domingo, 16 de janeiro de 2011

Calamidade

Curitiba (PR), 16 de janeiro de 2011.

À

Federação das Associações de Aposentados e Pensionistas do Banco do Brasil
- FAABB –

Prezados Senhores,

No momento em que uma catástrofe natural se abate sobre alguns Estados brasileiros, o Banco do Brasil meritoriamente acorre em socorro às vítimas, disponibilizando seu potencial financeiro através de linhas de crédito especiais.

Paradoxalmente, aposentados e pensionistas oriundos das fileiras do Banco, ora necessitando de ajuda, estão ao desamparo de suas ações, mesmo sem caráter filantrópico que indiquem prejuízos materiais.

É público e notório que a frustrada expectativa do anunciado crédito dos benefícios do superávit determinados, e alardeado como certo, originou desesperadora situação de insolvência entre considerável parcela dos assistidos da PREVI, alcançando conotação de calamidade.

Pelos contundentes e pungentes relatos registrados nos Blogs de relacionamento voltados para esses inativos, vem-nos a certeza de que Administradores de Agências mostram-se insensíveis ao atendimento dos seus pleitos, dizendo-se amparados em instruções superiores que determinaram a redução e/ou cancelamento das costumeiras linhas de crédito de uso corrente por esses correntistas.

Ao aproximar-se a data do crédito dos proventos, e sabedores de que não poderão arcar com as responsabilidades assumidas, dentro e fora do Banco, inúmeros aposentados e pensionistas têm sido informados de que o Banco nada fará para socorrê-los. De se notar, ainda pelos relatos publicados, que essas negativas são dirigidas de modo grosseiro, insensível e despropositadas.

Por tudo isto, vimos pedir encarecidamente a essa Federação, em cumprimento ao seu nobre papel, que interceda junto à Direção do Banco do Brasil S.A. no sentido de prestar socorro financeiro aos aposentados e pensionistas que recebem benefícios da PREVI, por seu intermédio, e que se encontram em aflitiva situação de insolvência com comprometimento do sustento de suas famílias.

Antes que esse lamentável comportamento chegue ao conhecimento da mídia, como muitos querem, é oportuno lembrar que está em andamento campanha para arrecadação de fundos com esse propósito. Vale declarar que essa FAABB é a legítima porta voz do conjunto de Associações, e única Entidade capaz de se fazer ouvir pelo desumano Banco do Brasil para evitar a consumação dessa catástrofe anunciada.

Certos de que mais uma vez a Federação virá em socorro de quem clama por ele, renovamos os protestos de estima e consideração.

Atenciosamente,

Marcos Cordeiro de Andrade
Presidente Administrativo

Associação dos Participantes, Assistidos e Pensionistas do Plano de Benefícios Nº. 1, da PREVI
- AAPPREVI –

------------------------------------------------------------------

Marcos Cordeiro de Andrade - Curitiba (PR) - 16/01/2011.

169 comentários:

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Belo Horizonte, 16 de janeiro de 2011



Às Associações de Aposentados e Pensionistas do Banco do Brasil



Sr. Presidente

O processo de distribuição da Reserva Especial Para Revisão do Plano, na forma acordada e aprovada em plebiscito recebeu recentemente mais uma variável surpreendente. Trata-se de carta de um diretor eleito da Previ incentivando que aposentados e pensionistas escrevam aos órgãos do Governo pedindo pelo aprovação.

A Federação entende que a solução pelos trâmites burocráticos junto ao Ministério da Fazenda e PREVIC é função agora, da Diretoria da Previ e do Banco do Brasil, jamais pode depender de iniciativas isoladas de participantes e assistidos e suas entidades representativas.

O mandado que possuem, o posto que ocupam como legítimos representantes do corpo social da Previ confere aos diretores eleitos da Previ não só a legitimidade, como também a responsabilidade pela condução célere dos assuntos de nosso interesse.

Esta Federação, em que pese considerar válidas e oportunas qualquer forma de pressão sobre órgãos governamentais, continua fazendo gestões junto ao corpo diretivo da Previ, principalmente sobre os eleitos, para que se dirijam ao Ministério urgentemente e acertem as possíveis dúvidas que possam estar empacando o cumprimento do acordado.

Atenciosamente,

Isa Musa de Noronha

Presidente

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Sr Presidente


Ao tempo em que felicito essa nobre associação pea iniciativa, informo que já na próxima segunda-feira levarei o pleito da AAPPREVI à administração do Banco do Brasil.

Atenciosamente,
Isa Musa de Noronha

Paulo disse...

A ATENÇÃO DA AAPREVI:

Como a situação está se complicando para muitos aposentados e pensionistas, vale perguntar se a questão não poderia ser resolvida no âmbito da própria PREVI. Quando o problema cai na esfera burocrática dos órgãos publicos, nada flui com rapidez. A PREVI também depende dessas instituições para aumentar novamente o prazo do EMPRÉSTIMO SIMPLES? Se o prazo de amortização passa para 120 meses, a mensalidade de muitos tende a cair, mesmo renovando por uma valor um pouco maior. Por oportuno, informo que ainda não vi nenhum debito em minha conta a crédito dessa Entidade. A autorização já foi entregue ao Banco, há muito tempo.

Paulo Motta.
8.174.700-4

Blog do Ed disse...

eu so quero entender: pra que foi tanta negociaçao? dois meses de reunioes e estudos tecnicos! pensei que tudo estivesse acertado. O processo so dependeria de assinaturas digitais.

Anônimo disse...

Acho que no próximo capítulo da novela superávit, os "representantes" falarão que suas assinaturas foram falsificadas no documento e o grande culpado será desmascarado: O COPEIRO QUE ESTAVA SERVINDO O CAFEZINHO (NA FALTA DE UM MORDOMO).

SEIS TÃO DE BRINCADEIRA...

Anônimo disse...

Sr. Marcos,

Continuo achando que a melhor e mais eficaz forma de pressionaro BB/Previ para distribuirtambém com os aposentados e pensionisao superavit, é denúnciar, através da mídia -jornal, rádio e televisão, o que estão fazendo com o maior fundo de pensão da America Latina, a PREVI.
Acredito que assim fazendo, até o pessoal da ativa, que embora já tenha recebido a sua parte na partilha, se tocará e se juntará a todos nós.

Anônimo disse...

Relato aos colegas, afim de alguem puder esclarecer-me.
Em dezembro contratei um cdc que dizia cdc decimo terceiro, no valor de R$1500,00 consegui passar o Natal e Ano Novo mais folgado.
Ontem quando fui tirar o extrato, minha conta estava no vermelho, porque o banco cobrou ontem dia 15/01 este cdc que ao meu entender como dizia cdc decimo terceiro achei que era para abril, nao entendi nada, fiquei sem um centaco sequer e ainda devo para o banco, dia 20 quando creditarem a folha na conta ainda devo R$650,00.
Eu nao recebo salario de outras fontes somente a pensao da Previ, como pode o banco oferecer cdc decimo terceiro em dezembro e ja cobrar no dia 15 de janeiro?
Alguem ja passou por isto?

Estela Freitas

Jose Luiz-teteu disse...

Colega Marcos,

Muito oportuno as suas palavras. Voce esta colocando o dedo na ferida !!!!!

Anônimo disse...

Prezado Marcos,

Felicito-o pela iniciativa junto à Faabb. Sem dúvida, trará resultados práticos.
Referente à pressão junto ao Min. da Fazenda estou muito mais confiante no sucesso do pertinaz colega Rossi que em 14 de janeiro, sexta-feira à tarde, recebeu telefonema do sr. Quintiliano, conforme retranscrição abaixo da qual todos já tomaram conhecimento.
Grato,
Ari Zanella

"" João Rossi Neto disse...
Caros Colegas,

Novidades boas.....

Falei,neste momento, com o Dr. Waldir Quintiliano da Silva, Assessor da Fazenda, e o processo já se encontra em exame e será submetido, em caráter de urgência, ao novo Secretário, Dr. Nelson Barbosa.
Alegou, dando gargalhadas que sou muito persistente e pediu-me um pouco de paciência, que a coisa vai ser rápida.
Tão logo tenha o despacho, ele me dará ciência em primeira mão e devolverá os documentos ao BB, este a PREVI e essa a PREVIC.
Agora, tem luz forte no final do túnel.
14 de janeiro de 2011 09:44
Post “O MOMENTO” 14 de janeiro de 2011. ""

Anônimo disse...

Querido colega Marcos, no meu caso é calamidade mesmo, pois tenho um reescalonamento das minhas dividas ainda em andamento, em fase disto todos meus limtes de credito foram suspensos, ate meu cheque ouro virou bronze ficou com R$100,00 de limite (sem nada mesmo) o cartao a mesma coisa.
Falar com o gerente? de que banco, nao estao falando do gerente do banco do Brasil, nao é?
Somente se voce quer adquirir akgum produto do banco, se for falar em dividas, soluçao...Ate logo, tenha um bom dia!!
Dia 20, tambem fiz a burrada, diante do otimismo de alguns que o credito certamente viria na folha de janeiro, fiz compras no fim do ano para pagar dia 22, 23,24.
Adivinhem o que vai acontecer? Realmente uma CALAMIDADE, nao se compara com o sofrimento e a tragedia no Rio, mas para mim pessoalmente vai ser sofrida ja que tenho esforçado-me anos para nao ser inadiplente com minhas dividas, mas depois deste dia 20 nao tem jeito mesmo.
Serao telefonemas, cobranças, possivel desarmonia familiar, o seu gerente te olhando como se fosse um ladrao, larapio ou algo assim, é duro seu Marcos.
E tem gente falando ainda em otimismo e esperança, ora, vamos ser realistas!


Pensionista Marcia Azambuja

Anônimo disse...

Colegas,
Estou escrevendo sobre a malfadada comunicação de um dos diretores-PREVI, parece-me, dos eleitos. Em épocas éticas sabem o que aconteceria, S.Excia., nao concordando com o rumo dos acontecimentos, ligaria seu computador e em vez de dirigir-se aos aposentados, escreveria ao presi previ: "em vistas do rumo dos acontecimentos rogo minha demissão em caráter irrevogável."
Que saudade de Nestor Yost e sua Diretoria que tomavam as decisões em favor dos funci, em pleno arrocho ditatorial - geralmente adiantamentos de VPs,venda de férias, etc.geralmente alguns nunca cobrados e os diretores no primeiro intervalo ligavam para seus cabinetes e diziam: transmitam aos colegas aprovamos isto e isto.Aqueles eram HOMENS.

Anônimo disse...

Aos Colegas do Estado do RIO de Janeiro.

VOCES PODEM USAR O PAS-ADIANTAMENTO vitímas de catrastofes,aposentados e pensionitas também tem direito.

Limite de 20 mil reais em 48 meses para fazer o pagamento,sem cobrança de juros.

Ele é muito usado para dentista,compra de lentes de contatos e verbas glosadas da Cassi,mas em situação de catrastrofe é liberado também.

Tem que pagar mas é uma ajuda de certa forma,Oferecida pelo Banco do Brasil S.A.

Anônimo disse...

Marcia, mas é isso mesmo minha querida. Acredite se quiser uma estagiaria me fechou a porta na cara quando fui renovar a Cassi para minha filha que havia completado 24 anos! Ela não sabia me informar nada. Mas não ficarei quieta pois acho um desrespeito. Disse a minha gerente que irei reclamar para a ouvidoria, ela me respondeu: A senhora é quem sabe! Eles não estão nem ai conosco.
Tem outra, quandi vi o meu contra cheque pela internet chorei eu e meus filhos!Mas fique ciente de uma coisa: Deus não desampara as viuvas!! Beijoss

Marco Aurelio Damiano - Guaxupé-MG disse...

Colegas,

Às vezes, a gente tem que se colocar no lugar do outro para poder entender certas coisas. No caso, na posição do secretário-executivo do Ministério da Fazenda.

Vejam bem. Ele recebe um acordo, baseado num "memorando de entendimentos". Verifica que o principal ponto que interessa ao ministério não está explicitado no tal acordo, qual seja, a doação de 50% do superavit para o BB, porque o tal "memorando de entendimentos" só faz menção às PROPOSTAS ALI DELINEADAS e a transferência dos 50% não faz parte das propostas.

Sabendo que essa doação seria de fundamental importância para o enquadramento do BB nas exigências do Acordo de Basiléia III, principal objetivo do "acordo" e que nos tinha sido ocultado no período de votação, pergunto, como é que ele vai poder despachar esse processo?

Anônimo disse...

Os gerentes do BB estão pressionados em cumprir metas, a situação crítica dos aposentados e pensionistas não interessa-lhes.

Apesar de muitos aqui criticarem,dizendo que os colegas gastaram demais sem condições e porisso chegaram à essa situação financeira insolúvel, a meu ver, ninguém tem o direito de julgar minguém não sabemos os motivos nem os acidentes de percurso por que passou cada um. Temos mais que achar soluções, muito boas suas palavras, neste post SR MARCOS, queremos do BB ajuda financeira, afinal temos créditos à haver do superávit, se ele socorre acidentados de enchentes, nos também estamos acidentados e feridos com tamanha ingratidão do BB ao qual doamos nossos melhores anos da vida com trabalho sério e responsável, para nos encontrar nessa situação e somos a grande maioria quase 70% tem ES, isso prova que nosso benefício não cobre nossa despesa, necessitamos de revisão dos beneficios urgente, mais a Previ não consegue nem creditar os desgastados 20%.

Precisamos de uma linha de crédito especifica por conta do superávit, o BB poderia providenciar em carater de urgência, afinal ele nos tomou metade do superávit se adiantasse nossa parte para colocarmos em ordem nossa vida financeira, ele ganharia com os juros a outra metade sem riscos, débito em folha, seria bom para o BB e bom para nós.

Anônimo disse...

Colega Marco Aurélio,

Você tem certeza absoluta de que o motivo do entrave no MF é mesmo esta não explicitação dos 50% ao BB? Não que eu duvide do amigo, só gostaria de saber se este é um dado concreto ou se baseia nas conjecturas. Estranha esta posição da Fazenda poir o Acordo foi previamente elaborado com a participação de TODOS os órgãos envolvidos, inclusive o Ministério da Fazenda. Será que o Nelson Machado vacilou e o Nelson Barbosa captou?
Ari Zanella

langoni disse...

Prezado Marco Aurelio Damiano,

A própria Presidente da FAABB já havia comunicado que o citado Memorando de Entendimentos não fazia referência a Res. 26. Talvez estratégia. Caso consigam derrubar tal resolução, o Banco usa em sua defesa o plebiscito, que a todos querem provar, teve mais de 80% de aprovação. É esse o percentual que vai passar para a história.
Outro ponto do referido Memorando de Entendimentos que poucos talvez tenham questionado, é o Banco citar o acordo firmado em 1997, oportunidade em que unilateralmente definiu seu direito a 2/3 de todo o superávit que a Previ viesse a ter dalí para a frente. Comenta-se que para apuração do superávit daquele ano, usaram inclusive todo o saldo da conta CAPEC, que apenas recebia pagamentos dos funcionários, nunca tendo recebido qualquer valor do Banco.

Muita astúcia, para não dizer outras coisas ...

Langoni

Anônimo disse...

Ao Marcos Damiano:
Simples. Por que o Banco já contabilizou o dele. O que está sendo submetido aos orgãos governamentais é o regulamento do plano de benefícios - Previ 1. Que eu saiba, jamais o Banco poderá ser enquadrado como "assistido" nos regulamentos. O Banco tem direito apenas a contabilizar no balanço, por força da resolução 26 uma parte do superavit. Agora vamos supor que o MF exiga que no regulamento do Plano de Benefícios, o Banco passe a ser também "assistido", aí mesmo é que estará configurado uma fraude em relação ao D. Lei 109??

Anônimo disse...

Sr. Marcos

Seria possível o senhor disponibilizar o link, para termos acesso a esta carta do Paulo Assunção?

Anônimo disse...

Preciso urgente ter acesso à carta do Paulo Assunção, como devo proceder?

Anônimo disse...

Preciso ter urgente acesso ao documento emitido pelo Paulo Assunção, como devo proceder?

Anônimo disse...

Colegas,
Realmente o Memorando não cita, em nenhum momento, percentual algum ou faz referencia à Resolução 26, que se encontra sub judice.
Solicita, formalmente, à Previ que proceda aos estudos para implementação dos Beneficios Temporarios, mas não direciona recurso algum ao Patrocinador.
Entretanto, o Documento foi redigido e assinado pelo BANCO DO BRASIL e há que ser respeitado.
Se está errado, que puna os responsáveis. Não é assim que o Banco age?
Por outro lado, desconhecemos a proposta elaborada pela Previ, que está tramitando nos orgãos responsáveis. Esta pode levar em seu bojo, algo que tenha sido omitido no memorando, mas que já era pacifico na negociação.
A palavra final será da Previc.
Pode haver surpresa.

Anônimo disse...

Fiquei feliz com esta postagem do colega:

Novidades boas.....

Falei,neste momento, com o Dr. Waldir Quintiliano da Silva, Assessor da Fazenda, e o processo já se encontra em exame e será submetido, em caráter de urgência, ao novo Secretário, Dr. Nelson Barbosa.
Alegou, dando gargalhadas que sou muito persistente e pediu-me um pouco de paciência, que a coisa vai ser rápida.
Tão logo tenha o despacho, ele me dará ciência em primeira mão e devolverá os documentos ao BB, este a PREVI e essa a PREVIC.
Agora, tem luz forte no final do túnel.
14 de janeiro de 2011 09:44
Post “O MOMENTO” 14 de janeiro de 2011. ""

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

A Carta supostamente da autoria do Diretor Paulo Assunção não teve sua autenticidade comprovada pela UNAP-BB (www.unap-bb.org.br), através de cujos Grupos de relacionamento chegaram ao conhecimento deste Blog e em função do que não podemos divulgar.
Os interessados em conhecer o texto devem se dirigir aquele Movimento ou ao Blog do Medeiros(medeirosrs.blogspot.com, FAABB (faabb@hotmail.com) e outros sítios que a têm mencionado.

Anônimo disse...

Somente posso dizer que com este atraso da Previ, em relaçao ao credito, por conta do desprestigio da sua diretoria junto ao governo ou a determinado Ministerio, vai causar muitos estragos, por assim dizer, na vida de muitos colegas, e , tem efeito direto em suas familias.
Deveriam em carater de urgencia providenciarem as aprovacoes em Brasilia, para que ate o fim da proxima semana, que acaba dia 21, o credito ja estivesse disponivel.
Isto sera possivel?
Nao ha nada impossivel quando se tem força de vontade.
Porém, eu tambem pergunto: Porque este processo esta empacado na Fazenda?
Nao deveriam ter a maxima prioridade por tratar dos interesses dos aposentados, pensionistas e idosos?
Tambem acho que deve que acontecer alguma coisa ate o dia 21, pois o assunto do superavit é o destaque do momento demtro e fora do banco.
Este clima de desolaçao que presencio, nao pode permanecer ate o fim de janeiro, pois com certeza vai ficar bem pior.
Nossos colegas de banco nao merecem passar por isto.

Carlos Couto

Henrique Soares disse...

Gostaria muito de ter o dom da escrita e ser mais entendedor de tudo o que se passa envolvendo: PREVI, BB e nós Aposentados. Eu que algum tempo atrás cheguei a julgar-me inteligente, vejo que não sou. Mas como aqui a democracia impera, arrisco-me a palpitar. Acreditando em tudo o que lí relativo quando da proposta do Superávit encabeçada pela PREVI/BB, não resta dúvida de que ao menos a PREVI tem certeza absoluta de que vamos receber o que foi acordado e "imposto", de alguma forma por eles. Em sendo assim, não acredito que seja ao Banco do Brasil que devamos recorrer, (Vocês sabem o que sinti quando visualizo aquele logotipo azul e amarelo?) Seria um desgaste profundo pelo qual passaríamos, uma espécia de humilhação. Pelo lado deles, acredito que entenderiam nossas propostas como que vinculadas a garantia do nosso recebimento do SUPERÁVIT. Como é que achamos que eles iriam proceder?... Prá bom entendedor, meia palavra e mais nada. Então quem acredito não ter como fugir e nem escapatória pra nos dizer um SIM agora, é a PREVI. E, o que seria um negoção pra ela. Senão vejamos: De pose, acredito, de quanto vai nos pagar nesses 60 meses, não custa nada a ela, PREVI, fazer o que gostaríamos que o Banco do Brasil fizesse e não fará. Por conta dessa garantia seria aumentada nossa margem consignável, consequentemente nós teríamos a oportunidades de nos adiantarmos um maior valor afim de diminuirmos nossos gastos na Farmácia. Colegas, vocês sabem quanto custa um Zyprexa? R$ 663,00 (seiscentos e sessenta e três reais) Tolrest, Frontal e etc... Sempre digo que as duas tarefas mais difíceis do Homem são: 1 - Seguir a Deus e 2 = Seguir a si mesmo. Posso jurar que assim como eu, todos os colegas que passam por aqui estão mais tensos pelas contas que vão chegar e que estão chegando do que ansiosos pelo dinheiro que não se ver. Relutei em colocar aqui o endereço de meu blog que já tenho algum tempo com colaboração de meu Pai, também aposentado do BB. É um blog sem pretensão, mas lá eu me sinto mais transparente. Quando você colega, estiver sem fazer nada me visite. Aí vai entender que sua passadinha por lá deve ter me deixado muito feliz. parafernaliasepalavras.blogspot.com = Não é necessário colocar o www.

Lena. disse...

Marcos, essa foi a mensagem que enviei hoje (16/01), às 17:10 à Ouvidoria do Ministério da Fazenda e estou aguardando resposta:

"Boa tarde, meu nome é Maria Helena Gonçalves Leal, sou pensionista do Banco do Brasil, matrícula 17055020-6 e venho através deste canal pedir encarecidamente alguma notícia ou esclarecimento acerca do Superávit da Previ, pois para que votássemos fizeram uma campanha monstruosa e depois que votamos a favor, o que sobrou foi um silêncio que não quer "calar" por parte de todos os "poderosos" que praticamente suplicaram o nosso voto. E agora? Na época da votação a Previ informou que caso a votação fosse favorável, faria o possível para que os créditos na nossa conta ocorrecem até o final de dezembro, e caso não ocorressem provavelmente ocorreriam em janeiro. O grande problema é que devido a tanta campanha e tanta certeza do crédito, com a dita vitória de mais de 80% dos votos a favor, muita gente, assim como eu, acabou se endividando um pouco mais do que devia, pois acreditamos em tudo aquilo que nos estava sendo mostrado e agora não sabemos o que fazer e a quem recorrer. Por isso peço encarecidamente um esclarecimento acerca deste evento que tanto tem tirado o sono, não só meu mas de tantos outros aposentados, pensionistas e ativos do Banco do Brasil.
Desde já agradeço".

Se os caros colegas se quiserem mandar suas mensagens, pois é do interesse de todos, é só acessar:

https://portal.ouvidoria.fazenda.gov.br/sisouvidor/autoatendimento/cadastro/formularioMensagem.jsp

Lena. Rio.

Anônimo disse...

Amigos,
É bom que "guardem" muito bem este memorando de entendimento assinado pelos negociadores e também a mensagem da Sra.Isa Musa de Noronha quando disse que não constava do memorando que o banco poderia teria direito a metade? do superavit.
Vai que "de repente" aparece um novo texto "consertando" o primeiro, aí será fácil provar a adulteração e até anular o plebiscito.
Não duvidem que o banco possa fazer isso, uma empresa que demite milhares de funcionários para se apropriar de suas reservas previdenciárias e na mão grande "pega" bilhões de reais de velhinhos indefesos, é capaz de tudo.

Mauricio Furtado
Mov nacional dos demitidos do Banco do Brasil

Anônimo disse...

Por favor,

Alguém que tenha acesso ao pessoal importante da Anabb poderia fazer a gentileza de pedir para colocarem novamente no site a foto do Camilo com o ministro Bernardo? Êta foto linda! Quem sabe na mesma mão registram para quando combinaram a efetivação do crédito...

José Roberto Eiras Henriques disse...

Colegas,

Esse Paulo Assunção é de uma cara de pau que não tem tamanho, depois de engabelar todos os participantes do PB1 com o malfadado referendo e obedecer cegamente as diretrizes do Banco do Brasil para surrupiar nosso patrimônio, agora vem pedir para que façamos pressão junto às autoridades que assinaram o memorando de entendimentos e termo de compromisso, como se já não o fizéssemos. Se a Previ, as entidades que negociaram os termos e o Banco do Brasil, o principal beneficiado, não conseguem pressionar para concretizar essa espúria negociação, imagine nós simples participantes!

Por que só agora, quase trinta dias após a aprovação do referendo o Sr. Paulo Assunção resolveu por essa atitude? Até agora esses dignos representantes se mantiveram calados sem ao menos uma pequena informação sobre o andamento do processo. Esse mutismo se estende a todos os representantes de todas as entidades que nos representaram no acordo: ANABB, Contraf-Cut, FAABB e outras Associações de Aposentados. Nos abandonaram por todo esse período, talvez curtindo férias em algum Resort de luxo.

Sr. Paulo Assunção, com esse pedido, quase uma súplica, claramente confessa a incompetência e a subserviência sua, e de todos os diretores da Previ, ao Banco do Brasil e ao Governo Federal.

São José do Rio Preto - SP

Anônimo disse...

Marcos, não seria razoável a Previ aumentar o limite do empréstimo simples pelo menos temporariamente para que consigamos honrar nossos compromissos, já que acreditamos em suas promessas, que nunca antes foram descumpridas? Que tal essa associação fazer gestões junto a ela ou então a Faabb?
Um abraço.

Lena. disse...

Colega Estela Freitas,
O CDC 13º do BB é descontado em 20 de novembro no recebimento do 13º ou em 15/01 do ano seguinte (o que ocorrer primeiro). Também passei pelo mesmo problema, pois contratei essa modalidade de empréstimo aproximadamente em julho do ano passado e no recibo do documento de empréstimo constava o vencimento em 15/01, porém eu não atentei para as entrelinhas que dizia que poderia ser descontado no momento do crédito do 13º em novembro. O seu só não foi descontado em novembro porque você pegou o empréstimo depois, em dezembro.
Espero ter ajudado.
Abraços.
Lena. Rio.

Anônimo disse...

A Previ precisa entender que muitos de nós não tivemos gastos surperfluos, foi o custo de vida que subiu muito principalmente o aluguel!!!Aposentados e Pensionistas estão ganhando muito pouco!!! Quem olhará por nós?

Anônimo disse...

ATENÇAO COLEGAS ENDIVIDADOS

FALEI COM UM COLEGA QUE É AMIGUISSIMO DE UM GERENTE BB, E ELE DISSE QUE A PARTIR DO DIA 18 O BANCO VAI ABRIR COMO DE COSTUME A LINHA QUE ANTECIPA PARTE DO DECIMO TERCEIRO DA PARCELA QUE VEM EM ABRIL.
SEI QUE NAO É UMA GRANDE NOTICIA, MAS ENQUANTO SE ESPERA O DESENROLAR DO CREDITO SUPERAVIT É UMA SOLUÇAO PARA ALGUNS OK.
CONFIRMEM COM SEUS GERENTES OU ATE O NOBRE COLEGA MARCOS CONFIRME ESTA INFORMAÇAO.
MELHOR QUE CORRER PARA ALGUMA FINANCEIRA E PAGAR JUROS ABUSIVOS.

ABRAÇO GILBERTO PASSOS

Marco Aurelio Damiano - Guaxupé-MG disse...

Colega Ari Zanella,

Infelizmente, não disponho de nenhuma informação concreta, trata-se apenas de uma suposição que elaborei com base nos fatos.
No presente momento, com os dados e informações incompletas que dispomos, a gente só pode trabalhar com conjeturas.

A minha conjetura acima se deveu apenas a uma análise daquilo que estava escrito no tal “memorando de entendimentos”.
Pelo andar da carruagem, acho bem provável que nunca vamos ter acesso à verdade completa sobre alguns aspectos desse nebuloso processo de negociação. Pode ser que tenha acontecido até como você disse, "um vacilo". Por exemplo, ao final da tal reunião, a colocação de uma assinatura apressada sem uma análise adequada daquilo que estava escrito e que pode ser diferente, em algum aspecto, daquilo que foi discutido. Mas, nesse caso, só um participante daquela reunião poderia nos dar uma impressão mais correta a esse respeito.

Agora, por um outro lado, pode estar acontecendo também a hipótese aventada pelo colega Anônimo das 09:44 horas. A de que a proposta elaborada pela Previ e que se encontra no Ministério da Fazenda seja diferente do “memorando de entendimentos”.
Como sugeriu aquele colega “Esta (a proposta da Previ) pode levar em seu bojo, algo que tenha sido omitido no memorando, mas que já era pacifico na negociação.”
Entretanto, nessa última hipótese, não se entenderia qualquer dificuldade colocada pelo Ministério, a não ser pelas tais divergências políticas já comentadas.
De qualquer modo, acho que nós só teremos uma noção mais exata dos fatos depois que o Ministério e a Previc aprovarem (se aprovarem) o acordo e, finalmente, o texto do "acordo" vier a público. Por enquanto, só conjeturas.

Anônimo disse...

Marcos, o pessoal esta fazendo exercício demais a respeito da votação do superavit.

Foi colocado em votação apenas a forma de distribuição do superavit para nós aposentados e os da ativa. Nada mais do que isso.

Em relação aos 50% para nós e 50% para o Banco está previsto na Resolução 26 e independe de nossa vontade e de nossa aprovação.

Tanto que o "acordo" não menciona o Banco em momento algum e nem aos 50% que lhe compete com fulcro na Resolução 26. Enquanto ela estiver vigente vamos ter que engolir em seco.

Quanto a legalidade da Resolução é outra coisa.

A Resolução 26, ao que nos consta, é ilegal e fere princípios constitucionais.

Devemos deixar de fomentar e estressar os colegas por que isso não faz bem a ninguém.

Precisamos ser mais coerentes e objetivos.

O que faz bem é discutirmos e achar uma solução viável para uma ADIN.

Boa sorte a todos

Anônimo disse...

Prezados colegas, infelizmente, a previsao que li aqui no blog esta começando a e cumprir,
Tem colega que teve um principio de infarto depois que viu a sua folha de janeiro, inclusive ja pedi a um colega que peça autorizacao a familia para publicar o nome, matricula e cidade para comprovar este fato.
Agora, imaginem depois do dia 20, com as contas, faturas, cheques, enfim tudo atrasando, e os colegas pegos de surpresas por conta deste atraso do credito do superavit.
Que coisa lamentavel.
A Previ e o Banco precisavam dar uma soluçao nem que fosse provisoria.

Eduardo Wendt

Anônimo disse...

Alguém pode comprovar este post, que reproduzo abaixo?

Fiquei feliz com esta postagem do colega:

Novidades boas.....

Falei,neste momento, com o Dr. Waldir Quintiliano da Silva, Assessor da Fazenda, e o processo já se encontra em exame e será submetido, em caráter de urgência, ao novo Secretário, Dr. Nelson Barbosa.
Alegou, dando gargalhadas que sou muito persistente e pediu-me um pouco de paciência, que a coisa vai ser rápida.
Tão logo tenha o despacho, ele me dará ciência em primeira mão e devolverá os documentos ao BB, este a PREVI e essa a PREVIC.
Agora, tem luz forte no final do túnel.
14 de janeiro de 2011 09:44
Post “O MOMENTO” 14 de janeiro de 2011. "


Realmente alguém tem noticia fresquinha sobre o caso?

Anônimo disse...

"No momento em que uma catástrofe natural se abate sobre alguns estados brasileiros, o banco do brasil meritoriamente acorre em socorro às vítimas, disponibilizando seu potencial financeiro, através de linhas de crédito especiais".
Nem em momento de tragédia a ganância do BB deixa de ser notória, disponibilizar linhas de crédito especiais, meu Deus, o povo perdeu família, casa, móveis, tudo e o BB ainda quer se fazer de bom prá lucrar sobre eles?
O povo não tem dinheiro seu Bendine, não seria mais elegante o banco disponibilizar um fundo de socorro àqueles que perderam tudo?
Outro assunto,
Eu não sei se é virtude ou defeito, mas eu sou um otimista sem limites, creio, podem até me chamar de louco, que antes do final do mês de janeiro, o dinheiro vai tá na conta. Vale a pena conferir.
..."Andar com fé eu vou, a fé não costuma falhar..."
Josué Jorge Jr - PR

Lena. disse...

Só está faltando apelar-mos para as entidades:POMBA GIRA,TRANCA RUA,JOÃO SETE CHAVES,PRETO VELHO,MARIA PADILHA,ETC...ETC... PORQUE ANABB E AAFBB,FIZERAM IGUAL O AVESTRUZ. MARCOS E DEMAIS COLEGAS QUE SITUAÇÃO A NOSSA!! ESTOU PENSANDO EM VIRAR MULHER BOMBA E IR LÁ PARA A PREVI. DESSE JEITO VOU INFARTAR! ABRAÇOS.Lena.RIO.

Anônimo disse...

Eu disse gente crédito superávit só depois do carnaval, primeiro dia doa ano de 2011!

Anônimo disse...

Francamente, ja que o banco ficou com metade do que era nosso por direito, podia pelo menos fazer a sua obrigaçao de dar prioridade aos seus aposentados, liberando uma linha de credito para pagamento no credito do superavit.
Isto é o minimo que podiam fazer.
Pronto ja era uma soluçao provisoria para estes colegas em situacao complicada agora dia 20.

Pacheco

Anônimo disse...

Infelizmente nao pude conter-me, gostaria de nao entrar como anonimo e tambem citar uma fonte, mas neste inicio de novo governo nao tem como voce querer se expor, seria o mesmo que estar num campo aberto com os atiradores todos de luneta, o tiro seria certeiro.
Como li certos textos e mensagens aqui postados, de aposentados em situacao critica financeiramente falando e, tambem levando em conta o jogo TRUNCADO que o Ministerio da Fazenda este fazendo, tenho que elogiar a atitude nobre do sr.Rossi que foi em busca de respostas, fazendo as pergubtas CERTAS, porém, sr.Rossi o problema encontra-se realmente na Fazenda, se conseguirem fazer o processo sair aprovado de lá, a Previc sera rapida no desfecho final e, com certeza ate o dia 28 ou muito antes, o credito já estaria nas contas.
Desejo-lhes sorte.

Siqueira (um colega solidario)

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Caro amigo Marcos,

Ainda não sei acessar e participar do blog mas tenho visto que voce divulga nele meus
comentários....alguem já pediu orientação ou um passo a passo de como fazer....seria interessante.

De qualquer forma, ainda bem que temos voce e que Deus te abencoe muito pois tem sido
o alento de muitos, a força, a união....a orientação.....

Esse tema é excelente e acho que devemos criar um cadastro de troca de informações e
conhecimento de medidas práticas e rápidas para a situação e o importante é sempre pensar que
não importa o motivo da situação financeira instavel....pode ser tantos....até a idade de filhos em
faculdade, que não pode ser deixada para mais tarde, postergar a venda de um imóvel...pois as
vezes o endividamento é uma pequena parte dele...ou....tantas coisas....já passei por tudo e,
indico abaixo, a nivel nacional e outros, para soluções imediatas,rápidas, com crédito no mesmo
dia...só levar os hollerits, documentos pessoais......são instituições sérias e
direcionadas a funci da ativa do BB e aposentados...não sei quanto a pensionistas.

NACIONAIS

www.poupex.com.br...emprestimo simples....061 - 3314-75-39...3314-7540 e 0800-613040

- Tem escritorio regionais em quase todo Brasil

www.cooperforte.com.br - Cooperativa de Crédito

- Tem emprestimo, adiantamento de 13 salario...em S.Paulo e Brasília

- 0800 613766....011-3107-2063

SÃO PAULO

www.bancredi.com.br - Cooperativa de crédito para todos bancários...de São Paulo, ABC, Osasco
e mais locais....consultar o site...vários escritorios em S.Paulo e região...emprestimo mensal, adiantamento de

13 salário....adiantamento de restituição de IR.

www.crediscoop.com.br -Cooperativa de Crédito para aposentados BB e outras instituições...

Praça Antonio Prado,33 - 16º- S.Paul0 - 3242- 3341


Volto a ressaltar que são instituiçoes altamente idôneas....já as conheço e utilizo a tempos....é uma
excelente opção para várias situações pela prática de juros baixos e melhor remuneração em aplicações.

Se alguem tiver mais alguma boquinha.....

Dessa vez vou ser

Anonima....por motivos óbvios

Anônimo disse...

Colegas, eu não sou boa em cálculos, então alguém poderia me dizer, pelos valores do contracheque, (P300 e INSS) se dá para saber mais ou menos quanto vai entrar, dessa distribuição?

Anônimo disse...

Colegas, podem associar se , pois as uso sempre e estão sempre prontas a nos ajudar!!!

Anônimo disse...

ATENÇÃO ENDIVIDADOS !!!

Este é o relato sucinto, com algumas sugestões, daquele que passou quase seis anos pagando dividas (incluindo o BB claro).
Sei que é vital para a maioria das pessoas honradas ter o nome limpo. Mas descobri que o mais importante é ter saúde e poder garantir a sobrevivência.
Fiquei cinco anos negativado.
Quando estourou tudo lá no BB, meu gerente, que nunca me ligava, me achou rapidinho. Fizemos um pacote completo de renegociação (CDC, cartao, cheque especial): devia 30 mil. Iria pagar 60 mil em cinco anos. Apenas 30 mil de juros. Bom negócio né?!
Hoje nao tenho nem quero ter cheque especial ou cartao.
Descobri uma coisa importante. Tirando aquilo que o Banco APROVISIONA para o dia 20, todos os demais compromissos podem ser evitados numa emergencia.
Durante um ano transferia o saldo da minha conta para a poupança.
POUPANÇA não é conta-corrente. Os débitos automáticos não a atingem. Nem os cheques. Não tendo resgate automático ninguem pode mexer na poupança. Nem os gerentes. E eles sabem disso.
Entao transferia o que sobrava para lá. Sacava direto da poupança nos terminais de auto-atendimento, conforme a necessidade, e pagava as contas na lotérica mais proxima.
Aos poucos fui me equilibrando.
Abraços e boa sorte.
Anônimo da Ativa.

Anônimo disse...

Colegas e ANABB que não faz nada, fica de bico calado, fazendo de contas que nada tem a ver com o assunto. Vamos também cobrar um posicionamento dessa entidade, afinal, ela existe para servir aos funcionários/aposentados do Banco do Brasil.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Do ESTATUTO da ANABB:

Art. 2° São finalidades da ANABB:

I - zelar pela integridade do Banco do Brasil...

Anônimo disse...

colegas, o BB é muito esperto.Reescalonei uma dívida de R$18.000,00 , em 2005, em 60 vezes de 807,00. Cortaram tudo, tudo. Terminei de pagar, começaram as ligações do BB, cheque especial,cartao. e eu, graças a DEUS,disse e digo prefiro aquele cartaozinho azulzinho mesmo, só pra saque e olhe lá. BB JAMAIS...., e com esta taxa que parcelaram pra mim(tx. especial para funci)de 2,9 a.m. ,qualquer agiota faz por menos.

Anônimo disse...

Bem que Dona Isa dizia que não havia assinado acordo nenhum dando 50% para o Banco e que a carta de entendimento sequer fazia alusão à Resolução 26. Agora todos sabemos que era verdade. Dona Isa não deu dinheiro ao Banco e por esse motivo o processo está parado no Ministério. E agora? Com todo mundo querendo dinheiro vamos autorizar, vamos escrever dizendo que o BB pode ficar lá com 50%? De que lado ficaremos?

Paulo Segundo disse...

Se o Senhor Waldir Quintiliano da Silva assessor da fazenda disse dando gargalhadas que o processo vai ser rápido para o Rossi, imaginem se fosse demorado?O processo foi enviado pelo DEST dia 27/12 para a Fazenda, e até hoje dia 17/01, não foi aprovado!Que agilidade canhestra é essa que a fazenda pronuncia em fazer?

Anônimo disse...

Ao anonimo das 3:21 hrs.
Cobrei, nesta data, Anabb, eis a resposta e a resposta:
Pergunta:
Gostaria de saber, exatamente o que está ocorrendo com o crédito ref. superávit ? Que medidas esta entidade adotou para agilizar o crédito?
Resposta:
Prezado Claúdio, esclarecemos que as propostas de utilização do superávit, aprovadas pelos participantes do plano de benefícios 1 da PREVI, estão no Ministério da Fazenda para análise e ratificação. Em seguida, as propostas serão encaminhadas à Superintendência Nacional de Previdência Complementar - PREVIC, para homologação, quando poderão ser implementadas pela PREVI. A ANABB está acompanhando todo o processo de aprovação das propostas e esclarece que a demora na manifestação do Ministério da Fazenda ocorreu em razão do período de final de ano e da alteração de governo. No entanto, o Ministro Paulo Bernardo se comprometeu, pessoalmente, a interceder junto ao Min. da Fazenda e à PREVIC para agilizar o processo de aprovação desses órgãos, para que seja feito o pagamento aos participantes. Agradecemos seu contato.
Atenciosamente,

Reilla Santos
Atendimento ao Associado
ANABB/VIREF

Cláudio-Piracicaba-SP

Anônimo disse...

Será que a Previ vai creditar adiantamento por conta do superavit, no próximo dia 24.01 (Dia do aposentado), seria um presente aliviador para todos nós aposentados e pensionistas.Quem vive verá?

Anônimo disse...

Buenas.
Será que isto se aplica a exclusividade do BB, quanto a folha da PREVI?
http://www.anabb.org.br/mostraPagina.asp?codServico=33&codPagina=41205
Quem sabe né?

João Rossi Neto disse...

Colega Paulo Segundo,

O motivo das gargalhadas do Sr. Waldir, refere-se ao fato de que ligava três ou quatro vezes ao dia. Então ele disse sorrindo, Rossi o Senhor é persistente (eufemismo para não dizer que estava enchendo o saco) demais, tenha um pouco de paciência. Parece que você leu e não entendeu nada. O assunto é sério e comporta chacotas. O blog é monitorado e gracejos gratuitos podem surtir o efeito contrário.

Anônimo disse...

Gente.. O que é isso? Enquanto as pessoas estão morrendo no Rio levadas pela enchente vem aposentado do BB dizer que está a pão e água? Ora... Não estão exagerando não? Nós temos nossos benefícios normais e o crédito do superávit será um plus... Pensem um pouco nos outros. Nosso crédito pode demorar mas todo dia 20 nosso beneficio normal é creditado. Parece até que estamos mesmo como as pessoas de Petrópolis, Teresópolis, etc sem teto, sem roupas, sem comida. Deveriam ter vergonha de comparar a falta do crédito a calamidade no Rio de Janeiro.

Anônimo disse...

O interessante é que ainda propagam o desgastado discurso de "tortura nunca mais". Como então chamaremos o que estão fazendo com aposentados do PB1? Prevalece o ditado "pimenta no dos outros é refresco".

Anônimo disse...

Sabem quando a ANABB se preocupará com os aposentados? Nunca!....Vide Art. 2 - I, reproduzido no post do Marcos (03:38).
A Anabb se preocupa, sim, com a cooperativa de habitação que criou, com seu plano de previdência criado, com a fatia do tratamento odontológico, etc...e agora com o acordo apara a construção civil firmado com o BB, o que, aliás, conseguiu com o apoio dado ao repasse dos 50% para o banco, condição exigida.
O que esperar de uma instituição que deveria defender seus associados e passou para o "lado de lá"?

Anônimo disse...

Bom, é o seguinte, nao vou ser mais um escrevendo lamurias, ja encarei os fatos e depois do dia 20, tenho que lidar com este grande enrosco que EU MESMO CRIEI, nao sou criança e nem um jovem sem experiencia, infelizmente CAI NO CANTO DA SEREIA que cantava que o credito viria em janeiro, fiquem tranquilos diziam...
Pois é, agora o barco afundou, ja estou de colete salva vidas, quanto tempo aguentarei?
Mas prometo que se o credito nao vier em janeiro, vou trocar totalmente de banco, nem CASSI quero mais, terei o banco do Brasil apenas para receber meu provento, cai o pagamento num dia e na mesmo hora eu transfiro para outro banco. Chega de valorizar quem nao tem um pingo de respeito por aqueles que ja foram seus proprios funcionarios.
Aconselho a quem puder, que faça o mesmo, pois verao ainda os seus gerentes telefonando para saber porque procedem desta forma.
Eu darei o troca a minha moda, sei que nao é grande coisa, mas é melhor que continuar prestigiando um banco que nao merece mais tal valorizaçao de seus proprios funcionarios.
Queria ver se pelo menos trinta por cento dos aposentados e pensionistas fizesse o que vou fazer, se o Banco nao voltaria a oferecer limites de credito diferenciados novamente e hoje o credito do superavit ja nao estaria nas nossas contas.

Artur Campos Vilella

Anônimo disse...

EU NEM ESTOU ACREDITANDO, COMO O MUNDO DÁ VOLTAS, NAO É?
O MEDEIROS NO ULTIMO ESCRITO, AGORA OONVOCA TODOS PARA UM PANELAÇO DIA 24.
É, VOU MORRER MESMO E NAO VOU VER TUDO!!
LOGO QUEM, DEFENDENDO E CONVOCANDO EM CARATER DE URGENCIA PARA UM PANELAÇO.
NEM VOU DIZER MAIS NADA.

GILBERTO CUNHA

Anônimo disse...

CONCORDO COM O SR.ROSSI, A COISA JA ESTA BASTANTE CRITICA. YEMOS QUE PARAR COM CERTAS CHACOTAS, PODEMOS BRINCAR, MAS SEM SATCASMOS, O MOMENTO É DE GRANDE SUSPENSE, VAMOS COLABORAR COM O NOBRE COLEGA ROSSI QUE TEM SIDO QUASE UM ANJO DA GUARDA EM BUSCA DOS NOSSOS INTERESSES, SE SAIR ALGUM CREDITO EM JANEIRO, SE DEVE AO EMPENHO DELE, DOS CONTATOS POSITIVOS COM A FAZENDA E QUEM SABE POSTERIORMENTE COM A PREVIC.
VAMOS FICAR NA TORCIDA QUE TUDO SE RESOLVA QUEM SABE ATE O FIM DESTA SEMANA.
COLEGAS NOSSOS ESPERAM COM ESPERANÇA A SOLUÇAO.

NESTOR ZANIN

Anônimo disse...

NAO, NAO , NAO ACREDITO!!!

O MEDEIROS CONVOCANDO PARA PANELAÇO NA PREVI, ACHO QUE A CASA CAIU MESMO.

VOU FICAR A PARTIR DE AGORA POR AQUI MESMO. O SR.ROSSI ME PASSA MAIS CONFIANÇA COM SEUS CONTATOS DIRETOSS E MUITO EFICAZES.

MEDEIROS CONVOCANDO UM PANELAÇO, SE ME CONTASSEM EU NAO ACREDITARIA.

RUBENS SILVEIRA

Ronaldo F. Moreira disse...

Como já venho postando mensagens aqui informando que deveríamos iniciar, além da desfiliação às entidades "entreguistas", como a ANABB e AAFBB, um boicote ao BB, mesmo que nossas contas não sejam as mais interessantes, manifesto minha TOTAL CONCORDÂNCIA com a mensagem acima do colega Artur Campos Vilella às 06:44. É isso mesmo!
Chega de blá, blá, blá, temos que agir!!

Anônimo disse...

Com todo o respeito, pela primeira vez senti que infelizmente o colega Medeiros esta mais perdido do que cego em tiroteio, ele fala na possibilidade do credito sair no dia 24 e convoca todos para um panelaço na mesma data, ainda fala em comparecerem com nariz de palhaço, que ele iria de gaucho e etc...
Esta complicado de entender a mensagem do Medeiros, começa a parecer que esta mesmo um tanto desonrientado com a situaçao.
Lamento ter que dizer isto, espero que ele e outros nao me tomem meus comentarios como agressao gratuita.
Mas digam-me, o que posso pensar?

Dionisio Cabral Filho

Anônimo disse...

PANELAÇO DISSE?
Já vou providenciar minha melhor panela para participar. Já, Já vou sair para comprar Bombril e dar aquele polimento. Como é para fazer pressão ... a minha panela é muito adequada ... é de pressão. Também vou dar uma passsadinha na COOPERFORTE para um emprestimo e comprar minha passagem para o Rio.
Me aguardem!

Anônimo disse...

Postei uma dúvida lá atrás, mas acho que não viram. Vou recolocar e se algum colega puder me esclarecer...

"Colegas, eu não sou boa em cálculos, então alguém poderia me dizer, pelos valores do contracheque, (P300 e INSS) se dá para saber mais ou menos quanto vai entrar, dessa distribuição?"

Anônimo disse...

O Medeiros está mesmo convocando para um panelaço. Como ele disse, precisa de alguém para organizar. Alguém aí do Rio se dispõe?

Anônimo disse...

Olha, eu apesar de ficar surpreso com a noticia do blog do Medeiros, convocando para panelaço na Previ, mas eu se confirmarem este protesto, pego um aviao, e sera o dinheiro mais bem gasto em muitos anos de vida.
Essa eu tenho que ver de perto, vou ate filmar, vai entrar para historia dos velhinhos, duvido, mas duvido mesmo que alguem la da Previ pudesse ao menos sonhar com tal coisa.
Sera uma pedra na vitrine da Previ que vive hoje mais de aparencias do que qualquer outra coisa.
Eu gostaria de ser uma mosca nesta hora para ver a cara dos diretores da Previ e do proprio banco do Brasil.
Se passa isto nos noticiarios, acho que vou ficar sem grana, mas com um sentimento de dever cumprido.
PANELAÇO JA!!

Manoel Paiva

Anônimo disse...

Ao colega Arthur Campos Villela,

Estou no mesmo barco que você, e acredito que milhares de colegas também, o que você escreveu é exatamente o que eu desejo. Dentro das condições, porque hoje é impossível, é transferir tudo que tenho para outro banco.
Inclusive, uma bandeira que levanto algum tempo, é a de liberdade de escolha para crédito de proventos da Previ. Chega de exclusividade ao BB. Já está na hora desse monstro começar a receber repressárias.
Josué Jorge Jr - PR

Anônimo disse...

Enquanto o crédito de Superavit não sai, mais uma baixa no time dos "velhinhos". Faleceu ontem (16.01), o sr. Cláudio Cerqueira Bastos, mais conhecido como Claudão, Prefeito de Itaperuna (RJ) no Norte Fluminense.
A família enlutada, nossos pêsames.

Anônimo disse...

Digam logo a Dona Isa que assine outro documento concordando que o Banco fique com a metade. Caso contrário ninguem verá a cor do dinheiro. Ela mesmo disse que no Acordo não estava escrito que concordavam com isso. Vai ver é o que está pegando. Alo dona Isa, corra e diga ao Ministério que o BB pode ficar com a metade!!!

João Rossi Neto. disse...

Nobre colega Jorge Teixeira - Araruama (RJ).

O homem enigmático, que escreve por parábolas. O seu texto é assaz subjetivo, parecido com as entrevistas do grande Caetano Veloso, onde ele fala muito e ninguém entende nada, ou não!

Anônimo disse...

Prezada(o) Anônima(o) das 07:33 hs.,

Voce FAZ o valor da verba P300(Compl. Previ) MULTIPLICADO por 0,2 (que é a mesma coisa de 20%). Depois, esse resultado, MULTIPLICA por 12. Terás o MONTANTE da primeira parcela.

Depois terás que descontar, do total acima:
- a) o Irpf (utilizar a Tabela da Receita Federal);
- b) os 3% referentes à contribuição para Cassi.

Salvo erro de minha parte o cálculo é desta forma.

Anônimo disse...

Minha amiga pensionista do BB esta se desfiliando da ANABB, mas para isso terá que escrever uma carta manuscrita e os motivos que estão levando ela a sair como associada. Eu serei a próxima.Mandei um email para lá perguntando sobre o superavit e o aumento das pensionistas e ainda nada de resposta.Sairei da AFABB também,apesar de ter um seguro de vida lá, mas farei em outro banco ou pelo Satelite.Esteu ficando desacreditada dessa PREVI!!!

mesquitasantana disse...

Apenas gostaria de fazer algumas observações a respeito deste movimento em defesa de nossos direitos junto à Previ:
a) Não acredito que brincadeiras em demasia (chacotas) possam realmente favorecer-nos em alguma coisa;
b) O Dr. Medeiros não é nenhum ignorante somente porque está convidando para um panelaço;
c) Acredito que se ficarmos somente nas lamúrias aqui no blog, cujo diretor é combativo por excelência, nossas oportunidades ficam muito restritas, já disseram que precisamos da imprensa, concordo, mas como? A não ser com o panelaço. Ainda não li aqui nada mais efetivo, nesse sentido. Vejam o caso do Bispo de Pernambuco qual o veículo se dispôs a divulgar a brilhante idéia do Prelado? Nenhum. Para que possamos ainda que em sonho contar com a grande Mídia, só fazendo muito barulho e com algumas centenas de participantes. O Dr. Medeiros tem razão quando diz que o bb e previ serão tomados de surpresa pois eles não acreditam que somos capazes de tal façanha. Somos conservadores. Ele usou eufemismo para acomodados. Não acreditem na ANABB, ela foi fundada de cima para baixo, jamais se portou como autêntica defensora dos funcionários. esvaziem-na, vai falir. Eu já fiz a minha parte há algum tempo. Não resido no Rio por tais razões não me apresento para tomar as iniciativas a realização do evento, entretanto estou pronto a participar e com muita energia.abraços a todos.

Anônimo disse...

Senhor ...,

Informamos que sua manifestação foi registrada.

Agradecemos seu contato e permanecemos à disposição.

RODRIGO DA COSTA RIBEIRO
Gerência de Atendimento
PREVI

----------------------------------------------------------------------------------------------

Data: 13/01/2011 15:03:53
Assunto: Outros Assuntos - HOMENAGEM AOS APOSENTADOS
Tipo: Solicitação

Mensagem:
Prezados Senhores,

Apenas para corrigir o foco da mensagem do site que versa sobre o assunto: "A única e definitiva razão de ser dos fundos de pensão são os APOSENTADOS atuais e futuros".

Qualquer comemoração que se fizer que não enfatize este foco é burla e merece nosso repúdio.

Anônimo disse...

Aqui no blog muita gente pegou pesado com a Senhora Isa dizendo que ela havia assinado documento doando metade do superávit ao Banco. Agora como parece que não é assim, querem que ela assine? Afinal, a pobre da Senhora Isa deve concordar ou não com a doação? Eu quero que concorde. Preciso do meu mesmo que para que isso ocorra o Banco fique com a metade. Concordo com o colega e gostaria que o dono desse blog pedisse a Senhora Isa que assine logo a doação de 50%

Anônimo disse...

Já li de tudo no " BLOG ", textos ótimos, inteligentes, mas, como toda regra tem exceção...uma bobagem me surpreendeu...alguém sugerindo..." TRANSFERIRMOS NOSSAS CONTAS PARA UM BANCO CONCORRENTE "(veja que absurdo!!!Assim não dá!!!)...mas vamos embora...O IMPORTANTE, o IMPORTANTE mesmo é lutarmos pelo que é NOSSO...pois não sei se alguns perceberam...o " BB ", a " VALE ", a " SADIA ", a "PERDIGÃO ", inúmeros imóveis etc...é " NOSSO " somos acionistas por extensão e acionista de peso...a " PREVI " minha gente é " NOSSA ", apesar de alguns se acharem donos...e alguns pessimistas não admitirem...Sei que TEMOS e TIVEMOS alguns ADMINISTRADORES INCOMPETENTES outros que se vendem a outras causas etc...A seguir dou um exemplo de um fato recente...." Um "EX DIRETOR ", " EX ASSESSOR ", " EX SEI LÁ O QUÊ " da presidência da PREVI..( para variar incompetente guindado a DIREÇÃO da " NOSSA PREVI " por mera troca de favores, puxa-saquismos e outras coisas mais )...por não mais poder sentar a mesa farta do banquete...DESANDOU A DAR (já dava antes) entrevistas achincalhando a " PREVI " e sua " ALTA DIREÇÃO ", e o mais importante não disse , sequer , uma mentira...pasmem tudo que falou foi verdade...verdadeira...e o que aconteceu...." NNAAADDDAAA "...A PREVI...seus " DIRIGENTES DE PLANTÃO "e " SEUS PARES NA GESTÃO " - ... todos estão por aí VIVOS e ainda dando opinião como se nada tivesse acontecido...NINGUÉM...NINGUÉM...da TURMA...falou nada...CALARAM-SE...como acontece " HOJE "...mas minha gente...amanhã..qdo. surgirem novas chapas...podem ficar certos...os mesmos nomes farão parte da lista dos " ILUMINADOS ", com seus " CURRICULUM VITAE " de dar inveja aos moradores da " PAPUDA " , serão apresentados aos eleitores " NÓS "...portanto atenção...." VOTE CERTO "...o futuro de SUA/NOSSA " PREVI " depende de VOCÊ/NÓS...não é de hoje que votamos errado...POR ISSO A COISA ESTÁ COMO ESTÁ...e o culpado somos " NÓS MESMOS "...NA FAZENDA , O GADO SÓ ENGORDA COM OS OLHOS DO DONO...Espero um futuro melhor...ainda há tempo...

Anônimo disse...

E agora essa de Panelaço... Pra quem tinha altos contatos na Previ, Casa Civil, Minist. Fazenda, Casa Branca, Vaticano, caiu na real e voltou a ser mortal como todos nós. Um dos grandes males que afetam pessoas que já fizeram parte do olimpo é admitir que são carta fora do baralho. Rei morto rei posto. Fazem uma força danada para permanecerem em evidência numa espécie de vanguarda armada de informações que não se confirmam e influenciam os menos desavisados a tomarem atitudes impensadas. ONDE ESTOU? PARECE TUDO TÃO ESTRANHO... CÂMBIO E DESLIGO.

Anônimo disse...

Panelaço JA.E ja esta tarde.
Sandra

Anônimo disse...

Muito obrigada, colega anônimo, das 8;33, pela resposta.

Anônimo disse...

Turma, nao tenho nada contra o colega Medeiros, mas aqui entre nós, a divida que muitos contrairam começou la no fim de dezembro com o tal anuncio do BINGO que prometia credito para o Natal, depois Ano Novo e assim por diante.
Tal euforia ilusoria, levou-nos a esta situaçao desesperadora por conta da decepçao da folha de janeiro.
Oque ainda causa-me espanto, é que o colega Medeiros continua chutando datas, como talvez dia 20, talvez no dia 24, isto sim é uma atitude nao coerente com o atual momento, pois todos sabemos que sem a Fazenda e a Previc darem seu OK, nao vira o credito.
Por gentileza, se estou errado nesta minha otica, entao alguem esclareça que existe outros meios de vir algum credito ou adiantamento como muitos SONHAM.
A unica possibilidade de o credito vir ainda em janeiro, seria se a Fazenda aprovasse ainda nesta semana o processo, ai SIM, a Previc PODERIA aprovar em poucos dias, EU DISSE PODERIA.

abraço a todos Valdomiro Penna

Ronaldo F. Moreira disse...

Olha que texto ridículo desse ANÔNIMO das 09:08:
..." Já li de tudo no " BLOG ", textos ótimos, inteligentes, mas, como toda regra tem exceção...uma bobagem me surpreendeu...alguém sugerindo..." TRANSFERIRMOS NOSSAS CONTAS PARA UM BANCO CONCORRENTE "(veja que absurdo!!!Assim não dá!!!)..."

Esse ANÔNIMO deve ser alguém da PREVI ou do BB ou algum preposto que "tá levando a sua parte" nesta história de doação do que é NOSSO.
ACORDA CIDADÃO !! A proposta é esta mesmo. Tirar os proventos do BB e depois transferir as aplicações, de quem as possuir, também para outro parceiro. O BB deixou de ser nosso parceiro há muito tempo! Só você que não viu!!
Me poupe em defender quem não tem defesa. Me poupe !!

Anônimo disse...

Para conhecimento, relaciono abaixo troca de correspondências enviadas por mim à PREVIC. Não satisfeito com a primeira resposta deles (mera reprodução do que está no site da Previ), voltei à carga, e disseram-me que os fundos de pensão EFPC têm por lei a obrigação de responderem/manterem informados todos os questionamentos de seus assistidos, sob pena de advertência, multa e inclusive de fiscalização pela DIFIP da PREVIC.
Assim, temos mesmo é que pressionar a PREVI, pois estamos acobertados por lei.
"Choromingar" aqui no Blog, penso que de nada adianta.


"Prezado Senhor,

Em atenção a sua manifestação e conforme assunto demandado, comunicamos:

1. Informações para defesa de direitos ou solicitações de esclarecimentos quanto a situações de interesse pessoal específico, relacionados a planos de benefícios, deverão ser obtidas junto à Entidade Fechada de Previdência Complementar, responsável pela administração do plano de benefícios, que tem o dever de atender às solicitações encaminhadas pelos participantes no prazo estabelecido por esta Superintendência Nacional de Previdência Complementar - PREVIC, conforme previsto no art. 24, da Lei Complementar nº 109/2001, no art. 17, da Resolução CGPC nº 13/2004 e, no art. 6º da Resolução CGPC nº 23/2006. Neste sentido, sugerimos a V.Sa. que se valha da legislação retro-mencionada para fins de solicitar, formalmente e por escrito, esclarecimentos à Entidade.


2. Informamos ainda que, conforme determina o art. 84 do Decreto nº 4942, de 30/12/2003, a EFPC que deixar de atender a requerimento formal de informação de participante ou assistido, ou atendê-la fora do prazo, estará sujeita à penalidade de advertência ou multa, devendo para tanto ser instada a Diretoria de Fiscalização - DIFIS, desta PREVIC.


3. Enviamos a V.Sa. a informação que possuímos e que está sendo divulgada na mídia especializada. Por enquanto a PREVIC não possui dados específicos sobre o assunto demandado, por isso sugerimos que V.Sa. entre em contato diretamente com a sua entidade.


Atenciosamente,


Ouvidoria

Superintendência Nacional de Previdência Complementar - PREVIC

--------------------------------
De:
Enviada em: quinta-feira, 13 de janeiro de 2011 16:39
Para: PREVIC - OUVIDORIA
Assunto: Re: Solicitação



Depois da aprovação do DEST em 27/12/10, o processo que deveria estar na Secretaria Executiva da Fazenda ainda não chegou ou não foi localizado naquele órgão, conforme e-mail de 12/01/11 do Sr. Waldir Quintiliano da Siva, Assessor de Gabinete, endereçado a colega nosso. Nós, aposentados, só podemos fazer pedidos aos órgãos reguladores para que agilizem o trâmite dos papéis, mas como o paradeiro dos documentos é incerto e não sabido, isso impossibilita a Secretaria Executiva da Fazenda de fazer o seu trabalho.

-----------------------------------


DE:
Enviada em: quinta-feira, 13 de janeiro de 2011 15:08
Para: PREVIC - OUVIDORIA
Assunto: Solicitação



Senhores,



Como aposentado do BB pela Previ, solicito seus préstimos no sentido de informar-me o que ocorre com o processo de distribuição do Superávit por parte daquela Caixa de Previdência.



As informações que ela nos presta quando contatada são todas impessoais, usam o mesmo texto já preparado para todas as respostas, e nunca respondem nada ao que realmente pertuntamos.



Acho isso um total desrespeito para com os aposentados que durante a vida toda contribuíram para formação daquele Fundo de Pensão. Nenhuma empresa que se preze trataria-nos como estão nos tratando.



Além disso, jogam toda a culpa pelo atraso no Ministério da Fazenda e nessa PREVIC.



No aguardo,



Cordialmente,

Anônimo disse...

Escutem, eu nao quero ser mais um falso otimista e aquelas coisas...
Mas se ate o dia 21 a Fazenda destravar a coisa, e ai?
Fica so a Previc para corrermos para o abraço.
O colega Rossi acha conveniente ja planejar um panelaço agora ou aguardar uns dias para ver se a Fazenda cumpre o seu papel?

Rui Dias

Anônimo disse...

Marcos e colegas

Muitos colegas receberam um email, via Eleitos da Previ, onde pedem que nós façamos pressão no Ministério da Fazenda...
Inconcebível.
Mandei uma boa resposta.
Só que dessa vez o Diretor Paulo Assunção colocou seu email pessoal.
Sugiro que todas as angustias sejam encaminhadas a tão gentil pessoal.
o email é pauloassuncao@uol.com.br

Abraço do anônimo da Ativa.

Anônimo disse...

SOBRE A CARTA DO DIRETOR PAULO ASSUNÇAO.... NO SITE WWW.CONTRAFCUT.ORG.BR afirmam que o diretor divulgou hoje, 17, carta aos funcionarios do bb sobre a demora na distribuição do superavit......

Anônimo disse...

PANELAÇO DISSE?
Precisamos organizar o Panelaço. Temos que fazer as faixas com quais frases? E as alegorias? Alguém tem ideia do que poderiamos utilizar. Temos que organizar as alas ... do Medeiros ... das baianas... Comissão de Frente que terá a incumbencia de entrar no prédio para dialogar com os diretores... Essa data (24.01) tá muito em cima da hora para que se possa organizar tudo isso.

Anônimo disse...

Posso dar um sugetão? não sei se estou pensando certo se não estiver que me desculpem: Se a PREVI esta tão preocupada conosco por que então não suspender a prestação do ES ou fazer um adiantamento até que ocorra o credito, asssim aliviaria a todos!!!

Anônimo disse...

Entrei no site e pude ler : Eu acho que tem coisa ai e estão ficando preocupados com o Panelaço!!!!

José de Arimatéia - Campo Grande - RJ disse...

Panelaço? Agora que o Rio de Janeiro enterra seus mortos vítimas da calamidade nas Serras? Tá bom. E chamem a Globo para estampar em manchete: MARAJAS DO BB IGNORAM TRAJÉDIA DOS MORTOS, POBRES E DESABRIGADOS E PEDEM MAIS DINHEIRO. Estão malucos?Vamos é apanhar na porta da Previ. Dono do Blog? Publique isso para que saibam que nem todo mundo concorda com essa idéia de jerico!

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Panelaço!

A propósito do assunto, recomendamos a releitura do post “Enquete Encerrada”, de 28/07/2010, onde emitimos opinião acerca de movimento similar.

Anônimo disse...

Prezado Arimatéia,

Tudo bem que você não goste da idéia. Mas não precisa ofender o Dr. Medeiros. Respeito a idéia e a considero bem interessante. De minha parte, se ainda for viável, irei.

Paulo Segundo disse...

Caro colega Rossi, de modo algum quis fazer gracejo com o que disse.Acredito mesmo que entendi de forma equivocada o seu texto.Talvez seja pelo pânico, e pelo desespero que fui tomado pela morosidade do processoe pela necessidade de tal dinheiro, já que até a farmácia está atrasada.Mas de qualquer forma não me entenda mal, eu quero o crédito como todos aqui.

Abçs,


Paulo Segundo

Anônimo disse...

Colegas,

Para tudo tem hora certa.
Panelaço neste momento é INSANIDADE!
Preparem suas panelas para dar na cabeça ( Virtual ) dos dirigentes em futuro próximo, sem alarde sem que eles conheçam o momento da ação.
Ficar anunciando isto ou aquilo, a título de intimidação não funciona mais.
Uma atitude vale mais que hum milhão de palavras.
Preparem-se então, na moita! Depois, de fato, implementem na prática, pegando-os de surpresa.
Aí sim eles sentirão que nunca estarão seguros, por não saberem a hora em que os movimentos serão praticados.
Abçs

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Caros Colegas.

O momento que vivenciamos pede cautela e reflexão. A expectativa reinante atinge a todos, em maior ou menor grau. Portanto, é recomendável moderação verbal ao registrarmos nossas opiniões. Não podemos deixar a emoção superar a razão e permitir troca de farpas com acusações e ataques mútuos.
De se notar que renomados comentaristas freqüentemente presentes estão afastados do Blog. Isto não significa alheamento ao problema, pois contumazes fiscais dos atos da Previ não conseguem descansar a pena. Obviamente estão atuando nos bastidores com a contundência e eficácia de sempre.
Tudo que é preciso ser feito está sendo cuidado por quem de direito, estejam certos, e a solução virá. É questão de tempo, que contamos seja breve.

Anônimo disse...

É VERDADE COLEGA José de Arimatéia, Agora que o Rio de Janeiro enterra seus mortos vítimas da calamidade, E VAO COM CERTEZA MUITO EM BREVE ENTERAR MAIS ALGUNS VITIMAS DO COMPLETO DESCASO DA PREVI E DO BANCO DO BRASIL.
LAMENTO, MAS OS MORTOS JA ESTAO DESCANSANDO EM PAZ, NÓS VIVOS INFELIZMENTE TEMOS NESTE EXATO MOMENTO DE CONVIVER COM ESTE FILME DE TERROR QUE A PREVI ESTA A NOS PROPORCIONAR.
NAO SOU DESUMANO, EGOISTA OU SEM CORAÇAO, EXPONHO APENAS TAMBEM A NOSSA DURA REALIDADE QUE NAO VEM DE HOJE JA DURA ANOS.

ALCANTARA

Anônimo disse...

Espero que nao haja espioes da Previ ou do proprio banco escrevendo coisas para influenciar-nos, pois isto é muito possivel, visto que um diretor da Previ disse aqui em Florianopolis que so podia rir do que nos escrevemos nos blogs, sinal que o blog é monitorado sim.
Estejam sempre alertas.

Roberto Campos

Paulo disse...

Salve, amigos,

A PREVI foi quem começou toda essa confusão, ao devolver contribuições a quem nao se aposentara. Agora, é ela quem pode resolver isso. Não nos deram 20% de aumento? Então não deve ser um despropósito pleitearmos esse percentual também no Empréstimo Simples. Mas haveria de ser agora, que a barra pesou para grande parte dos aposentados. Em muitos casos, deve dar para tirar mais um pouco e até reduzir o valor das prestações. Ou será que vão nos dizer também que um novo ES depende de autorização da PREVIC, que depende do Ministério da Fazenda, que depende da Resolução 026, que depende do capeta?...

Paulo Motta.

Anônimo disse...

Que panelaço na Previ que nada, se estao mesmos interessados no credito ainda em janeiro, nosso alvo é pedir a gentileza da prioridade no processo junto ao ministerio da Fazenda afim de destrancar a coisa e seguirmos para a ultima parada, a Previc.
Que adianta panelaço contra a Previ, se seus diretores pelo jeito nao tem mesmo nenhum prestigio com a Fazendo e nem com outros orgaos governamentais, ate o sr. Rossi tem mais prestigio que o proprio diretor da Previ, que desmoralizacao, nunca vi coisa igual, o colega Rossi ainda vai dar a noticia da aprovacao la na Fazenda antes mesmo da Previ.
Eles deviam é pedir demissao dos cargos, deixar para gente competente e com bons contatos e amizades la em Brasilia.

Gilberto Morais

Anônimo disse...

Pois é.
E no site da PREVI, alheia a gemidos, sussuros, ranger de dentes e muito menos a ruídos de panelas, a formiguinha continua a carregar nosso Superavit para o BB.

José de Arimatéia - Campo Grande - RJ disse...

Anônimo das 13:04, não é que não goste da idéia. Acho fora de propósito, fora de hora, neste momento de tanta dor e agonia para os que estão perdendo tudo. Quer fazer alguma coisa? Bem, eu fui no sabado e no domingo para Petrópolis ajudar na separação de alimentos e vou voltar amanhã. Infelizmente não posso ficar dias e dias, pois sou velho.

Alcantara. Você deve estar brincando e pior: humor negro. Comparar a falta de 20% sobre nossos benefícios com a tragédia que se abateu sobre o Rio? Bem ou mal, pouco ou muito, nosso beneficio tá na conta todo dia 20. Esse superávit é a mais e francamente, não vejo nenhuma calamidade não ter saído já. Reflita colega, reflita que os moradores das cidades serranas do Rio estão perdendo vidas, perdendo casas. É muita falta de sensibilidade escrever que nós vamos morrer por falta dos 20%. Você com toda certeza não sabe o que é calamidade. Pois eu conheço colegas aqui do Rio que nessa hora vivem imensa agonia porque não recebem notícias de parentes que moram na Região Serrana, sendo que um deles, mais chegado, já soube que o filho e nora morreram lá. Pergunte a ele se preferia o superávit no bolso ou seus entes queridos vivos. Francamente. Situação desesperadora vivem os que moram lá e perderam parentes.

Anônimo disse...

Concordo com voce colega ALCANTARA, os mortos vítimas das enchentes que descansem em paz, nossa luta continua independente das catástrofes naturais que acontecem em tudo mundo, e por sinal aqui no Brasil deve-se ao descaso do governo todo ano morrem tantas pessoas por causa de enchentes, em Portugal (Ilha da Madeira) e Austrália este ano com um volume muito maior de águas de chuvas perderam-se pouco mais de uma dezena de vidas enquanto que aqui são centenas e centenas de vidas.

Nós ainda estamos vivos esperando há anos por esse superávit, não existe motivo para depois de tudo que acabamos aceitando por pura necessidade ainda nos façam passar pela agonia dessa incerteza quanto ao real recebimento do crédito do superávit.

Temos sim que fazer manifesto público do nosso sofrimento, afinal morrem 5 de nós a cada dia, somos idosos, merecemos mais respeito e consideração pelo muito que fizemos durante nossas vidas, trabalhando honestamente e criando filhos para eles ganharem também a vida honestamente e assim somar para uma humanidade melhor e mais justa, portanto devemos exigir nossos direitos, o que de forma nenhuma gera conotação de pouco caso ao que está acontecendo com os moradores das areas serranas do RJ.

João Rossi Neto. disse...

Caros Colegas,

O Dr. Nelson Henrique Barbosa Filho, informou-me, por e-mail, que assinou hoje à tarde o processo de distribuição dos superávits da Previ. De modo que, resta somente a PREVIC.

paraguassú disse...

panelaço sim. se convocarem eu vou. vejo algumas opiniões contrárias e as respeito. mas quem pode nos assegurar de que não são "paus mandados"?????????? creio, s.m.j., que essa idéia do panelaço está incomodando muita gente!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Sr. João Rossi Neto,

Excelente notícia. Parabéns para tua estratégia. Vamos para a próxima.

Mario Schmidt

Flavio Castro disse...

Yahhhhooooooooooooooooo!!!
Alvíssaras, nobre Rossi. Prestígio é isso!

Anônimo disse...

EU NAO FALEI, E VIVA O ROSSI, E VIVA O ROSSO, E VIVA O ROSSO!!!

EU DISSE:
o colega Rossi ainda vai dar a noticia da aprovacao la na Fazenda antes mesmo da Previ.

AGORA SIM, PODEMOS TER ALGUMA ESPERANÇA DO CREDITO SAIR AINDA EM JANEIRO.
MESTRE É O ROSSI, OS OUTROS POR AI, SAO APRENDIZES.

OBRIGADO COLEGA ROSSI PELO EMPENHO A NOSSA CAUSA, SINTO-ME HONRADO CADA VEZ MAIS COM A SUA PRESENÇA AQUI NO BLOG.

GILBERTO MORAES

José Roberto Eiras Henriques disse...

Colegas,


Pelo que observei em blogs, comentários e sites, a pendenga está justamente no memorando de entendimentos que, segundo a Sra. Isa Musa, não faz referencia à Resolução GRPC 26 e, consequentemente, não autoriza o Banco a receber os 50% do superavit.

Como o acordo submetido à aprovação das instancias superiores pela Previ e o Banco propõe que este participe como beneficiário na distribuição do superavit. O Ministério da Fazenda percebendo essa divergencia, está reticente em referenda-lo.

Sabe como é, a negociação começou com um governo e terá que ser ratificado por outro.

Não vou acatar a sugestão do diretor da Previ, em carta aos participantes do PB1,de enviar a mensagem nos termos proposto pelo Sr. Paulo Assunção aos destinatários por ele indicados.

Indiretamente ele quer que ratifiquemos, mais uma vez, junto as instâncias superiores, um ato de gestão, o que não concordo.

Os dirigentes da Previ que assumam a consquencia de seus atos!

São José do Rio Preto - SP

Anônimo disse...

Colegas,Se acaso resolverem fazer manifestaçâo em frente à Previ no dia 24, seria prudente, caso a imprensa estiver por lá, que alguns mostrassem o contra cheque c/ o valor liquido bem pequeno, antes que a Previ mostre o de um graduado.

Anônimo disse...

Sr. Marcos Cordeiro,

Parabéns ao blog pela notícia em primeira mão.

Mario Schmidt

Anônimo disse...

Sou contra a censura, mas vendo alguns comentarios vejo que o blog termina caindo no descredito por conta de tanta hipocrisia, comentarios sem razão e que poderiam muito bem serem cortados. Ao sr. Alcantara vá um dia a região de Petropolis para ver a situação que se está passando e não emita comentarios comparando a nossa situação com a deles. Vamos ser efetivos, como tem sido o Rossi, que não perde uma bala.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

From: "João Rossi Neto"
To:
Sent: Monday, January 17, 2011 9:59 PM
Subject: Fw: Sua mensagem foi recebida com sucesso.


> Para informar-lhes que o processo, na Secretaria Executiva da Fazenda, foi
> assinado hoje à tarde pelo Dr. Nelson Henrique Barbosa Filho, segundo
> informações do próprio Secretário Executivo me transmitidas por e-mail.
> Assim sendo, resta somente a etapa da PREVIC. Para agilizar o andamento,
> uma vez que a PREVIC já me prometeu que dará solução imediata ao assunto,
> solicito-lhes implementar a sugestão abaixo.
> ----- Original Message -----
> From:
> To:
> Sent: Sunday, January 16, 2011 8:24 PM
> Subject: Sua mensagem foi recebida com sucesso.
>
>
> Senhor(a) JOAO ROSSI NETO
>
> A PREVI confirma o recebimento da mensagem abaixo.
> Aguarde nosso retorno em breve.
>
> Gerência de Atendimento
> PREVI
>
> Data: 16/1/2011
> Tipo: Sugestão
>
> Mensagem: Tenho informações seguras de que o trâmite do processo
> sobre superávits, na Secretaria Executiva da Fazenda, será rápido e em
> seguida será devolvido ao BB.
> Para evitar o deslocamento dos documentos , do BB para essa Caixa e
> depois para a PREVIC, sugiro que envie uma minuta de encaminhamento ao BB,
> autorizando-o a repassar o processo para a PREVIC, a fim de ganharmos
> tempo e agilizar o exame pelo último órgão regulador no menor prazo
> possível.
> O ofício dessa PREVI poderia ser digitalizado e enviado via e-mail, ou
> por fax ou por outra via de comunicação mais rápida e eficaz. Nós
> queremos e precisamos do crédito antes do dia 30 deste, seja por folha de
> pagamento extra, adiantamento, etc. Contamos com a expertise dessa
> Diretoria Executiva/Conselho Deliberativo.
>
> Matrícula: 4986560
> Nome: JOAO ROSSI NETO
> E-mail: jrossineto1@uol.com.br
>
>

Lena. disse...

Anônimo das 13:20.Vc está coberto[a]de razão. Cão que late não morde. Abraços. Lena.Rio.
Obrigada ROSSI,por sua luta,seus esforços que DEUS te ajude.Abraços.Lena.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Para evitar especulações quanto à autenticidade da notícia, o Colega João Rossi Neto disponibilizou o corpo da mensagem recebida:

----- Original Message -----
From: Nelson Henrique Barbosa Filho
To: João Rossi Neto
Sent: Monday, January 17, 2011 7:57 PM
Subject: RES: Alteração no Regulamento do Plano 1 da Previ -Distribuição de superávits.


Caro João,

Acionei o processo na sexta e assinei-o hoje.

Atn,

Nelson



De: João Rossi Neto [mailto:jrossineto1@uol.com.br]
Enviada em: segunda-feira, 17 de janeiro de 2011 19:47
Para: Nelson Henrique Barbosa Filho
Assunto: Alteração no Regulamento do Plano 1 da Previ -Distribuição de superávits.



Exmo.Sr.Dr. Nelson Henrique Barbosa Filho

DD. Secretário Executivo da Fazenda.



Senhor Secretário,



Solicitamos-lhe a gentileza de determinar que à análise do processo, da nossa Caixa de Previdência-PREVI, no âmbito dessa Secretaria, seja feita com a máxima urgência, tendo em vista que ainda vamos depender também do despacho da PREVIC para, ao termo dessas providências, a PREVI poder fazer o nosso crédito relativo à distribuição dos superávits. São mais de 120.000 pessoas que estão aguardando o desfecho deste assunto e ansiosas para fazerem o acerto de suas pendências financeiras, com as vantagens que irão receber.



Contamos com a sua valiosa colaboração, pois sabemos que a demora é fruto das dificuldades e das mudanças que ocorreram nessa Secretaria Executiva em virtude de posse do novo Governo, inclusive da substituição do próprio Secretário, que hoje é V. Excia.



Na expectativa de uma notícia positiva, nós, aposentados do BB e vinculados a PREVI, apresentamos-lhe nossos votos de profícua gestão, nosso respeito e distinta consideração.



Atenciosamente.



João Rossi Neto.

Anônimo disse...

PANELAÇO DISSE:
Excelente notícia colega Rossi. A comunidade de cabeças brancas agradece pelo seu empenho. Se não fosse pela sua Blitz aos diversos órgãos envolvidos, provavelmente entrariamos no mes de fevereiro sem qualquer notícia do superavit.
Que me desculpe o dr.Medeiros, mas neste caso, vou destinar minha panela para uma nobre feijoada.
para uma feijoada.

Anônimo disse...

Caro João Rossi Neto,

Você só nos dá boas notícias, receba por favor os meus mais efusivos cumprimentos.

Ari Zanella

Anônimo disse...

Caro Marcos,

O nosso atacante Nota 10, ROSSI, fez mais um gol de placa.

Parabéns Rossi!!!

Colegas, precisamos de muitos Marcos, muitos Rossi, e muita ação.

Humildemente, como integrante do time PREVI, peço, para o segundo tempo de jogo, que já começa em janeiro/2011, uma releitura do que se possa apresentar nas mesas de negociações (tapetões), em vista as modificações a serem introduzidas no Plano 1.

Desde já, convocados estão: Marcos Cardeiro, João Rossi, Edgardo Amorim, José Aristophnes, Isa Musa, todos os "anonimos" e pensionistas.

Um a braço a todos de James Paiva.

Anônimo disse...

É isso aí!
O nosso "Panzer" Rossi marcou gol de placa. P A R A B É N S. Já pode ir prá galera!!

Eliana Maria disse...

Ao nosso anjo da guarda João Rossi o meu muito obrigada, que Deus o abençoe hoje e sempre, você só tem nos dado boas notícias. Obrigada.
Eliana Maria

Anônimo disse...

Amigo Marcos e demais colegas do blog:

Vejam quão proativo é o nosso colega Rossi. Após destravar o caso no MF, já pensa adiante e envia carta à Previ a fim de evitar o sedex Brasília-Rio e vice-versa. Ele está corretíssimo. Seria um ganho de tempo vital se a entrega do documento na Previc, também sediada em Brasília, fosse feita pelo próprio BB - Direção Geral em Brasília. A não ser que Previ queira ganhar mais tempo para trabalhar com o nosso esperado dinheirinho.

Abraços a todos.

Ari Zanella

Anônimo disse...

17/01 - NOTICIAS RELEVANTES

Essa mensagem do sr. Edison de Bem e Silva encaminhada ao Ministério da Fazenda, infelizmente tem endereço certo: lixeira.

Essa mensagem que diz verdades só teria repercussão se fosse na modalidade de Carta Aberta, com publicação em jornal de grande circulação. Sem esse procedimento a mensagem fica restrita no âmbito do Ministério da Fazenda.

Mas parabenizo ao sr. Edson pela coragem de expor a verdade.

Entretanto, vale lembrar que o maior acionista do BB é o Ministério da Fazenda e por isso acredito que nada foi feito sem aquiescência do Ministro chefe da pasta, considerando para isso os valores envolvidos no processo.

Essas atitudes faz parte das metodologias adotadas pelo PT para atingir seus objetivos a qualquer custo, mesmo que para isso se atropele as leis vigentes.

Lembrem-se que nós vivemos numa república sindicalista onde todos os meios empregados justificam o fim a ser atingido.

Lembrei-me de uma música gravada pelo Chico Buarque que usou o pseudônomo de Julinho da Adelaide para fazer a letra, por causa da ditadura, que abaixo transcrevo-me.

Acorda amor
Eu tive um pesadelo agora
Sonhei que tinha gente lá fora
Batendo no portão, que aflição
Era a dura, numa muito escura viatura
Minha nossa santa criatura
Chame, chame, chame lá
Chame, chame o ladrão, chame o ladrão

Acorda amor
Não é mais pesadelo nada
Tem gente já no vão de escada
Fazendo confusão, que aflição
São os homens
E eu aqui parado de pijama
Eu não gosto de passar vexame
Chame, chame, chame
Chame o ladrão, chame o ladrão

Se eu demorar uns meses
Convém, às vezes, você sofrer
Mas depois de um ano eu não vindo
Ponha a roupa de domingo
E pode me esquecer

Acorda amor
Que o bicho é brabo e não sossega
Se você corre o bicho pega
Se fica não sei não
Atenção
Não demora
Dia desses chega a sua hora
Não discuta à toa não reclame
Clame, chame lá, chame, chame
Chame o ladrão, chame o ladrão, chame o ladrão
(Não esqueça a escova, o sabonete e o violão)

Anônimo disse...

ANONIMO DAS 16:35, VOCE CONHECE A MINHA VIDA, O QUE PASSEI PARA JULGAR-ME?
SOU UM DOS QUE SOFRERAM COM A INUNDACAO AQUI EM ITAJAI SC, PERDI PRATICANMENTE TODOS OS MEUS MOVEIS, MAIS UM POUCO PERDERIA TAMBEM A VIDA, MAS A VIDA REAL CONTINUA, SE SOU HIPOCRITA ENTAO SAIBA QUE BOA PARTE DO NOSSOS GOVERNANTES SAO MAIS AINDA, NAO VENHA TENTAR COLOCAR A MINHA PESSOA COMO DESUMANA OU O VILAO DA HISTORIA DO BLOG, SOU UM VELHINHO APENAS REALISTA,
PERGUNTO A VOCE, QUEM ATUALMENTE COM OU SEM TRAGEDIA LEMBRA DOS APOSENTADOS E PRINCIPALMENTE DAS QUERIDAS PENSIONISTAS, COMPLETAMENTE INJUSTIÇADAS??
QUALQUER TRAGEDIA SEMPRE SERA UN FATO LAMENTAVEL E TRISTE PARA TODOS, NAO QUEREMMOS COMPARAR A PERDA DE VIDAS HUMANAS COM SITUAÇAO DOS APOSENTADOS, MAS NOSSA SITUAÇAO TAMBEM É UMA TRAGEDIA, TALVEZ MUITO, MAS MUITO MENOR QUE O HORROR QUE VI E SOFRI AQUI EM ITAJAI E AGORA NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO.
EU DIGO EM ALTO E BOM TOM, OS APOSENTADOS NESTES ULTIMOS ANOS ESTAO DIANTE DA TRAGEDIA DO DESCASO DO GOVERNO, DO BB E DA PREVI, E ISTO É UMA TRAGEDIA MENSAL, SE PARA OUTROS ISTO É HIPOCRISIA DEVEM SER OS QUE RECEBEM ALTOS PROVENTOS.PODEM TIRAR SUAS FERIAS ANUAIS E TROCAR DE CARRO UMA VEZ NO ANO.

ALCANTARA

Anônimo disse...

O nosso colega ROSSI não apenas anuncia uma notícia boa, ele provoca a notícia boa.

Quem dera tivessemos mais gente assim.

Que Deus o abençoe ROSSI.

Flavio Castro disse...

Grande Ari,

Uma bela observação. Realmente seria um grande ganho de tempo se essa ponte BSB-RIO-BSB fosse evitada

Anônimo disse...

Continuando sobre a música do Chico.


Chico Buarque, grande compositor.


Mas infelizmente devido a sua ideologia de esquerda ele é um PETISTA de carteirunha e tudo, e, acredito, que hoje ele não faria mais uma música dessa para criticar os desmandos dos governos petista. Sempre apoiou o LULA e agora a DILMA. Emplacou até uma irmã no Ministério da Dilma.

"Ganhou" o prêmio JABUTI que os intelectuais estão pedindo para ele devolver, pois, o ganho foi uma manobra do governo LULISTA.

Na música Acorda Amor, para se proteger dos donos dos poderes (ditadura) pediu para chamar o ladrão para lhe dar proteção.

A quem vamos pedir proteção?

Lázara Rabelo disse...

Caro colega Rossi,

Não poderia deixar passar em branco. Receba meus sinceros PARABÉNS, pelo último feito e por tudo que você representa dentro da comunidade PB1. Com votos de muita saúde, Paz e que Deus continue lhe abençoando e guiando em toda sua vida.

Abraços,
Lázara

Toninho Bleinroth disse...

Obrigado Marcos e Rossi, pela atuação e pelas notícias que procuram nos acalmar e conscientizar sobre o Superávit.
Nossa luta deve ser de uma classe e não uns contra os outros, pois já estamos devera enfraquecidos pela idade, e agora pelas maldades. E que se houver união haverá solução rápida para o caso.
Obrigado mais uma vez a vocês que brilhantemente atingiram a jugular do problema, e poderiamos pedir aos colegas que não misturassem as duas situações : Superávit e Catastrófe, porque de posse de nosso, poderemos com certeza ajudar os mais atingidos.

Anônimo disse...

Marcos, então era isso para recebermos e vamos receber uma merreca ainda com descontos poque o BB nos roubou? Não sabia dessa!
Precisavamos ir mais a fundo!
Para os interesses dos sindicalistas que, logicamente, defendiam seus chefes e riam da nossa desgraça, não houve coisa melhor do que este plebiscito. Em troca de "merrecas" que muitos estão a esperar desde o Natal, seja por necessidade econômica premente, seja por se sentir sem forças para brigar, devido a idade, entregamos, cada um, para o Banco um apartamento de R$ 400.000,00 (Quatrocentos mil reais).A midia precisava saber disso.E eu precisando comprar minha casinha! Que horror!!!

Anônimo disse...

Parabéns ao colega das formiguinhas, muito criativa a mensagem. No entanto, entendo que devemos parar com o bla, bla, bla e enchermos as caixas postais dos dos deputados, senadores, ministro, presidenta, de mensagens cobrando uma solução. Lembrem-se o ficha limpa foi aprovado no grito,
SUERÁVIT JÁ!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Obrigado Rossi, definitivamente você está escalado para nossa seleção, de preferência como capitão do time.

Anônimo disse...

Prezado Arimatéia,

Não te exacerbe pelo fato de ajudar os necessitados nesta hora. Fique feliz por você não ser uma das vítimas. O que vc está fazendo é louvável.

Caríssimo Alcântara de Itajaí, sou solidário contigo. Somente aqueles que foram atingidos, de fato, como você, outros e eu, que perdi tudo, em 1983 e 1984 em Rio do Sul-SC, podem avaliar com mais propriedade a extensão desta dor.

Acalmem seus corações e brindemos a vida que resta. Ainda mais agora com este golação do Rossi, que não é o Paulo, aquele de 1982, na Espanha.

Anônimo disse...

Querem ter acesso à carta do diretor Paulo Assunção?
Basta consultar os sites do Sindicato dos Bancários de São Paulo, da Contraf ou dos Bancários de Brasília.
http://www.spbancarios.com.br/index.asp
http://www.contrafcut.org.br/
http://www.bancariosdf.com.br/site/

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Repetindo, para amplo conhecimento, notícia publicada ontem aqui no Blog, às 15:26.

João Rossi Neto. deixou um novo comentário sobre a sua postagem "Calamidade":

Caros Colegas,

O Dr. Nelson Henrique Barbosa Filho, informou-me, por e-mail, que assinou hoje à tarde o processo de distribuição dos superávits da Previ. De modo que, resta somente a PREVIC.

Anônimo disse...

Já senti muita raiva de um Rossi, mas esse era Italiano, não era João. Ao João minha gratidão, você fez o que muitos que tinham a obrigação de fazer, há exemplo da ANABB, não fizeram.

Anônimo disse...

Parabens colega Rossi,verdadeiro Gol de Placa.Muito obrigada.
Agora partiremos para a outra etapa,derrubar a resoluçao Pimentel e fazer o banco nos devolver o que roubou.
Sandra

Anônimo disse...

Colega JOÃO ROSSI você já se tornou nosso grande líder. É surpreendente ver sua garra e dedicação à nossa Causa, agindo sempre com inteligência e pro-atividade.
Agora que só falta a PREVIC e tudo indica que o desfecho será breve, aproveito para humildimente fazer uma sugestão aos nobres colegas João Rossi, Marcos Cordeiro, Medeiros, Romildo e Isa Musa:
VAMOS TODOS EXIGIR DA PREVI E DEMAIS ÓRGÃOS A CRIAÇÃO IMEDIATA DA COMISSÃO QUE IRÁ ESTUDAR O REALINHAMENTO DE NOSSOS BENEFÍCIOS, CONFORME FOI ACORDADO.
JÁ ESTAMOS QUASE NO FINAL DE JANEIRO E NÃO PODEMOS PERDER TEMPO.

Anônimo disse...

Não vamos confundir as coisas. Já separei 50 reais para doação às vítimas da tragédia no Rio. Se não posso doar mais e alguns nada a culpa não é nossa. Fomos e somos roubados. Também não nos atribuam responsabilidades pelas calamidades e nem mesmo à falta de serenidade para analisar a situação do próximo, quando não sei se o dinheiro será suficiente para o remédio que me mantém vivo.
Muitas vezes minhas lágrimas são exrtremamente egoístas pois esgotam por meus problemas noite adentro, e a dor que sinto ao ver o noticiário não é regada por elas. Que o Deus criador dos Céus e da Terra tenha misericórdia de todas as vítimas...

rosalina_de_souza disse...

Prezado Colega João Rossi

É dever de todos nós aposentados e pensionistas,termos uma pessoa de carater como você, nesta luta desigual.

Nossos dirigentes que tem todos os meses as contribuições nas mãos não são capazes de pegar um telefone e fazer a pressão necessária para que acordos feitos por eles virem realidade.

É por isso que devemos cada vez mais,trabalhar no sentido de fazer uma CHAPA BRANCA para as próximas eleições, uma CHAPA limpa sem vicícios com o poder central voltado para nossa classe seja os aposentados, pensionistas ou funcionários da ativa.

Esta negociação do superávit vai ser o marco inicial de que há a necessidade de mudanças nos rumos do nosso fundo de pensão (PREVI) e urgente.

João Rossi não pare de lutar, use os conhecimentos que tem para ajudar as vítimas dos Dirigentes faz de contas,que são muitos,infelismente ainda temos muito o que fazer.

Parabéns, Seus atos e atitudes não serão recompensados aqui na terra dos homens não, mais seu GALARDÃO será brilhante no Reino de Deus.

Respeitosamente

Rosalina de Souza

Pensionista

Anônimo disse...

O colega que comentou às 18,12 de ontem fala que o Chico Buarque é um intelectual de esquerda como se isso fosse capitulado no rol dos crimes hediondos. Esquece completamente que os dois Fernandos, intelectuais de direita que antecederam Lula ferraram com o salário dos funcionários do BB e com suas aposentadorias, tanto do INSS quanto da PREVI. Um funcionário com nível de gerência média(antigo supervisor) que se aposenta hoje com 55 anos consegue um valor de aposentadoria nunca superior a 4 mil reais graças aos seus amigos intelectuais de direita.

Anônimo disse...

Muito obrigada, Srs João Rossi e Marcos! Peço a Deus que continue os abençoando e que conserve essa brilhante inteligencia!

Paulo Segundo disse...

O Rossi com a notícia em primeira mão!Agora que o processo foi aprovado no ministério da fazenda e segue para PREVIC, onde o trâmite é rápido, quanto tempo os nossos "representantes" da ANABB e PREVI vão demorar para soltar a nota de tal aprovação?Eles são interessadíssimos em nos comunicar notícias alvissareiras não?

Belo tiro Rossi!

Anônimo disse...

PANELAÇO DISSE:
Bem tá na hora de colocarmos os pés no chão e imaginarmos quando a Previ e demais entidades vão fazer o comunicado de que foi aprovado no MF. Pela minha "panela de cristal" talvez lá pela 6ª feira ou no dia 24 para que fiquemos contentes no dia do aposentado.

Anônimo disse...

Somente espero que agora nao venham com mais um filme de suspense para este processo chegar na Previc.

Amadeu Silva

Anônimo disse...

Se bem conheço as entidades e a própria Previ, só vão dar a notícia depois de papel passado, com vistas ao documento assinado. Já pensou se gora? Vão cair de pau

Anônimo disse...

Marcos.
Uma pena que você esteja censurando os comentários que não contenham palavras ou textos com grosserias e sim algumas críticas a determinadas posturas.
Tenho a certeza que sua semeadura produzirá excelentes frutos.

Anônimo disse...

Boa essa Paulo Segundo,

Também agradeço a Deus por colocar pessoas como João Rossi, Marcos e outros que apesar da gente não ter conhecimento, trabalham em nosso favor nos bastidores, agilizando para que o crédito saia o mais rápido possível.
Josué Jorge Jr - PR

Anônimo disse...

E a Previ/BB quietinhos,sem cobrar nada do MF.Claro,estava justinho no interesse deles,quanto mais demorar, melhor...para elles.Quando souberam das cobranças diretamente ao MF,surge um diretor....o resto todos sabem.
Bravos Rossi e Marcos!
Sandra

Anônimo disse...

Parabens
mais uma vez,colega Rossi. Vamos continuar juntos,com o Marcos Cordeiro. Você está nos ajudando muito. Temos fé em Deus que agora tudo dará certo.

Anônimo disse...

Infelizmente enquanto o crédito do superavit não sai, faleceu mais um colega Jose Gomes Primo (PB).

João Rossi Neto disse...

Colega Paulo Segundo,


A Diretoria da Previ já me pediu cópia do e-mail do Secretário Executivo da Fazenda e já enviei para o assessor do Diretor Paulo Assunção, Sr. Rafael Matos. Se quiserem podem confirmar na Fazenda e divulgar a notícia no site. A nossa Caixa é à moda antiga: O preto no branco.
Outra notícia, o processo será encaminhado, direto do BB para a PREVIC, pois já foi providenciada, pela PREVI, uma minuta para isso. Foi uma sugestão minha, se aceitaram ou não, a Previ já fez e vai funcionar. Hoje ou amanhã esse processo deve estar na PREVIC.

Renato Campos Baptista disse...

O processo de distribuição
do superavit Previ, acordado entre
ela, o Banco e as entidades ditas representativas, ensejou uma celeu-
ma tamanha no seio da classe - com
enorme prejuízo a todos -, que tão
cedo não se apagará de nossas memó-
rias. Palavras de efeito moral,acu-
sações, impropérios,desrespeito en-
tre uns e outros, tudo isso circu-
lou neste blog, até que o Marcos
tratou de coibir tais ações. Eu,
saudosista que sou, atrevo a dizer
que, fosse a Previ de hoje a mesma
de outrora, não somente no nome,mas
nas atitudes, isso não ocorreria.
Todavia, graças aos esforços de al-
guns, dentre eles Marcos e Rossi ,
é possível enxergar uma luz no tú-
nel. A luta pelos nossos direitos
haverá de continuar, não esmorece-
remos e não arredaremos pé dos nos-
sos propósitos. Vários comentários
aqui postados desnudaram , por com-
pleto, a situação aflitiva de mui -
tos colegas e pensionistas. Acredi-
to numa solução rápida para tirálos
desse caos financeiro. Rezemos por
eles e , se me permitirem o desvio
do foco, rezemos ainda pelas nossas
vidas e pelas familias vitimadas na
catástrofe da região serrana do Rio.

GOLAÇO DE ROSSI, disse...

Rossi passou a bola para Previc !

(esperamos não tentarem dribles e firulas...devolvam logo a bola que o ROSSI marcará outro tento )

GOOOOOLLLL NA PREVI!!! Está ganha esta partida!!! O Campeonato será nosso, até junho/2011, com mudanças regulamentares no Plano 1.

Marcos Cordeiro de Andrade disse...

Eis o e-mail recebido do Colega João Rossi Neto, anteriormente ao comentário das 06:43, dirigido ao Paulo Segundo:

Falei com o Sr. Rafael Matos da Diretoria da Previ, o qual me adiantou que a nossa Caixa já providenciou a minuta para o BB encaminhar o processo direto a PREVIC, de modo que não haverá o deslocamento que eu temia. Assim sendo, vamos ganhar tempo e o assunto vai ser agilizado pela PREVIC, no menor prazo possível, conforme promessas daquele órgão regulador.

Anônimo disse...

Ao colega anônimo de 18 de janeiro de 2011 das 04:18.

Concordo contigo em parte, principalmente nas críticas aos políticos, mas quanto a mim não.

Não sou político nem de esquerdsa e nem de direita. Sou apenas um cidadão que acredita nos princípios da democracia.

Eu simpatizo com pessoas da esquerda e da direita, desde que sejam honestas inclusive com seus princípios e não apenas em situações ocasionais.

São poucos os esquerdistas que abrem mão do capistalismo quando chegam lá e também foram poucos os esquerdistas quando do exílio no regime de exceção foram se exilar em Cuba ou na União Soviética.
Optaram por países onde seus direitos são respeitados, onde eles tinham liberdade de ir e vir, podiam se locomover dentro do país que os acolheram, sem restrições comuns nos países comunistas. Países esses em fase extinção. Cuba e paises comandados por ditadores ainda resistem.

Boa sorte.

Anônimo disse...

Colegas João Rossi e Marcos Cordeiro,

Em situações que envolvem muitos interessados é preciso a união de todos. Juntos venceremos diz o conhecido refrão.Mas essa união precisa de líderes com conhecimento profundo da causa, com iniciativa e CORAGEM! Chega da Anabb, AFABBs e tudo que está aí posando de inúteis.
Independente do resultado desta luta recebam voces, Rossi e Marcos, as minhas homenagens e os meus agradecimentos.Vocês não imaginam como está sendo importante o apoio que estão dando neste momento a todos nós da Previ.

Anônimo disse...

Agradeço a sabedoria dos Srs MARCOS e ROSSI, que tão bem sabem conduzir a tarefa de solucionar e fazer fluir questões que a Previ/BB e Associações representativas dos aposentados travam e escondem provocando revolta, tensão e um clima de guerra entre Previ e assistidos.

ROSSI, tanto voce como o MARCOS deveriam estar na diretoria da Previ, tudo seria mais transparente, confiável, amigável, lucrativo para ambas as partes e próspero. A atual diretoria e representantes dos aposentados deveriam descer do pedestal em que se colocaram e se atualizarem com uma maneira de dirigir e administração mais próxima dos interessados, seria tudo mais simples, fácil e rápido.
Não se admite no século 21 administradores de grandes empresas ou grupos ou fundos se comportarem como Deuses, isso é arcáico e anti-funcional, é só olhar as grandes empresas e as multinacionais como operam hoje, não há mais sala de diretores e salões de funcionários todos trabalham juntos nos mesmos espaços,não se precisa passar por meia dúzia de sub-chefes para se chegar ao presidente, tudo é direto, muito mais humano e funcional.

A PREVI deveria modernizar seu esquema ultrapassado de administrar, será que eles ainda não ouviram falar que as empresas já estão preparadas para absorver as gerações X, Y e Z, e não é no padrão que hoje é usado pela Previ e BB que isso irá acontecer.

Ademar disse...

Quero ratificar o comentario do Anônimo de 18.01.2011 às 07.55 quanto ao Rossi e Marcos e dizer mais uma vez: ABAIXO Anabb, Afabbs e todas as associações que nos representaram até agora, inclusive os malfadados sindicatos.

Anônimo disse...

Obrigado caro colega Rossi, pelo minucioso esclarecimento.Tendo em vista sua habilidade e traquejo creio que o andar do processo do superávit será rápido, grças ao seu valoroso empenho e intrepidez.Creio que agora estamos de fato na reta final do processo, e que o crédito virá em breve, quem sabe nesta ou na próxima semana!

Paulo Segundo

Mauro Klubber - Floripa disse...

É. Mas pra dirigir a Previ tem de ser eleito e para uma chapa ser eleita, gasta-se no mínimo um milhão de reais entre formação de chapa, busca de apoios com assinaturas no original e propaganda para mais de 120.000 filiados a Previ. Somente quem tem cacife pra bancar uma chapa dessas é a CONTRAF CUT e a ANABB. Todas as demais perdem na saída, na ultima eleição um grupo que tentou inscrever chapa não conseguiu sequer reunir a lista de apoios. No passado, as chapas concorrentes perdiam também de início pois sem grana não se faz campanha. A menos que o sr Marcos e o sr Rossi entrem na chapa da ANABB.Deixem de sonhar amigos. Ninguem consegue derrotar a aliança CONTRAF CUT + ANABB a ANABB tem mais de 100 sócios e mais de um milhão por mês de arrecadação e a CONTRAF domina quase todos os sindicatos do país e seu orçamento beira os 10 milhões mensais.

João Rossi Neto disse...

Colega Anônimo 18/01 - 08:14 h,


O meu nome preferido, para compor uma futura chapa, é o do Marcos, que tem pendor para a coisa, dono de uma inteligência horizontal e de muita paciência para administrar os conflitos. Se isso se materializar nós estaremos bem servidos.

Anônimo disse...

Para o anônimo das 9,13 de 17.01.2011;
Para fazer esse tipo de referência que fizeste, para uma pessoa como o Dr. Medeiros... realmente, tu deves ter um enorme "pedigree", tens de ter "farinha no saco"... Por acaso, tu sabes quem é o Medeiros? Dê uma olhada no currículo dele, nas colunas dele. Se te igualares a ele, sim, podes fazer esse tipo de comentário... Quais são tuas postagens, teus discursos e ações em favor dos colegas menos favorecidos? Poderias alinhá-los aqui no blog e informar-nos onde estão publicados/inseridos, para que possamos ter uma noção de tudo que tu fazes por aqueles que necessitam e que não tenham o mesmo desprendimento ou oportunidade que tu tens ou tiveste?
O que achas que poderia chamar a atençao da grande mídia, da massa popular e, quiçás, de alguns desses safados que ainda se intitulam políticos, se não for um movimento que apareça em frente ao prédio da PREVI e na homenagem programada para o dia 24? Ficar colocando, aliás, desopilando besteiras através do blog, de um mandando recadinho pro outro, tu achas que vai surtir algum efeito prático? Precisamos, sim, ouvir pessoas como o Rossi, como o Marcos e como o Medeiros. Nessas cabeças é que estão - pelo menos até agora nas manifestações que leio - o indicativo de caminhos corretos e sábios que possam levar a um final feliz para todos os envolvidos nessa maracutaia de distribuição do superávit.
Desculpe, mas eu achei que pegaste muito forte com quem não merece isso. E, penso, também, que o blog não foi criado para desdenhar colega nenhum, mas, para todos juntos buscarmos, verdadeiramente uma posição e, a partir daí, partidas para uma solução.

Anônimo disse...

Vamos ver se a Previ nos informa dessa vez o andamento junto à PREVIC cujo Ricardo Pena é amigão do Dr. Medeiros.

Anônimo disse...

Mais um que não poderá se beneficiar do Superavit! O Colega Schneider de Rolante (RS) faleceu no dia 05 de janeiro passado.

Anônimo disse...

Mais um que não poderá se beneficiar do Superavit! O Colega Schneider de Rolante (RS) faleceu no dia 05 de janeiro passado.

Rogério Luiz Carvalho disse...

Boa tarde coléga João Rossi Neto, estou sem computador, e um tanto afastado das notícias. Mas hoje ca-
minhei 07 kms para poder acessar a internet, e acho que valeu a pena.
Obrigado Rossi, por tudo que tens feito por nós do pb1, não tenho mais palavras para expressar os meus sentimentos. Abraços a todos os blogueiros, ao amigo Marcos e va
mos sempre em frente. Rogério Luiz Carvalho.

Anônimo disse...

Fontes da Previ me informam que não saiu assinatura nenhuma. O tal Barbosa deve ter dito isso pra ficar livre do Rossi.

Paulo disse...

Amigos,

Estamos vendo que a GUERRA DOS CABEÇAS BRANCAS não está perdida. O exército que tem combatentes como o Marcos, o Rossi, o Edgardo e o Aristóphanes tem condições de enfrentar os gigantes que nos oprimem. E o Rossi ganhou uma batalha sem machucar ninguém; mas apenas mostrando suprema competência no trato dessas complicações burocráticas. Agora, é o momento de não abrirmos a guarda. Se vamos constituir uma comissão para discutir o re-alinhamento, já temos nossos nomes na ponta da língua. Gostaria de ter certeza é de que isso será possível ou vão nos dizer que quem tem o direito de nos representar são aqueles mesmos que assinaram o acordo. Esses não! Nunca! À exceção, talvez, da Isa, ninguém mais tem moral para nos representar.Isa também não correspondeu. Mas pode ser que tenha se sentido totalmente isolada. Seria o caso de vê-la acompanhada por homens de pulso firme, inteligentes, honestoS e TOTALMENTE INDEPENDENTES. Não me lembro se estava lá o Adrião, que também parece bom. Outra preocupação que alguém aí para cima anunciou é a questão das dificuldades de emplacarmos uma chapa autenticamente nossa, nas eleições da PREVI. Como é que vamos fazer para colocar o Marcos e o Rossi lá na ponta? Pelo visto, temos muito trabalho pela frente.

Paulo Motta.