terça-feira, 27 de novembro de 2012

Por minha HONRA - Denúncia




Marcos Cordeiro de Andrade
Caros Colegas,

Assuntos internos da Associação não devem ser divulgados sem justificadas razões. Mesmo assim, dois dos quatro membros do CONAD estão usando de informações privilegiadas para difamar o Presidente da AAPPREVI, lhe atribuindo falsamente o cometimento de irregularidades para justificar a dissenção havida na direção da Entidade, mascarando a verdade em benefício próprio.

Na posição de alvo dessa prática condenável, faço uso do Direito de Resposta para defender minha honra e a da minha família. Esses dirigentes integram a chapa nº 2 – “Hora da União” - que concorre à Eleição da AAPPREVI, cuja campanha está em curso e se valem do Blog pertencente a um deles para alimentar campanha difamatória contra nós – Marcos Cordeiro de Andrade, minha esposa e o nosso filho, Marcos Júnior.

São eles:

ARI ZANELLA e JOSÉ GILVAN PEREIRA REBOUÇAS, respectivamente Vice Presidente Administrativo e Vice Presidente Financeiro, ambos em pleno exercício das funções.


Suponho que as razões que os levaram à formação de uma chapa para me alijar do poder sejam as enumeradas a seguir.

Entendo que o Tesoureiro, senhor José Gilvan Pereira Rebouças, e a Dra. Vânia de Alencar Barreto, prestadora de serviços à AAPPREVI mediante contrato, entraram em entendimentos para consumar modificações no seio da Associação, sem meu conhecimento:

1.       TRANSFERÊNCIA DE PODERES da AAPPREVI para JANE TORRES DE MELO se instalar no Escritório da Dra. Vânia de Alencar Barreto, no Rio de Janeiro:

1.a - Ao amparo da lavratura de “INSTRUMENTO PARTICULAR DE REPRESENTAÇÃO”, trabalharam para transferir parte da AAPPREVI para uma sala cedida pelo Escritório Sylvio Manhães Barreto, no rio, dando plenos poderes à Diretora JANE TORRES DE MELO para ali se instalar e agir em nome da Associação - 02.07.2012.

2.       MODIFICAÇÃO DE CLÁUSULAS CONTRATUAIS, com efeito lesivo à AAPPREVI:
Modificar o Contrato de Prestação de Serviços em vigor desde a fundação envolvendo a AAPPREVI e o Escritório Sylvio Manhães Barreto, encaminhando minuta para aprovação deste Presidente, contendo, nesse novo formato, vários itens lesivos à Associação - 10.09.12. Entre os quais:

2.a – DESTINAÇÃO DA SUCUMBÊNCIA - Alteração da destinação de eventual           SUCUMBÊNCIA reduzindo a parcela a ser doada pelos advogados ao Fundo específico da AAPPREVI para financiar as Ações Judiciais, passando dos atuais 20% (vinte por cento) para 2% (dois por cento) - 10.09.12;
2.b – ASSUNÇÃO PELA AAPPREVI de todas as despesas do Escritório, inclusive de viagens de advogados, sem especificação de valores e quantidades.

OBVIAMENTE todas essas pretensões foram negadas pelo Presidente Marcos Cordeiro de Andrade e nada foi assinado por ele, porque não consultam os interesses da associação além de impingir prejuízos morais e financeiros quanto aos objetivos dela (Associação).
   
Os documentos comprobatórios dessas afirmações estão arquivados na sede da AAPPREVI, à disposição da Comissão Eleitoral e das autoridades que os reclamem oficialmente.

Antes de me entregar às feras, me dei a Deus.

Curitiba (PR), 27 de novembro de 2012.

AAPPREVI
Marcos Cordeiro de Andrade
Presidente Administrativo

70 comentários:

Anônimo disse...

Eu sabia,eu sabia!!! Ou melhor, desconfiei quando apareceram os comentários e carta aberta aos associados emanados do escritorio, enaltecendo as duas figuras mestras da oposição.Trabalho das 8.00 às 18.00, sem almoço.Valha-me Zeus!Comentei antes, sr. Marcos,que o comportamento da adevogada, a mudança da sede para o Rio, a candidatura da pessoa ligada ao escritório somados eram o motivo do racha, não a democracia,não a "ditadura".E mais a Sucumbência!
Já votei chapa 1 e espero que os demais associados não se deixem enganar e também assim votem.O senhor teve foi, é muita paciência e já devia ter divulgado esses fatos a muito tempo.
E o Ari cedendo o blog!Será que vai ter outra Mea Culpa?

JVasconcellos disse...

AO
Leal Colega Marcos Cordeiro

Os fatos, deveriam, na minha o´pinião serem divulgados, no inicio do conhecimento do GOLPE,e de SEUS EXECUTORES.
Mas SEMPRE ,MARCOSS,COM sua BENEVOLENCIA>A FALTA DE LEADADE,FALTA DE ESCRUPULOS,POR ELEMENTOS QUE TENTARAM SE APODERAR DE UM TRABALHO,HONESTO,HONRADO ,CRIADO E EXECUTADOS POR VOCE MARCOS. MAS É LOGICO,SABIDO,QUE NOS APOSENTADOS nÂO MAIS NOS DEIXARAM ENGANAR PELOS FALSOS E DESLEAIS ÄMIGOS¨A VERDADE SEMPRE VENCERA>>>>>>
OBRIGADO MARCOS< MINHAS DESCULPAS PELOS DESGOSTOS DE SUA FAMILIA>>>ME ORGULHO DE SER SEU AMIGO.
VITORIA!!!!!
JVASCONCELLOS

Anônimo disse...

Sr.Marcos num comentário do post anterior de 26.11, comentam sobre uma Secretaris Executiva de Vanguarda, que fala inclusive em luta aberta em território inimigo que foi lançada pelo vice Ari Zanella.Tem a ver com a AAPPREVI, seria criada na associação?O sr. Ari é quem está apoiando?

Anônimo disse...

Sabia que havia uma razão maior para este desenlace. Vejo que alguns dirigentes ficaram insandecidos com o porte que a organização conquistou e o olho cresceu. Teve um mesmo que escancarou a proximidade que um direitor lhe concedeu. Sentiu-se ungido.
Parabéns, Marcos. Jà votei em quem nos defende de verdade e por formação.

Paulo disse...

Caro Marcos Cordeiro!

Quantos milhoes a... e o ... estão prometendo a esses traidores!

Deve ser bem mais do que oJudas recebeu.

A chapa Direitos vai dar um lavada nesses xaropes.!

Deus te guarde desses falsos amigos porque os inimigos são bem mais leais!!!

Nos estamos com a chapa Direitos que voce muito bem sabe liderar.

Votei Chapa 1 Direitos com muita certeza de que voce é omais qualificado para essa era de incertezas em que o BB e a PREVI nos abandonaram.

Anônimo disse...

Anônimo do Bem disse:
Marcos, tinha que ter coelho nesse mato!
Por que voçê não fez a denúncia antes de começar as eleições?
Deveria tê-lo feito com antecedência e tudo já teria sido explicado.
E agora? Quem não sabia e votou na chapa 2. Acho que os que votaram na chapa 2 se arrependerão com esta notícia. Smj.

Anônimo disse...

Já votei. Espero que, depois do pleito, independente do eleito, os ranços fiquem para trás e predomine a união em prol da causa maior, que é a defesa de nossos direitos e a busca do reparo das injustiças.

Russel Furtado disse...

POSTAGEM REMETIDA PARA OS BLOGS AAPPREVI E ARI ZANELLA:

O sr. Ari deve pensar que nós,"os velhinhos trambiqueiros", somos também, gagás e inocentes sem causa. Ele chega a ofender nossa inteligência quando afirma que as ações judiciais podem ser prejudicadas com a exclusão do escritório de advocacia. É um argumento pueril e desesperado.Existem, no judiciário nacional, 10 milhões de ações ajuizadas. Sómente no universo do BB são um milhão de ações. Diáriamente, dezenas de milhares de escritório são trocados no curso das ações. É praxe rotineira que não implica em prejuizo das ações. O que o sr. Ari não aceita é o que a maioria dos associados exigem: QUALQUER CHAPA VITORIOSA TEM QUE DESCREDENCIAR O ESCRITÓRIO. E tem que ter a honestidade de afirmar isso agora, antes do término das eleições. Não é para fazer como no caso da mudança do estatuto. Diante das reações dos associados, veio dizendo que era simplesmente proposta. Demonstra que atua ao sabor dos ventos. Ou é puro casuismo eleitoreiro? E a questão da candidata a presidente da Chapa União? Tentam otimizar a sua competência, destacando a sua atuação como preposto nas audiências de ajuizamento das ações. Ora bolas, qualquer estagiário de Direito sabe que um preposto afim entra mudo e sai calado das audiências. E a remuneração é bastante razoável. Em postagens anteriores contidas nos 2 blogs, ai incluida postagem do escritório de advocacia, a referida preposta atua todos os dias com uma diária de 100,00. E para finalizar, o sr. Ari inclui um terceiro escritório de advocacia na questão. Acontece que o blog é de dominio público e eu ouvi dizer que o referido escritório já se movimenta para existir satisfações porque seu nome é citado em questões que não lhe são afetas.

Julita disse...

Sobra cansaço e te falta força? Então, entenda:

“Aos cansados, Deus dá novas forças e enche de energia os fracos. Até os jovens se cansam, e os moços tropeçam e caem; mas os que confiam no SENHOR recebem sempre novas forças. Voam nas alturas como águias, correm e não perdem as forças, andam e não se cansam”. Is. 40.29-31

Basta acreditar e viver o que acabou de ler!
Força, Sr Marcos!!! O senhor esta nos ajudando muito! AsPensionistas fieis estarão conosco! Tudo pela chapa 1!

Anônimo disse...


Eu acredito que existe outro interesse maior do que só comandar a AAPPREVI por parte dessa dissidência.

Não é apenas divergência de opiniões. As divergências são resolvidas no âmbito da associação observado seu estatuto/normas, não fora dela, e em último caso consulta ao corpo social em caso de alterações maiores.

Esse é o procedimento legítimo

A AAPPREVI é a única associação não contaminada por interesses escusos.

Somente em busca de poder ou de comando? Não sabemos. Algum assédio de terceiros com o canto da sereia? Também não sabemos. Só o tempo dirá. Vamos aguardar.

Anônimo disse...

Concordo integralmente com o sr. Russel Furtado. Este escritório de advocacia tem que ser descredenciado. Isso tudo que está acontecendo é uma vergonha! Fôrça Marcos Cordeiro de Andrade. Vamos combater juntos àqueles que querem destruir a Aapprevi !!!!

Claudia do Rio

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Me metendo, por achar de direito (rsrsrs). Mas a coisa é séria colegas,


Deus é testemunha, e Marcos Cordeiro também, de que eu fiz de tudo pra não estar nesta briga toda de poder.
O homem (e a mulher também) fede quando fareja poder. Não é só o animal dito irracional que fareja poder não. O dito (e nem sempre) racional também.


Não engulo esta tal mudança para o Rio de Janeiro. Pra que, a que custo, quem paga, e quem ganha com isso?


Pois bem. Conheço o Sr. Marcos Cordeiro sim, e o tenho como amigo embora há mais de quarenta anos não o veja. Mas sei de sua lisura e de seu comportamento ético, além de sua coragem para estar aqui expondo o que só conhecemos pelas palavras dele.


Quem tem pena do coitadinho deve ficar no lugar dele, já dizia a minha velha avó, faz muito tempo.


Me soa estranho que em uma entidade onde dois assinam, um não saibam o que se passa e só descobre nas vésperas da eleição. Sintomático isso. Recentemente um político afirmou que assinou uns papéis sem saber, somente depois informado que se tratava de aval do mensalão. Isso ainda se usa? Uma desculpa destas não cai bem no currículo dos candidatos da chapa 2, que no mínimo se mostram incompetentes, por terem estado dentro da AAPPREVI e nunca terem esperneado contra as práticas que ora denunciam.


E esta troca de índices de devolução de sucumbência? O que significa?, se não despesa para a AAPPREVI, que deixando de ganhar, nada mais faz do que pagar?


Pois é colegas. Mais uma vez estamos diante do mais difícil ato político de nossas vidas - O VOTO. E o Pelé, quem diria, tinha inteira razão. NÃO SABEMOS VOTAR.


Votamos em quem promete fazer mais por mim, e não pelo todo. Na terra de Borromeu, vou atrás do meu, isso sim.


Mas será que não bastam os exemplos na ANABB, da CASSI e da PREVI, pra ficar só nestes?


É o que acho. A aproveito e peço seu voto na Chapa 1, da qual faço parte como Suplente do Conselho Fiscal.


Há! Outra coisa - NÃO PROMETO NADA.


SolonelJr

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Caros Colegas,

Conheço o Solonel Jr há cerca de 50 anos. Porém, sua inclusão na chapa DIREITOS não foi por minha indicação.

Outros candidatos o indicaram e a muito custo ele foi convencido em participar, dada sua experiência pessoal com a ANABB. Todavia, o que pesou para a efetivação do convite foi o seu comportamento que retrata o caráter de honestidade e ferrenho defensor da correição no trato com as coisas das associações e, no estágio maior, da CASSI/PREVI. O Conselho Fiscal de qualquer Entidade estará bem servido com pessoas do seu quilate, para garantir fiscalização constante no seu âmago.

Atenciosamente,
Marcos Cordeiro de Andrade

Unknown disse...

Agora muita coisa fica explicada. Devemos permanecer vigilantes e a AAPPREVI não poderá deixar de adotar as providencias cabíveis para evitar a concretização das ações que nos são lesivas.
Luiz Faraco, de Florianópolis (SC)

mesquitasantana disse...

Caro Marcos.

Não o conheço pessoalmente e nunca tivemos contato por telefone, graças a nossa participação na internet, lendo seus textos aprendi a admirá-lo e por qualquer razão que desconheço, aprendi tambem a confiar na sua lealdade. Durante esse tempo de associado da AAPPREVI e nesse lapso pude observar o quanto voce é filho, pois a sua querida genitora veio a falecer ha tão pouco tempo, tenho observado o quanto voce é pai e esposo pelo amor que transmite em seus textos. Quanto a nós seus colegas meu caro vc transborda em solidariedade. Quanto ao seu desempenho na direção da nossa querida Associação é inegável a sua postura em desprendimento e abnegação. Não fossem outras razões, tais como coragem, competência, discernimento etc. qualquer associado já teria motivos suficientes para votar na chapa 1.

abraços

Anônimo disse...

Isto que foi publicado no blog do Ari parece comprovar alteração de honorários em favor do
escritorio de advocacia."ii) Os honorários de sucumbência eventualmente pagos pela Previ e Banco do Brasil pertencem ao Escritório Sylvio Manhães, não alterando item i, sendo destinados destes, o percentual de 2% (dois por cento) em favor da AAPPREVI para o fundo de manutenção de Ações judiciais da referida associação."

Russel Furtado disse...

POSTAGEM REMETIDA AOS BLOGS
AAPPREVI E ARI ZANELLA:

Sr. Gilvan,

Pelo que o senhor está falando, então o Presidente agiu corretamente. Veio uma minuta com a
taxa errada de 0,02%, quando deveria ser 0,2%. É o que o senhor está falando. Então, o Presidente não aceitou e confeccionou o contrato com a taxa de 20%. Ponto para o Presidente.

Russel Furtado disse...

POSTAGEM REMETIDA PARA OS BLOGS
AAPPREVI E ARI ZANELLA

AO ESCRITÓRIO MANHÃES BARRETO:

Primeiramente, considero que a imagem da AAPPREVI foi denegrida quando se permitiu que um agente terceirizado imiscuisse nos assuntos internos da mesma,promovendo campanha eleitoral explicita. Sobre a taxa de sucumbência a sua nota nada esclarece que é um erro de grafia de email. O sr Gilvan fala em taxa errada de 0,02%, quando deveria ser de 0,20%.E o sr. Presidente não modificou a cláusula e manteve os 20% originariamente contratados. Ponto para o Presidente. A nota não esclarece, também, se existe o tal "INSTRUMENTO PARTICULAR DE REPRESENTAÇÃO", de 02.07.2012. Por último, registro que, ao tempo que a nota deprecia como pretexto "que o controle fugiria de suas vistas", eu enalteço a postura recomendada por uma máxima daqui de Minas: "o olho do dono é que engorda o boi".

Russel Furtado
Belo Horizonte

Anônimo disse...

A taxa de sucumbência para a Aaprevi deve ser de 20% como luta por ela o nosso presidente Marcos. O sr. Gilvan ao lutar por 2% para a Aapprevi está nos traindo.
Está servindo a um outro patrão.
Não ei qual é.
Mas nada fica sepulto para sempre.
Vamos saber.
Abraços e Chapa 1 na cabeça.

Elias disse...

(escrito nos Blogs)

INTERESSANTE...

Eu e muita Gente por acreditar na seriedade, na honradez, na honestidade, na firmeza de princípios e propósitos e verdadeiro defensor dos Assistidos do PB1, - divulgado e elogiado por pessoas que se diziam com as mesmas qualidades, inclusive Você Ari -, tudo do sr. MARCOS, nos Associamos à AAPPREVI (criada pelo sr Marcos), fomos à luta, corremos atrás de Novos Sócios, divulgamos, enfim também empenhamos nossa humilde credibilidade. Agora surgem desavenças, acusações, desqualificações, ataques pessoais, ... que ao final se revelarão num desastre avassalador para a NOSSA AAPPREVI e de NOSSA CAUSA.
Agora pergunto: a) Vocês não sabiam que o sr. Marcos tem uma personalidade forte? b)Vocês não são adultos suficiente a ponto de sequer sentarem-se à mesa para discutir o que pensam que estava ou está errado? c) Será que assim procedendo Vocês, Todos (as), pensaram nos Associados da AAPPREVI? d) E o Conselho Fiscal exerceu suas funções?
Sinceramente... nunca fui de jogar a toalha, mas ´penso que o mais difícil é ter de ver "AMIGOS", Pessoas do Bem, se digladiando, fazendo o jogo do "espírito divisor" e cedendo o espaço sagrado para os "inimigos".
Para lembrar, tentando contribuir com Nossa Causa, assinei Petições, Abaixo-Assinados, contribuí financeiramente para entidade que entrou com Ação e para a Chapa 5, apresentei sugestões e emprestei apoio aos Cabeças Pensantes, etc.
Agora o que eu posso fazer? Vou rezar e torcer para que, passadas as Eleições, os ILUSTRÍSSIMOS INTEGRANTES DAS CHAPAS 1 E 2, NUM GESTO DE HUMILDADE E ALTRUÍSMO, DEPONHAM SUAS ARMAS, SE RECONCILIEM E CONTINUEM EMPRESTANDO SEU TEMPO, SUA SABEDORIA E SEU AMOR PELA AAPPREVI.

P A Z E B E M ! ! !

carlosdomini disse...

Votei aberto chapa 1 amos em frente

Anônimo disse...

Ninguem vai nos tirar desta luta amigo.
Podem se vender para escritórios de advocacia. Podem se vender para Emisários do inimigo.
Nós da Aapprevi lutaremos sempre pelos nossos direitos.
Aposentados e pensionistas unidos contra os infiltrados e traidores.
AAPPREVI SEMPRE!
Sorteios de pensionistas?Nunca!
Como esquecer os aposentados por invalidez? Os aposentados com quase nada?
Estamos aqui para brigar com todos. Lutar por todos. Esta é a Aapprevi!
Marcos, ninguem como voce para nos liderar.
Votei chapa 1

Chico Alves disse...

Caro Marcos,
Como você sabe, fui um dos primeiros a atender ao seu chamamento para a criaçao da nossa AAPPREVI, associando-me logo após a sua constituição. Ao longo desse curto espaço de tempo em que a nossa associação alcançou extraordinário sucesso, tenho acompanhado a sua dedicação canina em defesa dos aposentados e pensionistas da PREVI. Nesse momento crucial, em que o futuro da nossa AAPPREVI está em jogo, não posso deixar de externar o minha mais sincera solidariedade à sua luta pelo resgate dos nossos mais sagrados direitos. Estamos com você, meu irmão.

Anônimo disse...

Sr. Marcos

Antes de votar, gostaria de alguns esclarecimentos sobre a forma com que você conduziu o processo da eleição:

1)Por que simplesmente afixou os editais na sua casa (uma vez que a sede da associação ainda funciona aí), sendo que os demais membros moram longe e não comparecem ou compareciam diariamente na sede e não notificou cada membro da diretoria e conselheiros individualmente, por e-mail?

2)Por que pagou as despesas de publicação com seu dinheiro, sem pedir verba para o diretor financeiro?

3)Por que definiu prazo tão exíguo para a inscrição de outra chapa? Isso certamente faria com que não houvesse tempo hábil para os outros, no legítimo uso dos seus direitos, se candidatassem. Foi proposital?

4) Por que seu filho, que não faz parte da diretoria da associação, pode definir se há ou não reunião sem a presença dele?

Note bem, que não são dúvidas pessoais. Não julgo seu caráter nem o da sua família - que não conheço pessoalmente, isso seria descabido. As dúvidas são quanto aos procedimentos efetivamente adotados, são quanto aos fatos. Não se ofenda nem me julgue, como de costume. Mostre que tem serenidade para argumentar com o contraditório.

Se puder me esclarecer sobre cada uma das quatro dúvidas que coloquei, sem me levar a mal, meu voto certamente será seu, uma vez que você é a alma da AAPPREVI. Do contrário, terei que considerar que tudo o que está sendo relatado pelo pessoal da outra chapa é a (triste) realidade.


Aposentado Entre Dois Fogos.
São Paulo (SP)


P.S.: Se não publicar meu comentário, já saberei todas as respostas...

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Caro anônimo das 23:42.
Respondo as suas perguntas, pela ordem:
1. O Estatuto, no Art. 45 determina: “Fixada a data da eleição, o Presidente do CONAD enviará aos sócios, ou fará publicar, em jornal diário, de grande circulação no município onde se localize a sede, com antecedência mínima de 7 (sete) dias, o respectivo edital de convocação...”
1.a – Todos os prazos foram cumpridos atendendo aos dispositivos estatutários. O edital foi publicado no jornal Gazeta do povo, no dia 07/11;
1.b - Foi publicado na parte externa da minha casa, onde abrigo a AAPPREVI, de favor;
1.c – Foi publicado na porta de entrada no prédio do nº 861 (em frente à sede) onde será a Assembleia;
1.d – Foi publicado no site da Associação, veículo oficial de contato e comunicação com o corpo social, na página “Notícias Relevantes”, único espaço destinado a essas comunicações, na mesma data do jornal. Em seguida foram emitidas mensagens a todos os associados, inclusive Dirigentes nessa condição;
1.e – A comunicação pelos e-mails institucionais estava cortada com o CONAD por determinação do Senhor Vice Presidente Financeiro dirigida ao Presidente, com cópia aos demais membros da Diretoria.
2. Estava sem comunicação com o Vice Financeiro, por determinação dele que, em mensagem de e-mail havia informado não mais responder aos meus e-mails. O Presidente tem alçada estatutária para efetuar despesas até o montante correspondente a 500 mensalidades (cinco mil, setecentos e cinquenta reais), requerendo ressarcimento posterior, não necessitando de consulta prévia para autorizar essas despesas. Vale notar que nenhuma movimentação financeira conclusiva pode ser efetivada sem as assinaturas (senhas bancárias) conjuntas do Tesoureiro, que inicia o lançamento, e do Presidente, que o libera. A movimentação financeira da conta corrente somente pode ser feita através de lançamentos de débito e crédito, nunca por movimentação em espécie. Não se usa cheques, nem cartões de crédito ou mesmo débito.
3. O prazo foi determinado retroagindo-se ao prazo fatal para a votação (30/11) em que o edital teria que ser publicado até o dia 07/11. No dia 05/11 fiz consulta coletiva ao CONAD, ao CONFI e diretores com pedido de resposta urgente acerca da publicação do edital. A última resposta me veio no dia 05/11, exigindo a convocação. No dia seguinte (06/11) encaminhei o texto redigido às pressas, para publicação no jornal pagando as despesas por absoluta incomunicabilidade com o Senhor Gilvan (Tesoureiro). O pedido de ressarcimento não foi atendido até esta data (28/11), o que me causa problemas financeiros. A exiguidade dos prazos para formação de chapas atingiu ambas as inscritas. Vale ressaltar que o prazo foi prorrogado por mais sete dias, além do estipulado inicialmente, para que o processo fosse do melhor interesse do corpo social e surgisse a chapa “Hora de União” que havia perdido o prazo inicial.
4. O meu filho é pessoa jurídica oficialmente registrada, contratado para gerir o Departamento de Comunicação como Gerente responsável por todo o Setor (Contrato assinado pelo Vice Presidente Financeiro, senhor José Gilvan Pereira Rebouças, e o Presidente Administrativo).
4.a - A reunião convocada pelo Sr. Gilvan, conforme e-mail enviado por ele destinava-se a tratar de assuntos específicos ao desenvolvimento do sistema web da AAPPREVI, trabalho que foi gerenciado em sua totalidade pelo Marcos Jr. Essa reunião não faria qualquer sentido sem sua presença. Seja ele filho de A ou de B. Observe-se que esse tipo de reunião não caracteriza reunião do CONAD, uma vez que os outros dois membros sequer foram citados pelo Sr. Gilvan nesse e-mail. Seria reunião pessoal entre ele, o profissional contratado para criar o sistema e o Presidente.
Permanecendo à disposição para quaisquer esclarecimentos adicionais, apresento-lhe,
Cordiais Saudações.

Marcos Cordeiro de Andrade
Presidente Administrativo

Alan disse...

""SEGUNDA REITERAÇÃO""


URGENTE URGENTE URGENTE

TEMOS QUE ACHAR UMA FORMA DE "BLINDAR" O ESTATUTO DA AAPPREVI, DE FORMA QUE, NENHUM APROVEITADOR POSSA MUDAR NOSSOS OBJETIVOS E SUA FORMA ATUAL DE ADMINISTRAÇÃO.

Anônimo disse...

Caro Marcos, assim que passar a eleição e a poeira assentar, peço-lhe atentar para meu pedido de 26/11 as 11:12 sobre a tabela do ES.Antes fico na torcida pelo resultado favorável a todos do PB1 que é CHAPA DIREITOS na frente, por inúmeras razões e para nossa tranquilidade.Vou votar agora.

Anônimo disse...


Concordo com o ALAN (06:27). Caso essa providência de blindagem para evitar mudança nos estatutos não for tomada, a Associação corre o risco de partir para outros rumos e objetivos, para os quais não foi criada. Não queremos estranhos intererindo em nossa AAPPREVI.

VOTEM CHAPA 1

Anônimo disse...

Atenção colegas,

Se a chapa nº 2 for a vencedora, nossa querida AAPPREVI vai perder a finalidade para a qual foi criada. Votemos, portanto na chapa nº 1, ou seja Marcos Cordeiro na cabeça, continuando o seu trabalho sério e honrado.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...


Ao Sindicato dos Bancários de Brasília -
Por Edison de Bem


É com imenso prazer que, como aposentado BB, tomo conhecimento da posição firme, decidida e corajosa do companheiro Eduardo Araújo de Souza, sobre as injustiças praticadas pela Diretoria do Banco do Brasil contra seu bem mais precioso, o funcionalismo.
O sindicalismo brasileiro que tanto apoiou o Governo Lula e o atual,
mais do que ninguém, tem direito e dever de cobrar justiça.
Falavam tanto contra "os governos ditatoriais" e agora estão "leves e soltos no mesmo caminho”.
Nós, aposentados, já estamos sentido o jugo feroz e destruidor da "turma" do DIDA nos destinos da PREVI.
Além de tudo, é uma das piores administrações que o BB já teve em toda a sua história.
A incompetência para gerar negócios lucrativos, a falta de criatividade e o crescente processo de robotização do funcionário a quem é negado o direito de pensar, são pontos de fundamental importância para a falta de resultados positivos.
Ao contrário do que hoje acontece, jamais o NOSSO BB de ontem, necessitou de AUXÍLIO da PREVI para fazer resultados e superar os demais concorrentes. Hoje com a maior "cara de pau", em declaração pública, um infeliz diretor da Casa afirmou que o BB estava com
resultados insatisfatórios devido aos maus resultados obtidos pela PREVI, como se a NOSSA Caixa de Previdência fosse uma subsidiária
do Banco.
Um doido processo de segmentação interna, a apressada terceirização de serviços sem maiores estudos, abrindo sérios precedentes para ações trabalhistas e oferecendo ao cliente atendimento muito distante de profissional.
A falta de profissionalismo e de conhecimento bancário de quem elabora normas e rotinas, acabaram por criar clima frio e de distanciamento do cliente com o Banco.
Colocaram para "correr" quem nos paga a folha e sempre nos auxiliou a sermos os primeiros, a "massa" que gasta dinheiro, compra produtos e toma empréstimos.

Continua na Parte II

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Parte II

Relógios, "luzes" vermelhas e telefonemas para os funcionários,
exigindo pressa tem prioridade, quando se sabe que bons negócios afloram, invariavelmente, de boas conversas.
Os caixas, que antes auxiliavam na captação e indicavam aos colegas atendentes possibilidades de negócio, hoje nem se falam, têm como "meta" atender, se possível até sem cumprimentar o cliente, para
não perder tempo.
Eles têm "feitores" turrões que os controlam e estes não querem nem saber de clientes, seus serviços são internos e buscam cumprir suas metas, uma delas. não deixar acender as "luzinhas", o resto que exploda.
Agora chegaram ao absurdo; o caixa que trabalha na agência, não é da agência. Por isso, já estamos assistindo cenas inusitadas.
O cliente estava em dificuldades para operar nos caixas eletrônicos no saguão de autoatendimento, chamou a funcionária, que desfilava com seu crachá de identificação de funcionária, e pediu ajuda.
Ouviu, simplesmente, esta resposta, não posso atendê-lo, não sou da Agência, pertenço ao PSO. O cliente pasmo, nada entendeu, sabe ele o que é PSO!
Com a terceirização da venda de seguros, por exemplo, a agência perde o controle desses negócios. Um dos prejuízos, não obriga as oficinas conveniadas com o BB-Seguro Auto a manterem conta nas agências, a
maioria é correntista do BRADESCO.
E por aí vai.

Continua na Parte III – Final

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Parte III – Final

Falta PROFISSIONALISMO.
E outro "asno", coroado de Diretor, também declarou, para quem quisesse ouvir, que os resultados insatisfatórios estavam sendo causados pelo excesso de pessoal.
Ora, se o atendimento atual já está um caos, o cara quer diminuir o quadro?
É notório que a Diretoria está de olho nos colegas do Plano Previ 1 que ainda estão na ativa. Segundo eles, estes colegas, com seus custos elevados, são os culpados pelos pífios resultados das agências. Só que seus "devaneios administrativos" não os deixam ver que a presença dos hoje "velhinhos" é que faz o equilíbrio dos absurdos "paridos" em Brasília, com profundo conhecimento das praças, das pessoas e dos serviços, se constituindo em derradeiro liame com o nosso Banco do Brasil verdadeiro.
Certamente, deve estar em gestação, nos porões da Casa, algum PDV moderno, visando "degolar" os sobreviventes do PLANO 1 que ainda teimam em trabalhar e oferecer a Casa o melhor de suas experiências.

Edison de Bem e Silva
Grupo Semente da União

Anônimo disse...

Colegas associados da AAPPREVI,

Caso aconteça o pior, a chapa dos "revoltados", suspeito eu, ganhar, sugiro ao Sr. Marcos Cordeiro que com pessoas de ilibada reputação tenha por carinho FUNDAR outra associação.
Tenho absoluta certeza de que haverá migração em massa de bem intensionados Colegas para sua nova criação.
Como diz aquele Sr. Juarez = Salvo Melhor Juízo
Abraço

Barreto disse...

pessoal, já temos resultado da eleição? já liberaram o acesso às urnas?

Julita Gaspar disse...

Cade as pensionistas associadas a AAPREVI que estavam aqui diariamente?
Vamos, votar na Chapa 1!
Sr Marcos Cordeiro na Cabeça!!

Anônimo disse...

Certa vez postei um comentário sobre a ADIN e recebi do Sr. Marcos Cordeiro um convite para abandonar meu pijama e ir a luta.
Fiquei muito triste. Talvez decepcionado. Ponto.
Acabei de votar na CHAPA DIREITOS, a Chapa 1. Sabem pq? Nessa luta não adianta ser bonzinho, nem ter canais abertos com fulano ou beltrano. Não conta nada aparecer sempre sorridente e simpático igual propaganda de creme dental, se lá na frente o poder conseguir corromper os objetivos.
Força Sr. Marcos e demais componentes da CHAPA DIREITOS. De associações que só existem para levar nosso dinheiro e não bater de frente com o BB já estamos de saco cheio. Basta!!!!

Anônimo disse...

Parabens marcos.Voce mereceu.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...


A Comissão Eleitoral, que atuou na eleição da AAPPREVI 2012, informa o resultado colhido nas urnas e apurado em 28/11/2012:

CHAPA 1 - DIREITOS:
575 votos

CHAPA 2 - HORA DA UNIÃO:
314 votos

VOTOS EM BRANCO:
18 votos

TOTAL DE VOTOS:
907

O resultado foi apresentado pela empresa ClickGroup, contratada pela AAPPREVI e auditado pela empresa SMARTCODE, representante da CHAPA 2 - HORA DA UNIÃO.

Nestes termos, essa Comissão Eleitoral valida e declara a CHAPA 1 - DIREITOS como vencedora das Eleições 2012.

Anônimo disse...

Como fui eu a abrir os comentarios neste post, me parece que sou eu a fechá-los. E quero fechá-los- DATA VNIA -cumprimentando-o, sr.Marcos, pela merecida vitória, que é de todos nós,e pelo reconhecimento de seu trabalho.
P.S. Volto a dizer. Perdoe o sr. Ari; ele não é mau, só que acredita em todas.

Russel Furtado disse...

Vitória MASSACRANTE!!! Deveras ACHACAPANTE!!! Nem a Dilma: 65% dos votos válidos. O império da ética continua.Foi bom para mostrar que o Marcos é bom de voto também. Vou tomar um vinho chileno, degustando um queijo canastra de Araxá(o melhor queijo do mundo).

paulo cirne disse...

Parabéns Marcos ! Grande vitória !
Abs.

Anônimo disse...

Marcos,
Parabéns pela bela vitória.

Anônimo disse...

Parabéns Marcão!!

Anônimo disse...

Prezados amigos,
O resultado desta votação nos provou duas coisas:
Primeiro, que aqueles que se associaram à Aapprevi querem que ela continue a respeitar os seus estatutos e se foque na luta dos aposentados e pensionistas contra a PREVI, o BB e os seus desmandos. Isto independe de sedes, de grandezas, de cargos e funcionários.
Segundo, que aposentado não gosta de votar. Por isso perdemos todas as eleiçoes que fazemos na PREVI.
Aposentado parece gostar de que tragam tudo feito. À la carte.
Ainda bem Marcos, que apesar de tôdas as críticas a maioria que votou reconheceu o seu trabalho e o empenho por todos nós.
Mas não deixe de ouvir as críticas meu amigo.Quando recebi o telefonema do Sr. Gilvan me falando mal de voce, eu o ouvi com paciencia. Sabia que havia um fundo de verdade. O seu temperamento é térrível. Mas eu tambem sabia que foi este temperamento terrivel que me trouxe à Aapprevi. E que me fêz lutar por ela do jeito que eu podia. Com as armas que eu tinha. Considero esta vitória uma vitória tambem minha, pois não quero que a Aapprevi se desvirtue. Quem quizer que faça uma entidade nova, com sedes gloriosas e muitos, muuuuuitos funcionários. Eu quero apenas seguir lutando ao lado daqueles amigos que querem o melhor para os aposentados e as pensionistas do Banco do Brasil.
Acho que fiquei do lado certo. Não porque ganhou. Mas por que já havia ganho a minha admiração há muito tempo.
O Medeiros é um gosador. Com ótimo humor. E nós sabemos que precisamos muito dele. A Isa é uma diplomata. Tem feito demais à frente das Afabs.
Cabe a voce agora, reeleito, reconhecer todas essas virtudes à sua volta e nos trazer de novo todos juntos na nossa Aapprevi.
E quem sabe numa próxima eleição da PREVI os aposentados e as pensionistas levantem os bumbuns das cadeiras.
Isso já terá sido um feito extraordinário da Aapprevi.
Ao trabalho!
Como sou pensionista, não posso chamá-lo de colega.
Como não sou PT não chamo de companheiro.
Queria chamá-lo de amigo.

Abraços

Claudia do Rio

Anônimo disse...

Nao poderia ser diferente.
GRAÇAS A DEUS!
Duda

Anônimo disse...

Guerreiro Marcos Cordeiro, aqui quem lhe escreve é o que foi traído, pela Tesouraria. Fiz questão de ligar para Sr. pois não conseguia votar. É certo, que houve muita confiança de minha parte quanto aos débitos, ao não verificar, pois conseguia adentrar no site como associado, julgando em dia, há mais de 6 meses, para esta Associação.
Quem vai me dizer, que não sofri com esta impossibilidade, oriunda da Tesouraria, onde o Tesoureiro poderia, digo, poderia, "presunção iuris tantum", DEBELAR UMA MANOBRA aos seus associados, fiéis, cativos e acreditadores de suas palavras. Sim, digo isso, pois pode ter infiltrantes filiados desde o início.
"O nosso tesoureiro", vem hoje querendo substituí-lo da direção,demonstrando logicamente o gosto pela mesma que o Sr. Marcos Cordeiro, criou.
No exercício de suas funcões administrativas, o senhor Tesoureiro, me causou dano, quiça, a outros, não podendo de maneira alguma tal fato.
Caso "ele venha a ganhar", acredito que, com o chamamento dos que não conseguiram igualmente votar pelas mesmas situações, no mínimo tornar-se o Tesoureiro não negligente, e sim responsável por influenciar as votações. Deve responder por suas responsabilidades, pois pairará uma dúvida de seleção de eleitores.
No mais, no aguardo desta vitória da chapa 1, não devemos esmorecer nunca, seja qual for o resultado, pela dignidade de compromissos assumidos.
Os melindres jurídicos Sr. Marcos Cordeiro, sabes melhor do que eu, apenas tento dar minha ajuda em meu vislumbrar.

Anônimo do Rio de Janeiro.

fUZINELLI disse...

AAPPREVI.
A política sempre atrapalhou o desenvolvimento do País, dos Estados, dos Municípios. É um mal necessário. Nas associações não é diferente. AAPPREVI viveu quase três anos abençoados de crescimento e de harmonia, dava gosto ser associado e poder divulgar a associação. Porém quando chegou o momento de cumprir um dos artigos do estatuto com a palavrinha “eleições” – a paz é violada e as tropas saem a campo em verdadeira guerra em busca da vitória! Que vitória? Vitória de Quem?
Uma Associação com um crescimento imenso, haja vista os quase 4000 sócios em apenas três anos e que poderia sem dúvida crescer a passos gigantes, tem no momento o brilho ofuscado em função de uma simples eleição.
São poucos os que conhecem o verdadeiro significado de política. Política deveria ser democracia e visar o bem de todos. Porque querem tanto o poder? Qual será o verdadeiro sabor da vitória?
Como Associado, tenho dúvidas sobre o futuro, mas ainda acredito que esta Associação poderá dar certo, contudo, estarei de olho e conclamo a todos os associados a exigirem que a chapa vencedora cumpra rigorosamente o estatuto e o regimento interno, (este ultimo se não existir deveria ser criado).
Ao Heleno Pinto Nobre, e aos demais que votaram na chapa 2, contem até 10, não é hora de sair, não é hora de lamentar, a democracia existe, e se algo não foi bem temos que ficar e com cabeça erguida continuar a luta. Aprender sempre.
A chapa vencedora, espero que tenha aprendido muito com os últimos acontecimentos, e para o bem da Associação, continuem a defender os velhinhos do PB1, as pensionistas e o bem estar dos associados. Ao Marcos, e aos demais eleitos, gostaria que mandassem uma mensagem, dizendo o que podemos esperar para os próximos três anos.
Eu particularmente não sou de desistir, vou continuar lutando e divulgando a AAPPREVI, pois sem dúvida é uma Associação diferente.
Antonio Fuzinelli
Arapongas - PARANÁ – BRASIL.

Anônimo disse...

Não sou inimigo do sr(aliás, não tenho inimigos, não cultivo isso), mas tenho o sagrado direito de não gostar do jeito como trata as pessoas. O sr. não é superior a ninguém.
O sofrimento dos aposentados está acima de tudo(menos de Deus) inclusive do sr.
Espero que o sr. seja mais humilde. Por isso, prefiro do blog do Medeiros, disparado o mais afável de todos. Alguma coisa o sr. poderia aprender com ele.
Sem inimizade, mas com antipatia...

Anônimo disse...

Por respeito, educação e elegancia,não devia dizer, mas não resisto: QUE BANHO!!!

Anônimo disse...


Clap, clap, clap..................

PARABÉNS CHAPA 1.
Serenidade e conduta de humildade Sr. Marcos.
Sei que o Sr. tem esses predicados.
Use-os!
Trabalho e mais trabalho para não deixar os incomodados fazer mal à AAPPREVI.
Acredito que será uma administração para os associados em 100%.
Abraços

MM disse...



Aeeee!!!!!!!!

Parabens!!!!! Deus é fiel ! Eu te amo nosso Deus.

Parabens Marcos Cordeiro, com certeza
sera um sucesso esta nova gestão.

Obrigada meu Deus.

Bjs Marcos, tua familia e nossa
familia de Aposentados e Pensionistas.

Marisa Noreira

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

BOA NOITE MEU AMIGO MARCOS CORDEIRO...


PARABÉNS....


VAMOS NESSA....


VC. DEVIDAMENTE É O CARA....


ACREDITAMOS MUITO NA SUA PESSOA....


VAMOS TRABALHAR....


TEMOS QUE MOSTRAR SERVIÇO....


UM FORTE ABRAÇO DO AMIGO E COMPANHEIRO


MINARI

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Parabens ao Marcos e a toda sua equipe pelo resultado. Que tenham paz
e serenidade para enfrentar o dia a dia com suas dificuldades, sabendo
que tem o apoio da maioria dos velhinhos trambiqueiros.

Grande abraco e novamente PARABENS.

Luiz Fernando/Sorocaba (SP)

Julita disse...

Parabéns, Sr Marcos!!!!!
Vitória Merecida!!!
Um grande abraço para o senhor e todoa a sua equipe!

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

MEU PREZADO COLEGA E AMIGO MARCOS CORDEIRO;


Parabéns a você e sua família pela brilhante vitoria nessa luta desigual que foi a
eleição da AAPPREVI,

Desejamos que DEUS continue a abençoar você e sua família, e lhe ajude a administrar esta grande
Associação que vocês criaram para defender os direitos dos colegas e pensionistas do BB.


Aproveite esta semana e descanse, dê um tempo para você e sua família, que vocês merecem.


Boa semana, curta a Vitória como só você merece.


abraços


gilberto/terezinha

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Curitiba-PR, 28 de novembro de 2012.
Assunto: ELEIÇÃO DA DIRETORIA DA AAPPREVI

Aos componentes da Chapa 1 – DIREITOS

Quero cumprimentá-los e aconselhá-los para que todas as decisões administrativas sejam planejadas, compartilhadas e pautadas na busca do bem comum para a Associação e para os associados, sem nenhum sentimento de revanchismo.

Aos componentes da Chapa 2 – HORA DA UNIÃO:

Quero aconselhá-los com todo o respeito, a ponderar o que é melhor para a Associação e para os associados (em especial para os 314 que votaram nessa chapa), antes de tomar qualquer medida precipitada, de renúncia ou de desfiliação, por exemplo. Quero deixar esta frase para os componentes da chapa 2: Para aqueles que lutam por ideais sublimes e altruístas, uma derrota é apenas um aprendizado para futuras vitórias.

Que Deus lhes abençoe!

Respeitosamente.

JOSÉ TADEU DE ALMEIDA BRITO
Advogado OAB-PR 32492 e aposentado do BB – matrícula 5.897.525-X

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Ao colegas Marcos Cordeiro e demais integrantes da Chapa Direitos envio os meus cumprimentos pela vitória e os votos de uma gestão plena de sucessos.
Fico feliz em ver que ainda não foi desta vez que interesses menores conseguiram detonar a AAPPREVI.
Há que se ficar atento, todavia, pois "essa gente" não desiste nunca.
Além de que, por sua postura corajosa de enfrentar as velhas lideranças encasteladas nas grandes entidades, sempre prontas a acordos e conchavos com o BB/governo, a AAPPREVI será sempre alvo de ataques.
Abraços,
Raposo

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Caro Marcos,


Ao mesmo tempo que felicito-o pela vitória nas eleições da AAPPREVI rogo a Deus que lhe conceda, e à sua diretoria, a graça de que todas as decisões que tomem a partir de agora sejam sempre as melhores e as mais justas na defesa de todos os associados.
Que ao final dos seus três anos de mandato só tenhamos elogios e agradecimentos a lhe fazer.
Mais do que nunca,


Abraços de luz e PAZ,


Zé Roberto
Rio-RJ

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Marcos,

Estarei torcendo para que os incidentes da campanha não prejudiquem o bom andamento da AAPPREVI, e desejo boa sorte a todos diretores, em especial os que já foram candidatos na chapa da Semente, o Solonel, o Minari e o Julio Cesar.



Parabéns! Vcs merecem!


Abçs
Daisy -Sp - Sp
Unap-bb e Grupo Semente da União

Anônimo disse...

Parabéns Marcos,
Não suportaria ver a nossa AAPPREVI converter-se numa outra coisa qualquer.
Deus te guarde, te dê saúde, serenidade e sabedoria para condução de nossa luta.

Anônimo disse...

Marcos , parabéns a você e seus companheiros de diretoria.
Continue assim, como v. é. Não precisamos de afabilidades, mesuras em excesso ou jactancias.Precisamos do seu trabalho sério e mão firme.Isso fará toda diferença, esteja certo.
J.C.RAMOS.

Paulo disse...

Caro Marcos Cordeiro!
Cara Diretoria recém eleita!


Quero cumprimentá-los de coração, desejando uma gestão digna do reconhecimento daqueles que não votaram na Chapa 1.

Que não existam mais vencedores e vencidos. Somente um corpo de associados e um só objetivo que é: a constante e permanente busca pelos direitos dos aposentados do plano 1.

Com essa eleição percebemos a diferença entre a abelha e a mosca: a abelha pode ter ferrão, mas o produto da sua faina é sempre nutritivo e real, já a das moscas é sempre a contaminação e morte.

Com a confiança renovada em tempos melhores para nós aposentados da PREVI, agradeço antecipado o esforço e a luta voluntaria que apenas recomeça.

Paulo

jeanne disse...

parabens Marcos, pela vitoria da sua chapa.Jeanne.

Anônimo disse...

PEDINDO LICENÇA AO RAPOSO:

"Há que se ficar atento, pois "essa gente" não desiste nunca.Ontem, o "BLOG DE DEUS",postou um titulo, depois retirado, com a clara intenção de conturbar o processo. Hoje, afirma que continua associado sómente porque é beneficiário de ações judiciais.Onde ficou o discurso de "bonzinho", sizudinho? O seu blog praticou terrorismo eleitoral até a última hora. As suas flechas são preparadas com o veneno da cizânia. Serão as mesmas que quebram santos??? Aprenda um pouco com o Marcos que, sómente no dia posterior, liberou o blog para comentários.


Anônimo disse...

Continuemos lutanto para que haja uma nova e diferente organização de nossas associações. É essa a luta que entendo ser da AAPPREVI.
Edgardo Amorim Rego

Odilardo Carneiro disse...

Colega Marcos,

Parabéns pela vitória. Desejo a você e a equipe sucessos nessa nova empreitada e que o trabalho sério e competente continue na defesa dos assistidos da PREVI. "Tudo está no seu lugar, graças a Deus". Vamos que vamos.

Um abraço

Alan disse...

Estou aliviado só neste momento, e depois???
....e se a AAPPREVI crescer mais e mais, quantos gaviões aparecerão???

Por isso repito:



URGENTE URGENTE URGENTE

TEMOS QUE ACHAR UMA FORMA DE "BLINDAR" O ESTATUTO DA AAPPREVI, DE FORMA QUE, NENHUM APROVEITADOR POSSA MUDAR NOSSOS OBJETIVOS E SUA FORMA ATUAL DE ADMINISTRAÇÃO.

Anônimo disse...

Parabéns Sr.Marcos e todos da chapa
1.
Vitória merecida.
O Sr poderia colocar uma foto de todos da chapa 1 no blog agora né!
Gostaria de conhecê-los, pelo menos por foto. Que tal?
Acho que todos iriam gostar.
O que vcs acham?

Marly

Anônimo disse...

Marcos, seu tom conciliatório é muito louvável, entretanto devido a minha experiência acumulada ao longo dos anos não me permiti aceitar passivamente a forma e atitudes da chapa com nome Hora da União nessa eleição. Como alguém que quer desagregar utilizar o vocábulo união. Será que eles serão capazes de conviver em harmonia depois de tudo. É possível. Qual o perigo que a Associação pode vir a sofrer? Conviver com o inimigo? Se essa chapa tivesse concorrido de forma clara, sem subterfúgios, sem ataques a honra de seus adversários, se pautando nos bons costumes seria ótimo. Essa chapa não nos viu como adversário mas como inimigo execrável. Infelizmente isso é inaceitável no meu ponto de vista. Mas você Marcos, que tem a capacidade de conciliar, de não ter revanchismo, de saber perdoar e entender o desespero e destempero daqueles que não se contém e que não exercitam o bom senso, que buscam caminhos diversos para alcançar seus objetivos e interesses pessoais dos quais não sabemos, faça dessa capacidade sua bandeira que sempre norteou os seus passos e haja conforme sua formação forjada, também, ao longo de décadas. Qualquer decisão,forma e atitude, que tomares estou contigo.Confiável tu és. Boa sorte.

MM disse...



Marcos, Boa Tarde!

Aplausos para o comentario do Alan.

Vamos blindar de uma forma que seja

coerente e precisa a nossa AAPPREVI.

Marisa Moreira