaixo.
Aguarde nosso retorno em breve.

Gerência de Atendimento
PREVI

Data: 24/12/2010
Tipo: Elogio

Mensagem: Quero elogiar todos os que administram a Previ por não terem enviado mensagem de natal para os aposentados. Com esta decisão vocês deram um testemunho de coesão e de que são verdadeiros. Afinal de que adiantaria enviar uma mensagem de natal para quem vocês tiraram a alegria deste dia.
Eu gostaria de parabenizar todos vocês que estão a serviço daqueles que nos querem ver mortos e tomarem todo o patrimonio que foi constuido com melhores anos de nossas vidas.
Somos um punhado de velho de cabeças brancas sem representação e com muita riqueza e que vivem como mendigo e sem direito a nada.
Rogo ao poderoso Deus que lhes dê muito animo para continuarem cumprindo a meta de vocês. Acredito que vocês devem vibrar quando um de nós morre.
Não se preocupem não. Basta continuar com esta politica de vocês e em breve muito de nós estaremos todos mortos

Matrícula: 9978780
Nome: ZENILSON CADE DE ARAUJO

Anônimo disse...

O anônimo de 27 de dezembro de 2010 04:52 foi direto na ferida quando fez tal comparação. Esta é a causa fundamental, principal do achatamento salarial vivido pelos participantes do Plano 1. Se medidas concretas não forem tomadas imediatamente para mudar o índice de reajuste dos benefícios, logo, logo, estaremos na mesma situação vivida nos últimos anos e estes 20% vão por água abaixo.È preciso unir forças, para lutarmos pela mudança do índice de cálculo anual, levando-se em conta principalmente os rendimentos atuariais anuais da Previ.Estes rendimentos têm que fazer parte dos cálculos. Um percentual: 50%, 70 ou 80% por exemplo, mais o INPC. Caso contrário estaremos a transferir para o patrocinador, ano a ano, parte considerável da nossa renda.
Portanto, temos muita luta pela frente.
Esperar por distribuição de superávit em intervalos de três em três anos, temos que considerar que é um período muito longo e não condiz com a situação do plano 1, que já foi fechado. E dele só pode sair participante, ninguém mais entra.

Anônimo disse...

Reajustes de Benefícios são regulados por Lei. Atualmente o índice adotado pela Previ é o INPC. Então para mudar é preciso mudar o estatuto. Quem acha que nosso estatudo vai mudar? Depende do Deliberativo. Vamos pedir a eles?

wilson luiz disse...

Caro anônimo 26 dezembro, 17:41 hs.
Acho que não devemos, a priori, desconfiar de associações representativas de acionistas do Banco do Brasil que ingressam com ação judicial sobre a Resolução 26.É do interesse dos acionistas que seja judicialmente decidido, o quanto antes, se o Banco tem ou não direito a 50% dos superávits da PREVI

Anônimo disse...

Colega Zenilson,alguma coisa esta errada.Eu recebi sim, no dia 23/12 uma mensagem da Previ desejando Feliz 2011.Nem abro,deleto na hora.
Vai ver foi ma sorte.
Sandra

Anônimo disse...

AQUI HELENO PINTO NOBRE; MATRÍCULA 3.984.740-3; ENTREI NO BANCO EM 06.06.1977 E SAÍ EM 20.04.2004 ; QUANDO COMPLETEI 53 ANOS DE IDADE; TINHA OUTRAS CONTRIBUIÇÕES POIS TRABALHEI EM OUTRAS EMPRESAS; MAS NÃO PODERIA DEIXAR DE DESTACAR AS SÁBIAS PALAVRAS DO SR. EUSÉBIO MESQUITA DE SANT"ANA. DA CIDADE DE VILA VELHA NO ESPIRITO SANTO. QUE FIDALGUIA; QUE DIGNIDADE; REALMENTE ESTE BLOG ESTÁ NOS PERMITINDO ENTRAR EM CONTACTO COM VÁRIOS EX-COLEGAS; QUE TALVEZ TENHAMOS TRABALHADO NO BANCO DO BRASIL EM ÉPOCAS DIFERENTES. MAS QUANDO REALMENTE ENTRAMOS; APRENDEMOS A ACREDITAR QUE ÉRAMOS REALMENTE O MAIOR PATRIMÔNIO DA EMPRESA. MAS OS TEMPOS PASSARAM. E AQUELES QUE TRABALHARAM MAIS RECENTEMENTE; LEMBRAM QUE TEVE UMA ÉPOCA EM QUE AS COISAS COMEÇARAM A MUDAR E FOI NA TAL DA "GRANDE VIRADA" E JÁ NEM LEMBRO EM QUE ANO FOI; SR. EUSÉBIO REALMENTE O MUNDO ESTÁ TOTALMENTE LOUCO; MUDADO; O BANCO ATUALMENTE É O QUE O SENHOR REALMENTE FALOU. ACHEI MUITO SÁBIAS AS SUAS PALAVRAS QUE ME MOVERAM A ESCREVER ALGUMA COISA. DESEJO MUITA SAÚDE AO SENHOR E SEUS FAMILIARES. NÃO SEI COMO É A VIDA AI EM VILA VELHA. ALIÁS MEU FILHO; MAURÍCIO; QUE JÁ TEM 36 ANOS; HÁ SERVIÇO ELE TRABALHA NUMA EMPRESA DE TELECOMUNICAÇÕES E RESIDE EM CURITIBA JÁ ME FALOU QUE ESTA CIDADE É LINDA POR SUAS BELEZAS NATURAIS E ACREDITO QUE SE TIVER TRABALHO PARA AS PESSOAS DEVE SER UM LUGAR BASTANTE AGRADÁVEL DE SE MORAR. EU MORO AQUI EM PELOTAS(RS).; EMBORA TENHA NASCIDO EM RIO GRANDE-RS ; UNICO PORTO DE MAR DO RIO GRANDE DO SUL; 60 KMS. DISTANTE E QUE PARECE QUE FINALMENTE O PROGRESSO ESTÁ SE DISPONDO A APARECER POR AQUI. EM FUNÇÃO DO INVESTIMENTO QUE O GOVERNO FEDERAL ESTÁ INVESTINDO NA CIDADE DO RIO GRANDE-RS ( A MAIS VELHA DO ESTADO ) INCLUSIVE DO QUE A CAPITAL. MAS COMO EU COSTUMO DEBOCHAR QUANDO PASSO NO PEDÁGIO QUE NOS FOI IMPOSTO QUE É DE 7.20 PARA IR E 7.20 PARA VOLTAR; COSTUMO DIZER. IDA E VOLTA AO FIM DO MUNDO. QUE A RECEM COMEÇA A DESPONTAR COMO UM LUGAR PROGRESSIVO; AQUI NA CIDADE DE PELOTAS; FARÁ 200 ANOS SE NÃO ME ENGANO O ANO QUE VEM OU 2012; ESTÁ TAMBEM FINALMENTE DESPERTANDO FIQUEI SATISFEITO EM LER SUAS INFORMAÇÕES E LHE DESEJO MUITA SAÚDE E TAMBÉM PARA SEUS FAMILIARES E CONTINUEMOS A BATALHAR PELO QUE NOS É DE DIREITO; SEMPRE NOS IDENTIFICANDO; MEU NOME HELENO PINTO NOBRE; MATRICUL 3.984.740-3; JAMAIS ANÔNIMO. NÃO TEMOS MAIS DO QUE NOS ESCONDER; JÁ ESTOU COM 59 ANOS E ATÉ AVÔ JÁ SOU COM MUITO ORGULHO; D O MEU QUERIDO NETO ( JOÃO PEDRO ; 03 ANOS E DIZ ELE QUE ELE JÁ É "GANDE". E EU DÔ RISADA POR CONHECER ESTE "GANDE" PROJETO DE SER HUMANO. SAUDAÇÕES DE MUITO AFETO E MUITO APREÇO POR TUDO O QUE O SENHOR FALOU. PARABÉNS.

mesquitasantana disse...

Meu Caro colega HELENO PINTO NOBRE,é igualmente com muita satisfação que li o seu comentário, em que o senhor me distingue com honrarias que não mereço. O meu muito obrigado. A cidade onde moro atualmente, Vila Velha é realmente muito bonita e aprazível. Quanto a nos conhecermos de outras épocas e pessoalmente, não creio, pois tomei posse em Morrinhos (GO) em 1962, posteriormente me transferi para o Rio onde morei 15 anos e finalmente retornei ao Espírito Santo onde me aposentei em 1991. Gosto muito daqui, embora seja um mineiro de Governador Valadares (MG). Quanto à atual política do Banco, qualquer leigo pode ver que é um desastre. Não fora o ataque ao nosso superavit, enorme prejuizo já estaria contabilizado. Aproveito também para lhe desejar um futuro cheio de paz junto a seus queridos familiares, inclua aí o seu "grande". neto

abraços. Eusebio

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Superavit – Informação do site PREVI:

Superávit do Plano 1: DEST aprova proposta de utilização

O Departamento de Coordenação e Governança das Empresas Estatais aprovou nesta segunda-feira, 27/12, a proposta de alteração do Regulamento do Plano 1 que trata da utilização do superávit e que já havia sido referendada pelos participantes em consulta que se encerrou na quarta-feira, dia 15. A proposta segue agora para o Ministério da Fazenda e para a Secretaria de Previdência Complementar - PREVIC. Só depois de aprovadas pela PREVIC as mudanças poderão ser implementadas.
Fonte: Site PREVI

Anônimo disse...

Olha, como este assunto do credito inicial das 12 parcelas já "torrou" a paciencia e os animos, eu nem ia postar este comentario, mas pegando carona no que o site da Previ publicou hoje, tenho a informar, que um colega perguntou ao atendimento Previ a possibilidade real desde credito sair ainda em dezembro e responderam que näo há nenhuma previsao para sair ainda em dezembro, provavelmente em Janeiro 2011, mas também sem previsäo. (cambio final)
Este meu colega telefonou-me muito irritado e eu diss: bem que te avisei...
Entao, o Ano Novo de alguns vai ter que "ësperar"...
Eu por exemplo já disse ha muito tempo para minha Patroa desfazer as malas das ferias e aguardar, porque se for contar com a boa vontade da Previ... rs.rs.rs...

Guilherme

Anônimo disse...

Ué! Em algum lugar do passado, alguém noticiou, embora não oficialmente que a PREVIC tinha aprovado o acordo e que a PREVI se desejasse poderia efetivar o pagamento nos dias 28 e 29. Que situação opaca!

Roberto Pereira de Sta Catarina disse...

Ora... Não vejo ninguem que votou sim ficar doidinho pra sair a grana. Só a turma do não reclama. Calma. Quem votou sim sabe que dependeria de aprovação superior e está disposto a esperar. Agora os que votaram não estão aflitos para botar a mão na grana. Estranho... Interesseiros... Li tudo. Sabia que dependeria de várias instâncias e votei sim sabendo que devo esperar

Anônimo disse...

Eu acho, disse ACHO, que o chutômetro do Dr. Medeiros não vai funcionar e o crédito somente no Ano que vem. Enquanto isto, o Jorge Teixeira, de cima do muro, ficará " no aguardo de oportunas e importantes manifestações"