sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Laranja podre

Caros Colegas.

É tempo de cuidarmos de nós e do que teremos que plantar e colher. Na gleba em formação é preciso adubar o solo, escolher boas sementes e não olvidar a época do plantio. E sabemos que um fruto podre contamina todo o cesto. Por isso vamos limpar o balaio e ir além. Devemos cuidar para que todo o celeiro seja desinfetado para expurgar os bichos peçonhentos instalados: escorpiões, lacraias, cobras e lagartos.

É necessário tirar o mau cheiro - a inhaca deixada para atrair de volta os urubus, abutres e carcarás. Também devemos erguer uma paliçada em torno para inibir o assédio de ratos, raposas e hienas, não nos esquecendo de assear as cercanias para eliminar o lamaçal onde chafurdam porcos e crocodilos em nojenta promiscuidade, nesse zoológico de bichos alheios à nossa fauna. Não podemos correr o risco de perder nova colheita.

Não podemos esquecer que agora somos meeiros da terra antes somente nossa, por força de grilagem urdida pelo novo sócio. E este incluiu na bandeja das iscas com que nos engrupiu uma negociação a partir de janeiro, talvez para nos passar a perna novamente. Então cuidemos em trabalhar direito para participar com boas propostas e bons nomes, sabendo de antemão que até prova em contrário nada do que aí está merece a menor confiança, pelo desastre que nos foi imposto descaradamente, pois cesteiro que faz um cesto faz um cento.

Escudados nas armas adquiridas no plebiscito recente vamos formar nossa tropa de choque para novo combate. Agora somos veteranos nessa arte, porquanto saímos incólumes e estamos mais fortes, mais unidos e mais experientes. E, melhor informados, temos alto cacife para exigir mudanças e impor nomes. Bons nomes tirados das nossas fileiras deverão substituir os inconseqüentes que serão retirados sob a pressão de argumentos irrefutáveis. Com a conjunção de blogs, formadores de opinião e articulistas consagrados nós seremos imbatíveis na tarefa que estamos abraçando – limpar o terreno das ervas daninhas e guardar os silos ainda abarrotados da “erva”, no bom sentido.

O tempo não espera. E a época do amanho chegou. Mãos à obra, todos, contando agora com a nova força agregada pelo maior número de aposentados e pensionistas do PB1, que não podem se iludir com as migalhas jogadas sobre a mesa do Natal.

Marcos Cordeiro de Andrade – Curitiba (PR) – 17/12/2010.

102 comentários:

Anônimo disse...

cavalcante disse:
Li o primeiro post do Marcos, após o resultado da votação, e logp pensei em fazer meu comentário. Mas, invadido pela tristeza e decepção temi que, ao fazê-lo , viesse a externar , incontroladamente, todo o asco e desprezo com a posição mostrada no resumo final da apuração, quando observei que o número de colegas da ativa que votaram no Não foi superior ao dos colegas aposentados.Pasmem, nossa luta por condições melhores para todos os aposentados e pensionistas do PB1, num momento favorável único, que poderia permitir uma justa negociação visando minorar todo o sofrimento a que estamos submetidos a longo tempo, foi por terra , com o voto dos próprios aposentados que referendaram o acordo com o SIM.
A essa altura , já contei várias vezes até 10 para me acalmar evitando assim proferir palavras que poderiam ferir suscetibilidades. Como não consegui, já estou na terceira contagem até 100. Sinto que devo parar por aqui, pois não consigo obter a serenidade necessária para continuar. Entretanto,
necessito dizer ao menos o seguinte:
julgava que o tempo da troca de voto por uma "dentadura" já tinha passado. Logo mais ,quando esse beneficio temporário de 20% acabar e voltarmos à insignificancia dos nossos beneficios, o BB/PREVI irá fazer como o Silvio Santos: Quem quer dinheiro ? imaginem qual será a resposta. O BB/Previ dirá então: vocês concordam , doravante , conceder 60% do Superavit ao BB, conforme a nova resolução nº 27 :
E vocês responderão: claro SIM , 40%( do superavit) é melhor do que nada.Precisamos pagar nossas contas e comprar um Peru para o Natal. E assim será até que não nos reste mais nada para dividir com o patrocinador pois o Superavit será só dele, graças a nós mesmos.
ACORDEM ! INGÊNUOS, MATERIALISTAS,
HUMILHADOS, APROVEITADORES(são muitos entre nós mesmos), ACOMODADOS, PREGUIÇOSOS, OMISSOS, ENTREGUISTAS, INDIFERENTES, CEGOS, IMEDIATISTAS, INCONSEQUENTES, HIPÓCRITAS ........(tem carapuça para todos os gostos) , antes que seja tarde demais para se recuperar a dignidade.

Anônimo disse...

Cavalcante, estou sentindo exatamente como você.
Antes de todo esse episódio, eu sugerí aqui neste blog, botarmos a boca no trombone, divulgar à Nação o roubo que o BB estava prestes a fazer, ir a justiça, etc., porem agora o trio BB/PREVI/GOVERNO, tem toda argumentação de que precisava, ora nós ( eu não, pois votei no Não ), beneficiários referendamos e aprovamos tudo que ai está, qualquer ação daqui pra frente, eles simplesmente vão dizer: ... ora foi feito uma votação e vocês concordaram, estão reclamando do quê ?
Com que armas doravante podemos contar ?
O que iremos argumentar ?
Essa votação foi tão maquiavélica que detonou de vez todas nossas defesas.
Talvez o BB concorde com algumas de nossas reivindicações por ir de encontro aos seus interesses, tal como, diminuição da PP, por incentivar novas aposentadorias, fica ainda, para alguns, uma tenue esperança.
Cavalcante, e demais colegas que votaram no Não, fica aqui meus parabéns, ( ou pêsames ).
Feliz Natal a todos !
Cláudio - Piracicaba - SP

Jane Torres de Melo disse...

Caros Colegas e Queridas Pensionistas

Esse momento mostrou-nos claramente quem é quem.
Muitos, infelizmente, já conhecíamos de outros engodos.
É preciso que fique bem claro que não precisamos de caridade, ainda mais de quem vem.
Queremos nossos direitos respeitados.
É o nosso Patrimonio que nos está sendo tomado.
Não podemos nos acomodar nem tampouco ficarmos satisfeitos com migalhas !!!
Temos muita luta pela frente.
Precisamos de união para fazer valer a nossa verdade.
Abraços,
Jane

Anônimo disse...

antes pensava, em berrar, anunciar,panfletar,bradar. Desisti.Depois ,pensei, vou ao judiciario. Outra decepção. Somos cordeiros. Esperar pela justiça? talvez, 15, 20, 25 anos........Enquanto isso , o tempo passa, a vida passa..., a idade chega e talvez fique alguma coisa para nossos netos...

Anônimo disse...

Prezados Colegas do Blog.

Gostaria de sanar uma dúvida que me surgiu.

Como os 20% aprovados é de carater temporário,será criado uma verba específica para pagamento exemplo: P 171 Valor X.

Esta Verba P 171 será usada nos calculos de concessão de Financiamento Imobiliário e Empréstimo Simples. ela servirá para melhorar a margens consgnavel ou não?.

Grato se alguém puder responder liguei na Previ e não souberam me responder, alegam que a Verba P 171 ainda não foi lançada.

Anônimo disse...

Colegas,
A hora é de juntar os "cacos" e recomeçar. O estupro já está consumado, com a chancela dos participantes.
O tão esperado "Peru" vai ter que, provavelmente, ser adiado para janeiro de 2011, pois a vitoria do "Sim" servirá apenas para o Patrocinador efetuar nova contabilização, já com respaldo, e comunicar mais um Fato Relevante ao Mercado. Talvez os ganhos passem a ser definidos no Balanço de dezembro de 2010, como GANHOS ATUARIAIS RECONHECIDOS.
A musica é antiga, mas o recado é sempre atual:
Laranja madura, na beira da estrada
É bichada Zé, ou tem marimbondo no pé...

Para nós só resta levantar, sacodir a poeira e dar a volta por cima.

Anônimo disse...

Folha de S.Paulo (17/12/2010)
Entidade contesta o repasse da Previ ao BB

A Abraprev (Associação Brasileira de Previdência) vai contestar na Justiça a distribuição do superavit de R$ 15 bilhões da Previ (Caixa de Previdência dos Empregados do Banco do Brasil). Metade do dinheiro será creditada ao Banco do Brasil.

O superavit é a diferença entre o patrimônio do fundo e os valores projetados para pagamento de benefícios.

Metade do valor será dividida entre cerca de 121 mil aposentados e funcionários da ativa do banco, admitidos até 1997, que são cobertos pelo plano 1 de benefícios.

A Abraprev critica o critério de distribuição e, principalmente, o repasse ao Banco do Brasil. Para a entidade, o dinheiro deveria ser destinado apenas aos associados.

Segundo o diretor de Seguridade da Previ, José Ricardo Sasseron, o banco, como patrocinador do fundo, tem direito a parte do superavit. (ELVIRA LOBATO)

Anônimo disse...

Colega das 03;26
A verba poderá ser P 171, ou P 158. Qualquer uma das duas estará bem configurada. Provavelmente a Previ ainda esta confusa quanto à nomenclatura.

Anônimo disse...

OLHA AÍ

O ESPELHO DO MÊS DE DEZEMBRO AINDA NÃO ESTÁ DISPONÍVEL???????????????

LUIZ FERNANDO disse...

o espelho de dez 2010, ja esta disponivel via bb- internet ou auto-atendimento, e para surpreza, as verbas antes em separado, já estão uniformizadas, em um só valor. Para isso, não precisaria passar pela via CRUCIS? Rápido, nao?Só falta uma folha extra com os 20%.

Anônimo disse...

Uai pessoal -
Ateh agora - 10.55.00 h, o contracheque de dezembro não estah disponivel no site da PREVI.
Estranho...............

Anônimo disse...

A Previ (fundo de pensão dos funcionários do Banco do Brasil) assina nesta sexta-feira contrato de aquisição de um imóvel comercial de R$ 500 milhões em São Paulo, informa reportagem da coluna Mercado Aberto para a Folha (íntegra disponível para assinantes do UOL e do jornal).

O empreendimento passa a ser o maior ativo da carteira imobiliária da entidade em valor de mercado.

Leia a coluna completa na Folha desta quinta-feira.

Fonte:Folha de São Paulo

Mariano Branquinho disse...

Prezados Colegas:

Feliz Natal e Bom final de Ano para todos, juntamente com os familiares.
A partir de 02.01.11, vamos nos unirmos cada vez mais (aposentados e pensionistas) e vamos lutar pelo aumento das pensionistas e pelo 360/360.

Abraços a Todos Mariano Branquinho

P.S.: Vamos também começar a sugerir nomes para a nossa chapa (AAPPREVI)que irá concorrer as eleições de 2011, para Diretoria da Previ.

Paulo disse...

Marcos,

Embora você nunca tenha concordado, pra mim foi uma guerra. E você, assim como vários outros, foi um herói nessa batalha. Escrevi para o Banco. Não creio que me respondam. No entanto, vou reenviar a correspondência toda semana, até que alguém se sinta incomodado. Menviarei também uma cópia para seu e-mail. Vamos em frente, sim, com os blogs.

Paulo Motta
blog:
superavitsprevi.wordpress.com

Paulo disse...

Juarez Barboza,

Obrigado, por suas palavras de incentivo. Seu blog é muito bom. Ali, podemos acessar informações difíceis de serem encontradas. Fiz um comentário, mas não sei se consegui enviá-lo. A idéia do Marcos é trabarmos unidos e nos ajudando uns aos outros. Em frente, amigo!

Paulo Motta,
superavitsprevi.wordpress.com.

Anônimo disse...

Votei NÃO com muita determinação. Estou angustiado com nossos representantes negociadores que entregaram a metade do nosso patrimônio. A parte entregue representa a soma de muitas, muitas, e muitas mega-senas acumuladas. E agora? O que fazer?

Indignado, falei com vários aposentados, e esses me disseram que votaram SIM por orientação de suas associações ( AFABBs). Como pode uma associação de aposentados, orientar para que seus associados aposentados fossem prejudicados?

É uma VERGONHA!

Vamos divulgar a AAPPREVI, que é a única asscociação que luta realmente pelos aposentados, e solicitar que todos se associem.

Minhas saudações àqueles que votaram NÃO.

Anônimo disse...

O meu ainda não foi liberado???????

Resultado

O contracheque do mês solicitado ainda não foi processado.


às 11:47 acessando a página da previ

Anônimo disse...

Acho que a democracia pressupõe reconhecimento da derrota e respeito aos que pensam diferente. Assim, o resultado da votação deve ser respeitado, e os colegas que votaram SIM também. Votei não.

Anônimo disse...

Colegas,

Como tirar o espelho da PREVI no Auto Atendimento do BB?

Quem tiver esta informação, por gentileza nos indique os passos, neste blog.

Agradecido, desejamos-lha Feliz natal.

Anônimo disse...

colega tira o seu extrato que vc vai visualizar< futuros lançamentos!!!

Anônimo disse...

Colega das 6:10

Entrar em consulta/extrato/comprovantes.

Depois entrar em contracheque.

Número da matrícula sem digito.

Anônimo disse...

E revoltante depois de tanta enrolaçao para propor um acordo(ridiculo por sinal), pelos proprios colegas imeditistas,e os que tambem nao tem controle do seu dinheiro e votam sempre pensando no hoje, entregaram de bandeja a metade do que e nosso para o governo safado,corrupto,ladrao.
E o peru?Esperem para o Natal de 2011,se vier.
Ja tem gente falando de ES....e muita cara de pau.
Estou sendo prejudicada mas acho bem feito para a cambada que votou sim,seja da ativa ou aposentado.
Ha muito que nao participo do blog,so leio os comentarios pois em Agosto minha saude ficou abalada por tanto estresse,por ler tantas asneiras e por nao concordar fui cobrada que me redimisse.
Falam em açoes na justiça,QUE JUSTIÇA?Que juiz vai olhar por nos?
Ja entregaram o ouro ao bandido,agora ja era.Acreditaram na Isa?Sempre comentei aqui sobre ela, se e da Anabb, nao presta.
Tai.
Agora quero ver quantos meses vamos receber, dos cinco(?) anos propostos,os tais 20% sobre a Previ.
Façam bastante dividas contando com eles e depois corram atras da Cooperforte,ES,CDCs e dem mais dinheiro para quem ja tem e muito.
Sandra

Anônimo disse...

Quando o Banco impos sua proposta ele já tinha o aval do Ministério da Fazenda, do Planejamento, do orgão de Controle da Estatais e da Previc.

Isso foi feito para acelerar os trâmites legais.

O Conselho da Previ é votação super rápida e em relação aos outros orgãos acima citados a aprovação é simplesmente pro forma.

Tanto que a incorporação dos beneficios de remuneração especial e de proporcionalidade já aparece no espelho de dezembro.

Anônimo disse...

Colegas,

O SASSERON se convenceu tão rápido de que o Banco tem direito a metade do superávit. Como ele muda de opinião rápido, o discurso era outro quando editaram a resolução 26. Este acordo deve ter sido muito bom para o SASSERON.

Anônimo disse...

Nós, os 80,15% de assistidos que referendamos a proposta de destinação do superavit da PREVI, elevamos nossas humildes palavras para agradecer aos nobres guardiões da moral e da ética, detentores exclusivos da inteligência suprema, pelos expressivos e contundentes adjetivos com que fomos agraciados neste fórum, tais como: INGÊNUOS, MATERIALISTAS,
HUMILHADOS, APROVEITADORES, ACOMODADOS, PREGUIÇOSOS, OMISSOS, ENTREGUISTAS, INDIFERENTES, CEGOS, IMEDIATISTAS, INCONSEQUENTES, HIPÓCRITAS.
Aproveitamos o ensejo para desejar-lhes um feliz Natal e um ano novo repleto de realizações com muita paz e serenidade em vossos corações.

Anônimo disse...

Sasseron, e ai não vai nos pagar? Ficou tão feliz com a votação, não é mesmo? Já que ganharam paguem nos logo!!!!!!!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

E aí Mariano Branquinho, "vamos nos unirmos" é ótimo. Para os mais ingênuos, informo que a Previ está dando um adiantamento dia 20, baseado no que recebíamos anteriormente e que até o final da semana a folha será gerada com todos os valores a serem recebidos.
Obrigado pelos adjetivos a nós que votamos sim e desejamos a todos, independente de terem votado sim ou não, um feliz Natal e umm Próspero Ano Novo!

ELIAS disse...

Certo ou Errado, ESTOU ME DESLIGANDO DE 3 ENTIDADES NOSSAS pseudo-REPRESENTANTES.
Com certa tristeza e frustração, pois em algumas sou associado desde a fundação. Foram anos de contribuição financeira, moral e empenho pessoal.
Desejo e torço, com toda honestidade, que eu esteja absolutamente equivocado e que os "dirigentes" estejam com a razão e tenham feito o melhor, não o "possível". Isso o tempo dirá.

Anônimo disse...

Votei pelo NÃO,por uma questão de consciência, não poderia compactuar com um assalto, mais posso entender os colegas que votaram sim, estamos esperando há muito tempo por solução nesse impasse da distribuição do superávit da Previ, o BB/Previ usaram da estratégia mais suja possível para conseguir a maioria do sim. Num universo de aposentados onde quase 70% suplicam por ES, era de se esperar a adesão a qualquer proposta que o BB apresentasse creditando-nos algum valor, visto também que apesar do BB precisar acertar seu balanço, ele é que deu as cartas, ele é o governo e faz o que crer, é preciso muito mais união e consenso para derrubá-lo, quanto aos do PB1 da ativa era óbvio que a quase totalidade optaria pelo sim, aí vai nossos parabéns aos corajosos e lúcidos da ativa que votaram NÃO.
Mesmo que legalmente o tempo para o BB acertar suas contas terminasse em 31/12, imaginem o que iríamos enfrentar com a íra e ódio dos dirigentes da Previ/BB e nossos representantes caso o não ganhasse, voltaria tudo a estaca zero,irião nos massacrar como castigo, e o superávit não é tão garantido assim, depende do desempenho da bolsa e a qualquer hora evapora,portanto não posso criticar quem prefere seu dinheirinho na mão e agora.

Anônimo disse...

Se a aceitação do acordo já eram favas contadas, por favor Previ, credita logo nossa merreca, afinal voces ganharam, estão felizes, paguem em tempo recorde nosso dinheiro, a progração já deve estar pronta, é só apertar do botão.

Guilherme disse...

Sobre adiantamento, bem, sem querer duvidar e ate agradecendo a informacao postada pelo colega, mas ate o momento no espelho previsto nao vi nada de adiantamento ou valores diferentes previstos.
Onde consta esta informacao que vao creditar ja no dia 20?

Abraco Viana

Marco Aurelio Damiano - Guaxupé-MG disse...

Colega Marcos Cordeiro,

Na situação em que nos encontramos, a gente até exagera na desconfiança com as pessoas. Entretanto, hoje, na Folha de São Paulo saiu essa notícia:

"Previ compra por R$500 milhões imóvel comercial em São Paulo"

Bom, aí, por curiosidade, fui verificar quem estava vendendo esse imóvel para a nossa Previ. Trata-se da Prosperitas Investimentos. Aí, dei mais uma pesquisada e no site abaixo:

http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20100826/not_imp600477,0.php

verifiquei um trecho interessante da notícia desse site, conforme segue abaixo:

"Nossos clientes são instituições e grupos que investem no longo prazo e não ficam pressionando por resultados imediatos", afirma LUCIANO LEWANDOWSKI, um dos sócios controladores da Prosperitas"

Bom, aí fui procurar quem é essa pessoa acima e encontrei um outro site:

http://www.prdf.mpf.gov.br/imprensa/copy_of_news_item.2005-05-20.9288425862

E que notícia consta nesse site? A seguinte:

MPF/DF ajuíza ação contra danos causados à Funcef

Trinta e nove pessoas são acusadas de improbidade administrativa.
20/05/2005 20:05
...Segundo os procuradores da República Carlos Henrique Martins Lima e Lauro Pinto Cardoso Neto, autores da Ação, inúmeras manobras dos quotistas - comprovadas por auditoria - tiveram por objetivo fraudar o Fundo em detrimento da Funcef.
...Além da própria Funcef, foram prejudicados seus participantes, cerca de 70 mil.
...Relação dos réus:
...................
- Luciano Lewandowski;
...................

Conclusão: são dados que levantei na internet, de domínio público. Portanto, não estou dedurando ninguém, mas, como se trata de negócio envolvendo a nossa Previ, a gente fica com as barbas de molho.

Anônimo disse...

Queridos Colegas.

Voce acredita em Papai Noel,Mula sem Cabeça, Coelho da Pascoa,Fantasminha Camarada, e Superávit Natalino.

Aqueles que votou no "SIM" pensando em ir ao supermercado antes do dia 25? Já podem ir predatando o cheque para após 20 de Janeiro 2011.

Não vão receber um centavo ainda em 2010.

Mais uma vez a Turma ISA/VALMIR/SASSERON levaram 80,15 no bico.

Vão reclamar para os Senadores, quem concorda com o pagamento para janeiro .......APROVADO.
´
Isso é BRASIL

Anônimo disse...

Só há pagamento após a publicação no Diário Oficial da União?.

Não há tempo habil para pagar ainda em 2010.

Com a palavra os NOBRES VOTANTES DO "SIM"

ISA MUSA DE NORONHA, PORQUE SUMIU?.

CECÍLIA GARCEZ CADÊ O ACORDO FANTASTICO E A GRANA QUANDO SAI?

MEDEIROS A BOLA DE CRISTAL PARO DE FUNCINAR?

ONDE ESTA A TROPA DO "SIM" VÃO COBRAR AGILIDADE DE QUEM? DA CHAPA 3.

Marco Aurelio Damiano - Guaxupé-MG disse...

Colega Marcos Cordeiro,
O número do processo da minha mensagem anterior é:
Processo 2005.34.00.014853-8

Aí, na internet, verifiquei uma decisão do STF, de 18/01/2010, da qual pincei esse trecho:

1. Trata-se de ação civil de responsabilidade por ato de improbidade administrativa (processo nº 2005.34.00.014853-8), proposta pelo Ministério Público Federal contra o então Senador da República pelo Distrito Federal, Paulo Octavio Alves Pereira, e outros 40 (quarenta) réus, pessoas físicas e jurídicas, por suposto prejuízo causado à Fundação dos Economiários Federais -FUNCEF...

Anônimo disse...

Afinal os 240% já estão no espelho da previ de dezembro ou não?Alguns afirmam isso, é verdade?Grato se alguém puder me responder.

Anônimo disse...

Colegas !

Sabe porque o SIM ganhou ? Por causa do NÃO de vocês.

A maneira agressiva, emocional como alguns se manifestam, assustam a maioria das pessoas.
Reclamam de tudo, do 0800, do contra-cheque,poem em dúvida a lissura da votação, etc.
Nunca foi demonstrado neste blog, o que ganhariamos se votássemos pelo NÃO.
Alguém falou que devemos nos preparar para a guerra a partir de jan/2111.
Se nos prepararmos para a guerra, vamos perder novamente. Devemos nos preparar é para a negociação.

Marco Aurelio Damiano - Guaxupé-MG disse...

Colegas,
Mais uma notícia da Folha de São Paulo:

"Entidade contesta o repasse da Previ ao BB"

Trata-se daquela notícia de que a ABRAPREV vai contestar na justiça a distribuição dos 15 bilhões na justiça.
Aí, alguém tinha que sair em defesa lá do Banco não é mesmo? Pois bem, dou uma caixa de cerveja se algum de vocês adivinhar quem foi que falou a seguinte frase (segundo a Folha):
"o Banco, como patrocinador do fundo, tem direito a parte do superavit"
- Foi o Lula? Não.
- Foi o Ministro da Fazenda? Não.
- Foi o representante da Previc? Não.
- Foi o presidente da Previ? Não.
- Então, foi algum daqueles diretores indicados pelo BB? Também não.

Sabem quem foi? Foi um daqueles que, eleitos por nós, aposentados/pensionistas, deveriam, mesmo sob tortura, negar o direito do BB de ter os 50%. Vocês já devem ter adivinhado quem seja. É ele mesmo, sim, o SASSERON.

Ivan Rezende disse...

Apesar de não ter sido emitido o espelho, o líquido do mês de dezembro, sem os 240%, já figura no extrato via internet, desde as 5.30 da manhã.
Se na negociação houve a assinatura de todas as partes envolvidas, não há porque a Previ não creditar os valores equivalentes ao superávit.

LUIZ FERNANDO disse...

COLEGAS , O CONTRAcHEQUE DE DEZ-2010,JA esta via sistema bb- innternet ou via auto-atendimento. Consta neste folha , a folha de pagamento normal, com uma diferença,que é a unificação das verbas de beneficio normal mais a verba (beneficio especial de remuneração) já somados.OU seja, existe já, uma so´ verba. O que ainda não comtempla é os 20% do acordo. A PREVI estaria se adiantando em alguns itens?

Ivan Rezende disse...

Laranja podre- Podridão no Judiciário: A Policia Federal do Tocantins cumpriu l8 mandados de busca e apreensão, dentre eles contra três desembargadores do Tribunal de Justiça do Tocantins, sendo eles a presidente do TJ TO (55), o corregedor do TRE(66) e outro de 64 anos de idade, por suposto esquema de venda de decisões judicais, mediante propina.
Preocupante: em quem acreditar?

Anônimo disse...

Só poderia ser, Sasseron Vai pagar direitinho.Safado! Cadeia nele!!!!!!!!

Anônimo disse...

Colegas, que tal pedirmos para o pessoal não pagarem suas contas que possuem com o BB? Ele é caloteiro, também e não poderá falar nadinha. Além de tudo Ladrão< KAKAKa

Anônimo disse...

BOA TARDE SR. MARCOS; REALMENTE; BOM ; AQUI HELENO PINTO NOBRE; 3.984.740-3; JAMAIS ANÔNIMO. TOMARA QUE SE CUMPRA A SUA VONTADE; QUE POR MIM DEVERIA SER DESDE O INÍCIO. MAS EU NÃO ACREDITO; PORQUE O NOSSO POVO BEM APOSENTADO E OS DA ATIVA; JAMAIS CONCORDARÃO; PORQUE TUDO ESTÁ A FAVOR DELES.
HOJE EM CONTACTO ; COM UM COLEGA QUE ESTÁ BEM APOSENTADO; ALEGOU VOU PEGAR O MEU; ELES PRIMEIRO OLHAM PARA O UMBIGO; E ESTÃO POUCO SE LIXANDO PARA O RESTO. AS PESSOAS SÃO EXTREMAMENTE EGOÍSTAS.
EU REALMENTE ESTOU PRECISANDO; MAS POR MINHA VONTADE E DIGNIDADE E VERGONHA NA CARA; VOTEI NO NÃO; CONVICTO.
NÃO VOTARIA NO SIM NEM AMARRADO. MAS MESMO ENTRE OS APOSENTADOS ; ( QUE NÃO PEGARAM ; OITO ANOS DE FHC ( O MALDITO ); QUE NOS ACHATOU; PORQUE EU DE 1.994 ATÉ 2.004 QUANDO ME APOSENTEI; GANHEI APENAS 10 % TRABALHANDO; ENQUANTO A PREVI PAGOU NORMALMENTE A REPOSIÇÃO QUE SERIA JUSTO E QUEM ESTAVA APOSENTADO GANHOU ; AINDA BEM 100% NO MESMO PERÍODO. DEZEMBRO DE 98; ELE ALTEROU A LEI ME FALTAVA AO REDOR DE 06 MESES E TIVE QUE TRABALHAR MAIS 05 ANOS; PARA COMPLETAR; ALÉM DE 35 ANOS DE TRABALHO ; 53 DE IDADE. EU JAMAIS ESQUECEREI ESTA SACA.....; NEM IREI PRONUNCIAR O RESTANTE. NOSSO SALÁRIO ; FOI PARA O SACO; E AINDA HOUVE O TAL DO COLLOR DE MELLO;. O CAÇADOR DE MARAJÁS. BOM ISTO É O BRASIL; VALE TUDO.
OS GRANDES TRABALHADORES DE BRASILIA ( A ILHA DA FANTASIA ); EM QUE ELES AUMENTARAM O PROPRIO SALÁRIO EM 60%. E NÃO VEJO NINGUÉM RECLAMAR OU ESBRAVEJAR . VIVA OS CANALHAS ; QUE NÃO FAZEM NADA E AINDA SAEM MILIONÁRIOS DE LÁ. NÃO ACREDITO QUE ALGUÉM CONSIGA MUDAR ESTE PAÍS; A NÃO SER QUE SE MATE TODA ESTA CORJA DE SAFADOS.
SOU DEVERAS; BASTANTE RADICAL; DESCULPEM O MEU DESABAFO; MAS SOU EXTREMAMENTE REVOLTADO.

Anônimo disse...

PREVI compra prédio comercial em São Paulo
O edifício Eco Berrini está com cerca de 70% das obras concluídas e tem previsão de entrega para abril do ano que vem.
Socorrooooooooooo, foi com o nosso dinheiro! Que horror! Chapa3 na cadeia, já.

Anônimo disse...

NOTÍCIAS :: 20101217 SUPERÁVIT FOLHA





Superávit do Plano 1: benefícios já começam a ser implementados



Parte dos benefícios previstos na proposta de destinação do superávit já estarão presentes na folha de pagamento de dezembro. Os aposentados e pensionistas que recebiam os Benefícios Especiais de Remuneração e de Proporcionalidade - referentes ao acordo do superávit de 2007 - já terão esses benefícios incorporados ao complemento de aposentadoria. Com isso, os valores recebidos até a folha de pagamento de novembro nas verbas P380 (Benefício Especial de Remuneração) e P390 (Benefício Especial de Proporcionalidade) deixam de existir e passam a integrar a verba P300 (PREVI Benefício).

Mais uma prova que não vão liberar os 240% ainda em 2010.

Vão ter que adiar a festa do "SIM"

Anônimo disse...

Colega Ivan Rezende.

O Processo relatado pelo colega é de 26/08/2008 e tinha prioridade.

PESSOA IDOSA - LEI NÚMERO: 10.741/03

Porque os Advogados da "AAPPREVI" não fez o requerimento desta lei em seus processos,já que os autores já se encontram com mais de 60 anos de idade.

Anônimo disse...

O site da PREVI informa que começaram a ser implementadas na folha de dezembro alguma das cláusulas do acordo. Extraindo a raiz quadrada da verba 320 e mutiplicando pelo co-seno da tangente verifiquei que ganhei a mesma coisa. Desse jeito vamos ter asa de frango no Natal.

Guilherme disse...

Realmente acho que os colegas tem razao, é uma ilusao para a maioria que votou SIM achar que iam "deitar e rolar" por conta dos creditos do superavit no Natal.
No meu espelho näo tem um centavo a mais nem para comprar a farofa da ceia rs,rs,rs...
Alias, espero que os otimistas tenham razao em dizer que ate o Ano Novo sai alguma coisa para eu fazer alguma festa extra, porque sem choradeira e lamurias, este ano a coisa ta feia por aqui.
Imagunem a mesa de Natal da turma da diretoria da Previ, täo atirados para tras, sao os Faraos do superavit. Quanto a nós, agora ficamos como urubus na carniça, especulando todos os dias ate creditarem as 12 parcelas, parece exagero o que digo, mas vejam se para a maioria isto näo é um triste fato.
Falar nisto, PREVI, quero minha ceia de Natal...quero meu gordo e suculento Peru.
Nao quero frango e nem chester...
Voces ja conseguiram todos os PERUS possiveis...

Anônimo disse...

Trocado em números, quem foi beneficiado pelo renda certa,já efetivou o roubo.

Os 240% vão esperar mais um pouquinho.

A Verba P171 vai sair em 2011? quando é que ninguém sabe!!!

Anônimo disse...

Não entendi nada desse contra cheque.Liguei para a Previ e me informaram que ainda não saiu nada do superavit.Uma boa noite para todos>

Anônimo disse...

Marcos Cordeiro, sei que seu voto foi contrário a esta votação,sabemos também que ela foi apenas para validar a participação da Contraf Cut.

Porque ainda não houve formalmente a manifestação do Conselho Deliberativo da Previ,se a própria Previ,informa a mudança e a implementação já nesta folha de pagamento de dezembro de 2010,não teria primeiro que haver a manisfestação da previ para essa incorporação já que se tornou definitva.

Estaria a Previ com tudo preparado e quem sabe até o Conselho Deliberativo já havia enviado a matéria a Previc antes mesmo do "SIM" Ganhar?.

Pela lei 109/2001 o revisão tem que se dar em 2010,mas não diz que o crédito tem que sair no mesmo ano.

A VALIA só fez o crédito aos aposentados e pensionistas após a publicação no Diario Oficial da autorização final da PREVIC.

Anônimo disse...

Já esta disponivel a Folha de Dezembro pelo Sati da Previ.

Não há valores da Reserva Especial.

FELIZ NATAL

Anônimo disse...

É tanta baboseira repetida neste blog.

Parece que a maioria só lê o que escreveu.

Não lê o que os colegas escrevem para se inteirar dos assuntos e depois ficam emitidas as mesmas idéias.

Ou porque realmente não leem ou estão copriando idéias de outros.

E o assunto fica repetitivo e a gente acaba deixando de frequentar o blog.

É tanta besteira dita aqui. Uma revolta sem precedentes. Parece que as mentes não estam trabalhando como deviam.

Emitir opiniões válidas, coerentes, exercitando a mente com opiniões equivocadas.

Vamos ser mais racionais.

A culpa de tudo o que esta acontecendo é nossa.

Porque fomos votar no "cumpanheiro".

Ninguém faz o mea culpa.

Respirtem fundo, façam um análise, vamos repensar, vamos tomar novas atitudes principalmente dessa "surra" que acabamos de tomar dos profissionais que assolam as nossas associações representativas.

Sabemos que vamos enfrentar os mesmos que participaram do "acordo" do superavit e não temos como isso. Voltaremos a ter os mesmos problemas.

Por isso deixem de baboseiras e vamos emitir opiniões, idéias e acharmos um caminho para superar essa desvantagem crucial.

Feliz Natal e um 2011 melhor.

Ivan Rezende disse...

Ao anônimo 12.32: o meu grupo também é amparado pela Lei 10.741 e é de maio/2008 e ainda está em fase de julgamento. Acontece que os Juizes que acompanharam o processo vencedor foram mais céleres no julgamento.

Rubem Tiné disse...

Quado é do interesse da Previ e do Banco a coisa anda rápida. Já consta da folha de dezembro a incorporção dos benefícios do superávit de 1997, aprovados no referendo, antes mesmo da aprovação pela diretoria da Previ, pelo Previc e MF, isto posto, continuo otimista, as 12 parcelas do reajuste de 20% deverá sair como adiantamento, até o dia 30, quiçá no dia 20. Uma fonte de Brasília, informou-me agora, que vai sair um adiantamento com o valor antigo do benefício X 12, o acerto será processado na folha de janeiro 2011. Feliz Natal!!!

Marco Aurelio Damiano - Guaxupé-MG disse...

Colega Heleno Pinto Nobre,

Concordo em gênero, número e grau com a sua revolta e seu desabafo.
Quem tem certos colegas, como nós temos lá em cima, não precisa, certamente, de ter inimigos.

Só para rememorar, você se lembra daquele colega que foi ministro da fazenda? Faz alguns anos, acho que foi no governo Sarney, antes do governo DELLE. Pois é, não sei se você se lembra desse ministro, muito revoltado com os supostos altos salários de então do BB, chegou a divulgar seu contracheque em revista de edição nacional.

E o que que acontece hoje? De uns anos pra cá, temos os maiores salários nos poderes executivos, judiciário e, agora, no legislativo. E a gente não vê esse ex-ministro dar nem um pio a respeito, que eu saiba.

Primeiro, eles (Collor e FHC, juntamente com alguns colegas) atacaram os salários dos que estavam na ativa. Agora, veio o Lula e, através do colega Pimentel, vem atacar também as nossas aposentadorias, criando a possibilidade do Banco de ficar com metade do nosso patrimônio. E com a concordância nossa e de nossos representantes eleitos na Previ.

Conclusão: se surgirem mais alguns colegas desse tipo, logo, logo, estaremos na sargeta, fazendo companhia para o Movimento dos Sem Teto.

Anônimo disse...

Já está no site o contracheque de dez/10 e no meu caso não mudou nem uma vírgula. De pasmar a pressa com que efetivaram aqueles benefícios temporários anteriores. Infelizmente, ainda se trocam votos por dentura. Fazer o quê? Até agora não vi a cor de UM centavo de todos estes resultados da Previ,exceto nas contribuições. E pior, CONTRIBUÍ durante mais de 37 anos e recebo complemento proporcional. Assim, estou sendo lesado DUAS vezes: uma no complemento e outra no Renda Certa. Chega de buscar entender derrota tão humilhante. Agora vou pescar.

Em Tempo: A Democracia é, por natureza, o regime MAIS CORRUPTO. Vide conteúdo programático de qualquer curso de Direito. Então ...

Anônimo disse...

Prezado Marcos, mandei a seguinte mensagem para a PREVI alguns minutos atrás.
Eu poderia até ficar feliz se soubesse que esta minha mensagem chegaria a algum nível de chefia que pudesse transmitir ao presidente da PREVI o que sente um aposentado perante as atitudes dessa Instituição. Após tanto tempo e tantas reuniões e negociações chegou-se a um acordo que apesar de votado sim por muitos, não é o mais justo. Em face disso, a PREVI, Banco e o Governo satisfeitos, o que custava ter o mínimo de transparência e declarar aos aposentados exatamente o que ia ser feito a seguir. Nada justifica a demora para a liberação do holerith de dezembro com o mesmo valor. Só para juntar as verbas daqueles que já foram soberbamente favorecidos em 2007? O que custa para a PREVI declarar em alto e bom som quando serão feitos os adiantamentos? Porque deixar os aposentados na dúvida e mais estressados, sem saber quando receberão o que lhes cabe? Como vocês sabem muito bem a maioria de nós já passou dos 60 anos, com leis que nos protegem, nos dando preferência de atendimento. Por que ignorar esses anseios uma vez que o Banco foi premiado com aquilo que queria? Os funcionários do auto atendimento só tem frases prontas para nos dizer, e parecem realmente nada saber. Não acredito que até este momento não saibam ainda o que vão fazer. As ditas autorizações são apenas para confirmar o que já está aprovado. Vejam bem que não estou pedindo para fazerem o crédito hoje, amanhã ou daqui a um mes. Estou pedindo apenas transparência e respeito por tantos que trabalharam muitos anos de suas vidas defendendo os interesses do Banco do Brasil. O mínimo que merecemos é transparência! Você que está lendo esta mensagem faça chegar aos canais superiores. Obrigada. Por favor, não insultem minha inteligência com respostas padronizadas. Maria José Paçó Costa

Anônimo disse...

Coleg Marcos Cordeiro.

Quais as propostas que a AAPREV tem para apresentar nas negociações que se iniciam em JAN/2011 ?

Anônimo disse...

Vejam essa:
Orçamento descarta aumento acima
da inflação para benefícios do INSS
relatora propõe aumento de 5,52% para benefícios acima do piso em 2011. votação é na terça.Esses petistas deveriam ir para o INFERNO como a diretoria da PREVI. Eles querem que os aposentados comam sardinha frita na ceia de Natal e eles PERU!!!!!!!!!!!!!!!

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Prezados Colegas.

Aproveitando a pergunta do anônimo acima (01:44), tenho a dizer que as propostas da AAPPREVI contemplarão, como sempre, os interesses dos participantes do PB1, como um todo, e, particularmente, os dos seus associados. Estamos prontos para guardar sugestões nesse sentido para, depois, levá-las à apreciação de todos formando um bloco de propostas.
Presentementemente preocupa-nos identificar quem irá nos representar nessas negociações, caso venham a ocorrer. Precisamos direcionar a força que representamos a um denominador comum - um nome ou Entidade que comungue com os propósitos da AAPPREVI para não tropeçarmos em pessoas ou associações que voltem a nos trair. Até o momento os responsaveis pelo "desastre" da entregação não vieram a público apresentar sua defesa, razão porque, para a AAPPREVI, estão alijados de indicação para o que estamos tratando.

Atenciosamente,

Marcos Cordeiro de Andrade

Anônimo disse...

Colegas
Para que desapareça o abismo que existe entre os vários tipos de beneficios concedidos, sem dúvida, a proposta mais indicada é a 360/360.
Ao conceder o Renda Certa a Previ considerou TEMPO DE TRABALHO igual TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO. Nesta proposta deve ser considerada TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO igual TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO. Quem se aposentou sem completar os 360/360 mas continuou contribuindo terá seus benefícios recalculados até data de implantação da proposta. Quem ultrapassou receberá o Renda Certa (2) referente às contribuições excedentes. Quem foi beneficiado pelo Renda Certa (1) terá os valores recebidos descontados.
Também seria justissima a alteração do percentual das pensões. A redução de 100 para 60% realmente é um complicador para a vida das familias.
Penso que, por enquanto, salvo melhor juizo, essas duas bandeiras deverão ser levantadas.

Marco Aurelio Damiano - Guaxupé-MG disse...

Colegas,

Desculpem-me querer enfiar aqui assuntos que não tenham nada a haver com o Natal ou festas de final de ano. Eu sei que é importante a gente escolher bem a marca do panetone que vai comer na ceia natalina ou da cerveja ou vinho que se vai beber.

É que, enquanto estamos totalmente mobilizados nesses assuntos, acontecem coisas nesse Brasil. Por exemplo, a Previ acaba de adquirir um prédio comercial por 500 milhões da Prosperitas Investimentos.
Aí, eu, na qualidade de assistido da Previ e preocupado com o seu futuro, fui ver quem é que estava fazendo negócio com o nosso fundo de pensão. E, aí, no site:

http://www.prosperitas.com.br/arquivos/ProspectoFIP_ProsperitasII.pdf

fui verificar que as 2 pessoas que estavam assinando pela empresa são, juntamente com outras pessoas, réus numa ação de improbidade:

http://www.prdf.mpf.gov.br/imprensa/copy_of_news_item.2005-05-20.9288425862

por terem, supostamente, causado prejuízo de muitos milhões à FUNCEF e seus 70 mil participantes.

Quer dizer, não estou acusando ninguém de nada. São dados que estão lá na internet para quem quiser ver.

Bom, como o clima aqui no blog não está muito propício para assuntos muito pesados, acho que vou encerrar a minha participação aqui neste ano de 2010, desejando um feliz Natal e um próspero Ano Novo a todos, menos para Elles, é claro!

Anônimo disse...

Ora.. A turma do não agora quer dinheiro? Soube de fonte limpa que vai sair os 240% mas só para quem votou sim. Bobagem. Brincadeira de péssimo gosto. Acredito que os negociadores agiram corretamente. O BB tem a seu lado a justiça, o Governo e a Resolução 26. Assim, se não houvesse o acordo, ainda que aquém do esperado, iríamos ficar chupando dedo e o BB levando o dele por força de lei

Marco Aurelio Damiano - Guaxupé-MG disse...

Colegas,

Ainda em tempo. Esqueci de mencionar as 2 perguntas que coloquei no blog do Medeiros e que achei interessante fazer. Não sei se ele vai responder:

"Dr. Medeiros,

Tendo em vista a sua condição de advogado experiente e ao fato de, também, ter ocupado cargos importantes, inclusive, de conselheiro fiscal da Previ, gostaria de saber sua opinião sobre um aspecto que acho da máxima importância para o nosso futuro, aposentados/pensionistas do PB1:

- Qual sua opinião a respeito da influência do resultado do SIM no plebiscito da Previ sobre o julgamento futuro das ações que constestam a resolução 26 na justiça? O governo pode utilizar esse resultado para tentar influenciar no julgamento? Sim ou não? E porque?

Para aqueles que, como eu, votaram NÃO, sua opinião deve contribuir até para avaliarmos se tomamos ou não a atitude certa diante dessa encruzilhada que nos foi colocada no problema do superavit. Antecipadamente agradeço."

Agora, vem a segunda pergunta que eu fiz:

"Dr. Medeiros,
Dando sequência a minha mensagem anterior, gostaria de fazer a pergunta sob um outro ângulo, ou seja:

- se o sr. fosse apenas um experiente advogado a serviço do governo e sem nenhum vínculo anterior com o BB na qualidade de funcionário ou da Previ na qualidade de conselheiro, o sr., como estratégia, usaria o resultado do plebiscito para tentar justificar a validade da resolução 26 nas ações que correm na justiça?"

ELIAS disse...

Marcos,
O "erro" da previ está demonstrado no
sítio http://www.unap-bb.org/.
Da forma como Ela divulgou: vitória esmagadora do SIM, não teria outro objetivo senão dar um banho de água fria e calar milhares de Colegas que votaram NÃO. E, talvez, influenciar instâncias decisórias.
O quadro da UNAP-BB, didaticamente, mostra outra verdade dos números.
Em resumo é o seguinte:
APTOS A VOTAR: 118.292 (100%)
VOTARAM: 63.482 (53,67%)
opção SIM: 50.876 (43,01%)
opção NÃO: 11.354 (9,60%)
abstenção+brancos+nulos: 55.464 (47,39%)
CONCLUSÃO: O SIM obteve apenas e tão somente 43,01% dos votos.

ANEXO
Em 16 de dezembro de 2010 15:37, ANDRETTA, escreveu:

Colegas,
A PREVI, espertamente, "MELHORA" o índice ao elaborar o mapa da votação:
Diz lá no quadro do SITE que 80,15% dos ASSOCIADOS / PARTICIPANTES referendaram a proposta. Só quem tiver o cuidado de verificar o que significa o asterisco é que irá saber da realidade.
Mas o número MASCARADO é o 80,15%
O CORRETO é 43,01% dos ASSOCIADOS referendaram a proposta.
Veja o quadro abaixo com os números e percentuais CORRETOS.

SISBB % URA % TOTAL %
SIM dos associados 18.661 58,00 32.215 37,41 50.876 43,01
NÃO votaram 6.715 20,87 4.639 5,39 11.354 9,60
Brancos 383 1,19 215 0,25 598 0,51
Nulos 257 0,80 397 0,46 654 0,55
VOTARAM 26.016 80,86 37.466 43,50 63.482 53,67
não votaram 6.157 19,14 48.653 56,50 54.810 46,33

TOT BASE
ASSOCIADOS 32.173 100,00 86.119 100,00 118.292 100,00

Um abraço.
Andretta


Cópia do site da PREVI:
" 80,15%(*) dos associados do Plano 1 votaram sim para a proposta de destinação do superávit. Durante os 7 dias de votação, 26.016 funcionários da ativa e 37.466 aposentados e pensionistas votaram pelo SISBB e 0800, respectivamente. A participação de aposentados e pensionistas foi recorde.
O resultado da votação aqui divulgado ainda está sendo validado por parte dos auditores. Nosso intuito foi o de antecipar a informação o quanto antes para os associados tendo em vista a relevância do tema. "

PS.: MARCOS, NÃO CONSEGUI COLAR A FORMA DE PLANILHA ORIGINAL.

jp.tribunal2010 disse...

Meu caro Rubem Tiné.

Se tivesse algo novo, os "Gurus" da negociação já estariam mobilizados.

Devem estar de férias,merecidas após esse acordo fantástico.

Não acredito em recebimento dos 20% neste ano, com certeza o Banco agora não terá tanta pressa pois já sabe o resultado final e o tamanho do seu lucro.

Mas queria eu estar enganado,seu que muitas famílias sem esse dinheiro extra não vai poder nem colocar um frango magro em cima da mesa,é a nossa realidade nua e crua.

Faço votos que a Família BB posso continuar as opiniões diversas que tanto contribui para a democracia.

Sugiro que nesta pauta a ser negociada a partir de janeiro de 2011.

a) Revisão do reajuste para janeiro de cada ano e não mais como é hoje,é nos primeiros meses que as contas IPTU,IPVA, e tantas outras contas surgem com muita força.
b) Fazer um baixa assinado entre os aposentados e pensionistas para permitir a presença de um membro da "AAPPREVI" ou dos demais grupos existentes hoje nestas futuras negociações,se não for suficiente engressar com ação com pedido de liminar para que tenhamos um representante a altura nestas negociações,se a Contraf Cut impos o prebicito mesmo sabendo que não era necessário a consulta ao corpo social porque não buscarmos esse direito legítimo e constitucional,aja vista a relevancia do tema.

Esse é meu ponto de vista,temos que nos mobilizarmos e logo,já começarmos fudamentando bem este baixa assinado.

sergioinocencio disse...

Marcos,

eles dever estar alijados e se possivel aleijados.

voltando, logico que a gente faz uma pressão que não chega a ser pressão, mais estava mais que claro que a Previ não iria nos pagar os 12x20% no dia 20.12, apesar de nossas desconfianças de que tudo estava acertado, mesmo assim eles vão cozinhar um pouco mais, afinal, precisam mostrar quem
manda, e normalmente que tem o poder tem uma certa queda ao sarcasmo, e a tortura.
bem entendido, no caso especifico que estamos falando, da entidade em questão e seus dirigentes.

Anônimo disse...

Não consegui votar. Todas as vezes que tentei o telefone esteve ocupado.
Apesar de nada adiantar, não confio no resultado da votação. Da mesma maneira que foram desnecessárias todas reuniões para decidir o superávit (já estava decidido), o resultado da votação já era sabido com antecedência. Como bem disse um alto assessor durante reunião com presidente da previ e do bb: - Será fácil tapear os imbecis. E foi mesmo...

Blog do Ed disse...

Caro anônimo das 3:42

"...e o BB levando o dele por força de lei"? Gostaria que o colega provasse essa afirmação: por força de lei. Passei dois meses e meio pedindo exatamente isso: que me oferecessem uma versão da Lei que embase esse direito do BB. Ninguém apareceu para dá-la. Mas, ao que parece, o colega a tem. Agradeceria se o colega me permitisse compartilha-la.

Anônimo disse...

Por falar em laranja podre...

Para que todos saibam, o plano que os pau-mandados estão cumprindo, em linguagem a mais coloquial possível, para não complicar demais.

Quem está mandando no Banco do Brasil e na Previ é a BANDA PODRE DO PT, do qual o chefe é LUIZ GUSHIKEN, que não era do Banco do Brasil, mas do vendilhado BANESPA, associada à ALA MAILSISTA DO PMDB, de quem o chefe é o genocida renegado cujo nome todo mundo sabe e tem uma empresa chamada Mau Caráter Mailsista Consultoria para banqueiros miliardários.

A Presidente Dilma, como Lula, recebe todas as informações através dos janízaros desses dois, que em resumo é a seguinte:

1 – O capital da Previ é majoritariamente de origem governamental porque sempre nela foi injetado generosamente – oriundas da conta-movimento – em todas as vêzes em que esteve à beira do colapso, transferências que também quase levaram o banco à bancarrota.

2 – Este capital, hoje bilionário, foi possível de ser para ela desviado por meio de expedientes legais e administrativos, aprovados pelos governos de então e hoje serve de tesouro para dar sustento à vida de "marajás" de uma minoria de "príncipes" da época da ditadura que colaboraram com a mesma, inclusive facilitando e promovendo perseguições aos líderes sindicais que hoje compõem – infelizmente para nós do BB – a base forte da banda podre do PT que nos infelicita através da sua bem pensada "vendetta".

Trecho extraido do :
http://blogdosbancarios.wordpress.com

Anônimo disse...

Marcos,

Gostaria de saber se enquadro na teoria dos 360/360.

Com ficaria minha situação se ingressei no Banco em 12/79 e aposentei em 09/2007, com 333 meses de contribuição, considerando que em 2006 as constribuições foram suspensas.

Como é feito esses cálculo?

Basta recalcular minha aposentadoria substituindo na fórmula do cálculo quando da aposentadoria os 333/360 por 360/360?

Anônimo disse...

Colega Maria José Paçó Costa,

Seria bom perguntarmos ao SASSERON, porque só os salários mais altos pós/97 receberam o superávit previ em 2007. Perguntar porque ele defendeu com tanto entusiasmo o aumento do teto de 75% para 90%, ele não terá coragem de dizer que foi em benefício próprio e dos "cumpanheiros", que mesmo incompetentes chegaram aos cargos mais altos do BB, empurrados pelo PT.

DÁ-LHE SASSERON A PARTIR DE JANEIRO/2011 JÁ SEI QUE DEFENDERÁS COM UNHAS E DENTES O AUMENTO DO TETO PARA 100% A PEDIDO DA "CUMPANHEIRADA".

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Até quando nos deixaremos enganar? Os farsantes são os mesmos:

http://www.anabb.org.br/mostraPagina.asp?codServico=4&codPagina=31038

Anônimo disse...

Se a Previ esta fazendo negociações com pessoas que já prejudicaram colegas da CEF e estão respondendo processos na justiça por improbidade administrativa, então alguma das 32 associações de aposentados do BB, têm que questionar e quem sabe até mesmo barrar isto no judiciário.Não podemos simplesmente ficar assitindo.
Porque depois pode sobrar prá nós.

Anônimo disse...

Esta votação para mim não vale e não valeu nada. Isto porque quando recebi o informativo da Previ ela já tinha sido encerrada. Recebi o informativo em 17 de dezembro de 2010,sem AR.

Anônimo disse...

Marcos e colegas, uma das sujestões que temos que colocar nas negociações é a Cesta Alimentação para todos os aposentados.Muitos que entraram na justiça já estão recebendo, outros, quando se aposentaram. Tem aqueles que entraram com ação mas não estão recebendo.Quer dizer, a pacificação para todos seria um benefício abrangente e evitaria gastos da Previ com advogados e desgaste para nós aposentados.
Vi outro dia, comentário de que esta verba já é paga para todos aposentados da CEF.
Há que se pensar também, naqueles aposentados por invalidez, visto que não entram no grupo dos 360/360. Obrigado.

Blog do Ed disse...

Caro anônimo da 6:19
Se todo o patrimônio da Previ hoje veio da conta de movimento, é algo difícil de ter acontecido. Precisa ser provado, não apenas afirmado. Afinal de contas, eu também contribuí, o BB teve bons lucros naquela época e o mercado financeiro também contribuiu para formar esse patrimônio... E se veio, era legal naquela época. Agora, o que se está fazendo hoje, com a conivência nossa, extraindo metade do superavit da Previ para o BB, precisaria ser legal. Até agora não vi ninguém demonstrar essa legalidade. Já li até jubilosas afirmações de que tudo é legal. Mas, a prova da legalidade ninguém apareceu para dar. Até os nossos negociadores deram a entender que só receberemos a versão da legalidade na JUSTIÇA...
Aliás, a versão da História é a dos vitoriosos, mas isso não significa que ela é a verdadeira...

jvasconcellos disse...

Caro colega das 03:23.de 18/12

Temos que firmar fileiras a favos dos 360/360, este e a ideia minha e de varios colegas. Nos aposentamos ...E CONTINUAMOS A SER DESCONTADOS DA PARCELA PREVI< COMO SE EM EXERCICIO NO BANCO ESTIVESSEMos,ATE QUE A PREVI ,RECONHECEU O ERRO E SUSPENDEU EM 2006 o desconto.Então, fazer JUSTIÇA, a quem, aposentou em 97/98/ etc, tem que contar ate 2006.EX: de 97 ate 2006 mais 9 anos...em 2000 mais 6 anos etc...
ELES fazem o que querem... se não respeitar que SUPERAVIT não e para corrigir SALARIO.Vai continuar o rola-rola,

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Onde estão os Cardeais?
Por que somente o pequeno clero se pronuncia?
Os partidários do SIM são mais coerentes, pois além de não sumir, não tripudiam.
E nós, pobres eleitores do NÃO, ficamos à procura de nomes.
Por que se escondem os medalhões?
Eram sinceros?
E o serão doravante?
Em quem acreditar?
Não esqueçamos que do mesm modo que se enaltecem figuras, com a mesma facilidade elas são destruidas.

Anônimo disse...

ATENÇÃO AUTOPATROCINADOS!!!!!!!!!!

A PARTE PATRONAL NÓS RECOLHEMOS À PREVI, APÓS A APOSENTADORIA, COMO AUTOPATROCINADOS. PELA RESOLUÇÃO EM VIGOR, QUE DEU DIREITO AO BANCO NOS 50% QUE ELE ESTÁ LEVANDO,NOS PERTENCE. EXPLICO: 50% SERÃO DESTINADOS À REVISÃO DOS BENEFÍCIOS, MAS OS OUTROS 50% , PROPORCIONALMENTE SÃO NOSSOS, QUE SOMOS AUTOPATROCINADOS, QUER DIZER VAMOS COBRAR DA PREVI E SE ADMINISTRATIVAMENTE NÃO CONSEGUIRMOS. VAMOS ACIONAR OS ESCRITORIOS DE DIREITO. SOMOS EM 30/09/10. SOMOS EM 30/09/2010 3476 AUTOPATROCINADOS.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Os Blogs são como giz e apagador. Escrevem nomes na lousa da história – e os apagam com o mesmo empenho.

Anônimo disse...

Se os 50% que o BB levou estão amparados na Resolução 26 então é de lei. Pois uma resolução está na hierarquia das leis e foi assinada por um Ministro de Estado

Anônimo disse...

Bah Marcos!
Me caíram os butias do bolso...
Houve uma pequena mudança na minha lista de presentes,já que não creditaram a grana do "superavit"...kkk
Para minha filha mais nova que queria um IPhone,,,vai um Nokia usado.
Para meu genro, que queria um Ipad, vai um quadro negro com um giz.
Para a filha mais velha que queria uma máquina de lavar louças...um tubo de detergente e uma esponja e para o outro genro que queria um Note, vai um caderno de anotações e uma caneta Bic..
E eu e minha cara metade, que íamos visitar as filhas, vamois ficar assistindo o Natal da Globo, tomando um leitinho com bolachinas Maria...hahahahahaha...ainda bem que votei não e não tinhas espectativas...ta tudo confirmado...vamos aos pré datados..Um abraço e Feliz Natal...

Anônimo disse...

cavalcante disse:
Colega Cláudio ( Piracicaba),
agradecendo-lhe pelo apoio, aproveito do ensejo para parabenizar-lhe pela firmeza em suas convicções. A luta continuará.
Apesar do "SIM" ... amanhã há de ser outro dia...!
Desejo um BOM NATAL , SAÚDE E PAZ a você , à sua família , a a todos os colegas associados da AAPPREVI , bem como aos demais participantes do blog Previplano1.
Cordial Abraço
Cavalcante

Anônimo disse...

O Blog da Bruxa (leia-se Cecilia Garcez), ela com desfaçatez diz agora que o crédito de 240% sai em janeiro, até as vésperas da eleição afirmava que saíria até31/12/2010, mas como agora o sim ganhou e não carece mais de votos para aprovar a resolução rícidula(26), não temos mais pressa, nem celeridade no processo.E ainda temos trouxas, e puxa-sacos que cumprimentam essa larápia.


Paulo Segundo Viçosa-MG

Anônimo disse...

Vários sites informam o salário médio pago pela Previ no Plano 1. Entretanto, existem três categorias no plano, a saber: pré-67, pré-97 e pós-97. Porque não se divulga quantos são e o beneficio médio em cada categoria. Principalmente, para um melhor posicionamento nas negociaçãoes de 2011.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Desabafo de um Colega:

OS REIS PRECISAM DOS SÚDITOS


Época medieval. Império do absolutismo. Fora dos limites do palácio, ergue-se a urbe, rústicos casebres de teto baixo, sustentando-se uns aos outros, impregnados de lama, barro e liquidos fétidos provindos dos dejetos humanos e animais. Esses, transitam livremente entre restos de alimentos putrefatos, fuçando possivel comida e acomodando-se nos catres imundos onde as pessoas se recostam, se criam e se procriam. Ao tempo que se ergue e se alastra, a urbe desenha um mosaico arquitetônico compativel com a existência humana dos que a formam. Entrelaçadas entre si, como se fora uma torre de babel em espaço e forma, vielas e becos vão surgindo,sendo possivel distinguir e identificar sómente a miséria existente. Num ponto, essas vielas e becos se encontram e se abrem em um espaço tortuoso e incongruente, como se fora um arremedo de praça. É onde a horda de miseráveis ousa comparecer, tão e tão sómente, em eventos aos auspícios da Corte, ou em execuções determinadas pelo rei. Ali, regularmente, comparecem também, para disputarem, ávidos, nacos de pães ofertados por uma dama da corte, sensivel ao grau de miserabilidade existente. Situação de miséria essa, porque todo o lastro de suas atividades vem sendo recolhido ao tesouro real. E assim vai seguindo a condição humana....

Russel

Anônimo disse...

Colega anonimo 18/12 - 11;59
Voce está enganado. Resoluçao não é lei. Resolução é ato normativo. Ela, enquanto no mundo jurídico, há que ser respeitada. Entretanto, o Conselho de Gestão da Previdencia Complementar não pode inovar, alterando o texto de uma Lei. O Conselho exorbitou de seu poder. Somente o Congresso Nacional pode alterar uma lei complementar, através de outra.
Resolução é, flagrantemente, inconstitucional.
A própria Constituição assegura que: NINGUEM É OBRIGADO A FAZER OU DEIXAR DE FAZER ALGUMA COISA SENÃO EM VIRTUDE DE LEI ( INCISO II - ARTIGO 5º). Ministro de Estado não tem competencia para editar uma lei.
Lamentavelmente existem exigencias que obstam a apresentação de uma Ação Direta de Inconstitucionalidade. Por outro lado podem ser provocados, no mesmo sentido, o Ministério Público Federal, o Conselho Federal da OAB, ou um Partido Politico com representação no Congresso Nacional . As possibilidades estão ai.

Anônimo disse...

Colega 18 de dezembro de 2010 13:06,


Porque a PREVI deixaria claro que botou a mão em nossas aposentadorias depois de 97.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Texto completo:


OS REIS PRECISAM DOS SÚDITOS


Época medieval. Império do absolutismo. Fora dos limites do palácio, ergue-se a urbe, rústicos casebres de teto baixo, sustentando-se uns aos outros, impregnados de lama, barro e liquidos fétidos provindos dos dejetos humanos e animais. Esses, transitam livremente entre restos de alimentos putrefatos, fuçando possivel comida e acomodando-se nos catres imundos onde as pessoas se recostam, se criam e se procriam. Ao tempo que se ergue e se alastra, a urbe desenha um mosaico arquitetônico compativel com a existência humana dos que a formam. Entrelaçadas entre si, como se fora uma torre de babel em espaço e forma, vielas e becos vão surgindo,sendo possivel distinguir e identificar sómente a miséria existente. Num ponto, essas vielas e becos se encontram e se abrem em um espaço tortuoso e incongruente, como se fora um arremedo de praça. É onde a horda de miseráveis ousa comparecer, tão e tão sómente, em eventos aos auspícios da Corte, ou em execuções determinadas pelo rei. Ali, regularmente, comparecem também, para disputarem, ávidos, nacos de pães ofertados por uma dama da corte, sensivel ao grau de miserabilidade existente. Situação de miséria essa, porque todo o lastro de suas atividades vem sendo recolhido ao tesouro real. E assim vai seguindo a condição humana....



Usando de prerrogativas, o rei manda recolher às masmorras a referida dama, acusando-a de traição por acobertar a rainha em desencontros reais. Poucos dias em cárcere absoluto, úmido e infestado de pragas, habitado por ratos e assemelhados e sob tortura cruel, a frágil dama não suportou. A sua alma benevolente e seu espirito magnânimo não foram suficientes para protegê-la da insanidade. Tornou-se louca na mais alta exacerbação do termo. Dando seguimento à sua decisão, o rei determinou que a dama fosse executada. Sua equipe de assessores e conselheiros lembraram-lhe que a lei não permitia a execução de uma pessoa LOUCA. Usando a autoridade real de maneira RESOLUTA, o rei determinou que, se a pessoa ficou louca por traição, aplicasse-se a esse ato (traição) a mudança imediata da lei e executasse-se a morte por decapitação. E assim se providenciou...

No encontro fisico das vielas e becos, encontraram-se as almas tortas e sofridas da plebe rude e ignara para assistir ao espetáculo real. Vitimas de suas próprias existências alienantes, compareceram maciçamente para o aplauso régio. Desenhou-se a multidão com todas as cores de sua vida. Semblantes exauridos, corpos desconjuntos, vestes andrajosas, olhares bovinos fixos ao cerimonial de execução. Ao tempo que o cutelo singra os ares e brilha ao sol, o som de seu encontro ao vento é abafado por uma avalanche sonora de SIMS, provinda de um instante "centelhar" de torpor e extâse. E assim correu-se o sangue...

Ao cair a terra, aquele sangue justo, consciente, convicto de seus direitos, provocou eflúvios que, telúricamente, impregnou a alma, povoou o coração e sedimentou a mente de um povo que despertou,EXERCENDO PARA SEMPRE A SUA GRANDEZA HISTÓRICA.

O REFERENDO POSITIVO AO REI AMPLIA E ETERNIZA O DESPOTISMO


Assim caminha a humanidade...


Russel Furtado dos Santos
Fã de Heleno Nobre

Belo Horizonte

bigsaranha disse...

OS REIS PRECISAM DOS SÚDITOS

continuação

Usando de prerrogativas, o rei manda recolher às masmorras a referida dama, acusando-a de acobertar a rainha, em desencontros reais.. Poucos dias em cárcere absoluto, úmido e infestado de pragas, habitado por ratos e assemelhados e sob tortura cruel, a frágil dama não suportou. A sua alma benevolente e seu espirito magnânimo não foram suficientes para protegê-la da insanidade. Tornou-se louca na mais alta exacerbação do termo. Dando seguimento a sua decisão, o rei determinou que a dama fosse executada. Sua equipe de assessores e conselheiros lembraram-lhe que a lei não permitia a execução de uma pessoa LOUCA. Usando a autoridade real de maneira RESOLUTA , o rei determinou que, se a pessoa ficou louca por traição, aplicasse-se a esse ato(traição) a mudança imediata da lei e executasse-se a morte por decapitação. E assim se providenciou...

No encontro fisico das vielas e becos, encontram-se as almas tortas e sofridas da plebe rude e ignara para assistir ao espetáculo real. Vitimas de suas próprias existências alienantes, compareceram maciçamente para o aplauso régio. Desenhou-se a multidão com todas as cores de sua vida. Semblantes exauridos, corpos desconjuntos, vestes andrajosas, olhares bovinos em total contemplação ao cerimonial de execução.
Ao tempo que o cutelo singra os ares e brilha ao sol, o som de seu encontro ao vento é abafado por uma avalanche sonora de SIMS , provinda de um instante "centelhar" de torpor e extâse. E assim correu-se o sangue...

Ao cair à terra, aquele sangue justo, consciente, convicto de seus direitos, porovocou eflúvios que, telúricamente, impregnou a alma, povoou o coração e sedimentou a mente de um povo que despertou, EXERCENDO PARA SEMPRE A SUA GRANDEZA HISTÓRICA.

O REFERENDO POSITIVO AO REI AMPLIA E ETERNIZA O SEU DESPOTISMO

Assim caminha a humanidade...


Russel Furtado dos Santos

Fâ de Heleno Nobre

Belo Horizonte

Anônimo disse...

Colega Marco Aurélio,

O SASSERON é o pior da Turma, já havia postado isto anteriormente:

" Colegas,

O SASSERON se convenceu tão rápido de que o Banco tem direito a metade do superávit. Como ele muda de opinião rápido, o discurso era outro quando editaram a resolução 26. Este acordo deve ter sido muito bom para o SASSERON.

17 de dezembro de 2010 07:10 "

Blog do Ed disse...

Caro anônimo das 11:59
Lei é Lei. Resolução é Resolução. Então o BB levou a METADE por força de Resolução, não por força de Lei. Concorda ou estou errado? Só que Resolução não pode mandar fazer nada nem pode mandar deixar de fazer nada. Para isso é preciso Lei. E quem diz isso é a CONSTITUIÇÃO. Ainda estou esperando alguém que me dê uma versão da Lei que justifique a dádiva que foi feita ao BB. O amigo também está me devendo...O amigo precisa ler os dez artigos que fiz sobre a matéria, a fim de poder escrever alguma coisa mais confiável a respeito...Eles estão aí ao lado no blog.

Anônimo disse...

E enquanto nós da PREVI tivemos de engolir um 'acordo', ainda que lutando por um dinheiro que só a nós pertence, assistimos a canetada de mais de 60% de aumento dos nossos ilustres políticos. É duro isso! Fiquei tão indignado que enviei uma carta de 'apoio' aos deputados e senadores. O material está no num BLOG criado especialmente para isso. Gostaria que os amigos lessem e ajudassem divulgar. Algo precisa ser feito. O link é http://oblognossodetododia.blogspot.com/
Abraços, Anderson Tenca

mesquitasantana disse...

“Na primeira noite,

eles se aproximam

e colhem uma flor

de nosso jardim

e não dizemos nada.

Na noite seguinte

já não se escondem:

pisam as flores

matam nosso cão

e não dizemos nada

até que um dia

o mais frágil deles

entra sozinho em nossa casa

rouba-nos a lua e,

conhecendo o nosso medo

arranca-nos a voz da garganta

e porque não dissemos nada,

já não podemos dizer nada”
(Vladimir Maiakóvski)

Novas oportunidades teremos, ...se ainda a tivermos...


Uma paz duradoura seja a companheira de todos os defensores das minorias. E a esperança jamais feneça para os menos favorecidos.

abraços a todos

Anônimo disse...

Nunca foi tão fácil enganar essa cambada de trouxas...e o pior... com maciça propaganda financiada com o dinheiro deles...

Anônimo disse...

Colegas,

O fato está consumado. O leite está derramado. Vamos deixar de lamúrias e tentar nos organizar para a próxima luta.

A primeira coisa é fazer com que incorporem estes 20% no nosso complemento PREVI, a segunda é o aumento do percentual das pensões, nossas esposas ficarão em situação difícil ao falecermos. O reajuste dado quando do aumento do teto de 75% para 90% deveria ser equalizado e percentual semelhante dado a todos que não receberam nada em 2007.

Anônimo disse...

Colega Marcos,


A respeito do aumento do teto de 75% para 90%, não caberia a AAPPREVI entrar com uma ação na justiça. O superávit era de todos e só os salários mais altos receberam reajuste.

Paulo disse...

Marcos,

Não vi nada a respeito daquelas distribuições milionárias (RENDA CERTA), nesse acordo. Isso significa que o Banco referendou, por omissão, aquela decisão absurda da PREV? Então, agora, está comprometido no erro?

Paulo Motta
blog:
superavitprevi.wordpress.com

Anônimo disse...

Colegas, a votação já é página virada. Ficar lamentando o ocorrido é perda de tempo.

O importante agora é voltar nosso foco para a comissão que irá estudar o realinhamento de nossos benefícios. Seria interessante saber:
- quem irá compor esta comissão ?
- o que estará na pauta de análise
e estudos ?
-quando as medidas aprovadas serão
implementadas?

Luis Eustáquio de Castro - Araxá-MG