sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

O Momento

Caros Colegas.

Nos momentos aflitivos mais se valoriza o espírito de união. Quando indivíduos enfrentam situações de risco coletivo, voluntariamente comparecem para prestar auxílio ou beneficiar-se da ajuda. Isto vale para todo tipo de situação onde a sobrevivência ou mesmo o bem estar estejam ameaçados. Nesses momentos a convergência leva e traz conforto, lenitivos e soluções.

Nós, aposentados e pensionistas do PB1, vivenciamos um momento assim. Estamos sofrendo prejuízos materiais que levam a males de efeitos destruidores no corpo e na mente. A diminuição do poder aquisitivo e corrosão do patrimônio formado como elemento garantidor da velhice funcionam como uma fábrica de insegurança e de doenças, abalando a fé e a auto-estima desestruturando a família.

Para enfrentar a fragilidade do nosso particular sistema previdenciário, onde efeitos externos solapam nossos direitos, estamos reavaliando os conceitos egoístas de autogestão e descobrindo que somente com união podemos estancar a sangria instituída no patrimônio da PREVI, que garante o sustento presente e futuro, pagos antecipadamente com trabalho e dinheiro.

Todavia, a união ora exercitada ainda é acanhada. Estamos nos unindo em pequenos grupos como compartimentos estanques. Embora com um fim comum, as células formadas funcionam como agremiações isoladas em torno de um único elemento – a informação. E a busca desse bem é arquitetada pelo grupo como se somente a ele fosse destinada, e sua consecução trouxesse vitórias corporativas.

Ao descobrirmos o poder da informação, criamos veículos próprios para sua disseminação, mas, o que deveria servir como beneficio para toda uma classe, limitou-se aos pequenos sítios de freqüência seletiva, denominados Blogs. Com a amplitude de alcance e agilidade proporcionada pela internet, o sistema representado pelos Blogs revolucionou a técnica informativa. Mas o seu uso está sendo deturpado no nosso meio. Os freqüentadores instituíram uma base comportamental própria das agremiações esportivas onde grupos disputam troféus entre si, com a marca de ganhador ou derrotado.

Erroneamente há disputa de primazias entre os Blogs, muitas vezes incentivadas pelos seus idealizadores e mantenedores. Nas informações postadas e buscadas, criou-se o conceito do tudo meu, do eu sei tudo, do sou melhor e os outros são inferiores, e por aí vai. A rivalidade conseqüente alcançou tal nível negativo que os freqüentadores evitam citar os nomes dos “adversários”, como para afastar o mau olhado. É comum o registro de frases como: o outro Blog: o Blog da bruxa; o Blog do mago, etc., com conotação pejorativa como acontece entre torcidas rivais de times de futebol. Por conta disso, comentaristas normalmente evitam freqüentar o terreno inimigo para não ser alvo de hostilidades, e assim todos saem perdendo.

A partir do momento em que os formadores de opinião e moderadores dos Blogs modificarem essa postura, passando a conviver como parte de um todo necessário à propagação da informação, com certeza todos sairemos lucrando. O sentimento de união será enaltecido e a busca pelo ideal se tornará menos desgastante. O conhecimento é patrimônio universal e a informação é o instrumento que leva a ele. Se prevalecer o bom senso, a troca de conhecimentos ganhará corpo. E os Blogs funcionarão como pedras de um só jogo manuseadas por todos na busca do ganho coletivo. Pois nossos inimigos são outros.

Cada Blog, a partir da sua criação e de sua aceitação, não precisa necessariamente ter público próprio. Pois desde que se proponha a ajudar determinada parcela da sociedade, ele pertence a todo esse segmento e em função dele deve pautar seu comportamento. Entre os Blogs não há inimigos. Assim como não existem mais sabidos ou menos burros. Mais donos ou menos donos. Neles todos se igualam e esse nivelamento é necessário e salutar.

Convivamos em harmonia, portanto: Cecília, Juarez, Marcos, Medeiros, Motta, Romildo. Vamos todos dar as mãos para melhor defender o que é nosso de fato, e que corre sérios riscos – o patrimônio do PB1.

Marcos Cordeiro de Andrade – Curitiba (PR) – 14/01/2011.

100 comentários:

Anônimo disse...

Mais uma vez parabens. Além de nos confortar neste momento difícil agora tem a humildade e o bom senso de pedir a união de todos comprovando mais uma vez que o seu interesse é o interesse de todos.Que todos que estão sendo convocados atendam seu apelo. Vamos todos dar as mãos agora e sempre.

Jose Luiz-teteu disse...

Colega Marcos,

Concordo plenamente com voce. Estamos criando uma classe de aposentados "aloprados". Somos conhecidos pela ferocidade com que atacamos a PREVI e o BB, bem como nossos proprios colegas que tem opiniao contraria a nossa. Por que isso ? Nao temos todos a mesma origem ? (O banco do brasil ?).
Das duas uma: ou temos entre nos muitos que quando estao na Internet ganham coragem pra extravasar sentimentos; ou a coisa ta preta mesmo e a PREVI/BB nao tao sabendo lidar com os aposentados.

Anônimo disse...

Marcos, mais uma vez, você foi brilhante em sua exposição.
Outro dia mesmo, no blog do Medeiros eu deixei mensagem criticando aqueles que somente criticam, só pela critica, sem intenção nenhuma de agregar e sim apenas criticar e conclamei o público ( dos blogs )à UNIÃO, pois no momento o que mais precisamos é unirmos e brigar, unidos, com nosso inimigo comum, no caso atual (superávit, res.26 ) é BB,PREVI e Governo.
Portanto unamo-nos e parem de criticar quem de alguma forma defende nossa classe.
Se formos em frente à sede da PREVI, ou onde quer que seja, teremos que nos unir, fazer volume, pois como já falaram aqui " uma andorinha não faz verão " " a união faz a força " e vai por ai....
E vamos a luta!
Abraço a todos.
Cláudio - Piracicaba -SP

Anônimo disse...

Num cenário ideal eu concordaria com suas palavras em cem por cento. Entretanto, dentre as pessoas que você citou existem representantes de interesses diametralmente opostos ao de aposentados sem privilégios dos quais faço parte. Seu problema Marcos é possuir um coração bom. Julgar os outros por você. Não ser venal e tomar para si o sofrimento dos colegas aposentados desamparados. Com certeza nem todos os outros são assim ...

Edvaldo disse...

Edvaldo Guedes diz...

Tá certo, cautela e caldo de galinha não faz mal a ninguém, porém tem aposentado com a corda no pescoço
além do mais eu por exemplo não fiz nenhum débito pensando neste PB1, mesmo porque não sei de quanto será o crédito, alguém sabe para me contar?

Rubem Tiné disse...

Apoiado! a hora é de união, de somar forças, de procurar convergências de nada adianta ficar brigando, afinal estamos no mesmo barco, e temos que lutar unidos para que ele não afunde, temos que lembrar que o mais importante é garantir todo mês os nosso benefícios, depois, lutar para melhorar-los, só com a participação de todos seremos forte, contra um inimigo de peso: O capitalismo selvagem, que vem governando o banco, desde o final da gestão de Sarney. Parabéns pelo post: Equilibrado e sensato. Que todos hajam assim.

Jane Torres de Melo disse...

Caro Marcos, Prezados Colegas e Queridas Pensionistas,

Precisamos estar juntos, resgatar nosso espaço que foi usurpado por essa meia dúzia de "representantes".
União no pensamento, atos e ações !!!
Deixemos de picuinhas !!!
Cada um tem o seu valor !
Precisamos de Unidade mas sempre respeitando as diversidades.

Abraços,
Jane

Anônimo disse...

Ah nao, vamos parar com a tal historia que alegam que souberam que vai haver um adiantamento do credito do superavit por fonte extraoficial, contato com o fulano, mensagem do colega de Brasilia, acho que ja deu de especulaçao, tao desde o Natal com estas historinhas para BOI DORMIR, se querem realmente dizer algo que colabore de verdade conosco, citem as fontes detalhadamente e esclareçam do que se trata, porque o momento é critico para muitos e ficou assim por conta destas promessas e previsoes que ia sair, iam creditar, dia tal e dia tal, e agora vai ser tal dia.....!!!
E o pessoal entrou na onda deste falso otimismo que a Previ e os diretores do Banco garantiram o pagamento em Janeiro, bem, resumindo,
tao procurando a CAIXA PRETA (processo), se alguem souber, ai sim eu agradeço a informaçao.

Osvaldo Souza

paraguassú disse...

já esá disponível no site da previ a consulta ao nosso espelho. nenhuma novidade. são muito sacanas, cretinos, sem palavra, vendidos e etc, etc, etc.....

Anônimo disse...

É, A SITUAÇAO É MUITO PIOR QUE EU IMAGINAVA, SE ATE O COLEGA MEDEIROS NO SEU ULTIMO COMENTARIO JA AFIRMA QUE TAMBÉM QUER PARTICICIPAR DO PANELAÇO, É PORQUE A PEDREIRA É MAIS DURA DE QUEBRAR DO QUE SE PENSA, MARRETA NAO VAI NEM ARRANHAR, NEM BRITADEIRA, SO UMA BROCA DE DIAMANTE PARA PERFURAR.
PREPAREM A BOMBA NUCLEAR, PORQUE FOGUETINHOS NAO VAI ADIANTAR, NAO VIRA CREDITO TAO CEDO E NEM MESA DE NEGOCIACAO, LAMENTO ESTAR DIZENDO ISTO, MAS ESTA CAINDO A FICHA...
MEDEIROS QUERENDO PARTICIPAR DO TAL PANELAÇO, É MINHA GENTE, VOU MORRER E NAO VOU VER TUDO MESMO...

lUIS GUSTAVO MELLO

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

O CONRACHEQUE de janeiro está disponível no site Previ.

SEM NADA do superavit.

Para quem tem registradas as verbas P300 – Previ Benefício e P400 - INSS benefício, houve alterações correspondentes ao índice de reajuste do INSS:

O benefício PREVI foi reduzido e o Benefício INSS elevado, nas mesmas proporções.

João Rossi Neto disse...

Caros Colegas,

O jornal o Estado de São Paulo divulga que esta sendo criada uma empresa para administrar sondas de perfuração, de poços do pré-sal e poderá ter a participação de Fundos de Pensão, Petros, Previ, Funcef e Valia.
Avaliada, com rigor, a questão da rentabilidade e risco, este sim, é o tipo de empreendimento que a meu ver, compensa a Previ injetar seus recursos, porque tem altas perspectivas de êxito e que dificilmente pode dar resultado desfavorável.

Anônimo disse...

Genteeeeeeeeeeeee, pelo amor de Deus! Vi meu contra cheque. Menos ainda que o mes passado! Para as pensionistas não subirá para 80%foi essa informação que recebi da PREVI!

Anônimo disse...

QUE BELEZA, ACABEI DE OUVIR DAQUI DO ESCRITORIO O FOGUETORIO DE UMA FINANCEIRA COMEMORANDO. OS VELHINHOS QUE NAO TEM MAIS LIMITE DE ES, NEM CDC NO BANCO, NAO É ASSOCIADO AINDA DA COOPERFORTE, VAI FAZER O QUE COM AS DIVIDAS, CARTAO E CHEQUES PRE-DATADOS?
VAI PAGAR JUROS DE DEZ, ONZE POR CENTO, QUE MARAVILHA, PEGA R$3000,00 E PAGA QUASE R$6000,00 em 17, 18, 20 MESES,
VIVA A GESTAO DA PREVI!!
PARABENS A EQUIPE DO SASSERON, DO FLORES E CIA.
NUNCA ESQUECEREMOS OS VOSSOS NOMES, NEM A AGILIDADE DE VOCES, MUITO MENOS O BRILHANTE ACORDO DO SUPERAVIT QUE FIZERAM.
E VIVA TAMBEM O VOTO SIM !!

QUE BOM, QUE TRANQULIDADE,DIZEM QUE SAI AGORA O CREDITO NO CARNAVAL, ENTAO PREVI, FAÇA O FAVOR DE DEPOSITAR O MEU CREDITO EM CIMA DA MINHA LAPIDE, PORQUE COM TODA A CERTEZA ATE ESTA DATA JA MORRI INFARTADO E DE TRISTEZA.

NEI FAGUNDES

Blog do vovô disse...

Buenas colegas. Acho esta poesia um primor.



E EU ACREDITEI

Aecio Kauffmann

Amigo, sou qüera pronto
xiru, dos recomendados,
mas, virge...! que ando, já tonto
cabreiro e sacaneado.

Aporreado...A La fresca!.
Já tô é meio manguço,
qual pingo que não se afresca
se o índio, em cima é pinguço.

Mas vou tenteando a indiada
nos bretes da pensação-
que uns já não crêem em nada,
já estão em desolação.

É o aluguel do potreiro,
os trocos p’ra faculdade.
bolicho, mais o padeiro
sem sombras p’ra amenidades.

E amenidades, lês digo,
são coisas que ainda, enfim,
ficam por fora do umbigo:
o lenço, o laço e os carpins.

Aqui o vivente marca,
na gola, a pilcha-saídeira,
que é traste que está na narca
e só sai nas domingueiras.

Que é quando tem batizado,
casório e/ou comunhão;
um cola atada, animado
e, as veis, encomendação.

Falei da pilcha e, agora
me vou direito a farmácia.
Aqui a erva vai embora
p’ra quem não tem Anastácia.

Que benze, sangra e receita
e faz até simpatia
p’ra dor de dente ou maleita
e cura melancolia.

Só não cura sangue morno
nem faz com que brote grana
nos bolsos, nem com suborno,
cá do milico sacana.

Que acreditou...não devia
na “fala mansa” de oragos;
confiando em cidadania
levou um chute nos pagos!

E, aqui, eu creio, se encaixa
ditado da Tia Nora
“quem muito, filho, se abaixa
fica co’os glúteos de fora”

E, hoje, temos raladus,
vivendo às ordens do Rei...
estamos quase pelados
enquanto os Alves e grei.
estufam as suas guaiacas
por graça das loteria,
enquanto, nós os panacas,
marcamos bobeira e fria.

É um salve-se quem puder
“um tiroteio de morte”
no mínimo temos clister
e isto p’ra quem não tem sorte.

Enquanto isto a cambada
vai se ajeitando, rapaz,
e vão, de mão, na parada
se defendendo, no mais.

E a turma é barra pesada
e não dá chance a ninguém...
A coca pega a mesada...
Maconha é troco...é vintém.

Enquanto nós cá vivemos
na esperança de um dia
repor o que já perdemos
(nem falo de isonomia).

Vivemos destas notícias
que espalham celebremente,
aqui e ali, nas mílicias,
gozando, eu creio, co’a gente.

Um gajo dizia...o fato
sai hoje, até nos jornais
são cinco – p’ra dar impacto-
de aumento cá p’ros baguais.

E, boca a boca, se espalha
a tal boa nova e então
é fogo, é fogo de palha...
mas ninguém o contesta não.

Uns já dizem, em segredo,
-foi medida provisória-
Outros, mais baixinho e á medo
levam fé na tal história.

Inda outros, em cochichos
já discutem porcentagens
cinco é pouco! É nada! É micho!
mais de trinta é que vantagem.

E quem antes afirmava
escorado por “falares”
já agora argumentava
dando ao fato veros ares.

Mil histórias, minha gente,
espoucaram desde então,
mas de aumento, minha gente,
ninguém sabe, nem viu não.

O pior é que, por conta,
“decolaram voadores”
p’robras de pequena monta
e alguns cheques p’ra doutores.

Não saiu...Tem gente em alas;
co’a cabeça posta a prêmio...
vão chamar o qüera às falas,
vão cortar-lhe o oxigênio.

O salseiro vai ser grosso
p’ro xiru que bancou fria.
Já que gajo deu endosso
e afirmou que o galo mia.

Vai pular que nem cabrito
p’ra explicar-se é que pode-
que, no rito, o bom de grito
é o mais velho, é o mestre é o bode.

Anônimo disse...

Lamentando imensamente o que esta acontecendo nas Serras Maravilhosas do Rio de Janeiro,Petropolis,Teresopolis e Friburgo,pelo povo,pobres e ricos que la vivem(viviam?),pergunto:Algum da corja da cupula(ladroes) da Previ,BB,Anabb,Faabb,Previc morava la ou tinha casa de veraneio?Tomara que estejam todos enterrados.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

From:
To:
Sent: Friday, January 14, 2011 12:18 PM
Subject: Sua mensagem foi recebida com sucesso.


Senhor(a) JOAO ROSSI NETO

A PREVI confirma o recebimento da mensagem abaixo.
Aguarde nosso retorno em breve.

Gerência de Atendimento
PREVI

Data: 14/1/2011
Tipo: Reclamação

Mensagem: Um boing das empresas BB/PREVI , de prefixo Superávits
26/2008, deu pane e fez um pouso forçado em terreno pantanoso.
Procura-se a Caixa Preta ( Processo ) para ser analisada por técnicos
da super Secretaria Executiva da Fazenda.
A empresa responsável PREVI nega-se a manifestar-se sobre o caso,
enquanto isso uma população de 120.000 pessoas aguarda ansiosa pelo desfecho
do assunto.
Pelo mistério guardado a sete chaves, o boing superávit, divido em duas
partes, a esta altura, foi totalmente para o brejo.


Matrícula: 4986560
Nome: JOAO ROSSI NETO
E-mail: jrossineto1@uol.com.br

Anônimo disse...

Ai, ai, por conta de alguns OTIMISTAS DE PLANTAO, eu confesso que ainda aguardava com fé o credito, nao me levem a mal, mas estou trocando para o bloco dos URUBUS.

Rui

Flavio Castro disse...

Gente, essa mensagem que está no site da PREVI, e que somos é obrigados a "engolir" sempre que, ávida e desesperadamente buscamos qualquer indício de notícia esperançosa, cada vez mais parece um imenso deboche, um tapa da cara:
------------------------
"Aposentados são homenageados no dia 24"
------------------------
Ainda mais depois dessa Folha "sequinha" do dia 20/01.

Anônimo disse...

EXTRA, EXTRA, EXTRA
PROCURA-SE A CAIXA PRETA, DO VOO DA AIR PREVI, COM DESTINO AO SUPERAVIT, ESCALAS EM JURERE INTERNACIONAL, DEST, FAZENDINHA E PREVIC.

DIZEM QUE DURANTE O VOO O PILOTO SUMIU, POIS DESEMBARCOU NUMA DESTAS ESCALAS.

MAIS UM DESTAQUE, EXTRA, EXTRA

PREVI FAZ INVESTIMENTO E COMPRA RESORT DE NUDISMO, JA QUE AGORA A MAIORIA DE SEUS ASSOCIADOS VAI FICAR PELADA, RESOLVERAM ANTECIPAR ESTE INVESTIMENTO JA EM JANEIRO,TUDO PELO BEM ESTAR DE SEUS PARTICIPANTES.

E AGORA A ULYIMA NOTICIA:

O GESTOR MAXIMO DA PREVI, CITO A PESSOA DO SR.FLORES, VAI ENVIAR FLORES PARA OS PROVAVEIS ENTERROS DE ALGUNS PARTICIPANTES. É A POLITICA DA PREVI, SEMPRE CUIDANDO DOS SEUS...

VAMOR RIR PESSOAL, PORQUE ATE EU JA ENCHI UM BALDE POR AQUI.

DILSON A.

João Rossi Neto disse...

Caros Colegas,

Duas coisas sumiram, concomitantmente, uma foi o processo dos superávits e outra que, por respeito, não podemos classificar de coisa, e sim de ótimo ser humano, foi o Medeiros.
Será que eles estão juntos? Quem tem boca vai a Roma. O Medeiros poderia dar notícias, porque preocupa a sua saída intempestiva do cenário, sem deixar vestígios.

Flavio Castro disse...

Gente amiga. Eu batalhei, na época da criação da ANABB, para conseguir sócios.
Vocês que, como dizem os gaúchos, sabem distinguir o rengo sentado e o cego dormindo, por favor, me digam, o que uma entidade chamada Assoc.dos Funcionários do Banco do Brasil faz, que não se manifesta numa hora dessas.
Nem uma notinha!
E quando dizem algo, o máximo que fazem e repetir notas do site da PREVI.
O que é a ANABB, pelo amor de DEUS???!!!!

Anônimo disse...

A ANABB está muito preocupada com a nossa situação.Sobre o Superavit ela não dá uma palavra e coloca no site "DIREITO DO CONSUMIDOR - CONHEÇA SEUS DIREITOS NA TROCA DE MERCADORIAS' A previdência complementar também é regida pelo CDC.Que tal fazer uma materia com o título DIREITO DO CONSUMIDOR-CONHEÇA SEUS DIREITOS DE PARTICIPANTE DE FUNDO DE PENSÃO

Anônimo disse...

Calma Gente!


O dinhero vai sair dia 20 sim, pelo menos um adiantamento! Qto a não constar na Fopag de janeiro, isos nao impede que a Previ faço o crédito extra folha, certo?

Aguardem!

Anônimo disse...

Vale a pena acreditar no site da Previ?
Decida vc mesmo:

A PREVI está acompanhando dia a dia o trâmite de aprovação da proposta de alteração do Regulamento do Plano 1 que trata da utilização do superávit. O material ainda encontra-se no Ministério da Fazenda e, depois de aprovado, será encaminhado à Superintendência Nacional de Previdência Complementar – Previc.

A PREVI só poderá implementar as mudanças depois de aprovadas pela Previc.

Anônimo disse...

Vou colocar nariz de palhaço dia 24/01, orelhas de burro e sapatos em formato de pés de anta!

Anônimo disse...

Ao anonimo das 07:32

Que afirma que a Previ ainda vai fazer um adiantamento, rodoa folha extra.

É VERDADE, ACABEI DE CONFIRMAR, FIZ UM CONTATO COM A MINHA FONTE E O SR.PINOQUIO, MAIS O SR.COELHO DA PASCOA, CONFIRMARAM. HOJE MESMO O PAPAI NOEL VAI FAZER UM VOO EXTRA MESMO DEPOIS DO NATAL E VAI CARREGAR SEU TRENO COM O MONTANTE DO CREDITO E DEIXAR NO BANCO DO BRASIL LA DE BRASILIA, NAO É UMA MARAVILHA.
FIQUEM TODOS TRANQUILOS, ASSIM COMO EU ESTOU TOTALMENTE TRNQUILOOOO.., CADA VEZ QUE VISUALIZO MEU GERENTE DE CONTAS E TAMBEM UM SUPERMERCADO AQUI PERTO, FICO TAO TRANQUILOOOO...

AGRADEÇO AO ANONIMO QUE FEZ ESTE FAVOR DE TRANQUILIZARRRRR...

DILSON A.

Anônimo disse...

Colega das 07:32

Pare de deboche,já estamos tão angustiados, oprimidos, e voce com essa indiferença, mesmo sabendo que não vem nada dia 20/01/2011.

Por favor para com essas notinhas, não crie mais sufoco em nossos corações já tão abalados.

Até queria acreditar nesta sua boa vontade de acalmar o mercado, mais sem fontes, sem o brio dos nossos dirigentes fica difícil de lhe dar crédito.

Anônimo disse...

07:32

PARE DE BRINCADEIRA DE MAL GOSTO.

AQUI TODOS TEM MAIS DE 60 ANOS


RESPEITE OS APOSENTADOS E AS PENSIONISTAS DO PB-1 E NÃO FAÇA MAIS ESSAS GRACINHAS.

DE QUE ADIANTA MANTER ESSA ESPERANÇA POR MAIS 6 DIAS SABENDO QUE NADA VAI ACONTECER !!!.

FICA AQUI REGISTRADO MINHA DOR JUNTO COM OS DEMAIS COLEGAS QUE PENSARAM PAGAR UM POUCO DAS CONTAS AINDA EM JANEIRO DE 2011.

Anônimo disse...

No dia 24 a Previ pretende nos dar 20% de homenagens. Gostaria de ir até lá ... com um sapato mal cheiroso na mão.

Anônimo disse...

Colega Anônimo das 07:32

Só voce acredita nesta fábula do dia 20/01/2011.

Nem os maiores contadores de cascata se habilita a desmentilo:

ISA MUSA DE NORONHA

VALMIR MARQUES CAMILO

JOSÉ RICARDO SASSERON

SE O CRÉDITO VIER VAI SER EM 20/03/2011. E SE NÃO VIR NESTA DATA É PORQUE NÃO VÃO PAGAR.

João Rossi Neto disse...

Marcos,

Sugiro que examine com os advogados que dão assistência a AAPPREVI, a possibilidade de fazer uma Interpelação Judicial para o DESTE e Secretaria Executiva da Fazenda, exigindo do primeiro que informe o número do ofício, data, meio de transporte que encaminhou o processo a Fazenda.
E a Fazenda para informar se o processo: ALTERAÇÃO DO REGULAMENTO DO PLANO 1 DA PREVI - DISTRIBUIÇÃO DE SUPERÁVITS, de fato não foi recepcionado lá.
Como subsídio, existe declarações da PREVI, no seu site, dizendo que o processo está na Secretaria da Fazenda. Caso necessário ela também seria inquirida. Oportunidade em que se falaria da aprovação do BB,do Conselho Deliberativo e do DEST em 27/12/10
Acho, não tenho certeza, de que esse processo está com o novo Secretário Executivo, Sr. Nelson Barbosa, recém empossado e não deve ter dado, por motivos que desconhemos, sequência na solução da matéria. O BB não tem interesse em travar a distribuição, a não ser que tenha recebido ordem de Escalão Superior. Por eliminação, só pode estar com o dito Secretário, que também pode ter recebido ordens para pisar nos freios.
Sem uma medida coercitiva, ficaremos no terreno das conjecturas e sendo empurrados com a barriga.

Anônimo disse...

http://medeirosrs.blogspot.com/

Gente, esse é o novo endereço eletrônico do Dr Medeiros.

Anônimo disse...

Apertem os cintos o piloto sumiu.

Não temos nem por onde começar a procurar o nosso dinheiro, ou melhor dizendo metade dele.

Agora o Mantega esta preocupado onde vai arrumar recursos para reconstruir o Estado do Rio de Janeiro.

Nós podemos esperar mais um pouco.

O nosso esta garantido, pela lei 109/2001. se não pagarem a Previc paga.

Anônimo disse...

AH, EM, TEMPO E DESCULPE CARO ADMINISTRADOR POR EU POSTAR A SERIE HUMOR NEGRO OK.

PESSOAL, NEM TUDO ESTA PERDIDO, TEMOS A HOMENAGEM QUE VAO PRESTAR DIA 24 AOS APOSENTADOS, QUE BOM NAO É, LEMBRARAM DA GENTE VIVA A PREVI, VAMOS PRESTIGIAR, SERA UMA GRANDE DESFEITA NAO COMPARECERMOS.
EU POR EXEMPLO IREI, SO QUE EM ESPIRITO, JA QUE ATE ESTA DATA, NUNCA SE SABE, DEVIDO A CERTOS
"PROBLEMINHAS" APOS O DIA 20.
MAS SEREI HOMENAGEADO "IN MEMORIA" UMA HOMENAGEM "POSTUMA".
MUITO GRATO A TODA A PREVI, AGRADEÇO POR TODA A ETERNIDADE...

DILSON A. (PROMETO QUE POR HOJE NAO ESCREVO MAIS NADA OK, SO SE FOR ALGUMA MENSAGEM PSIOGRAFADA)

Anônimo disse...

Como voce sabe, colega anonimo que vai sair esse adiantamento?

Anônimo disse...

Quanta maldade e enganação numa simples liberação de Benefício Especial mandado por Lei 209/2001

Haja paciência !

Paulo Segundo disse...

Prezado Sr. Guido Mantega.

Sou aposentado pela Previ, e consta na distribuição do superávit que teria de passar por esta casa e ter o seu aval para que prosseguisse para a PREVIC.Já que o processo foi sancionado pelo DEST e seguiu para a Fazenda, poderia o senhor me falar sobre o deslinde deste processo, já informando que tal processo é relativo ao superávit de 2007 e que se arrasta em tratativas desde então, e que pessoas de muita idade, aposentados e pensionistas aguardam a conclusão deste imbróglio.

Sem mais para o momento e com grande estima,

Paulo César (Aposentado do BB)

Paulo Segundo disse...

Resposta à Mensagem 401215

Sr. Paulo César de Castro


Em atenção à manifestação de V.Sª., cumpre-nos informar que o assunto foi reportado diretamente a PREVI - Caixa de Previdência de Funcionários do Banco do Brasil, a quem compete prioritariamente o trato da matéria.

Solicitamos ainda que a resposta seja repassada diretamente a Vossa Senhoria.

CONTATO:

Nome: PREVI - Caixa de Previdência de Funcionários do Banco do Brasil
Logradouro: Praia de Botafogo, 501 - 3º e 4º andares
Complemento: Centro Empresarial Mourisco
Bairro: Botafogo
Cidade: Rio de Janeiro
CEP: 22250-040
Site: www.previ.com.br

Quando necessário, não hesite em dispor desta Ouvidoria para tratar de outros assuntos relacionados ao Ministério da Fazenda. Estamos aqui para garantir o direito de manifestação da sociedade sobre os serviços que lhe prestamos.

Atenciosamente,

Ouvidoria do Ministério da Fazenda
SAS Quadra 6, Bloco O, 7° Andar, Brasília/DF, CEP 70070-917
0800 702 1111 - http://portal.ouvidoria.fazenda.gov.br

Anônimo disse...

Colegas,

Alguém sugeriu aqui procurarmos a produção do programa CQC (Band)para noticiarmos o que está acontencendo com os aposentados da Previ com relação ao superávit, penso que, mais ainda agora que o processo desapareceu e ninguém explica onde se encontra a coisa virou piada, quem tem twitter poderia entrar no twitter do Marcelo Taz que apresenta o programa e relatar nossa situação, isso tem que ir para a mídia. É muita avacalhação o que a Previ está fazendo conosco.

Anônimo disse...

AO ANÔNIMO DAS 07:32

DIA 20 DE QUE MÊS E ANO?

Anônimo disse...

MARCOS


REAJUSTE INSS X PREVI


Como eu disse em comentário anterior a respeito do reajuste anual do benefício do INSS acredito que não cabe ai redução do complemento PREVI, em virtude de ser apenas uma correção devido a inflação assim como recai também sobre o complemento PREVI.

Como as outras associações nunca atentaram para essa questão assim como a AAPPREVI, sugiro que seja encaminha correspodência a PREVI para promover alterações regulamentar para resolver a questão.

Apesar de ter um reajuste repondo a inflação do período o beneficiário na realidade não usufrui dessa prerrogativo devido a apropriação ilegal por parte da PREVI.

A reposição dessa apropriação ilegal é efetuada 5 meses depois (junho)sem custo nenhum para a PREVI, isto é, ela não paga juros e nem correção sobre essas retenções indevidas ao reduzir o complemento PREVI.

Marcos, estranho a falta de iniciativa das "associações que nos representam".

Não aceitável alegarem que os normativos da PREVI não admite outro procedimento senão esse mas admite a ilegalidade desse procedimento.
É tão fácil adaptar ao regulamento a nova situação criada com o novo calendário de reajuste anual dos benefícios do INSS.

Vamos trabalhar para corrigir essa anomalia. Falta apenas boa vontade dos "dirigentes" da PREVI.

Boa sorte a todos.

Anônimo disse...

Ainda tem gerente do banco oferecendo consorcio de carro e dizendo que todas as taxas de emprestimo irão subir,faz me rir.Com essa merreca que os aposentados ganham?Acho que foi pura gozação.

Anônimo disse...

Um processo que implica num valor considerável que a Previ creditará através do BB para os 120.000 integrantes do PB1, não pode estar engavetado ou parado sem se saber onde.
Queremos acompanhar cada passo do processo, hora por hora onde se encontra é de nosso interesse e temos esse direito.
Vamos Previ, queremos informações.

Anônimo disse...

Colega Dilson, nao pensei que conseguiria dar alguma gargalhada hoje, apos ver minha folha de pagamento, mas voce me fez rur muito com seu humor negro.
(sr.Pinoquio foi o maximo)

Mande sempre noticias, mesmo se for mensagens PSIOGRAFADAS rs.rs.rs...

Abraço Heloisa - pensionista

Anônimo disse...

O por que daquela reunião extraordinária do cúpula da PREVI.

Acredito que foi para tentar resolver a situação do sumiço dos papéis relativos a distribuição do superavit.

Sim, os papéis devem ter sumido e ainda não foi encontrado.

Essa afirmção deve se confirmar a qualquer hora. Onde foram parar os papéis.

Final de ano, funcionários preocupados com os festejos, férias e outra milongas mais, ficaram desatentos com suas funções e, simplesmente, isso pode acontecer em qualuqer lugar e porque não num Ministério.

Fica a pergunta: quem arquivou os papéis na gaveta errada? Onde procurar?

Enquanto não for localizado ficaremos sem superavit a não ser que o "governo autorize" a PREVI a fazer um adiantamento por conta.

Anônimo disse...

Caro Marcos,
É, deveras, impressionante, a diversidade de linguagem, de pensamentos, de formas de expressão sei lá, que se nota no acompanhamento diário dos comentários postados sobre as colunas dos blogs. Alguns tratam o assunto ¨superávit¨ com a seriedade que se requer e o momento exige¨. A grande maioria, entretanto, apenas comparece, assim me representa, com espírito de deboche, pois só falam em problema pessoal, fazendo gozação para um lado e para outro, sem nada acrescentar... Não acho que os colegas que firmaram compromissos financeiros futuros, com base naquelas famosas promessas de crédito imediato - que só visavam a obtenção do ¨SIM¨ e a conseqüente regularização contábil do BB. - tenham agido corretamente. Principalmente, por serem ex-funcionários do Banco do Brasil, onde fizeram escola, por anos a fio, vendo clientes se endividarem e orientando esses mesmos clientes a não entrarem mais em ¨frias¨... Pergunto: conselhos e orientações só valem para os outros??????

Para o Rossi: o blog do Medeiros foi, realmente, tirado do ar. Mas, voltou com novo endereço: http://medeirosrs.blogspot.com/ ou
http://www.medeirosrs.rg3.net/

Lá, poderás ler os motivos de sua ¨sumida¨.

Ceví José Cogo - matr. 2003910-7
Santiago (RS).

João Rossi Neto disse...

Caros Colegas,

Novidades boas.....

Falei,neste momento, com o Dr. Waldir Quintiliano da Silva, Assessor da Fazenda, e o processo já se encontra em exame e será submetido, em caráter de urgência, ao novo Secretário, Dr. Nelson Barbosa.
Alegou, dando gargalhadas que sou muito persistente e pediu-me um pouco de paciência, que a coisa vai ser rápida.
Tão logo tenha o despacho, ele me dará ciência em primeira mão e devolverá os documentos ao BB, este a PREVI e essa a PREVIC.
Agora, tem luz forte no final do tunel.

Julita disse...

Heloisa, voce tem razão somente assim mesmo para rirmos um pouquinho depois de vermos nosso contra cheque. Abraços, Julita
Pensionista

Anônimo disse...

Onde está o processo ? Esse é o nome do capitulo, que poderia fazer parte de Arquivo X, ou Twilight Zone ( Além da imaginação).
Os responsáveis(???) são mais lisos do que bagres ensaboados.
Ninguem assume nada. Só informações obscuras e desencontradas.
Parece aqueles versinhos sem rima:
Batatinha quando nasce
Esparrama pelo chão
Menininha quando dorme
Jacaré não tem pescoço

Só para descontrair. Gostaram da rima?
Não desanimem, colegas. Também estou neste barco. Por enquanto, no meu entender, não há mais nada a fazer. É aguardar o capitulo final.
Não nos esqueçamos que as renegociações devem ( ou deveriam) iniciar neste mês, segundo o termo de compromisso. Mas não cumpriram nem o primeiro. O que esperar?

Anônimo disse...

Colegas,


Não falem mal das instituições BANCO DO BRASIL e PREVI.

Não falem das duas instituições que nós construimos.

Falem mal dos seus dirigentes.

Qaundo se referirem ao Banco ou a PREVI, digam os dirigentes do Banco ou os dirigentes da PREVI.

As instituições ficam e esses dirigentes passam, mesmos nos prejudicando.

O Banco bem como a PREVI cumprem religiosamente seus deveres principalmente quanto a legislação trabalhista e previdenciária e seus respectivos normativos e o que atrapalha essas duas instituições são seus dirigentes subservientes que estão ali para cumprir determinações suspeitas dos escalões superiores.

Não me sinto bem ver duas instituições construídas por nós sendo execradas injustamente.

Não confudam essas instituições, instituições jurídicas, com as personas non gratas que passam temporariamente por lá.

Obrigado.

Anônimo disse...

AH COLEGA Ceví José Cogo, DEIXA DE SER TAO DURO, ESTE BLOG É UMA TRIBUNA LIVRE. DEMOCRACIA, NAO É UMA PREVI DA VIDA COM TODO MUNDO COM A BOCA AMORDAÇADA.
SABEMOS DA GRAVIDADE DO MOMENTO, DA NECESSIDADE DE SERIEDADE, MAS NEM POR ISTO VAMOS DEIXAR ESTE CLIMA DE VELORIO ABATER-SE SOBRE NÓS, OU VAMOS?
CADA UM EXPRESSA SUA INDIGNAÇAO COMO TEM VONTADE, FORMAS DE HUMOR TAMBEM SAO CRITICAS SERIAS E AS VEZES CAUSAM MAIS EFEITOS DO QYE SE PENSA.
VEZ POR OUTRA SE FAZ NECESSARIO DAR UMA QUEBRADA NESTE CLIMA SERIO, ACHO QUE ATE O ADMINISTRADOR DO BLOG QUE É UMA PESSOA DE FIBRA APROVA COM O RESPEITO DEVIDO UM POUCO DE DESCONTRAÇAO.
CHORAR É QUE NAO PODEMOS E NAO DEVEMOS, NAO VAMOS DAR ESTE GOSTINHO PARA ELES.
QUANTO A GASTAR ANTECIPADAMENTE POR CONTA DO SUPERAVT...BEM, NAO POSSO ME QUEIXAR DAS CHURRASCADAS QUE FIZ, CLARO QUE A PARTIR DE HOJE COMEÇOU A ME DAR FORTE AZIA, PORQUE SERÁ HEIN?

DILSON A. (DE PROPRIO PUNHOM AINDA NAO É MENSAGEM DO ALEM TUMULO)

Anônimo disse...

Parece que acharam os papéis.

Também pudera, com o cobrança com estilo do colega Rossi devem ter vasculhado todas as gavetas e arquivos e o dito cujo foi localizado.

Com tanto desencontro das informações so pode ter acontecido isso: a perda momentânea dos papéis.

Quado isso acontecia na agência quando um dossiê sumia era um Deus nos acuda. Acontecia até com cédulas rurais assinadas, registradas e verbas liberadas. Que sufoco.

Pensionista sem voz fora da AAPREVI disse...

Como muitos já notaram, o espelho de janeiro já saiu. Nenhuma novidade, somente q a Previ abocanhou de muitos , como sempre acontece, o valor do reajuste do INSS. No meu caso, por exemplo, o complemento PREVI ficou SETENTA E OITO REAIS MENOR. Fazendo algumas contas rápidas, isso quer dizer q vou recber CENTO E OITENTA E CINCO REAIS A MENOS do q eu teria direito se a primeira parcela do benefício especial (12 x 20%) fosse paga em dezembro. Multiplicando tal valor por 120.000, temos aí uma "economia" pra Previ de mais de 20 milhões de reais. Supondo q metade dos participantes do Plano tbm tenham tido seu complemento diminuído em razão do reajuste do INSS, a PREVI economizará então exatos R$ 11.100.000,00. Um "ótimo" motivo pra não nos pagarem em dezembro, não acham?

João Rossi Neto disse...

Nobre Colega Ceví José Cogo,

Eu não falei especificamente sobre o blog do Medeiros e tampouco que estava fora do ar. Solicito-lhe a fineza de citar em que post, de minha autoria, você viu essa assertiva.
Não conheço o Sr. Medeiros e nunca acessei o seu blog, de modo que não teria sentido fazer esse tipo de comentário. Aguardo sua manifestação.

José Roberto Eiras Henriques disse...

Colegas, Postei a seguinte bronca no site do claudiohumberto.com.br:

"Falando em fundos de Pensão, o Banco do Brasil se apropriou de 50% do superavit da Previ destinado à melhoria dos benefícios dos pensionistas. Tal fato ocorreu no mes de dezembro/2010 quando a Previ, por obrigação legal, teria que distribuir o valor aos pensionistas na forma de melhoria dos benefícios. A contemplação da instituição patrocinadora, no caso o Banco do Brasil, como beneficiária na distribuição do superávit deu-se através da Resolução CGPC 26, de 29/09/2008 que alterou a Lei Complementar 109, de 29/05/2001. A constitucionalidade dessa Resolução está sendo contestada na justiça por entidades representativas dos pensionistas da Previ, pois uma resolução não pode se sobrepor a uma Lei. O BB já veiculou fato relevante informando dessa apropriação, no valor de R$ 7,5 bilhões tranqüilizando, principalmente o mercado externo, que estava apreensivo com os dados de seu balanço. O problema é que até o momento os pensionistas não receberam um tostão desse superávit e tampouco informação de quando serão agraciados. A PREVI, ANABB, FAABB, AAFABB, ContrafCUT que assinaram um memorando de entendimentos com o BB e representantes do Governo para a destinação do superávit com promessa de crédito na conta dos aposentados em fins de dezembro/2010, e, até o momento permanecem calados, num mutismo inexplicável, para agonia dos beneficiados que necessitam desses recursos para equilibrar seus orçamentos."

José Roberto Eiras Henriques
São José do Rio Preto - SP

Anônimo disse...

Afinal colegas, de onde os funcionarios da ativa tiraram essa de credito extra amanha dia 15, ainda por cima num sabado? Como diz o meu filho, mas que VIAGEM é esta?
A folha de janeiro ja esta a disposiçao, nao tem credito nenhum de superavit nela.
Deve ser gozaçao deles na ativa.

Raquel Figueredo

Anônimo disse...

Caro Marcos,

Louvável e inteligente sua iniciativa em propor a União dos Blogs que têm o mesmo objetivo. União que gerará sinergia e será decisiva na defesa dos destinos da Previ e, por tabela, da subsistência dos Assistidos, NÓS.
De outra parte, há "intrigueiros", normalmente anônimos, que postam comentários cuja finalidade é gerar discórdia, desinformação, apatia e descrença. Fatos que só favorecem nossos inimigos.
Também concordo com um comentário, acima postado, que dos citados, algum blog não mais merece confiança. Especialmente àquele que aceita e não luta contra a "apropriação" dos 50%, pelo patrocinador.
Uma análise mais atenta proporcionará a devida e necessária depuração.
Paz e Bem a Todos(as).

Anônimo disse...

Toda turma sempre tem aquele cara chato que acha que seus pensamentos é que estão acima do bem e do mal. Aqui não podia ser diferente. Apesar do espaço ser democrático para cada um expor seus pontos de vista, tem doutores que querem determinar o conteúdo e a forma dos oprimidos expressarem suas angústias. Vai pentear macaco meu chapa!

Anônimo disse...

SOCORRO!!!

ALGUÉM PODE ME INFORMAR O PARADEIRO DO AMIGO MEDEIROS. EXATAMENTE HÁ 02 DIAS NÃO CONSIGO ACESSAR O BLOG DO MESMO. TENHO A LIGEIRA IMPRESSÃO QUE A PREVI COM SEUS COMANDADOS DERAM SUMIÇO NO COLEGA. QUEM SOUBER ALGUMA COISA ME AVISE POR FAVOR!

ADEMÁRIO SOUZA

jander disse...

Prezados aposentados e pensionistas, lendo manifestações de vários colegas que estão em situação financeira difícil, inclusive com dívidas em drogarias, lembrei-me que recentemente fui medicado com remédios de uso contínuo, fiquei tenso com o preço dos mesmos, pois isto oneraria mais o orçamento.
Entrei em contato com a Cassi e descobri que a mesma tem um programa que cobre em até 90% o custo de certos medicamentos.
Infelizmente este tipo de informação não é muito divulgada e acho que talvez isto poderia ajudar alguns a aliviar seus orçamentos.
Lembrei de comunicar isto porque anteotem encontrei um colega aposentado, que pasmem, não sabia nada, nada de superavit, nada de acordo, nada de votação.
Pensei é tá danado!
Espero ter ajudado.
Abraços
Jander

Anônimo disse...

O Momento que vivemos concorrer e muito para o descredito da Previ e BB para o pessoal da ativa, aposentados e pensionistas.
No Caso dos aposentados e pensionistas o momento é de muita frustação e prejuízo.
Único jeito de enfrentar essas feras UNIDADE, UNIDADE, UNIDADE DE TODOS.

Edson rj

Ronaldo F. Moreira disse...

Anônimo das 10,05; Pelo amor de Deus, só pode ser ironia da sua parte. Que saudosismo fora de propósito. O BB e a PREVI foram construídos por nós e tb estão sendo destruídos por alguns de nós, principalmente aqueles que votaram SIM na última "doação". Transferir responsabilidade para outros é fácil. Assumir os próprios erros é mais difícil. Chega de saudosismo! Não quero mais meus proventos no BB. Não vou deixar que continuem me "roubando". E quem diria, em pleno governo do partido dos trabalhadores. QUE TRISTEZA !!

Flavio Castro disse...

Cara Raquel Figueiredo,
A única lógica nessa informação é que no sábado já aparecem os créditos/débitos contabilizados com data de segunda. Ou seja, quando o dia 20 cai numa segunda, a gente já tem os proventos aparecendo no sábado.
O resto é sonho. (Mas bem que eu podia acordar amanhá em ver no meu extrato:
17.01.2011 - R$ superávit,00)
Sonha, Flávio, sonha.

Paulo Segundo disse...

Boa Rossi!Que ótima notícia essa sua!pelo menos sabemos agora que o processo está na fazenda e será analisado com urgência por esta casa.Agradeço pelo colega ser dedicado e bravo em suas pelejas!Eu estava me sentindo como cego em tiroteio, no meio de tanta falta de notícia e pela penumbra que a previ deixou.

Paulo Segundo

Anônimo disse...

Aos que estão reclamando do cálculo das 12 parcelas que serão pagas agora que acharam os documentos do superavit.

Acredito que os chamados 240% deverá ser calculado sobre o valor de dezembro/2010 e que servirá de base durante a vigência do fundo especial para fazer frente a essa distribuição.

Anônimo disse...

A expressão "ESTAMOS AGINDO NO LIMITE DA IRRESPONSABILIDADE", feita por um ex-diretor do BB, voltou à tona. Elles estão novamente agindo em consonância com essa expressão. Burlam as Leis, não cumprem acordos e estão fazendo todo tipo de absurdos. E, o poder JUDICIÁRIO, faz de conta que nada sabem. Essa falta de respeito ao cidadão, principalmente os aposentados, vai se tornando rotineira e legal. Infelizmente, com os aposentados da PREVI/BB não será diferente, com excessão dos que há mais de 2 anos estão disfrutando das fortunas recebidas pela ilegal "RENDA CERTA". Enquanto nós estamos brigando pelas migalhas prometidas. Só nos resta pedir auxílio ao grande jurista Rui Barbosa no além.

Anônimo disse...

Prezados,

Sugiro que os homenageados no dia 24.01 (Dia dos Aposentados) se inspirem no Bispo ou Arcebisco pernambucano, que há poucos dias, da tribuna da Câmara ou Senado, não me lembro, recusou honraria alusiva a Dom Helder Câmara, sob o argumento de que a aceitação seria uma afronta ao Povo Brasileiro que teve 6,14% de aumento do INSS, enquanto que os Congressistas se premiaram com mais de 60%. No nosso caso a recusa, a meu ver, seria um gesto ímpar, contundente e de repercussão e, pontapé inicial para uma nova era nas relações entre a Previ e os Aposentados.

Anônimo disse...

Colega JANDER,

O que você disse do desconhecimento de algumas vantagens é porque nós temos a cultura da desinformação.

Quando na ativa eu notava que a maioria dos funcionários eram alienados. Informação para que?

Até para aposentar com algumas vantagens, mesmo que pequenas, a maioria dos colegas não sabem o momento mais adequado para aposentar.

Converso com alguns colegas da ativa que não sabem simular a sua aposentadoria no site da Previ.

No meu caso eu simulei mensalmente minha aposentadoria nos últimos 04 anos que a antecederam.

Com alguns dias a mais de 6 meses do período aquisitivo o funcionário tem ao aposentar direito a férias integrais.
Quem ganha R$ 6.000,00 recebe a mais R$ 3.000,00 no acerto.

Aposentar antes de setembro se o for o caso. Visto que setembro tambérm tem reajuste do salário que pode aumentar o acerto final, entretanto pode reduzir o benefício Previ ao longo do tempo. Hipótese, se a Parcela Previ for corrigida em 7% sobre o valor atual, por exemplo, de R$ 2.100,00 que deixará de ganhar R$ 140,00 mensais ao longo da aposentadoria e as devidas correções anuais sobre esse valor. Então isso tem que ser contabilizado para ver qual é o mais vantajoso.

Então isso requer informações e elas estão no site do Banco do Brasil e da Previ.

Outra, se você aposentar no segundo dia do mes você leva de quebra o vale e a cesta alimentação.

Tudo isso tem que ser observado para se ter a melhor época para se aposentar.

Sigamos o exemplo do ROSSI, que não fica apenas escrevendo neste Blog. Ele vai direto na fonte para reclamar os nossos direitos ou contestar as atitudes não favoráveis a nós. O ROSSI vai onde realmente interessa.


Boa sorte a todos.

Anônimo disse...

REAJUSTE INSS x PREVI

Prezado Colega das 09:21hs

Sou aquele que disse, há dias, que iria procurar um Advogado para aprofundar a análise do tema.

A bem da verdade, não vou fazer isto, porque me apressei a entrar na justiça com diversas ações que hoje a nossa AAPPREVI patrocina a custo zero. Melhor esperar ...

Também concordo que está havendo um desvirtuamento oneroso prejudicial aos aposentados, pois a Previ, em assim agindo, arranjou uma fonte que lhe empresta a CUSTO ZERO, todo esse montante, por até 5 meses durante o ano. Façam as contas e verão que é muita coisa.

Abraço fraterno.

Anônimo disse...

Parabenizo a idéia desse nosso colega anonimo.O que eles estão fazendo conosco aposentados e pelas pensionistas é uma barbarie, não merecem que ninguém compareça a essa homenagem.

Anônimo disse...

Agora sim, colega Marcos, erguendo a bandeira de paz. É isso mesmo. Os colegas que tem sites e blogs trabalham em favor de todos nós. As vezes podemos discordar deles, mas saibamos todos que não existe má fé nem cumplicidade. Dona Cecília e seu blog, dona Isa e seu site, Dr Medeiros e seu blog, Sr Marcos e seu blog, colega Romildo e seu blog, são formiguinhas em trabalho contra os gigantes BB e Previ. Estejam certos de que se fossem do time deles, dos poderosos, não estariam na internet dando sua cara pra bater

Anônimo disse...

BLOG DO MEDEIROS


Anônimo das 11:04, que pede socorro: estou conseguindo acessar o blog de Medeiros, através desse link, que consegui aqui mesmo:

http://medeirosrs.blogspot.com/

Blog do vovô disse...

Colega Ademário.
Ninguem deu sumiço no Medeiros.
É que ele esta arranchado em outra estância.
Tenta neste endereço:
http://medeirosrs.blogspot.com/
Jose F. Rovere

João Rossi Neto disse...

Caros Colegas,

O pessoal do Banco Central do Brasil-BACEN, da ativa ou aposentado, tido e havido como encrenqueiro e intransigente na defesa de seus interesses, além da vaidade excessiva, considerava-se superior a qualquer outro empregado de instituição financeira, inclusive sobre nós, do BB.
Mas a realidade não é bem essa, eis que para mim foi uma grande surpresa quando me deparei com uma carta de 08 de dezembro de 2009, cópia em meu poder, na qual à Associação dos Antigos Funcionários do Banco Central do Brasil-AAFBC e Associação Brasiliense de Aposentados do Banco Central-ABACE, solicitam a interferência da PREVIC no sentido de forçar o BACEN a destravar as negociações para distribuição dos superávits da CENTRUS, e que tudo fosse feito de acordo com os ditames da Resolução CGPC 26/2008.
De forma inquestionável, ficou patente que aceitaram sem restrições a referida Resolução, parecendo que a única resistência a levantar-se contra esse acintoso documento inconstitucional, fomos nós, participantes e assistidos pela PREVI, porque as demais entidades representativas dos beneficiários dos outros Fundos de Pensão, salvo o engano, não tomaram qualquer tipo de medida --- administrativa ou judicial --- para tentar a extinção da Resolução.
Debalde a nossa luta ser isolada, vamos continuar buscando, pelos meios ao nosso alcance, apoio para provar que a Lei Complementar 109/2001 não pode ser desrespeitada e,aí, exigir a devolução dos 50% dos superávits que, temporariamente, o patrocinador está levando.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

A propósito do cmentário das 12:17, eis outra colaboração recebida bem antes, tambem no dia de hoje:

Caro Marcos,

Seria ótimo se os Aposentados que forem homenageados pela Previ procedessem como o Bispo Dom Manuel. Mas, usassem uma "bolinha vermelha" no nariz.

Elis



21/12/2010 14h28 - Atualizado em 21/12/2010 14h53

Bispo recusa homenagem do Senado em protesto contra aumento

Dom Manuel Edmilson da Cruz receberia comenda de Direitos Humanos.
“Quem assim procedeu não é parlamentar, é para lamentar”, disse.

Eduardo Bresciani Do G1, em Brasília

O bispo de Limoeiro do Norte (CE), Dom Manuel Edmilson da Cruz, recusou nesta terça-feira (21) receber uma comenda do Senado Federal. Ele afirmou que sua atitude era para protestar contra o aumento salarial de 61,8% aprovado pelos parlamentares em causa própria. A homenagem recusada por ele é a Comenda dos Direitos Humanos Dom Helder Câmara.

A recusa do bispo foi feita em um discurso no plenário do próprio Senado. Ele criticou os parlamentares por aprovar o aumento deste montante para o próprio salário. “Quem assim procedeu não é parlamentar, é para lamentar”, disse.

O religioso afirmou que a comenda que lhe foi oferecida não honra a história de Dom Helder Câmara, que teve atuação destacada na luta pelos direitos humanos durante o regime militar.

“A comenda hoje outorgada não representa a pessoa do cearense maior que foi Dom Helder Câmara. Não representa. Desfigura-a, porém. Sem ressentimentos e agindo por amor e por respeito a todos os senhores e senhoras, pelos quais oro todos os dias, só me resta uma atitude: recusá-la. Ela é um atentado, uma afronta ao povo brasileiro, ao cidadão, à cidadã contribuinte para o bem de todos, com o suor de seu rosto e a dignidade de seu trabalho”, afirmou o bispo.

Ele destacou que o aumento dado aos parlamentares deveria ter como base o reajuste que será concedido ao salário mínimo, de cerca de 6%. “O aumento a ser ajustado deveria guardar sempre a mesma proporção que o aumento do salário mínimo e da aposentadoria. Isso não acontece. O que acontece, repito, é um atentado contra os direitos humanos do nosso povo”.

DESTAQUE DO JORNAL:

A comenda hoje outorgada não representa a pessoa do cearense maior que foi Dom Helder Câmara. Não representa. Desfigura-a, porém. Sem ressentimentos e agindo por amor e por respeito a todos os senhores e senhoras, pelos quais oro todos os dias, só me resta uma atitude: recusá-la"

Anônimo disse...

Colega de 12:19,tanto e que que os papeis apareceram(?)....
Sandra

Anônimo disse...

Sr. Ronaldo F. Moreira, cada um faz a sua história. Eu respeito qualquer decisão ou pensamento, mesmo aquelas contrárias, pois seguimos nossos caminhos de acordo com a nossa visão.

Uma coisa eu lhe asseguro de os que usam o Banco e a Previ em benefício próprio não faz parte da minha história.

Espero que você tenha êxito em sua jornada, por uma luta realmente efetiva, em caso de vitória, beneficiará milhares de colegas.

Só fica uma dúvida para mim.

Minha mensagem foi mal entendida ou não consegui me fazer entender, por isso não compreendi os termos transferir responsabilidades e assumir os próprios erros.

Não sei de onde isso pode ser extraído da mensagem que escrevi.

É, realmente não consegui me fazer entender.

Boa sorte.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Colaboração do Colega Solonel Jr.

NOVO PROCON - (VC PODE PRECISAR)

"PROCON é coisa do passado.


A Revista Exame traz uma reportagem sobre um site chamado "Reclame Aqui".

A idéia é que seja um mural (ESPÉCIE DE MURO DAS LAMENTAÇÕES) onde as pessoas expõem suas queixas sobre serviços ou produtos, visível a todos que acessarem o site. O interessante é que, sem burocracia, os problemas são solucionados com mais rapidez.


Quando um consumidor reclama de um produto de alguma empresa, essa empresa recebe um e-mail dessa queixa. E como a empresa preza por sua imagem, ela tende a ser eficiente na solução, que será aberta ao público. O que tem dado muito certo, já que 70% dos casos são resolvidos! E o tempo médio é de menos de uma semana, diferente do PROCON que tem a média em 120 dias.
Lá vai o site:

www.reclameaqui.com.br

Divulgue.

Anônimo disse...

O colega que fez referência a redução do complemento Previ por causa do reajuste do benefício do INSS parece mesmo uma apropiação ilegal por parte da Previ.

A Previ tem que se adaptar as essas mudanças ocasionais.
Já que no caso não configura uma alteração do beneficio do INSS mas apenas a correção salarial anual a Previ não deveria reduzir o nosso complemento e em junho promover o nosso reajuste anual.

Ou alterar a nossa "data base" para janeiro ou fevereiro como no caso anterior maio e junho.

Isso ocorre há mais de ano e ninguém tinha atentar para o fato.

Temos que solicitar a mudança. Temos que fazer como o Rossi faz.
Ainda bem que temos exemplo a seguir.

mesquitasantana disse...

À
Dom Manuel Edmilson da Cruz

O Jornal diz que vossa reverendíssima receberia a comenda dos parlamentares. Eu peço licença para dizer que o senhor acabou de receber a comenda, não dos parlamentares que não merecem, mas das mãos do povo brasileiro. Parabens.

João Rossi Neto disse...

Meu caro Alcione Gomes,


Vi a sua mensagem em outro blog e fiquei imprensionado, tanto assim, que eu, a partir de agora, também vou ficar quieto e esperar, já que o crédito sai de qualquer jeito, doa a quem doer, então para que ficar andando atrás, quando o seu mestre é que faz as coisas de verdade e vai resolver tudo.

Abraço.

Ronaldo F. Moreira disse...

Anônimo das 10,05 que continuou anônimo às 12,49
Parte do seu texto das 10.05:
"O Banco bem como a PREVI cumprem religiosamente seus deveres principalmente quanto a legislação trabalhista e previdenciária e seus respectivos normativos..."
Não me sinto bem ver duas instituições construídas por nós sendo execradas injustamente."
Como não se fez entender. VOTOU NO SIM, não pode se arrepender mais e precisa continuar acreditando. Pois bem! Não foi por falta de aviso, tanto desse blog da AAPPREVI como do Blog do Medeiros. Vc só pode ser funci da ativa na PREVI.

João Rossi Neto disse...

Marcos,

Agora vejo o que você passa como mediador de um blog, tarefa que eu não gostaria nunca de ter.Compreender as multifacetas das pessoas realmente não é fácil.
Eu gosto da autenticidade, da lealdade, da amizade, da valorização do trabalho, seja ele complexo ou secundário.
Para mim o importante é o resultado alcançado. Não adianta ciscar para lá e prá cá, levantar um poeirão e, no final, nada apresentar de prático e concreto. Nunca gostei de quem faz cortesia com o chapéu alheio. Dê a César o que é de César.Quando administrador, sempre admirei quem falava a verdade e criticava os meus erros, aos puxa-sacos, porque aqueles me elogiavam e me enganavam.
Quando vejo alguém subtrair as nossas informações,não para somar, mas para fazer média, fico indignado e a tendência a perder a vontade de continuar, ficar na inércia e deixar o tempo passar e seja lá o que Deus quiser.

Anônimo disse...

Consultando a Anabb a respeito da morosidade verificada para homologação pelos órgãos governamentais, objetivando autorização para a Previ implementar o remanescente das propostas aprovadas, recebi a seguinte resposta:
""Prezado José, esclarecemos que as propostas de utilização do superávit aprovadas pelos participantes do plano de benefício 1 da PREVI, estão no Ministério da Fazenda para análise e ratificação. Em seguida, as propostas serão encaminhadas à Superintendência Nacional de Previdência Complementar-PREVIC, para homologação, quando poderão ser implementadas pela PREVI. A ANABB está acompanhando todo o processo de aprovação das propostas e esclarece que a demora na manifestação do Ministério da Fazenda ocorreu em razão do período de final de ano e da alteração de governo. No entanto, o Ministro Paulo Bernardo se comprometeu, pessoalmente, a interceder junto ao Min. da Fazenda e à PREVIC para agilizar o processo de aprovação desses órgãos, para que seja feito o pagamento aos participantes"".

A meu sentir, a interferência do Ministro Paulo Bernardo, alida às informações oferecidas por João Rossi Neto (14.jan.2011 09:44) fazem voltar o otimismo, na esperança de que o crédito ocorra rapidamente, quiçá, ainda em janeiro/2011.

Obs.: Fiz a mesma consulta à Presidência da Previ sobre o assunto, na mesma data que efetuei à Anabb, entretanto, até este momento não recebi qualquer retorno da Previ.

Zé Antônio

Ary disse...

Caros colegas, Acredito que os maiores resposáveis por este imbróglio do suepravit,somos nós,aposentados,ou melhor, os omissos,desinteressados e/ou puxa sacos.Nao se concebe que numa votação tão importante,apenas 43% tenham votado contra 86% da ativa e que estes tenham votado NÃO mais que os aposentados,demonstrando desconhecimentos nas questões da Previ.Há alguns colegas que acham que a Previ não deveria distribuir o Super e deixá-lo p/garantir n/aposentadorias e outros,que o BB tem direito a 50%.Assim não vamos chegar a lugar algum.Tenho notado que os comentaristas deste blog,pelo menos os que se identificam,são quase sempre os mesmos.Manifestação em frente à Previ, nem pensar.Já imaginaram se ela resolve apresentar um contra cheque de algum ex diretor do BB e/ou de algum ex superintende aposentado com 8 qq.VP no último e Ap máximo? Lembram do Mailson da Nóbrega, nos idos 8o ou 90? Só nos resta contactar com os aposentados,nem que seja por mala direta,pois só recebem informações do outro lado,ou seja,Previ, Anabb,Aafbb e que tais. Abraços.Ary Mastella

Ary Mastella disse...

Sr.autor do blog; Sobre omeu comentário há pouco enitido,solicito a gentileza de substituir as palavras ex dirrtor e ex superintende por altos ex funcionários. Obrigado.

Anônimo disse...

Meu caro Zé Antônio,

A Anabb deve ter descoberto agora, através da oportuna investigação do grande colega João Rossi Neto que o processo realmente está na Secretaria da Fazenda (foi "achado") e lhe será dada prioridade. Por que o ministro Paulo Bernardo, funcionário do BB não deu um apoio maior no MF sabendo da nossa ansiedade e necessidade? Por que a Anabb permaneceu muda e calada até agora?
Você pode acreditar neles, mas eu prefiro acreditar no trabalho sério e investigativo do Rossi. Este é bom demais e não tem rabo preso com ninguém. O valor de uma pessoa ou Entidade está nos seus atos, não em suas palavras. Nesse sentido tiro o meu chapéu para o homem lá de Goiânia.

Ari Zanella
Joinville-SC

Anônimo disse...

Srs,


Podem chamar de MOVIMENTO ASSASINO, pois com estas andanças de um processo entre órgãos governamentais muitos já sucumbiram neste intervalo.
Eles sabem que quanto mais demorarem mais morrerão!
É o lucro macabro do bb!
Quanta sujeira em tão pouco tempo.
Deus não tenha piedade dessa gente!

Anônimo disse...

Sr. Ronaldo F. Moreira, infelizmente não houve o entendimento que eu esperava. O senhor faz afirmativas que desconhece.

O senhor confunde as instituições com seus dirigentes temporários, julgando que elas são a mesma coisa.

As instituições ficam e os dirigentes temporários se vão.

Tanto os que administraram bem como aqueles que nos decepcionaram.

Eu não vou fazer afirmativas como o senhor fez, mas acredito que tenha votado em todos esses dirigentes atuais, talvez por falta de opção, por indicação de associações e ou por escolha pessoal. Eu respeito qualquer uma dessas opções, pois, julgo que elas são de foro íntimo.

E os eleitos pelo corpo social estão ai nos decepcionando mais uma vez.

Do outro lado, infelizmente, o voto sim ganhou e a maioria foram votos dos aposentados e por isso não vou execrar os aposentados que tiveram motivos para isso e um dos motivos mais relevantes sem dúvida nenhuma foi de que todos eles foram contatados por associações como a ANABB e outras que apoiavam o acordo, através de e-mail, correspondências, folders e tantos meios que não estão ao alcance de associações sérias como a AAPPREVI, porque esta não possui meios financeiros para isso e o pior de todas as desvantagens: o desconhecimento dos endereços de todos os funcionários (ativa e aposentados) tanto residencial como eletrônico (e-mail), com exceção dos associados da AAPPREVI.

Por isso ele foram induzidos ao erro.

Independente de entendimento ou não, encerro por aqui esse diálogo.

Boa sorte ao senhor.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Prezado Colega Ary Mastella.

A condição de mediador do Blog somente me faculta três opções de interferência na publicação: Publicar, Marcar como Spam ou Moderar, e isto antes da publicação.
Não tenho acesso aos textos para imprimir modificações, mas posso deletá-lo (exclusão) para substituir por outro que seja enviado com essa finalidade.

Anônimo disse...

Caro colega João Rossi, jamais desista de lutar, a bravura de sua luta e tambem do colega Marcos, as vezes causa inveja aos olhos daqueles que ainda não possui esse dom maravilhoso que coube a voces, que DEUS vos abençõe, e vos conceda a cada dia mais sabedoria e força, para trabalhar em busca da verdade, da justiça e na Defesa do Oprimido e necessitado. Sabemos que a maioria dos Aposentados do PB1, recebem salários que sequer pode se dar ao luxo de uma vida digna por ser um Aposentado do BB. Algumas decadas atráz, era uma Honra ser Aposentado. Chamava atenção de muitos o poder aquisitivo que tinham, hoje vivemos de lamentações, porque passamos por tantas diversidades nesta vida com nossos familiares e o salário que recebemos a cada dia dia vai diminuindo, porque nos endividamos com Cooperforte, ES, CDC-BB. E o que sobra pra nosso sustento e tão pouco que temos que continuar nos endividando com catões de crédito e por ai se vai. Enfim, se essa Parcela Previ continuar teremos a cada dia motivos de sobra pra continuar essa lamentação, se esses benefícios do Superávit vier ser incluidos em nossos beneficios, poderá amenizar a situação de muitos colegas que se aposentaram com base na PP. Em nome de todos colegas que sofrem assim como eu por inúmeras dificuldades agradeço-lhes por todo esse empenho e dedicação que tiveram e terão na luta em busca de dia melhores.Deus seja com todos. amém.

Anônimo disse...

Marcos e João Rossi,

A mensagem que foi postada hoje reflete aquilo que postei na primeira vez no blog, qual seja, a união de todos os blogs numa mesma direção, sem brigas de beleza e direcionados a resolver um conflito hoje existente.

Na minha visão, os administradores da PREVI, a exemplo de muitos administradores de empresas (não sócios), tem como objetivo alavancar a empresa para que produza resultados cada vez maiores.

De outro lado os acionistas (ou nós como proprietários /beneficiários) pretendem usufruir dos resultados, tais como dividendos ou superávits.

Os administradores não gostam de descapitalizar a empresa para distribuir resultados aos acionistas, esquecendo que os mesmos são os proprietários.

Dentro desta linha, concordo com a opinião de que, na visão do acionista, precisamos mudar os administradores, como forma de solucionar o conflito.

A empresa deve crescer, mas o acionista também deve receber.

Assim, um dos caminhos a percorrer é modificar o pensamento dos administradores atuais, não ocorrendo a opção lógica é a sua substituição.

Nós elegemos alguns dos administradores.

Esta questão também se aplica as diversas associações que nos tem representado, não atendendo os nossos anseios é necessária a sua susbstituição.

É da raça humana a desconfiança e a crítica, razão pela qual muitas vezes o caminho é perdoar aqueles que ainda não acordaram, procurando trabalhar na mudança da postura.

Outro aspecto, pelos comentários, é que muitos de nós e eu estou incluído nestes, é a necessidade de uma melhor administração financeira de nossa vida, aspecto que o BB, nos anos que permanecemos, não nos ensinou.

O blog, a título de sugestão, poderia auxiliar, publicando matérias neste sentido, de forma a evitar que futuras votações sobre o superávit sejam decididas levando em conta somente a promessa imediata de benefício financeiro, solucionando problemas imediatos, que voltarão a ocorrer no médio prazo.

Mario Schmidt
mariovschmidt@uol.com.br
6.996.160-3

Anônimo disse...

Aos colegas que ainda acreditam em um BB e Previ que ficaram lá atrás:

Ainda na ativa, setimos os diversos ataques, como de Mailson, Collor, e outros invisíveis,contra o BB e seus funcionários. Resistimos, lutamos muito tentando proteger este patrimônio imaterial da nação brasileira. Mas, com FHC no poder, opinião pública manipulada pela mídia, nos considerando marajás e empresas estatais sinônimo de peso para os contribuites. Faltava um detalhe, nomear diretores sem escrupúlos e descompromissados com o Banco, FHC nomeou. Perdemos! Todos, o Brasil e os funcionários. Lula teve oportunidade de reverter, preferiu bom relacionamento com o Capital. Dilma ainda é uma incógnita. A julgar pelo comportamento de seus subordinados, neste episódio do crédito do Superávit, começou mal. O mínimo que se esperava era um adiantamento, em dezembro, dos 240% e depois da aprovação pelos orgâos federais, se fizesse os devidos acertos. Hoje temos de lutar para salvar o patrimônio da PREVI, nosso e de nossos respecitos cônjuges, Enquanto possuimos forças. Quanto ao BB...

mesquitasantana disse...

Ao colega

Mario Schmidt,

Se me fosse permitido, assinaria o seu comentário acima, nós somos permissivos com o bb e com a previ, em todos os sentidos imagináveis, realmente precisamos mudar de comportamento imediatamente, acredito até mesmo que deveríamos ter começado outra postura há algum tempo. Com esta ferramenta (a internet) que dispomos atualmente, poderemos tentar, não sem algum esforço, cultivar novo estado mental ou psicológico para alcançarmos as metas citadas em seu texto. com a preciosa colaboração dos excelentes comentaristas que neste blog e em alguns outros têm nos brindado com ótimas informações, a vereda está aberta. Iniciemos a nossa difíil caminhada abraços a todos.

Anônimo disse...

Prezado Mário Schmidt,

Louvável suas ponderações, mas, smj, um pouco tardias as que dizem respeito à educação financeira.

Tem muita resistência aqui dentro... gente que se acha... Votam no SIM, depois fazem contorcionismos para aceitarem as próprias mazelas.

Outra atitude contraproducente é a permanência como associados da ANABB. São tão acomodados que o simples fato de terem uma ação na justiça, já é motivo para ficarem eternamente submetidos (vejam na CF88 sobre a Liberdade de Associação).
Maldita herança da "Trupe de 1.808".

Também é insuportável esse jogo de vaidades do tipo: "minhas fontes, etc., etc." porque isso deriva do famigerado jeitinho brasileiro que já deu no que deu. É só olhar os mensalões. Pior, não divulgando os nomes das peças, se reais e não fictícios, estão contra nós, aposentados.

Por que conduta do Bispo no senado repercute tão POUCO? Realmente precisamos aprender e depressa.

LUIZ FERNANDO disse...

Marcos e amigos: o novo(?) o governo já começou mal. De que adianta ganharmos um aumento do INSS e da PREVI, se a tabela do Imposto de Renda não for corrigida. Façamos contatos com parlamentares, entidades.Não pode ficar assim.

Flavio Castro disse...

Caro Anônimo das 2:43 (8:43):
Tenho duas ações ajuizadas via ANABB ambas de 1995. Veja bem, já são 15 anos!
Estão com o Dr. Ivo Evangelista. Uma delas (IRPF-venda férias/licença) está sem movimento desde ago/2009 - Sobrestada.
Sem ter como saber o porque, na semana passada escrevi para a ANABB e informaram que o STJ determinou que ações semelhantes sejam suspensas aguardando outras decisões similares. Agora espera o julgamento de uma ação da Assoc. de Funcis do Bco da Amazônia.
Tenho uma ação em minha cidade busco esclarecimentos com meu advogado.
Mas em Brasília será que vou conseguir informações e, principalmente, resolver possíveis pendências diretamente junto à Banca de Advogados?
Tenho sérias suspeitas que, se aos cuidados, mesmo que sejam precários, da ANABB a coisa já não anda, se me desligar dela a coisa então pare de vez.

Anônimo disse...

Sr. Flávio Castro,

Entre no site da STJ e consulte o andamento do processo cujo o NÚMERO DE REGISTRO É:2009/0028580-4 estou na mesma situação do IR venda de férias.

Anônimo disse...

Caro Marcos,

Quando enviei um comentário - 14.01.2011, 09:33 - fiz referência a um fato, na forma como entendi, contestado pelo Rossi às 10,18 da mesma data.
Quero pedir desculpas se a intenção do Rossi não era buscar informações do Medeiros, como, repito, entendi, no comentário postado por ele, às 07:08 também do dia 14.
Peço publicar.
Um abraço.

Ceví José Cogo