sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Alerta aos Dirigentes da PREVI

Carta assinada pela UNAP-BB e AAPPREVI

21 de janeiro de 2011

Sr. Dirigente da Previ,

Diante do aparente impasse no cumprimento do "acordo" sobre o alegado superávit da Previ, e pela falta de clareza com que foi elaborado o documento denominado “Memorando de Entendimentos”, que obteve o "sim" de minoria de cerca de 40% dos participantes do plano 1 da PREVI, alertamos para o fato de que eventuais prejuízos ao patrimônio previdenciário de seus associados, em perdas desassistidas do devido estofo legal, provocados por incompetência, incúria ou excesso de subserviência ao patrocinador, orientarão providências de ordem jurídica. Esclarecemos que não reconhecemos como legítimo o plebiscito realizado, tendo em vista a extinção do corpo social do estatuto e a falta de parâmetros válidos e legítimos para realizá-lo. Portanto, imputamos a responsabilidade por eventuais ilegalidades praticadas, aos administradores da PREVI (Diretoria Executiva e Conselhos Deliberativo e Fiscal), que poderão ser instados, à luz do Estado de Direito, a ressarcir os cofres da Entidade, que, no limite, poderão atingir os patrimônios pessoais desses dirigentes.

Podem contar com nosso empenho para que assim seja, decorrente da necessidade de que a Justiça prevaleça.

Movimento pela Unap-BB & AAPPREVI
---------------------------------------------------------
Destinatários do “alerta”

Diretoria Executiva
Paulo Assunção de Sousa Diretor de Administração ........ pauloassuncao@uol.com.br
Vitor Paulo Camargo Gonçalves Diretor de Planejamento vitorpaulo@previ.com.br
José Ricardo Sasseron Diretor de Seguridade ................... sasseron@previ.com.br

Conselho Deliberativo
Robson Rocha (Presidente) .............................................. vipes@bb.com.br
Carlos Eduardo Leal Neri - .............................................. diref@bb.com.br
Ivan de Souza Monteiro vifin@bb.com.br
Alexandre Correa Abreu ......... vivar@bb.com.br
Eduardo Cesar Pasa.......................................................... contadoria@bb.com.br
Waldenor Moreira Borges Filho ...................................... atendimento@afabbsp.com.br (nominativo)
Celia Maria Xavier Larichia ............... celialarichia@gmail.com
Amauri Sebastião Niehues................................................. gestaodepessoas@bb.com.br

Conselho Fiscal
Renato Donatello Ribeiro
Sérgio Iunes Brito .................. controladoria@bb.com.br
(*)Aldo Bastos Alfano ......................................................... aldo@alfano.com.br
(*)Francisco de Assis Chaves Costa ..................................... chicao_pb@yahoo.com.br


(*) Possíveis aliados dentro da Previ, são colegas que apresentam aderência aos interesses da comunidade de associados da Unap-BB – Movimento de Aposentados e Pensionistas do BB.

86 comentários:

Flavio Castro disse...

Avante, amigos.
Hoje a tarde eu fiz minha associação à AAPREVI.
Algo precisa ser feito.
Estou perplexo com tudo que tenho tomado conhecimento ao longo destes últimos 30 dias. Parece tudo meio surreal.
Espero que a história, no futuro, jogue alguma luz sobre todo esse incompreensível episódio.

Anônimo disse...

Alerta aos Dirigentes da PREVI

Carta assinada pela UNAP-BB e AAPPREVI

21 de janeiro de 2011


Sem comentário. Foi demais.

Anônimo disse...

Parabens AAPPREVI, este Alerta tinha realmente que ser necessario, ja nao se sabe mais o que pode acontecer, nao existe verdadeiramente uma TRANSPARENCIA nem no acordo firmado, nem como o processo esta sendo tratado e agora,muito menos quanto ao trato com os participantes.

Gil Gonçalves

Anônimo disse...

Ai tem treta das grandes.A Previ tem que informar qual a alteraçao feita e ja aprovada por ela e pelo bb.
Sandra Alves.

Anônimo disse...

Continuamos na mesma do lado de lá eles querem o máximo e com todas as garantias
e aqui estamos numa guerra entre o sim e o não, guerra essa parece sem fim. Tipo
assembléia no sindicato fim de agosto início de setembro.
Acredito que pensando otimista depois do carnaval ou início de abril sai alguma
coisa.
Talvez seja ora de começar do zero.

Edson rj

Anônimo disse...

Pobres dos que foram novamente atras das fontes do Medeiros.
Nem vou dizer mais nada.

Arnaldo Campos

Anônimo disse...

Só tem uma alteração que deve ter acontecido,pagar os 7.5 bilhões de uma vez ao mais novo aposentado Brasileiro.

Se não for esta alteração,porque o mistério?.

Mais que tem treta nesta história,,,,há tem !!!.

Anônimo disse...

Viva o Superavit do BB... VIVA!
Viva o Assunção (O Pidão)... VIVA!
Viva a agilidade da Previ... VIVA!
Viva o Embuste Goela-Abaixo...VIVA!
Viva a Copa do Mundo de 2012 com nossos "capazes" dirigentes...VIVA!
(brevemente mais VIVAS)

Anônimo disse...

Se ja mostraram as datas das aprovaçoes,diretamente ja comunicam que vai demorar,mas sabemos que da aprovaçao do Dest e do MF ate a Previc,dez dias serao suficientes para fazerem o credito no dia 31.
Nao temos agora Natal nem Ano Novo.
Os tramites poderao e deverao ser agilizados devido as dificuldades por que passam a maioria dos aposentados/pensionistas.
E so quererem.
Sandra Alves

Anônimo disse...

Pessoal, fiquei esperando esse tempo, ansiosa, mas agora que vai demorar mais, vou perguntar:
o valor referente ao mês de dezembro foi P300-868,89/INSS 2.474,86 e esse último foi P300-868,89?INSS 2.633,49.
Claro que,com a quantidade de descontos que tenho, não fica tudo isso de líquido.
Com esses valores, alguém poderia me dizer, mais ou menos, o quanto irei receber? O valor de cada parcela? E se esse valor vai vir em dez vezes mesmo, na primeira?
Obrigada, desde já.

Não riam da minha igorância, viu gente?

Anônimo disse...

Colegas sofredores, Com a solicitação de ajuste efetuada pelo MF, nao seria o caso de se fazer nova consulta ou aquela tornar-se nula por ter sido alterado o Termo de Compromisso e/ou o memo. de entendimento? Abraços.

Anônimo disse...

PESSOAL, VAMOS SER PRATICOS, NAO VAMOS FICAR NOS LAMURIANDO AQUI NO BLOG, VAMOS EXTRAVASSAR NOSSA DECEPÇAO E SENTIMENTO DE REPUDIO POR TODA ESTA NOVELA QUE VAI SE ARRASTAR POR SEMANAS, VAMOS ENCHER DE E-MAILS A PREVI, TORRAR A PACIENCIA DO 0800 DELES, CHEGOU A HORA DO PANELAÇO VIRTUAL, VAMOR TORRAR O SACO DA PREVI, JA NAO TEMOS MAIS NADA A PERDER, CHEGA DE LAMURIAS É HORA DE ATITUDES, HORA DE AÇAO, PENSEM NISTO.

JUSSARA COUTO PENSIONISTA

ADEMAR disse...

É uma pena que a grande maioria dos colegas continuem com vinculo com a ANABB, talvez por falta de conhecimento da real situação que vivemos, talvez por comodismo. Pois o correto seria a migração maciça para AAPREVI, que é atualmente a instituição que realmente defende os interesses dos funcionarios e aposentados do BB. Seria bom que acordassem enquanto é tempo, pois a cada dia que passa só temos a perder com nossos atuais representantes junto ao BB/Previ.

Elias disse...

REZAR, ORAR...

Os que cremos devemos, cada uma a sua maneira, com muita Fé pedir a Deus tranquilidade, equilíbrio emocional e força para que nossos Colegas Aposentados e Pensionistas possam enfrentar e superar eventuais dificuldades atuais e futuras.
Também devemos lembrar daqueles que detém o poder de decisão, para que se sensibilizem e ajam da maneira honesta, eficiente e adequada para solução de pendências que envolvam a Vida, a Dignidade e os Bens das Pessoas que de suas decisões dependam.
De minha parte, além das orações diárias, colocarei essas Intenções na(s) Santa Missa que vou participar.

João disse...

Não seria o caso de alguém com livre trânsito junto ao MF, indagar qual foi a alteração pedida, vez que a PREVI faz questão de sonegar tal informação. Vejam que tudo da PREVI é respondido na base da evasiva, deixando os mais necessitados em estado desesperador.

um abração a todos JSMOURA

Henrique Soares disse...

Sabe porque nos enchemos de questionamentos? Simples: É porque nosso mundo é outro, totalmente diferente da triste realidade que emana nos porões espirituais dos "responsáveis" em dar andamento ao "acordado". Se tivéssemos a oportunidade de reunirmos a grande maioria dos associados AAPREVI, teríamos a oportunidade de vermos que temos muitas coisas em comum além do que priorizamos discutir aqui. E sei que este espaço tem essa finalidade. Mas, não há dinheiro suficiente que pague o valor de uma amizade, de uma palavra que tem o poder de dar-nos força e nos arrebantar do fundo de onde acreditamos estar. Paremos, reflitamos. Quantas pessoas aqui temos a oportunidade de nos afeiçoarmos, de reconhecermos as suas grandezas. Isso pra mim é como um bálsamo, é o meu suspiro que alivia minha angústia. Lí um texto belíssimo escrito pela LENA, o qual pedir autorização para publicá-lo em meu blog. Mas acho que ela não passou mais lá para verificar tal pedido. Mas, colegas, acreditem: Tem pessoas aqui que escrevem coisas que minha mente mantém gravadas. Sou capaz de lembrar de cada um que me despertou tanta afinidade. É por essas coisas que também estou aqui. O crédito? vem. Mas agora o momento nos pede que respiremos buscando dentro de cada um de nós o reconhecimento de que somos especiais, e que Deus acredita em cada um de nós. O que será que ele espera da gente? - A sede de justiça que faz moradia em cada um de nós, nos recompensará no seu devido tempo. É bom sabermos de que o inferno e o paraíso começa a ser construído aqui.

sergioinocencio disse...

Marcos,

o nosso índice é extraordinário,em
16 fizemos 2, cara, estou muito feliz, e olha que eles podem ser do outro time e a gente ainda não sabe ( sem querer ofender) apenas uma constatação, afinal a coisa anda tão esquisita.
e o pior de tudo, vão mudar, e não é para contar pra ninguem, segredo absoluto( é pra ler embaixo da mesa), sim pq vai que alguem descobre......
só fazendo piada mesmo.
aprovamos, mentiram no indice, e agora o aprovado não tava certo, vamos mudar, mas os trouxas nao podem saber o que vamos mudar.
GRANDE PREVI - GRANDE BB

corja maior ainda

Anônimo disse...

Caro Marcos,

Este Alerta da UNAP-BB & AAPPREVI, aos dirigentes da PREVI, não poderia ser feito em momento mais adequado. Afinal de contas, o que foi alterado pelo MF, no acordo,e não informado aos verdadeiros donos da PREVI? queremos saber!
Aquele(a)s que estão com a corda no pescoço, na minha humilde opinião, deveriam procurar outras saídas,
tais como:
antecipação de 13°;
consignado com a verba do INSS,(1° faz-se a separação das verbas, no próprio INSS, aí, pode pedir ainda o crédito deste benefício em outro Banco);
consignado na Poupex(Convênio atende a todos do BB);
venda de algum bem;
refinanciamento do carro;
empréstimo com algum parente;
e muitas outras, como ex-bancário(a)s com certeza sabemos.
Vamos nos fortalecer para enfrentarmos com serenidade o que poderá vir do lado de lá!

Pensionista sem voz fora da AAPREVI disse...

Estaria em andamento um plano maquiavélico orquestrado pelo Banco do Brasil, Governo e Previ? Só relembrando:

- em 2010 começa um grande mobilização em torno da distribuição do Superavit. O Banco empurra com a barriga e vai enrolando os aposentados até o fim do ano, qdo apresenta sua proposta. "É pegar ou lagar", dizem nossos representantes.

- Faz-se então, `as pressas, uma votação desnecessária, com o objetivo único de dar ao Banco do Brasil o aval de q ele precisa pra tomar metade do nosso patrimônio. "Se o "NÃO" ganhar, não tem dinheiro", vão ainda mais longe.

- O Banco do Brasil, assim q a votação é encerrada (numa apuração em tempo recorde), solta suas notas na imprensa, levando a notícia de q os aposentados concordaram, em "votação recorde", em doar metade do seu patrimônio para o BB.

- A PREVI e o Banco dão a entender q, com a votação encerrada e o acordo aprovado, o crédito tem tudo pra sair ainda em dezembro, no máximo em janeiro.

- Com isso, muitos aposentados se endividam, contando com um dinheiro dado como certo no menor prazo possível.

- 2010 acabou e o crédito não veio. Veio o dia 20 de janeiro de 2011 e nada. Janeiro vai terminando e o crédito parece cada vez mais distante. Aposentados e pensionistas ficam cada vez mais ansiosos com a espera. Desesperados com as contas a pagar, muitos recorrem a agiotas e financeiras

(vem agora o meu maior temor)

- O Governo, o Banco do Brasil e a Previ sabem de tudo isso e então, alguém tem uma "idéia brilhante":

"Por que não nos aproveitamos do despero da "ralé" e colocamos no papel a única coisa q não ficou clara, o dreito do BB aos 50%? O pior q pode acontecer é algum representante chiar. Aí pedimos nova votação, dessa vez perguntando se a "ralé" reconhece o direito do Banco aos 50%, alertando q se não reconhecerem não verão nunca a cor do dinheiro. Com a "ralé" devendo a Deus e ao mundo alguém duvida q não levamos mais essa de goleada?".

- Assim, Banco do Brasil, Governo e Previ alcançam seu maior objetivo: alteram o estatuto da PREVI e colocam o Banco do Brasil como seu mais novo beneficiário. Todo e qualquer superavit, a partir de agora, será distribuído entre o Banco do Brasil e demais participantes. Agora está no estatuto, não precisam mais de Resoluç/ao 26 nem Lei Complementar. E o pior, com o nosso consentimento.

****** lógico q os dois últimos pontos são apenas suposições, mas a nota da PREVI e o histórico do BB e do governo "dos trabalhadores" transformam tais suposições em possibilidades bastante reais.

Lena. disse...

Entro muito aqui.Tento passar força,alegria,falo "abobrinhas" mais já estou desanimada com tudo isso.Essa história para mim ainda vai longe.Chega.Vou dar um tempo.Quando a previ der uma previsão certa eu volto.Boa sorte querido Marcos e Rossi.Peço a Deus saúde,sabedoria,força e pasciência para vcs dois e os colegas tb do blog.Estou no meu limite,tanto no contra-cheque quanto a minha tolerança que é zero. Abraços da Lena.Rio

Anônimo disse...

,Querido colegas desculpem minha ignorancia, mas será que o BB não tentou nos roubar juntamente com a Previ e por esse motivo O MF voltou atras? Se não foi isso tem algo errado ai, não acham????

Anônimo disse...

Colega pensionista, me desculpe mas ofender tanto assim seus ex colegas chamando os de ralé, em que ponto chegamos? Voce é que deve estar muito desesperada e revoltada. Esse blog é para dicutirmos numa boa e não agredindo. Passe bem.
Ah, gostaria que soubesse também sou pensionista.
.

Anônimo disse...

Concordo totalmente com Ademar, em seu comentário de 21.01 - 17:04 hs.

Acrescento ainda, até a Aafbb já se mexeu com relação a isto (Larichia), porém a anabb insiste na postura de defensora do bb, ou seja, no silêncio.

Faz tempo, desde o famigerado episódio do IGP-DI (30% e 18%) que vi qual era a vocação da anabb. Desde então pulei fora mesmo tendo ação através dela.

Insisto se não caírem fora da anabb, pouco adianta outros sacrifícios. A bem da verdade quem permanece nela ENFRAQUECE outras ações em defesa dos aposentados.

Anônimo disse...

Anonimo de 01:11, voce acredita que algum orgao do governo faria algo a nosso favor?
Acorda!
Sandra Alves

Anônimo disse...

Com certeza a Isa sabe de tudo e mais alguma coisa.
Sandra Alves.

Flavio Castro disse...

Como sempre, recebi em meu e-mail o "esclarecedor" boletim infPREVI.
Reli e me detive, agora, na frase:
------------------
Mas a nova redação precisa ser novamente aprovada por todos os órgãos competentes.
-------------------
Cruel, né?
Depois de toda essa espera angustiante, dizerem, com a maior tranquilidade, que precisa ser APROVADA NOVAMENTE por TODOS os orgãos competentes beira o sadismo.

Jose Luiz-teteu disse...

Ao Sr. Henrique Soares,

Quanta sabedoria e paz nos passa o singelo texto escrito pelo Sr.
Continue assim: cheio de esperança e com imensa fe em Deus.
"Se a nossa causa e justa, DEUS esta conosco".

Jose Luiz-teteu

Anônimo disse...

A AAPPREVI não nos decepciona nunca. Cabe a todos copiarmos esta mensagem e enviá-la ao maior número de aposentados possível. De preferência conclamando-os a se filiarem a nossa tábua de salvação. O Titanic (Previ) teve seu casco rasgado por icebergs (BB, PT, Anabb) e pode afundar se não engrossarmos as fileiras desta associação, para que sejam feitos os devidos reparos.

Carlos Mariano disse...

Peço a algum colega advogado que esclareça o significado do acórdão abaixo - sobre a resolução 26:

Acórdão
AgRg na SLS 1041 / DF
AGRAVO REGIMENTAL NA SUSPENSÃO DE LIMINAR E DE SENTENÇA
2009/0069908-7
Relator(a)
Ministro CESAR ASFOR ROCHA (1098)
Órgão Julgador
CE - CORTE ESPECIAL
Data da Publicação/Fonte
DJe 29/10/2009
RSTJ vol. 218 p. 21
Data do Julgamento
07/10/2009
Ementa
AGRAVO REGIMENTAL. SUSPENSÃO DE LIMINAR E DE SENTENÇA. PLANO DE
PREVIDÊNCIA. SUPERAVIT. DESTINAÇÃO.
Na linha do entendimento desta Corte Especial, descabe apreciar as
questões de mérito da demanda principal no processo de suspensão de liminar e de sentença, que se limita a averiguar a possibilidade de grave lesão à ordem, à segurança, à saúde e à economia públicas.
A concessão de tutela recursal impedindo que, antes do julgamento
do feito principal, as importâncias decorrentes de superavit em plano de previdência privada sejam revertidas em favor dos participantes, dos assistidos e dos patrocinadores, ou que sejam
utilizadas na quitação de contratos de confissão de dívida não revela iminente lesão à ordem, à economia e ao interesse público.
Agravo regimental improvido.
Decisão
Vistos, relatados e discutidos os autos em que são partes as acima
indicadas, acordam os Ministros da Corte Especial do Superior
Tribunal de Justiça, na conformidade dos votos e das notas
taquigráficas a seguir, por unanimidade, negar provimento ao agravo regimental, nos termos do voto do Sr. Ministro Relator. Os Srs. Ministros Nilson Naves, Felix Fischer, Aldir Passarinho Junior,
Hamilton Carvalhido, Francisco Falcão, Laurita Vaz, Luiz Fux e João Otávio de Noronha votaram com o Sr. Ministro Relator.
Ausentes, justificadamente, os Srs. Ministros Fernando Gonçalves,
Jurisprudência/STJ - Acórdãos
Página 1 de 2
Gilson Dipp, Eliana Calmon, Nancy Andrighi e Teori Albino Zavascki.
Presidiu o julgamento o Sr. Ministro Ari Pargendler.
Referência Legislativa
LEG:FED RES:000026 ANO:2008
(MINISTÉRIO DA PREVIDÊNCIA SOCIAL - CONSELHO DE GESTÃO DA
PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR - CGPC)
LEG:FED LCP:000109 ANO:2001
Veja
(SUSPENSÃO DE LIMINAR - LESÃO À ORDEM PÚBLICA)
STJ - AGRG NA SLS 994-PR, AGRG NA SLS 995-DF
Sucessivos
AgRg na SLS 1032 SP 2009/0050940-4 Decisão:07/10/2009
DJe DATA:29/10/2009
Jurisprudência/STJ - Acórdãos
Página 2 de 2

Anônimo disse...

Marcos,
Qualquer modificação no protocolo anula tudo. Esqueceram das assinaturas? Talvez seja melhor anular mesmo. É o fim da picada.

Anônimo disse...

Pensionistas, já pedi para a ANABB os tramites para minha desassociação.
Não adianta ser associada por quem não luta por nós!!!Vamos ver o que me respondem!
Um belo final de semana para todos voces aposentados e pensionistas!!!

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Mensagem da FAABB endereçada à AAPPREVI, recebida em e-mail de hoje, 22/01, às 09:34:

À AAPPREVI

Sr Presidente,

A cobrança está bem formulada e dirigida a quem de direito. Participando da mesa de negociações, a FAABB cuidou de somente assinar o Memorando de Entendimentos com a condição de que nele não houvesse nenhuma alusão à Resolução 26 que concede ao Patrocinador o direito à metade do saldo da conta Reserva Para Revisão do Plano. Outra atitude não seria aceitável, de vez que a própria FAABB tem ação judicial contestando a Resolução.
Os termos do Memorando de Entendimento foram encaminhados à presidência da Previ e, com base no que foi acordado, elaborou as alterações no Regulamento do Plano de Benefícios nº 1 necessárias e suficientes para que os benefícios adicionais fossem pagos. Como se sabe, a Previ só pode pagar o que constar de seu regulamento, assim, ainda que temporários, os benefícios obtidos via acordo, necessariamente têm de constar do Regulamento.
A partir da entrega do memorando à Diretoria da Previ coube ao Conselho Deliberativo efetuar as alterações necessárias para que fossem submetidas aos órgãos competentes para homologação. A FAABB não participou da redação dessas alterações de Regulamento e agora, com a mensagem da Previ dizendo que o Ministério da Fazenda exigiu alteração de algum artigo do que foi introduzido, estamos cobrando da Previ o esclarecimento da natureza e justificativa de tal alteração.
A despeito de o texto ter necessidade legal de novamente ser submetido ao Ministério do Planejamento e ao Dest antes de ser enviado à Previc, acreditamos que o processo agora corra mais célere e para tanto estaremos pressionando as diretorias da Previ e do Banco.
Atenciosamente,

Isa Musa de Noronha
Presidente

Anônimo disse...

Sua iniciativa com o "Alerta aos dirigentes da PREVI" merece todo o nosso louvor. É preocupante a solicitação de alterações (ajustes) no "Acordo Fajuto", provavelmente coisas que poderiam ser facilmente contestadas, e vejo que a grande maioria ainda se preocupa com a data do crédito do superavit, pressinto coisa pior acontecendo debaixo de nossos narizes.Já perguntei uma vez não existe amparo legal para que tudo isso seja derrubado, e que as coisas sejam feitas as claras? Penso que, como eu, muitos colegas estejam incomodados da forma como tudo isso foi armado.
Tenho mais uma questão, e quem é PDvista? Não perdemos o vínculo com o Banco, contribuimos para a PREVI a nossa parte e a que é do Banco, como ele é dono da metade do nosso Superavit?
Elisabeth Oste

Anônimo disse...

Colegas.
Em primeiro lugar um esclarecimento.
Não sou membro de nenhuma diretoria (sou apenas o síndico do meu prédio), não sou funcionário da ativa, apenas um aposentado como todos que aqui se manifestam, e que hoje após cumprir meu dever de pai, formando minhas filhas e dando-lhes uma educação cristã, ganho com minha aposentadoria, o suficiente para ter com minha esposa por 35 anos, uma vida digna.
Convido a todos para, desarmados, fazermos uma reflexão, respondendo comigo alguns questionamentos.
1º - A PREVI, apesar de seus manifestos incompletos e lacônicos, em algum momento mentiu quanto a situação do processo ao informar que estava ainda no MF?
Não.
2º - A ANABB, da mesma forma, com as mesmas omissões, quando informou a situação do processo, mentiu?
Não.
3º - A AFABB, com os mesmos procedimentos, mentiu?
Não.
4º - Os colegas Marcos e Rossi, quando nos repassaram as informações recebidas de seus
contatos dentro de instiuições como MF e outras, inclusive anexando cópia dos Emails e documentos probatórios, estavam mentindo tentando nos enganar ou iludir afirmando que o processo ja não estava mais no MF?
Não.
5º- O colega Medeiros, também na melhor das intenções, como o Marcos e o Rossi, ao fornecer previsões e informações baseadas também tão e exclusivamente em informações, por
ele tido como fidedignas, mentiu?
Não.
Então, salvo melhor juízo, deduzo sem medo de errar, que cada um, mesmo com os equívocos constatados, a seu modo e sem julgamento de méritos, agiu da forma mais correta e ética possível.
E quanto a nós e nossas
expectativas?
Entendo que a hora é de nos desarmarmos e termos a convicção de que, ao olhar para o horizonte, alguns relativamente tranquilos, mas outros realmente machucados e
feridos, participando desta corrida maluca de obstáculos quase intransponíveis, enxergaremos a
placa de chegada.
Lembro a todos que o ódio e o rancor só faz realmente mal àquele que os sentem, e na maioria das vezes, o objeto para o qual dirigimos este sentiimento negativo nem o percebe, ou pior, delicia-se com isto, julgando-o meritório.
Portanto, apaziguem seus corações, tendo a convicção que dias melhores aproximam-se a passos largos.
Aos errados (recuso-me a usar outro termo), o julgamento de Deus.
Um excelente fim de semana a todos e que as benções de Deus, os protejam e guardem, bem como a todos seus familiares.
Jose F. Rovere
Blog do Vovô.

Flavio Castro disse...

É...Não é o meu caso, mas essa questão dos PDVistas é uma boa pergunta!
No caso desses colegas, eles são os patrocinadores e não o BB, não é verdade?
Como fica então os 50% deles? Será que é contabilizado à parte?

Anônimo disse...

Olá Pessoal!

Há no site www.unap-bb.org uma denúncia do aposentado BB sr. Luiz Dalton, contra Desrespeito a Direitos Assegurados ao Procurador Geral da República-PGR.

vocês já leram?

Anônimo disse...

Colegas,
Primeiro não queríamos o acordo, alguns chegaram a atacar quem estava a favor e agora estamos implorando desesperados para o acordo ser cumprido.Pela lógica dos que eram contra seria bom mesmo que esse acordo fosse cancelado. Atacamos todos que achamos culpados de uma forma até pesada e muitas ameaças.A pergunta que agora me faço é: estamos no caminho certo? Será que Previ, Previc, BB estão preocupados com nossa gritaria ou a única saída é o judiciário com um escritório de advocacia de grande prestígio porque para quem conhece nossa justiça sabe que isso tem muita importância.Fora isso temos que parar de cutucar a onça com vara curta.Como dizem: cachorro que late não morde. Um colega lembrou bem da época das intermináveis assembléias dos sindicatos que mais faziam barulho do que efeito.

Anônimo disse...

Olá Anônima Pensionista das 16:39, fiz os cálculos para voce se o seu P300 é 868,89 20% desse valor é = R$113,77 é o que voce receberia em sua folha mensal durante 6 longos anos ou enquanto durar o valor da Reserva Aprovisionada pela PREVI. No Acordo decidiram que seria retroativo a jan 2010 portanto 113,77 x 12= R$ 2.085,33 deduzido a parte do leão claro!!!
Me perdoe se por acaso errei no cálculo, mas acho que é isso. Vi que ninguem arriscou fazer os cálculos para voce, enfim, vi voce como a minha mãe que também é pensionista, mas por favor não conte com isso ainda, nem Deus tá sabendo o que temos pela frente.
Abraços Elisabeth Oste

Anônimo disse...

Parabéns, colega Isa.

Seus comentários são sempre objetivos, esclarecedores e desprovidos de quaisquer sentimentos de mágoa ou rancor, apesar dos ataques absurdos e injustos que você vem sofrendo.
Quem a conhece, sabe do seu caráter íntegro e da sua dedicação às causas dos aposentados do BB.

Anônimo disse...

ALERTA - Muito bom!!!

ANABB - Vamos acabar com ela, saiam todos, venham para AAPPREVI!!!

Usemos a internet para ganhar essa
guerra!!!

UNIÃO GERAL!!!

Alan rj/rj

Anônimo disse...

Depois do " SILÊNCIO " sepulcral aparecem " ÊLES "...QUEREM MODIFICAR O QUÊ???...e os nossos DIREITOS..." NA AUSÊNCIA DA LUZ, A ESCURIDÃO PREVALECE "(mas não por muito tempo)...meus parabéns UNAP-BB e AAPPREVI pelo alerta aos " DIRIGENTES da PREVI "...muito oportuno...é chegada hora do DIREITO PREVALECER...paciência tem limite.

Anônimo disse...

Olá pensionista, acho que fiz um pequeno erro ao digitar o valor dos 20%= 173,77 é o que voce deverá receber em sua fopag todo mês.
Abraço Elisabeth

Anônimo disse...

É gente... Queiram ou não a Dona Isa tem postura de estadista. Séria e compenetrada, responde ao que perguntam sem ironias nem rancores. É exatamente isso que se espera de um dirigente. Esta é uma pessoa de valor.

Anônimo disse...

EU DISSE!!!O CRÉDITO SÓ DEPOIS DO CARNAVAL!!!ERRARAM NA REDAÇÃO DE PROPÓSITO!!!SÃO INCOPETENTES,E LACAIOS DO GOVERNO!O BANCO SÓ QUER PAGAR DEPOIS DE FECHAR SEU PRIMEIRO BALANÇO TRIMESTRAL!A PREVI QUER GANHAR COM APLICAÇÕES EM CIMA DO DINHEIRO DOS VELHINHOS.A ÚLTIMA PIADA PRONTA É A DO BLOG DO MEDEIROS: ELE DISSE QUE SUA FONTE NÃO ERROU!ENTÃO ELA O QUÊ?O TIRO SAIU PELA CULATRA, E PEGOU OS APOSENTADOS TODOS DE PIJAMA E BABANDO!!QUEM CONFIOU NELE TAH FAZENDO ATÉ COISA QUE NUM DEVE NO PIJAMA!HEHEHE.AQUI DIRETO DO PAÍS DA PIADA PRONTA, ONDE NARIZ DE PALHAÇO É ADEREÇO DA ÚLTIMA MODA DAS GRIFES QUE A PREVI SEMEIA E DIVULGA.AGORA QUEREM PANELAÇO NA PORTA DA PREVI.VAI TER VELHINHO LEVANDO FAROFA, RAPADURA, E CANJIQUINHA!TUDO PORQUE O SALÁRIO QUE RECEBEM DA PREVI É UMA MERRECA DANADA!AH, VAI VIR ALGUÉM AQUI E ME DIZER QUE O BOTÃO QUE MANDARAM FAZER NA PREVI É IGUAL O DO VIDEO GAME DOS MEUS NETOS:QUANDO NÃO DA CERTO RESTART!!!PRONTO, PERDEU INICIA TUDO DE NOVO!E AGORA DEPOIS DISSO TUDO EU VOU ME PREPARAR E VOU PINGAR MEU COLÍRIO, PRA VER SE EU NÃO ESTOU SONHANDO!CHEGA DE SUB LINUAIS, DONARENS,NEULEPTIL, DE SUPERÁVIT, EU QUERO MESMO É ACABAR EM BARRANCO, PQ SE A PREVI PAGAR ISSO RAPIDINHO O DE GAULLE TAVA ERRADO, EM AFIRMAR QUE ISSO AQUI NÃO É UM PAÍS SÉRIO...MAS EU DUVIDO, QUERO MEU CARNAVAL, COM DÍVIDA DE PLANTÃO, COBRADORES NA BATUCADA, E AGIOTAS DE SUPETÃO NA RODADA, PRA ME VEREM SAMBAR!PQ TEM QUE TER REBOLADO PRA COBRIR E AGUENTAR TANTA PALHAÇA!JÁ COLOQUEI MEU NARIZ DE PALHAÇO, VOU AGORA RASGAR A ROUPA, E CURTIR A GOZAÇÃO!

Anônimo disse...

Querido vovô,

A questão que enfrentamos não se refere a ódio, rancores, etc, etc... Pelo menos tenho certeza que não de nossa parte. A maioria de nossas histórias são semelhantes. Pessoas honestas, cristãs, com atestado de idoneidade por sermos aposentados do BB. Quantos ficaram pelo caminho e foram demitidos?
O seu bondoso coração não está conseguindo alcançar o mal que estão lhe causando usurpando seus legítimos direitos.
Eles contam com essa ingenuidade exatamente para perpetuação no desmando dos recursos que nos pertencem.
Reflita querido vovô. A questão não diz respeito a controlados e descontrolados financeiramente. Vai muito além do que isso. Se você que demonstrou tanta capacidade para administrar tão bem a sua família e sua vida não percebe o que as entidades relacionadas por vc estão lhe fazendo, realmente corremos sério perigo.

Anônimo disse...

PRESSAO TOTAL NA PREVI, VAMOS ENTUPIR DE E-MAILS A CAIXA POSTAL DELES, NÓS PODEMOS ESPERAR, MAS VAMOS MESMO FAZER UM PANELAÇO VIRTUAL, TAMBEM O 0800 DELES PRECISA SER ACIONADO SEM PARAR, AFINAL EU NAO TENHO MAIS NADA MELHOR A FAZER QUE PRESSIONAR PELO MENOS DE MODO VIRTUAALMENTE, PASSAREI A MESMA MENSAGEM POR E-MAIL UMAS 10 VEZES POR DIA, TAMBEM O 0800, BASTA DELES FICAREM TRANQUILOS E NÓS SEMPRE NOS LAMENTANDO PARA BLOGS, VAMOS DIRETO AO CAUSADOR DESTA SITUACAO.

NELSON XAVIER

wilson luiz disse...

Caro(a) anônimo(a) 21 janeiro, 16:39 hs.
Acredito que o seu benefício a ser pago pela PREVI será de R$ 1.377,00, com reajuste de R$ 510,00. Este valor corresponde ao novo piso (70% da parcela PREVI de R$ 1.968,00). A primeira parcela de 240% será de 12 x R$ 510,00, ou seja, R$ 6.120,00, deduzidos os descontos de praxe(I.R. e 3% da CASSI). Como você paga pouco Imposto de Renda, se é que paga, seu valor líquido a receber não deverá baixar muito.

Anônimo disse...

Ola Wilson Luiz, tem razão esqueci do novo piso, que bom para a anônimao se tudo der certo, não é? Desculpe anônima fui pão dura com voce.
Elisabeth

Anônimo disse...

Pessoal, se alguem estiver com divida do Itau ou Bradesco,seja cheque especial,cartao de credito ou emprestimo,procure o seu gerente(pra quem tem c/c) ou o gerente de qualquer agencia(se for cartao) e informe o que esta acontecendo com os aposentados do bb e apresente a eles o nosso blog( do Marcos).Faça-os ler os nossos comentarios.Comigo deu certo,vou poder aguardar o credito(?) do superavit e por a minha cabeça no travesseiro e ter PAZ.Nao esperem cartinhas,telefonemas ou ate ameaças.
Muita Paz a todos.

Perminio disse...

Em seu comunicado de 21/01/2011, a PREVI informa da reunião extraordinária da Diretoria e do Conselho que aprovou a mudança indicada pelo MF. Os Srs. diretores eleitos tem a obrigação de informar qual a mudança(já aprovada), a não ser que o processo corra, vamos dizer,"em segredo de justiça"!!!!!!!!!!

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Caro Marcos,

Uma mensagem bem apropriada ao momento.
Esse pessoal da Previ acha que temos todo o tempo do mundo para
aturarmos tanta incompetência.
A falta de clareza, essa unilateralidade, gente, o que é isto?
Continuemos na luta pelo respeito aos nossos direitos.
Conte sempre comigo.
Boa tarde !!!
Jane.


O tempo e as jabuticabas

'Contei meus anos e descobri que terei menos tempo para viver
daqui para frente do que já vivi até agora. Sinto-me como aquela
menina que ganhou uma bacia de jabuticabas. As primeiras, ela
chupou displicente, mas percebendo que faltam poucas, rói o caroço.

Já não tenho tempo para lidar com mediocridades.
Não quero estar em reuniões onde desfilam egos inflados.
Não tolero gabolices. Inquieto-me com invejosos tentando destruir
quem eles admiram, cobiçando seus lugares, talentos e sorte.

Já não tenho tempo para projetos megalomaníacos.
Não participarei de conferências que estabelecem prazos fixos
para reverter a miséria do mundo. Não quero que me convidem
para eventos de um fim de semana com a proposta de abalar o milênio.

Já não tenho tempo para reuniões intermináveis para discutir
estatutos, normas, procedimentos e regimentos internos.
Já não tenho tempo para administrar melindres de pessoas,
que apesar da idade cronológica, são imaturos.

Não quero ver os ponteiros do relógio avançando em reuniões
de 'confrontação', onde 'tiramos fatos a limpo'.
Detesto fazer acareação de desafetos que brigaram pelo
majestoso cargo de secretário geral do coral.
Lembrei-me agora de Mário de Andrade que afirmou: 'as pessoas
não debatem conteúdos, apenas os rótulos'.
Meu tempo tornou-se escasso para debater rótulos, quero a
essência, minha alma tem pressa...
Sem muitas jabuticabas na bacia, quero viver ao lado de gente
humana, muito humana; que sabe rir de seus tropeços, não se encanta
com triunfos, não se considera eleita antes da hora, não
foge de sua mortalidade, defende a dignidade dos marginalizados,
e deseja tão somente andar ao lado do que é justo.

Caminhar perto de coisas e pessoas de verdade, desfrutar desse

amor absolutamente sem fraudes, nunca será perda de tempo.'

O essencial faz a vida valer a pena.


Rubem Alves

Anônimo disse...

Nelson , que tal mandarmos emails com uma foto de palhaço junto para ilustrar? Eu vou mandar o meu assim e será no dia 24!!! HEHEHE

Anônimo disse...

Wilson Luiz, pensionista recebe 60% do falecido pela PREVI! Sua conta esta certa mesmo ou vai subir o piso???

Anônimo disse...

Elisabeth, nós pensionistas teremos novo piso?

WASHINGTON LOPES disse...

Atenção pensionista das 16:39, que pediu auxílio para calcular seu benefício temporário.

Encaminhe uma solicitação diretamente no site da PREVI para saber o valor. Eu tive de tentar 3 vezes até conseguir resposta satisfatória.

O que li aqui, da parte de colegas tentando gentilmente ajudar, está incorreto. Eu imaginei a mesma coisa com relação ao meu benefício e só consegui o valor correto após contatos com a Caixa Preta PREVI.

Mas tem que insistir, por que até nisso estão fazendo "doce".

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Caros Colegas,

Para evitar maiores preocupações aos solícitos freqüentadores do Blog Previ Plano 1, relativamente à elaboração de cálculos e enquadramentos complexos, ou não, a AAPPREVI se dispõe atender aos questionamentos contemplando expectativas, e dirimindo dúvidas acerca dos benefícios regulamentares, cujo deslinde esteja ao seu alcance.
Para tanto colocamos à disposição o e-mail do nosso Vice Presidente Financeiro, Gilvan Rebouças, estudioso dos assuntos respeitantes aos aposentados e pensionistas dependentes da PREVI (gilvan@aapprevi.com.br), e que repassa gratuitamente seus conhecimentos a quantos o procurem.

Atenciosamente,

Marcos Cordeiro de Andrade
p/AAPPREVI

Henrique Soares disse...

Ao Sr José Luiz-teteu = Foi por demais gratificante ler o seu relato pelo "singelo texto". É tão legal ter parceiros. Agora, esse texto tem co autor. Você assinou embaixo. Muito obrigado!

Julio disse...

Prezado Marcos,

Provavelmente estamos vivendo um momento muito delicado na vida da PREVI e nossa. Os fatos recentes nos alerta para algo anormal; existe uma nebulosa em torno dos recentes acontecimentos; tem algo inexplicável em todos esses episódios - Amigo, a PREVI nunca agiu assim ao longo da história. Não dá para desconfiar que o tal superávit existe mesmo? Não seria o momento da gente forçar, por vias judiciais, uma auditoria independente e séria nas contas da PREVI? Cuidado! grandes desastres econômicos poderiam ter sido evitados.
Está muito certo listar os responsáveis para cobrança implacável, caso esteja havendo falcatrua na atual administração do nosso fundo de pensão.

Julio H. Honorato

Pensionista sem voz fora da AAPREVI disse...

Colega pensionista de 22/01/11 - 01:46

Me perdoe se em algum momento lhe ofendi com o meu comentário. A palavra "ralé", usada numa referência imaginária a nós pelos q mandam no BB e na Previ, foi uma maneira de destacar a forma como somos tratados por eles. Releia o comentário e entenderá q não era eu nos chamado de "ralé", mas eles nos chamando assim, até pq muitos já comentaram q é assim q nos chamam, inclusive dirigentes da Previ, conforme relatado pelo Dr. Medeiros, num encontro c/ um dos poderosos. De acordo com o Dr, Medeiros, um alto funcionário da Previ teria lhe perguntado pq ele perde tanto tempo com a "ralé". Isso causou indignação no Medeiros e em todos nós e muitos passaram a usar o termo como símbolo dos maus tratos q temos sofrido por parte da Previ.

Anônimo disse...

Muito obrigada Marcos, pela informação, assim não corremos o risco de dar informações erradas querendo somente ajudar.
Elisabeth

Anônimo disse...

O tal ajuste exigido pode ser perigoso às finanças futuras dos assistidos. Uma palavra modificada, incluída ou excluída e, ainda, uma simples vírgula, poderá ser fatal aos aposentados.
A Previ deveria, no mínimo, informar a todos os assistidos o querem que seja alterado no texto. Isso é uma obrigação da diretoria e dos negociadores, já que o superávit não lhes pertence exclusivamente.

Elias disse...

Dona ISA, Presidenta da FAABB:

A senhora escreveu "a FAABB cuidou de somente assinar o Memorando de Entendimentos com a condição de que nele não houvesse nenhuma alusão à Resolução 26 que concede ao Patrocinador o direito à metade do saldo da conta Reserva Para Revisão do Plano. Outra atitude não seria aceitável, de vez que a própria FAABB tem ação judicial contestando a Resolução."
PERGUNTO:
1) Qual a implicação prática disso se, mesmo assim, o banco "se apropria de 62,5%"? (12,5% saem de nosso 50% e vão para o pessoal da Ativa.
2) Sua assinatura no tal "documento" não é uma forma de implícita de aceitação, na qual o banco está se apoiando?
3) No "plebiscito" NÃO foi perguntado se aceitávamos que o banco se tornasse um "aposentado". Logo os Aposentados e Pensionistas também não deram ao banco os 50%. Então tudo não passou de uma farsa?

Anônimo disse...

ELISABETH e WILSON, só agora pude ler as respostas. Nem sei como agradecer pela disponibilização de vocês.
Obrigada mesmo, e Deus os abençoe.

Marcos, obrigada por disponibilizar ajuda nesse sentido, também. E ao Gilvan que também se prontificou. Realmente, aqui obtemos ajuda, mesmo.

Anônimo disse...

WILSON, relendo sua resposta, o valor que você usou para fazer o cálculo,
ou seja, R$ 1.968,00, não seria o que eu dei, R$ 868,89, referente a P300?
É a última dúvida, prometo.

Marcos, não enviei o e-mail que vc indicou porque é só para fechar a resposta de Wilson, tá?

Anônimo disse...

De um lado a FAABB e Isa Musa dizem que assinaram o "fajuto acordo"por que ali nada consta de dar 50% ao patrocionador BB.

De outro lado o Ministro diz que o "fajuto acordo" foi acertado em sua sala, porém não assinou-o !

Depressa, a Diretoria esperta da PREVI "juntou" os benefícios temporários de Proporcionalidade e de Remuneração ao VP300, já em Dezembro/2010, antes dos orgãos governamentais aprovarem o "fajuto acordo".

A Papelada chega e "some" no Ministério da Fazenda, comandado pelo pai da moça enrustida num "fajuto dossiê" gestado dentro da Diretoria da Previ. O Pai Mantega sai em férias e seus Diretores devolvem a papelada, pedindo alteração do artigo_"x"____
no regulamento da Previ.

Por "engano" dizem que o Patrocinador Banco do Brasil S/A é uma empresa pública (igual aos Correios!)

E vem mais coisas...Pois tem muito cosita errada neste processo...

(Um querendo enganar o outro, baseado numa Resolução 26, que tenta modificar uma Lei Complementar, a 109..)

(..è o samba do criolo doido, cantado por gente incompetente, que faz-de-conta que gerencia e governa o maior fundo de pensão da América Latina...)
E os espertos estão na Organização Bi-centenária, preparando mais um"fajuto balanço bancário" sob as vistas do Morgan, CVM, experts do Itaú e demais bancos europeus...

e nós ? ora bolas! somos apenas os velhinhos e pensionistas "donos desta josta". vão mimi...vamos !

Anônimo disse...

+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++========ATENÇÃO================================================================================================
A situação é a seguinte: O BB não vem sendo bem administrado a um bom tempo e por isso só consegue dar lucro se apropriando do dinheiro da Previ. Seus executivos são nomeados sem que seja avaliada a competência.+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++
Toda essa incompetência é transferidada para a Previ. Por isso nada funciona a contento, desde o 0800 até a presidência+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++
Só resta aos beneficiários se unirem em torno de uma associação que não se venda aos interesses do patrocinador/governo++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++
A outra alternativa é pagar para ver e deixar como está+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Roberto Varella disse...

EMPRESA PÚBLICA ?

O BB é sim uma empresa pública assim como os Correios e a Caixa Economica Federal, cfe. determina do Direito Administrativo. Seus funcionários são "empregados públicos" O que difere BB e Petrobras da CEF e Correios é a forma da composição do capital.
Isto é apenas um detalhe, ser empresa pública acarreta mais desvantagens do que privilégios.

Roberto Varella

Flavio Castro disse...

"MEDEIROS disse...

Respondendo um comentário, acho que propus medidas fulminantes, como o panelaço e nariz de palhaço no dia 24. Acho que a ameaça de panelaço foi a grande responsável pelo destravamento do processo no Ministério da Fazenda na terça. Só desisti dele na quarta à tarde depois que minha fonte me informou que existia condições de sair o crédito rapidamente agora que esse assunto havia sido solucionado."
========================

É, então tá, né....

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Prezado Sr Marcos,
Semelhante à resposta que enviei à AAPPREVI sobre seu questionamento, eis a nota que a FAABB enviou às filiadas.
Atenciosamente,
Isa Musa
Às Associações de Aposentados e Pensionistas do Banco do Brasil







Sr Presidente,







A PREVI divulgou nota esclarecendo que o acordo de utilização do superávit quando submetido ao Ministério da Fazenda recebeu reparos no que tange a artigos alterados do Regulamento do Plano de Benefícios nº 1. Como se sabe, a PREVI só pode pagar benefícios previstos em Regulamento, de sorte que os benefícios oriundos do acordo somente poderão ser implementados mediante sua inclusão no Regulamento do Plano.



Participando da mesa de negociações, a FAABB cuidou de somente assinar o Memorando de Entendimentos com a condição de que nele não houvesse nenhuma alusão à Resolução 26 que concede ao Patrocinador o direito à metade do saldo da conta Reserva Para Revisão do Plano. Outra atitude não seria aceitável, de vez que a própria FAABB tem ação judicial contestando a Resolução.



Os termos do Memorando de Entendimento foram encaminhados à presidência da Previ e o Conselho Deliberativo, com base no que foi acordado, elaborou as alterações no Regulamento do Plano de Benefícios nº 1 necessárias e suficientes para que os benefícios adicionais fossem pagos.



A partir da entrega do memorando à Diretoria da Previ cessou a participação da FAABB e dos demais membros da mesa de negociação. A FAABB não participou da redação das alterações de Regulamento, prerrogativa do Deliberativo e agora, com a mensagem da Previ dizendo que o Ministério da Fazenda exigiu alteração de algum artigo do que foi introduzido, estamos cobrando da Previ o esclarecimento da natureza e justificativa de tal alteração.



A FAABB tem conhecimento da enorme expectativa que o tema despertou no universo de aposentados e pensionistas, compreendemos a ansiedade, mas reiteramos que devemos nos manter atentos às notas oficiais divulgadas pela PREVI de modo a evitar fechar compromissos já contando com o crédito. Não obstante, a despeito de o texto do Regulamento ter necessidade legal de novamente ser submetido ao Ministério do Planejamento e ao DEST antes de ser enviado à Previc, acreditamos que o processo agora corra mais célere e para tanto estaremos pressionando as diretorias da Previ e do Banco.



Atenciosamente,



Isa Musa de Noronha

Presidente

wilson luiz disse...

Caros anônimos 22 janeiro, 08:38 e 10:54 hs.
Pelo que eu entendi dos esclarecimentos da PREVI, antes da votação, ninguém, seja aposentado ou pensionista, receberá menos que o piso de 70% da Parcela PREVI, ou R$ 1.377,00. No site da PREVI, em perguntas e respostas referentes às dúvidas do acordo, está escrito o seguinte:
-pergunta 25
como será feito o pagamento do benefício mínimo temporário?
-resposta
aposentados e PENSIONISTAS receberão de imediato.
Todavia, como se trata da incompetente PREVI, não dá para cravar 100% de certeza. O nosso caro Gilvan poderia nos dizer o que acha a AAPPREVI?

Anônimo disse...

WASHINGTON LOPES, eu não tinha visto a sua resposta com relação a minha pergunta sobre o cálculo do que vou receber.
Quero agradecê-lo também. Obrigada.

Heraldo Nóbrega disse...

Mensagem enviada a PREVI. Acho que deveriamos encher a caixa de mensagens (ou encher o saco) da PREVI solicitando informações:
=================================
Gerência de Atendimento
PREVI

Data: 21/1/2011
Tipo: Solicitação

Mensagem: Peço que a PREVI informe qual foi o ajuste solicitado pelo Ministério da Fazenda nos termos do regulamento da distribuição do superavit e utilização do benefício especial temporario. Se o beneficio temporario já foi incorporado desde dezembro/2010, por que não distribuir o superavit? Exijo resposta como participante dessa caixa de previdencia que tem deixados nós aposentados sem clareza e transparencia em suas ações.

Heraldo Nóbrega

Anônimo disse...

Washingtom Lopes, das 09:42 hs., não vá gastar por conta dos cálculos da PREVI. Tambem pedi que calculassem para mim. como achei o valor acima do que esperava, dias depois liguei novamente, outro atendente fez novo cálculo e apresentou um valor 30% menor!!!!!!! A incompetência, por lá vai da diretoria aos atendentes.

JVASCONCELLOS disse...

AOS COLEGAS QUE TRABALHARAM NA GRAFICA S.CRISTOVÃO E ANDARAI-RJ

FALECEU HOJE,O COLEGA JOSE AUGUSTO PEREIRA DE MELLO,
QUE DEUS O TENHA

JVASCONCELLOS

Anônimo disse...

Para conferir:
O regulamento da PREVI que incorporou os 20 % (superavit 2006) foi aprovado conforme ofício 4170/CGAT/DITEC/PREVIC, de 30.11.2010. Portaria 938 de 03.12.2010 - DOU nr. 233 de 07.12.2010.
Compare o item I do parágrafo 3. do art. 28 do regulamento anterior (de 75 % para 90 %), conforme divulgado pela PREVI em notícia de 29.12.2010 ou seja, 22 dias após a publicação no DOU.
Se o memorando de entendimentos foi assinado em 24.11.2010, provavelmente a alteração do regulamento (novo) já havia sido submetida pela PREVI aos orgãos reguladores (foi aprovado em 30.11.2010, ou seja 6 dias após o memorando de entendimentos.
Se a PREVI já havia submetido a proposta de novo regulamento aos orgãos responsáveis porque razão a questão foi incluída no memorando de entendimentos ?
E os nossos representantes e negociadores não sabiam ?

Não consigo entender ? Acho estranho demais ? Posso estar errado ?

Para pensar.

Anônimo disse...

O bb não empresa pública e sim sociedade de economia mista, organizado sob a tipologia jurídica das sociedades anonimas. Tem finalidade de lucro e compete no mercado com os demais, o que lhe confere características de empresa privada, sendo, por isso, mesmo a elas equiparadas para todos os fins, inclusive previdenciarios e trabalhistas.

Seus funcionários, ainda que admitidos através de concurso público, não são contemplados com o instituto da Estabilidade, que é exclusiva dos Servidores Públicos, que são regidos por Estatuto, enquando os do BB são Celetistas, sem este direito, embora muitos, erroneamente, pensem o contrário.

Anônimo disse...

Me lembro bem que antes do plebiscito a Previc foi consultada e deu o OK.....
So para pensar tamebm......
Sandra

Anônimo disse...

Não interessa se o BB é empresa pública ou de economia mista. O acordo tem que ser submetido aos órgãos competentes.
Vocês ficam perdendo tempo discutindo detalhes que não contribuem para nada.
As lamentações e a situação financeira que os colegas colocam no Blog não vão sensibilizar ninguém da PREVI,MF OU PREVIC.
É por isso que alguém da PREVI, disse que só tem que rir.

Anônimo disse...

GENTE ESSA FOI DEMAIS........

EI PAULO ASSUNÇÃO METE A CARA NA PRIVADA E DE DESCARGA.........

BANDO DE ENROLADORES, ANARFABETOS.....TENHO NOJO E ÓDIO EM PENSAR NO NOME DE VCS.....

NÃO NEM REDIGIR E APROVAR UMA FRAUDE QUE SE PRESTE.......

MOBRAL........

GENTE É HORA DE CONSTRUIRMOS UMA CHAPA PARA QUE NA PROXIMA ELEIÇÃO COLOQUEMOS TODA ESSA RAÇA IMUNDA PARA FORA DA NOSSA PREVI.........

ELES VÃO FALIR NOSSO PLANO DE PREVIDÊNCIA.........

QUE INFERNO É ESSE QUE ESTAMOS PASSANDO DEPOIS DE DÉCADAS VIVIDAS DENTRO DO BANCO.

Roberto Varella disse...

EMPRESA PUBLICA II
Tem razão o anonimo da 0:55 sobre a natureza do BB como empresa de economia mista, no entanto, teimo em minha tese de que é na prática uma empresa pública. O que se opoe a empresa pública é a empresa privada, não importando a natureza de seu capital social. Se é aberto ou fechado (S/A ou Ltda) será sempre uma empresa privada, da mesma forma as estatais de capital exclusivo da União ou misto, será sempre pública, sujeita a Lei 8.666(licitações) e a ingerencia governamental.
Sei que isto não tem muita relevancia é só pra ir matando o tempo enquanto nosso esperado superavit não chega.

Anônimo disse...

AÇÃO RENDA CERTA

Amigos blogueiros eu fiz um cadastro no TJRJ PUSH e inseri aproximadamengte 80 processos que os assistidos solicitam o benefício renda certa que foi distribuido de uma forma ilegal, aberrante, segregacionistas e preconceituosa....

Todo dia recebo os andamentos atualizados dos processos.

INFORMO A TODOS QUE ESTÁ BOMBANDO TUDO NO E-MAIL A PROCEDÊNCIA DOS PEDIDOS DOS AUTORES.

Todo dia aparece uma ou duas sentenças favoráveis aos assistidos...


Os que tomaram essa infeliz decisão de ratear o benefício de forma ilegal terão seus patrimonios bloqueados e penhorados para ressarcir a previ desse enorme prejuizo financeiro.

Há aproximadamente uns 3000 ou mais aposentados e pensionistas requerendo o benefício e tenho certeza que a previ terá que se desfazer de parte do patrimonio para cobrir esse bilionário passivo que está aí crescendo de forma incontrolável ao vivo e a cores sem que nenhum desses péssimos dirigentes tomem providencias alguma...........

EU NÃO ABRO MÃO DO MEU PROCESSO NEM AMARRADO......


ALBERTO - BRASÍLIA(DF)

PENSIONISTAS 80% JÁ. UMA QUESTÃO DE RESPEITO, MORAL HUMANIDADE E JUSTIÇA

Anônimo disse...

Pensionista terá direito a Renda Certa, Alberto?
Com 60% não fazemos nada mesmo, teriamos que receber os 80%!!!
Parabéns pela sua colocação!!!
Julita

Anônimo disse...

Sr.Marcos
Que decepção!
Colocando este blog aberto a todos para que debatam o assunto Previ e dêm suas opiniões deveria ser mais democrático. A reprovação de um comentário deveria ocorrer quando o conteúdo fosse ofenssivo ou abusivo.Mas o Sr. só quer comentários que o elogie e concorde com tudo o que fala.Pensei que fosse um debate democrático onde até os erros pudessem ser analisados para quem sabe encontrar um caminho melhor.Pois repito que não está sendo coerente quem foi tão contra o acordo agora até esqueceu disso e está desesperado pelo crédito.Se na votação tivesse vencido o "não" agora não teria nem espectativa de crédito.Coerente seria ter mantido a postura contra o acordo e nem ligar para o tal crédito. Quem sabe não estão adiando esse crédito para mostrar que têm mais poder? Só Deus sabe.

Lena. disse...

Alo HENRIQUE pode publicar.Abraços.Lena Rio.

Henrique Soares disse...

Oi LENA, muito obrigado. Abração!

Anônimo disse...

Alô Alberto, de Brasilia (DF)

Também não perdoô a Diretoria da Previ, pela má-distribuição do "Renda Certa".
Nosso processo (7 aposentados)é da Unamibb e temos uns 7 anos a receber, além dos 30 anos pagos à PREVI, embora na inatividade (beneficiários por aposentadoria).

Gostei de ler que tais diretores responderão com seus patrimônios pelo prejuízo causado a nós...

Justiça Será Feita !